CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

POUSADA DA PAIXÃO - CLIQUE E CONHEÇA!

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

terça-feira, 15 de março de 2011

Sete de Setembro abre debate sobre 2014 em Garanhuns

Os dirigentes do Sete de Setembro Esporte Clube estão liderando campanha para viabilizar o Estádio Marco Antônio de Oliveira Maciel, o “Gigante do Agreste” (Garanhuns-PE), enquanto um dos Centros Oficiais de Treinamento da Copa do Mundo de 2014. Para tanto, crendo que a “Cidade das flores” atende a todos os critérios para que isso aconteça, o clube está se juntando a diversos setores da cidade e região para elaborar documento que será apresentado ao governador Eduardo Campos, para que ele interfira junto aos integrantes da Comissão local da Copa, solicitando que Garanhuns dê contribuição à Recife, enquanto cidade-sede do evento esportivo.

“Sabemos que a Comissão vai verificar pelo menos 100 itens, mas temos certeza de que nos adequaremos a todos. Por exemplo: se as traves estiverem no sentido norte e sul, um dos goleiros ficará atrapalhado com o sol e isso não é permitido. A iluminação natural tem que ser lateral. Isso é apenas um dos itens da avaliação”, ressalta o presidente do Sete de Setembro, Givaldo Calado de Freitas.

O aeroporto; as dimensões do Estádio; o clima e as belezas naturais de Garanhuns, são ao ver de Givaldo, outros atributos que podem favorecer a escolha da cidade enquanto local de treinamento para alguma das seleções que participarão da Copa. “A altitude, o clima ameno, as belezas naturais, o aeroporto, a nossa malha rodoviária, sobretudo agora com perspectiva da duplicação da BR 423, entre outras, fazem com que nossa cidade e região saiam na frente para se tornar um dos Centros Oficiais de Treinamento deste que é o maior evento esportivo do mundo”, explica o presidente.

Outros Estádios que concorrem ser local de treinamento em 2014 são: “Arruda” (Recife), “Ilha do Retiro” (Recife), “Aflitos” (Recife) e “Ademir Cunha” (Paulista). Mas Givaldo está convencido de que Garanhuns reúne mais condições que qualquer deles porque aqui vamos receber jogadores que estão mais habituados ao clima de montanha.

Para dar agilidade a essa luta, os Dirigentes do alviverde estão contactando com os prefeitos do Agreste Meridional, para tratar do assunto. “O prefeito de Garanhuns, Luiz Carlos de Oliveira, se mostrou animado com a nossa reivindicação, e sinaliza com apoio no que for necessário. Assim como ele, prefeitos de outras cidades da região querem aderir à ideia, e isso diz alto da unidade do agreste quando se pensa em elevar o seu nome. Você já pensou o quanto será bom para Garanhuns e região se tivermos aqui uma, duas ou mais seleções, usufruindo do nosso clima e das nossas belezas naturais? Garanhuns e o agreste estarão na mídia internacional”, dastaca Givaldo.

Morre última irmã de Luiz Gonzaga


Aos 85 anos, morreu no Rio de Janeiro a irmã mais nova do representante máximo da cultura sertaneja e nordestina, o Rei do Baião Luiz Gonzaga. Francisca Januária dos Santos, conhecida como Chiquinha Gonzaga, deu entrada em um hospital carioca apresentando quadro de pneumonia e infecção urinária.

A sanfoneira caçula da família Gonzaga, última dos 10 irmãos da família mais célebre de Exu, lutava há anos contra o Alzheimer. Além de tocar a sanfona dos oitos baixos, Chiquinha também era cantora e compositora.

Há cerca de duas semanas, sua irmã Raimunda Gonzaga, conhecida como Muniz, também faleceu no Rio de Janeiro com a doença. Há informações de que a família pretende trazer o corpo para ser sepultado no Recife.
.
Agora comigo: Há uma música gravada por Gonzagão, Casamento de Rosa, que registra uma festa no sítio, ofertada por Coroné Zeca, para festaejar o casamento de sua filha Rosa. E vai ser um festão, pois pra tocar e alegrar estarão lá Os SETE GONZAGA, registrados nesta foto. Chiquinha era a caçula, no canto direito da imagem.

Andreas Kisser fala do Garanhuns Jazz Festival em seu blog




O Carnaval 2011.

Mais um Carnaval se foi e a música foi a grande vencedora, não necessariamente por causa do samba, que é o ritmo e a razão de toda esta festa. Não existe nada igual em nenhuma parte do mundo, mas pelas escolhas dos temas das escolas campeãs dos dois maiores desfiles do Brasil, que ganharam os seus carnavais homenageando dois ícones da música brasileira: o rei Roberto Carlos, que foi tema da Beija Flor no Rio de Janeiro e o maestro João Carlos Martins, que foi o tema da Vai-Vai em São Paulo. Parabéns para as duas escolas que escolheram os dois músicos, ambos com histórias fantásticas de talento, perseverança e amor a música. Verdadeiras lições de vida que inspiram à todos, principalmente àqueles que se encontram em becos sem saída ou se sentem desmotivados com os obstáculos que encontramos pelo caminho, sejam eles politicos, sentimentais ou físicos.
Eu não consegui acompanhar os desfiles pela televisão, isso por que eu fui convidado pra tocar em duas ocasiões diferentes. Graças à diversidade e riqueza da música brasileira, não é só de samba que o Carnaval sobrevive. Primeiro eu fui à Garanhuns, no interior de Pernambuco, para participar da quarta edição do Garanhuns Jazz Festival, uma excelente opção pra quem não curte os pulos do Carnaval. É a segunda vez que participo deste festival, o ano passado dividi o palco com a Up Town Blues, de Recife e com Tico Santa Cruz, do Detonautas. Fizemos alguns clássicos do Blues e algumas versões de temas de Raul Seixas, mais puxados para o Blues. Este ano, de novo com o Up Town Blues, tive o prazer de tocar com um fantástico guitarrista do estilo, Artur Menezes de Fortaleza. (http://www.myspace.com/arturmenezes)
Foi uma grande surpresa ver este guitarrista brasileiro com tanta técnica e “feeling” tocando em um nível altíssimo, um belo timbre e com presença de palco.
http://www.youtube.com/watch?v=Wkn8Yc_kPns
O Nordeste do Brasil mostra que é um celeiro de grandes nomes do Blues, eles somente tem que ter mais chances de virem tocar aqui no Sudeste e Sul do país para mostrarem a verdadeira força do estilo no Brasil. Os músico daqui da região já estão tocando por lá hà algum tempo, o Irmandade do Blues, de Santo André, mais uma vez foi uma das atrações principais do festival. Tem que haver mais itercâmbio entre os produtores e músicos para difundir mais o Blues pelo país. Pelo que vi, não devemos nada a ninguém quando o assunto é jamming. Parabéns ao Giovanni Papaléu, curador do festival e que luta muito para manter o estilo vivo na região.
Saindo de Garanhuns, fui direto a Salvador, a convite da Margareth Menezes, para tocar no trio dela, uma experiência completamente nova na minha carreira. Fiquei muito honrado e feliz com o convite, principalmente porque nunca tinha passado o Carnaval na Bahia, um Carnaval de rua, eclético e com uma energia inacreditável. Eu já tinha tocado com ela na concha acústica de Salvador no ano passado e a jam foi espetacular, a banda dela é fantástica, excelentes músicos, de vasta experiência e muita, mas muita enregia. Foram 6 horas de circutio, sem parar! Eu nunca tinha visto nada igual, a banda sempre mantendo o ritmo e o nível alto de adrenalina, foi inacreditável. Toquei duas músicas, a “Quereres” de Caetano Veloso e “Qual é” do Marcelo D2. Ainda teve espaço para improvisar com “Smoke on the water” do Purple e com “Satisfaction” dos Stones.
http://www.youtube.com/watch?v=PlbSghgF-B4&feature=related
É claro que os chatos de plantão, os cegos que não querem ver e os surdos que não querem escutar, vão criticar e falar mal das misturas, afinal é só o que sabem fazer, não importa. O radicalismo e a ignorância andam lado a lado e o Carnaval de Salvador, que também teve Will.I.Am, do Black Eyed Peas sendo DJ em cima de um trio, e o festival em Garanhuns, mostram que na música tudo é possível, aqui não existem fronteiras nem estupidez, existe sim, união, crescimento, diversão e atitude. Foi um privilégio fazer parte destes dois fantásticos eventos, espero que no futuro aconteçam mais encontros como estes.
Obrigado Brasil!
Abraço e play it loud.
Andreas Kisser

O assalto à farmácia em Garanhuns gravado em um celular



Ao saber do assalto à DrogaVivo e do bandido ter feito uma funcionária refém, uma multidão se aglomerou na frente do estabelecimento, e todos os acontecimentos foram ali, para esta plateia, que ao final aplaudiu a ação policial, e claro, muita gente estava filmando.

Não tem nesse vídeo o momento do disparo que matou o assaltante, mas dá pra sentir como estava o público diante dos fatos. Mostra também a negociação da PM e do Promotor Alexandre Bezerra. O bandido pediu que evacoassem a Rui Barbosa e a saída da Polícia. Impossível, e o resultado foi o tiro que lhe tirou a vida, efetuado a média distância..

Este registro está no youtube, postado por PAULOKAB2007.

Veja o vídeo do assalto e morte na farmácia em Garanhuns

O assalto à farmácia Drogavivo na Av. Rui Barbosa e a morte do bandido pelos homens da Polícia Militar frente a uma multidão que se aglomerava de frente ao prédio, foi destaque em toda mídia nacional.

A população aprovou a ação policial, que resultou na morte, quando o assaltante deu chance para o disparo fatal. Outro assaltante conseguiu fugir. Tudo aconteceu nesta segunda, 14, por volta das 19h.

A funcionária da farmácia que ficou como refém do assaltante e foi bastante judiada, foi internada em estado de choque, mas já se encontra em casa..

Vejam o vídeo da GloboNews que relata o impressionante caso.

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.