CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG: CONTATO (87) 9.9988.0423

CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E SAIBA MAIS

domingo, 31 de julho de 2011

Enquete para prefeito - parcial com 200 votos

Em quem você votaria para prefeito de Garanhuns, caso a eleição fosse hoje?


Adolfo Lopes 3 (1%)
Alexandre Marinho 7 (3%)
Aurora Cristina 23 (11%)
Bartolomeu Quidute 2 (1%)
Dimas Carvalho 5 (2%)
Eudson Catão 2 (1%)
Fernando Ferro 40 (20%)
Givaldo Calado 2 (1%)
Ivan Rodrigues 0 (0%)
Izaías Régis 53 (26%)
Leonardo Dias 4 (2%)
Paulo Camelo 5 (2%)
Pedro Falcão 11 (5%)
Márcio Quirino 0 (0%)
Sivaldo Albino 8 (4%)
Zaqueu Lins 8 (4%)
Zé da Luz 6 (3%)
Outro 11 (5%)
Branco/Nulo 10 (5%)

Espetáculo Vicência no Festival Estudantil de Teatro e Dança do Recife


O espetáculo Vicência, aqui de Garanhuns, montagem sobre texto de Luís Jardim, foi selecionado e estará abrindo o IX Festival Estudantil de Teatro e Dança do Recife. Será no Teatro Apolo, às 19h30, no dia 11 de agosto (dia do estudante).

O contato do Festival é através do blog e telefone de Pedro Portugal ((81) 9146.2402)

Vocês viram a crítica de Leidson Ferraz? Está no site da FUNDARPE
 http://www.fundarpe.pe.gov.br/publico-da-peca-vicencia-da-um-show-a-parte

Os ingressos estão sendo vendidos antecipadamente para a trupe conseguir pagar o transporte.
O grupo está pleiteando junto aos amigos, produtores, secretarias, etc, apoio para o transporte.

Contatos: Duvennie R. S. Pessôa
(87) 9109.0327 / 9954.1765

Vasco e Brasiliense fazem finais do Campeonato da Boa Vista



Vasco x Brasiliense. Esses são os confrontos que decidirão o 24º Campeonato de Futebol Amador da Boa Vista nas categorias aspirantes e titular. A Competição, que reuniu as melhores equipes amadoras da localidade, conta com o patrocínio da Prefeitura de Garanhuns, através da secretaria de Comunicação Social e Esportes.
Vasco e Brasiliense chegaram a final entre os titulares depois de superarem as equipes do Chelsea e Internacional. As equipes fazem a grande final neste domingo, dia 7 de agosto, a partir das 9h, nos campos de várzea localizados nas imediações do Cemitério São Miguel. Já entre os aspirantes, as equipes da Argentina e Jatobá ficaram pelo caminho. “A nossa expectativa é que tenhamos um bom público, já que vamos viabilizar brindes, também, para os torcedores, além de uma premiação de destaque para as equipes”, registra Célio Roberto, organizador da Competição, que ainda ressalta: “o apoio da Prefeitura é fundamental para o sucesso dos esportes amadores locais”, finaliza.

O Prefeito Luiz Carlos de Oliveira prestigiará a final da competição, que terá a narração do radialista Lenildo Ramos.

CAMPEONATO GARANHUENSE – É grande a expectativa na cidade quanto ao inicio do Campeonato Garanhuense de Futebol Amador. A Competição reunirá as principais equipes do futebol amador da cidade, sendo realizada pela Liga Desportiva Garanhuense (LDG), com o patrocínio da Prefeitura de Garanhuns, através da secretaria de Comunicação Social e Esportes.

A rodada de abertura esta prevista para o próximo domingo, dia 7 de agosto. O Campeonato Garanhuense deverá contar com a participação de 14 equipes. Os jogos na categoria titular serão disputados aos domingos nos estádios Gerson Emery e Gigante do Agreste. Já as partidas válidas pela categoria aspirantes acontecem aos sábados e serão realizadas nos diversos campos de várzea da Cidade.

Protesto - Axé no Festival de Inverno, não!!!

Era dia de natal e a banda que se apresentava perguntava se tinha muito corno ou rapariga na praça. Quem fosse deveria levantar a mão... E repetia... Garanhuns tá assim de quenga, tá assim de quenga, tá assim de quenga...

Não preciso vir com aquele papo piegas que no Natal se comemora o nascimento do Senhor e coisa e tal... Isso todo mundo já sabe. Somente se descobriu que não é toda festa que cabe qualquer tipo de música.

Tem música que toca o ano todo, em todo canto, no rádio, na TV, na internet, no satélite, nas festas, em todo lugar onde tiver um alto falante, principalmente nas malas dos carrões esportivos com sons de trios elétricos. E tome volume!!!

E quais são essas músicas? Axé, Forró de Banda, pagode e o pseudo sertanejo universitário.

Aí a gente conseguiu criar um evento onde a mídia não tem impõe valores e normas, onde as pessoas se deslumbram com o som de uma sanfona, um acorde de um violão e uma peça de teatro. Com gente na rua fazendo arte! Onde se valoriza a cultura mais que o nome do artista!

Um evento diferente, único, explêndido, espetacular! Ninguém tem o que a gente tem!!

Mas as pessoas ainda querem o que a mídia nos impõe. O sucesso gratuito e descartável do rádio. Uma grande lavagem cerebral!

Poxa, já não basta essa música fabricada em laboratório ter tomado o espaço das nossas vaquejadas e festas tradicionais? Já não é o bastante a gente ter que ouvir o ano todo no rádio e em todos os lugares, e vê-los exclusivamente nas casas de shows trazidos pelos produtores culturais comerciais???
Devemos então entregar nosso maior evento???

Passamos todo o ano sem receber mais em Garanhuns os bons nomes da música nacional. Bandas do cenário pop e artistas da MPB somente no Festival de Inverno.

Não! Deixo claro aqui meu protesto. Não quero, não aceito, não permito! No Festival de Inverno não. Que ele sirva de última fronteira da nossa cultura. A nossa retaguarda a ser protegida. Já não temos o são joão com as músicas tradicionais. O carnaval já está contaminado de pagodes. Os grupos comerciais pseudo culturais já tomaram conta de quase tudo. Resta-nos o festival.

A indústria da música e seus mega-shows é poderosa! Se abrirmos mão, teremos em poucos anos um FIG totalmente desfigurado com pagodes e axés, numa mistura de micareta com espetáculo pornográfico das bandas de forró, dominado pelos empresários dessas verdadeiras empresas e fábricas de fazer festa!

O Festival não foi criado para isso! E para essas bandas existem muitos outros eventos, públicos e particulares. Milhares deles! Nossas prefeituras da região estão contaminadas com este tipo de evento!
E esclareço que também não concordo com algumas iniciativas da Fundarpe que levou hip hop para a a periferia da cidade no caminhão da cultura e que tem metido maracatu através das suas oficinas em nossas comunidades negras, que tradicionalmente eram de côco. Tenho uma série de questionamentos! Infelizmente não tem quem escute!

Mas a discussão tem que ficar nesse nível, não podemos popularizar o Festival de Inverno para trazer os artistas da moda e os sucessos de momento!!!

Acaba virando só festa! E o Festival é muito mais que isso!

Que o Festival de Inverno sirva para entreter e ensinar ao mesmo tempo!

Não vejo caboclinho, ciranda, côco e maracatu no carnaval da Bahia. Não lembro de ter visto um nome pernambucano puxando um trio elétrico por lá, nem recebendo o título de cidadão baiano. Assim como não vejo frevo no desfile das escolas de samba do Rio de Janeiro.

Não é discriminação, é respeito próprio!

Portanto, é natural, cada um na sua. O turista não quer ver axé em Pernambuco! Assim, ele iria para a Bahia, pois eles são melhores nisso!

O baiano é bairrista por natureza!

As pessoas se deslocam pra cá e querem descobrir nossa cultura.

E vou além. O Festival de Inverno não é feito para nossa gente curtir, é feito para nossa gente trabalhar e ganhar dinheiro. É claro que curtimos e aproveitamos. Mas o principal objetivo é movimentar economicamente a região através do evento turístico.

Não vejo nas bandas de forró, no axé caro, personalizado e descartável, e no sertanejo romântico o chamariz de um turista potencializado pelo incremento cultural.

Desculpem-me. Mas penso assim, a magia do Festival de Inverno é esta, um evento que agrega expressões culturais, mas onde o povo é mais importante que o artista no palco!

A gente já passa o ano inteiro sendo massacrado, vendo e ouvindo isto na TV, no rádio e em todo canto, numa overdose midiática. Deixem-nos ao menos, uma fonte de cultura.

E outra coisa. A força do Axé, das bandas de forró e do atual sertanejo criado em laboratório é imensa, e se um dia chegar a ter vez no Festival de Inverno, a sua exposição é tão grande que coloca em risco todo o projeto fomentado e vivenciado há 20 anos.

No dia do festival que tiver Ivete, Claudia ou Chiclete, ninguem falará de mais nada! Engolirão o próprio Festival de Inverno! E chegarão aqui chamando Garanhuns de Caruaru! Sem nenhuma identidade com o município! Os nomes são apenas exemplos, pois imagina se vem Parangolé e outros grupos dessa onda!

Acho, sinceramente, que acabamos de viver um grande festival, com grandes atrações em todos os polos. Tulipa Ruiz e Tribo de Jah no Palco Pop. João Neto e Quinteto Violado no Palco Instrumental. Denise Stoklos no Centro Cultural. Selma do Côco no palco da cultura popular. Músicos maravilhosos na Igreja, Maciel Melo no forró. Caminhão da Cultura nos bairros. Festival da Palavra. Sesc. Casarão. etc, etc, etc... Todos os polos lotados!

Temos problemas de comunicação, divulgação, gerenciamento, ... Mas, sinceramente, de programação, não! Tivemos uma excelente programação este ano. Inclusive com expansão dos polos. Talvez com uma falha no último dia!

No palco da Guadalajara tivemos mais de uma dezena de nomes do primeiro time da música nacional. Precisamos mesmo popularizar nossa programação?

Não, minha gente! Por favor. Já temos axé, música sertaneja e forró de banda o ano todo. Deixem que todos escutem pelo menos durante dez dias algo que nos remeta às tradições da nossa terra, e que nos ensine mais do que eu já sabemos. Curtir ídolos que não durem somente um verão ou dois CD´s.

Precisamos oferecer algo diferente a esta gente que só ouve o que a mídia impõe. E o FIG é a melhor alternativa! Daqui até julho do próximo ano já teremos axé, pagode, forró de banda e sertanejo universitário demais!!!! E bote demais nisso!!!

Macaco só come banana porque só dão banana a ele, - Ensinou certa vez o mestre Paulo Gervais.

Querem axé? Ressuscitem a Garanheta, mas não façam do FIG um carnaval-fora-de-época.

Desculpem-me o desabafo!
.

PSB realiza agenda 40 em Garanhuns

Seminário Agenda 40 e Reunião mensal do PSB de Garanhuns e Região

No próximo dia 06 de Agosto,  sábado, no Centro de Convenções do Hotel Tavares Correia, haverá a realização conjunta da reunião mensal do PSB e o seminário Agenda 40, organizado pela executiva estadual do partido do governador, que visa ouvir os filiados e sociedade regional.

Festival de Inverno no Jornal da Globo



Olha o flash que a reporter Amanda Dantas deu para o Jornal da Globo no dia da abertura do Festival de Inverno! Muito legal!

A nova Budega

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.