GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

GOVERNO DE PERNAMBUCO

domingo, 13 de março de 2011

2000 comentários

Amigos,

Como podem acompanhar em nossa estatística ao lado, chegamos a um número impressionante de 2 mil comentários aqui no blog.

É claro que isso mostra que embora assinado por mim, o blog é de todos aqueles que queiram participar.

Agradeço a todos que fazem deste espaço uma leitura costumeira. Opinem sempre!

De coração, Obrigado!

Fernando Ferro e Inocêncio Oliveira lutam por recursos para Curso de Medicina da UPE / Garanhuns

Tá no JC On Line.
.
A Universidade de Pernambuco (UPE) aguarda a liberação de recursos do governo federal para colocar em prática o seu plano de expansão. No Orçamento Geral da União (OGU) de 2010, foram aprovados, por meio de emendas parlamentares, recursos da ordem de R$ 45,7 milhões. No entanto, apenas R$ 15 milhões estão confirmados para liberação, até o momento. O dinheiro ainda não chegou à UPE, pois depende de trâmites nos Ministérios da Educação e da Ciência e Tecnologia, de onde a verba é originada. A previsão é que seja liberado este semestre.

Antes do Carnaval, o reitor da UPE, Carlos Calado, esteve em Brasília para pressionar a bancada pernambucana e os ministérios a agilizar a liberação dos recursos. Grande parte da verba será destinada para a expansão e desenvolvimento de projetos nos câmpus da UPE no interior. “Só através desses recursos poderemos cumprir as promessas de expansão já anunciadas. Esses projetos são muito importantes para a população do interior, que terá acesso a novas tecnologias e melhoria da qualidade de vida”, afirmou o reitor.

Uma emenda do deputado federal Fernando Ferro (PT) prevê a liberação de R$ 5,7 milhões. Desse total, apenas R$ 2 milhões estão garantidos pelo Ministério da Educação. O dinheiro será usado na construção do prédio que vai abrigar o curso de medicina, no câmpus de Garanhuns, no Agreste do Estado. As aulas começam no segundo semestre, mas num edifício erguido para abrigar outros cursos da UPE naquele município. “Vamos usar o prédio para ministrar as aulas de medicina e manter os atuais cursos nos locais antigos até concluirmos essa obra”, informa o reitor.

O restante do dinheiro da emenda – R$ 3,7 milhões – será aplicado em melhorias nos prédios e laboratórios do curso de odontologia, em Camaragibe, na Região Metropolitana, e de educação física, no Recife, e na construção de uma biblioteca central e na conclusão das obras do edifício-garagem do Pronto Socorro Cardiológico de Pernambuco (Procape), em Santo Amaro, na capital pernambucana.

Outra emenda, no valor de R$ 37 milhões, do deputado Inocêncio Oliveira (PR), só tem garantida a liberação de R$ 10 milhões, também do Ministério da Educação. Os recursos serão aplicados na compra de equipamentos para laboratórios, material e móveis para o curso de medicina de Garanhuns, e ainda na construção do prédio onde ficarão os cursos de direito e odontologia de Arcoverde, no Sertão. As aulas também começarão no segundo semestre em salas cedidas por uma faculdade particular do município. No caso de odontologia, as disciplinas práticas serão ministradas em consultórios das redes municipal e estadual de saúde.
.
Agora comigo: Você sabe o que os deputados que você votou nas últimas eleições estão fazendo por Garanhuns?
Tem gente que vota em gente lááááá dos cafundó do Judas e depois passa 4 anos reclamando dos deputados que representam a região. Se Garanhuns votasse fechado com os candidatos daqui teríamos mais voz e representação.

Maciel Melo - Nos tempos de menino

A história de São José

O dia de São José é muito esperado, pelas comemorações religiosas, pelo povo do campo que quer ver se vai chover para ter fartura na colheita, principalmente do milho para o São João, e muita gente quer as festas. E por falar em festas, um pedido às prefeituras: Gente, vamos melhorar o nível destas festas populares. Exercitem a cultura, isso desenvolve o povo e valorizem as tradições e artistas locais.

Quem tiver alguma programação, envie pra gente divulgar!

O dia 19 de março é a data em que a igreja reverencia o santo, portanto vamos contar um pouco da história do marido de Maria, a virgem escolhida para trazer ao mundo o Filho de Deus.

.

Tudo o que sabemos sobre o marido de Maria e pai adotivo de Jesus vêm das Escrituras e isso tem parecido muito pouco para aqueles que criaram lendas sobre ele.
Diz-se que casou-se com Maria aos 30 anos de idade e, por seu caráter, foi escolhido a dedo por Deus para guardar a virgindade de nossa mãezinha Maria. Diz-se também que morreu aos 60 anos de idade, antes do início da vida pública de seu Filho Jesus Cristo.

Sabemos que ele era um carpinteiro, um trabalhador, tanto que, em Nazaré, perguntaram em relação a Jesus, "Não é este o filho do carpinteiro?" (Mateus 13,55). Ele não era rico, tanto que, quando ele levou Jesus ao Templo para ser circuncidado, e Maria para ser purificada, ele ofereceu o sacrifício de um par de rolas ou dois pombinhos, permitido apenas àqueles que não tinham condições de comprar um cordeiro (Lucas 2,24).

Apesar de seu humilde trabalho e suas condições, José veio de uma linhagem real. Lucas e Mateus discordam um pouco em relação aos detalhes da genealogia de José, mas ambos marcam sua descendência a partir de Davi, o maior rei de Israel (Mateus 1,1-16 e Lucas 3,23-38). Realmente o anjo que primeiro conta a José sobre Jesus o saúda como "filho de Davi," um título real usado também para Jesus.

Sabemos que José foi um homem compassivo, carinhoso. Quando ele soube que Maria estava grávida após estarem para se casar, ele soube que a criança não era dele mas desconhecia, até então, que ela estava carregando o Filho de Deus. Ele planejou separar-se de Maria de acordo com a lei, mas temeu pela segurança e o sofrimento dela e do bebê. Ele sabia que mulheres acusadas de adultério poderiam ser apedrejadas até a morte, então ele decidiu deixá-la silenciosamente e não expor Maria a vergonha ou crueldade (Mateus 1,19-25).

Sabemos que José foi um homem de fé, obediente a tudo o que Deus pedisse a ele sem preocupar-se com os resultados. Quando o anjo apareceu a José em um sonho e contou-lhe a verdade sobre a criança que Maria estava carregando, José imediatamente e sem questionar preocupar-se com fofocas, tomou-a como esposa. Quando o anjo reapareceu para dizer-lhe que sua família estava em perigo, ele imediatamente deixou tudo o que possuía, todos os seus parentes e amigos, e escapou para um país estranho, desconhecido, com sua jovem esposa e o bebê. Ele aguardou no Egito semmquestionar até que o anjo disse a ele que já era seguro retornar (Mateus 2,13-23).

Sabemos que José amava Jesus. Sua única preocupação era com a segurança desta criança confiada a ele. Ele não apenas deixou seu lar para proteger Jesus mas na ocasião de seu retorno fixou residência na obscura cidade de Nazaré sem temer por sua vida. Quando Jesus ficou no Templo, José (junto com Maria) procurou por ele com grande ansiedade por três dias (Lucas 2,48). Sabemos também que José tratava a Jesus como seu próprio filho tanto que as pessoas de Nazaré constantemente repetiam com relação a Jesus, "Não é este o filho de José?" (Lucas 4,22)

Nós sabemos que José respeitava e temia a Deus. Ele seguiu as Suas ordens ao lidar com a situação de Maria (mãe solteira em tese) e ao ir a Jerusalém para Jesus ser circuncidado e Maria purificada após o nascimento de Jesus. Ele levava sua família a Jerusalém todo ano para a Páscoa, algo que não poderia ter sido fácil para um trabalhador.

Já que José não aparece na vida pública de Jesus, em sua morte, ou ressurreição, muitos historiadores acreditam que José provavelmente havia morrido antes que Jesus iniciasse seu sacerdócio.

José é o patrono dos condenados à morte, porque presumindo-se que ele morreu antes da vida pública de Jesus, ele morreu com Jesus e Maria perto dele, da maneira como todos nós gostaríamos de partir desta terra.

José é também o patrono universal da Igreja, dos pais, dos carpinteiros, e da justiça social.

Celebramos dois dias festivos para São José: 19 de março para José o Marido de Maria e 1 de maio para José o Trabalhador.
.

Trio Elétrico invade show de Alceu Valença em Vitória, veja o vídeo da confusão!



No carnaval, Alceu Valença dava seu show com praça lotada em Vitória de Santo Antão quando aparece um Trio Elétrico tocando, era o bloco Girafa, tradicional do carnaval das Tabocas. O cantor Pierre parou, e ao ver que Alceu não correspondeu à sua tentativa de interagir, pois Alceu não entendeu nada, e não sabia que iria passar um trio ali, começou a insultar o músico no palco e jogar a população contra o Bicho Maluco Beleza. Alguns membros da imprensa numa atitude bairrista tocaram fogo na história e de forma desrespeitosa passaram a agredir verbalmente Alceu, que se retirou do palco, depois voltou, deu suas explicações e terminou seu show.

Ora, se o trio está passando, que passe e siga seu roteiro. Se fosse para rolar algo diferente deveria ter sido combinado, e todos saberem o que fazer. Não se tratava de encontros de trios. E na hora ninguém conseguia se comunicar. Alceu não entendia o trio, e nem Pierre escutava o que vinha do palco, diante de relatos de pessoas que estavam na praça lotada. A atitude do pessoal do trio poderia ter causado um incidente perigoso de segurança, pois alguns foliões passaram a se manifestar de forma violenta e atirar latas e garrafas contra o trio. Segundo o secretário de turismo vitoriense, havia um acordo em contrato para que os músicos interagissem.

Houve um bate-boca generalizado. O dono do bloco chama Alceu de otário, que responde a tudo. Os jornalistas da Tv Vitória passam a usar expressões agressivas contra o músico no palco.

Uma falha da organização do evento que macula o grande carnaval que tem Vitória de Santo Antão. Alceu tocava no palco da Fundarpe/Governo do Estado, e não merecia o que passou.

Assistam aos dois vídeos e tirem suas conclusões. Eu acho que a banda quando percebeu que Alceu não iria interagir, passou a agredí-lo, e a defender equivocadamente o carnaval de Vitória, como se Alceu tivesse desrespeitado e humilhado. Fico com essa impressão. O primeiro vídeo está editado, o segundo traz na íntegra a transmissão da TV Vitória.

Vitória e sua gente não mereciam um momento tão grotesco. O diretor-presidente da Pitu tentou interceder mas o fato é que os vídeos estão se espalhando pela internet.

Uma frase de Alceu se sobressai no vídeo. "Vamos cantar as coisas pernambucanas, ficar imitando baiano, não!"

SIGA O BLOG

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.