GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

GOVERNO DE PERNAMBUCO

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Vídeo do Seu Jorge no Festival de Inverno de Garanhuns



Tá no youtube, quem postou foi o cristianferreira. É o comecinho do show de Seu Jorge no FIG 2011, com a música Mina do Condomínio.

Blog do Diário de Pernambuco fala bem do Cine Eldorado

O Diário de Pernambuco criou um blog específico para o Festival de Inverno, muito legal. Uma visão de fora para dentro de nossa cidade durante o evento. Algumas anotações muito interessantes como o sinal digital de internet que nunca funciona. Algumas críticas a alguns shows, a movimentação na cidade e a programação.

Dentre estas anotações, catei esta sobre o Cine Eldorado. Muitas vezes a gente fica aqui buscando as coisas que funcionam bem em nossa cidade, elogiando o que é para ser elogiado e criticando o que é pra ser criticado, e quando vem alguém de fora, parece ver coisas que o olhar comum de nossa cidade já acostumou e por isso muitas vezes não dá importância.

Acho que dá até pra falar mais da cidade.

O texto abaixo é da jornalista Carol Santos, do DP.

O Cinema de Garanhuns
.

Eu nunca tinha ido no cinema daqui de Garanhuns, o Cine Eldorado. São apenas duas salas, mas é bem arrumadinho, aparenta ser bem cuidado e as salas são grandes e com um declive ótimo. Neste quesito, bem melhor que os cinemas do Tacaruna, por exemplo. E nem tem o cheiro de mofo que muitas salas do Recife têm…

Essa foto foi feita por volta das 21h da quarta-feira. Durante o FIG, a sala 02 fica com as exibições do Festival. Essa fila, porém, não é para o FIG (que é todo gratuito), mas para o último filme da série Harry Potter. Sessões lotadas por aqui – e acho que pelo mundo!
.
Agora comigo: Carol, você viu o mesmo show da Karina Burh que eu!
Olha o link do blog:
http://blogs.diariodepernambuco.com.br/fig2011/
.

História dos Patrimônios Culturais de Pernambuco conquista público do FIG

De acordo com a Constituição Federal Brasileira, em seu artigo nº 216, “Constituem patrimônio cultural brasileiro os bens de natureza material e imaterial, tomados individualmente ou em conjunto, portadores de referência à identidade, à ação e à memória dos diferentes grupos formadores da sociedade brasileira”. O texto reflete a importância exercida por esses bens para a história do país e para as comunidades onde eles surgem.

Quando um monumento, uma pessoa ou uma atividade recebe o título, importantes ações são desenvolvidas para garantir sua valorização perante a sociedade e estimular a longevidade de suas contribuições para a população em geral. Os Patrimônios Vivos recebem do Goveno uma bolsa vitalícia e intransferível e, em troca, devem repassar seus conhecimentos às futuras gerações. Já os Patrimônios Materiais acabam sendo favorecidos na captação de recursos que garantam sua preservação e sustentabilidade. Os Patrimônios Imateriais, como o frevo, entram em definitivo para a memória da humanidade.

A programação do FIG 2011 reservou um espaço especial a esses fazeres populares existentes pelos quatro cantos do estado. Através de oficinas, palestras, atividades educativas e exposições, o evento busca estimular a consciência em torno do tema e a formação de novos agentes produtores de cultura.

OFICINAS - A Universidade de Pernambuco (UPE), por meio da Faculdade de Formação de Professores de Garanhuns (FFPG), promoveu a ampliação do debate em torno do tema a partir de algumas oficinas. Nas aulas de “Políticas públicas para a salvaguarda do patrimônio imaterial” os participantes tomaram conhecimento das últimas ações relacionadas à preservação dos patrimônios imateriais. Na oficina “Ler, compreender e preservar: Educação Patrimonial”, os estudantes aprenderam sobre os monumentos e personagens de alto valor histórico para o município; Em “Planejamento participativo e elaboração de projetos culturais” foram vistas todas as etapas necessárias para o desenvolvimento de atividades no segmento; Na oficina “Pequena História da Cultura Pernambucana", ministrada pelo professor e pesquisador especialista em História das Igrejas, Biu Vicente, a ênfase recaiu sobre a Mata Norte.

MEMÓRIA – Uma ideia bacana e diferente para preservação da memória foi inaugurada no FIG. Consiste em cabines equipadas com câmera, instaladas no Casarão dos Pontos de Cultura e no Parque Euclides Dourado. Com o tema “Pernambuco na Memória” o local recebe qualquer pessoa que queira dar um depoimento sobre sua vida, em dois minutos. A proposta, de acordo com a diretoria do FIG, é resgatar o pensamento popular sobre suas próprias lembranças, pessoais e do lugar que mora. O resultado irá compor um documentário.

ESPAÇO CULTURA – Localizado no centro do Parque Euclides Dourado, o Espaço Cultura funciona como uma mega vitrine do que há de melhor na produção do estado. “Aqui o visitante tem a chance de realizar um verdadeiro passeio pela cultura pernambucana nas linguagens do patrimônio material, imaterial e vivo, além de saber mais sobre nossa Gastronomia e os projetos do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura, o Funcultura”, pontua Roberto Carneiro, especialista em arqueologia e restauração de patrimônios culturais materiais e coordenador do local.

Mais de 700 pessoas compareceram no dia de abertura, domingo (17), comprovando o sucesso do empreendimento. Nesse espaço, o visitante pode interagir com uma parte do vasto acervo de produções de mídia obtidas com os recursos do Funcultura, projeto do Governo do Estado concebido para o fomento das mais recentes produções culturais. O cordel ocupa uma área especial, com livretos pendurados em uma árvore cenográfica gigante: um prato cheio para as crianças. Também há equipamentos de video e áudio, para quem quiser ouvir discos e assistir videos realizados com recursos do Funcultura.
.
fonte:
http://www.fundarpe.pe.gov.br/

Zombie Walk no Festival de Inverno de Garanhuns


Rapaz, segundo o Saulo Rodrigues, a expectativa de muita gente vestida de zumbi pelas ruas de Garanhuns, principalmente depois da divulgação esta semana por aqui!

Infraestrutura rural no Agreste

A Secretaria de Desenvolvimento Territorial do Ministério do Desenvolvimento Agrário e a Secretaria Estadual de Agricultura Familiar entregam em Garanhuns, nesta sexta-feira (22), máquinas e equipamentos multimídia, do Programa de Infra-estrutura Rural (Proinf), a 13 associações e três sindicatos rurais de Garanhuns, Bom Conselho e Águas Belas.
De acordo com o secretário de Agricultura Familiar, Aldo Santos, o investimento de R$ 66 mil beneficia 3,5 mil agricultores familiares. Na ocasião, também serão distribuídos 40 mil alevinos (filhotes de peixe).
O secretário de Desenvolvimento Territorial do MDA, Jerônimo Rodrigues, estará em Garanhuns para a entrega dos equipamentos.

Que felicidade!!! A gravação do DVD no Festival de Inverno!


Gente, a Tropicana estará gravando o seu primeiro DVD em pleno Festival de Inverno de Garanhuns, uma alegria e responsabilidade sem tamanho. Torçam por a gente!

É claro que estão todos convidados. Será nesta sexta-feira, 22, meia-noite, no Palco do Forró!

Novidades sobre o FIG 2012


Gente, o próprio presidente da Fundarpe e o Secretário de Cultura do estado fizeram algumas anotações, ouviram algumas pessoas e sugestões foram colhidas, aliás os blogueiros foram também fontes de informação durante esses dias, que possam impactar positivamente o próximo Festival de Inverno.

Gente da prefeitura também andou conversando com o presidente da Fundarpe, que resolveu antecipar algumas decisões a respeito do próximo Festival, esperando somente algumas decisões do Secretário e do provavelmente, do próprio governador.

Vamos lá. A data do FIG 2012 será divulgada ainda nesta edição, para que todos possam já começar a trabalhar o evento futuro e evitar qualquer boato sobre a diminuição dos dias do FIG ou até mesmo seu encerramento, como chegou a ser dito por aí. O agendamento antecipado do FIG acaba proporcionando uma melhor programação para os turistas e as agências.

O FIG começará a ser projetado ainda este ano, buscando antecipar uma série de ações.

Existe ainda a possibilidade de criação de uma diretoria exclusiva na Fundarpe para tratar exclusivamente do Festival de Inverno de Garanhuns, e assim o evento contar com uma equipe específica para sua concepção.

Pela movimentação do presidente da Fundarpe no evento e a forma aberta como se colocou até diante de algumas críticas e sugestões, aparenta uma possibilidade de um maior diálogo com o município. Aliás, a divulgação do evento receberá uma atenção especial, visto que foi entendido como falha no evento deste ano por setores da imprensa e da sociedade local.

O governador declarou que pode criar as Gerências Regionais de Cultura, e existe uma possibilidade antiga de um escritório local da Fundarpe. Seriam ações que melhorariam o contato com o órgão estadual de cultura.

Também é preciso criar mecanismos que possibilitem o intercâmbio cultural, fazendo com que os artistas de Garanhuns possam se apresentar em outros eventos do estado.

Mas as novidades que serão antecipadas, já demonstram que algumas ações da Fundarpe poderão otimizar o maior evento multicultural da América Latina.

O Sam3a de Alexandre Revoredo no FIG


Alexandre Revoredo se apresentará nesta sexta-feira, dia 22, na Praça Guadalajara, no FIG 2011. Seu Show basea-se em bossa-nova, samba e chorinho e tem como proposta resgatar canções que fizeram parte de nossa história, trazendo de volta o saudosismo de décadas passadas, bem como apresentar essas canções a um público mais jovem, que devido a grande manipulação da mídia, não tem acesso a esse repertório. Músicas que fazem parte desse imenso almanaque cultural que é o Brasil e que tanto retrataram e ainda transformam nosso cotidiano.

Este ano complementando a noite do samba Alexandre Revoredo uniu sua outra banda o Sam3a e sua banda canástica e fará uma verdadeira viagem musical que passeia desde os antigos sambas de Noel Rosa e Cartola; a sofisticada bossa-nova de João Gilberto, Tom Jobim e Chico Buarque; e finda na mais moderna música instrumental, misturando suas raízes com funk, frevo e como não poderia faltar, o xote nordestino, nossa marca consagrada.

O show tem feito muito sucesso por onde passa e reserva várias surpresas agradáveis, passeando por diversos estilos musicais onde a ordem é diversão com música de qualidade.

Armando Monteiro faz crítica à taxa de juros do Banco Central


O senador Armando Monteiro vem mostrando certo pensamento crítico quanto aos governo estadual e federal. Elogiando e apoiando quanto tem que apoiar, mas criticando quando não aprova determinadas medidas. Foi assim com a rererereleição da mesa diretora da Assembleia Legislativa do Estado, que contou com o patrocínio do governador Eduardo Campos, e agora em relação ao Banco Central, que aumentou a taxa de juros (selic) em 0,25%, impactando toda a economia nacional.

Em entrevista para a Rádio Senado, nesta quinta-feira (21), o senador Armando Monteiro avaliou como desnecessária a elevação de 0,25 ponto porcentual da taxa básica de juros, para 12,5% ao ano, anunciada pelo Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom). Para Armando, a decisão impõe custos ao País, penalizando, por exemplo, a indústria. “A nossa opinião é de que não havia necessidade deste novo movimento. De qualquer forma, o que nós imaginamos agora é que a taxa básica se estabilize”, afirma. O senador diz ainda ser difícil explicar por que o Brasil, apesar dos recentes avanços na área econômica, tem taxa de juro real mais alta do mundo, hoje próxima de 7%.

SIGA O BLOG

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.