GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

UNOPAR GARANHUNS

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Telecentro comunitário está funcionando no Parque Euclides Dourado


O Telecentro Digital Comunitário é uma realidade. Além de pesquisas e estudos, o espaço, instalado no Parque Euclides Dourado, também oferece aos seus usuários aulas de informática. As aulas acontecem de segunda a sexta-feira, de 9 as 11, e das 14 as 16 horas.

O curso de informática é composto por cinco módulos e tem duração de até 8 meses. Com idade inicial de 15 anos, os alunos do curso aprendem sobre Introdução a Informática; Sistemas Operacionais; Aplicativos (Ferramentas de Edição de Texto); Rede de Computadores e Internet. “Do estudante a dona de casa, aqui atendemos a todos”, afirma o professor do Curso, Carlos Fernando da Silva.

De fundamental importância para a Comunidade, o Telecentro Digital proporciona o aumento da criatividade por meio de ferramentas utilizadas na informática e amplia os conhecimentos através da internet, atendendo aos anseios pessoais e profissionais em conexão com o mundo. Mais amplo que o telefone, a internet é hoje um meio de comunicação necessário à humanidade. “Não ter acesso à internet hoje é o mesmo que voltar à idade da pedra” exemplifica Carlos Fernando.

O Telecentro Digital é um projeto do Governo Federal, executado pela Prefeitura de Garanhuns. Com infra-estrutura necessária às atividades, o Telecentro se encontra em pleno funcionamento na Biblioteca Luiz Brasil, localizada no Parque Euclides Dourado.

VESTIBULAR NACIONAL UNOPAR 2012 - INSCRIÇÕES ABERTAS ATÉ 17/11 - PROVA 20/11‏

Nós 4 no Coluna Café

Recebemos da galera da Bicho Eventos, a seguinte nota:
.
O Coluna Café informa que a banda Nós 4, até o final do ano de 2011, fará apenas uma apresentação na cidade de Garanhuns, no dia 17 de dezembro, no Coluna Café, não tendo a banda nenhum outro show agendado na cidade.
Desde já agradecemos a toda população de Garanhuns, que tem compreendido nossa proposta de levar lazer e entretenimento com conforto, segurança e profissionalismo.

Mais informações pelo fone 87.3761-7527 ou no site www.colunacafe.com.br

Saullo Paes recomenda livro A REJEITADA de Cláudia Tavares


Estou lendo - ou devorando, o livro A Rejeitada, biografia de Cláudia Tavares, que por alguns anos residiu aqui na cidade de Garanhuns.

Uma leitura envolvente, que não dá vontade de parar de ler. Eu, SP, recomendo esta história de vida única, impressionante e digna de virar um filme.

Cláudia foi entrevistada por Jô Soares.

Leiam e se apaixonem por Cláudia Tavares - uma mulher única, à frente do seu tempo e triunfante.
Por Saullo Paes/Jornalista
Garanhuns/PE

Sinopse:

A REJEITADA Nascida no interior do nordeste brasileiro, Claudia torna-se orfã muito cedo, sai de sua terra natal para São Paulo e de lá para Paris, o que o futuro reserva para uma criança vítima de estupro e prostituição?

Um drama real, de dor e luta, mas acima de tudo vontade de viver, de deixar a sua marca, de mostrar ao mundo quem é Claudia Tavares...
Mulher, esposa, chefe de cozinha e empresária, uma socióloga/filósofa que apesar de todo sofrimento não deixou de acreditar na humanidade.

Título: A Rejeitada
Autora: Claudia Tavares
Editora: Cia dos Livros
Páginas: 186
Preço de referência: R$ 29,90
www.editoraciadoslivros.com.br

Dois caminhos para não ser Antônio João

Fato: houve o recuo da candidatura de Antônio João.
Verdade: Não teve a retirada da candidatura, apenas a mudança da estratégia. Antes era a imposição, o nnome é este e pronto! Agora vai se buscar o apoio dentro do partido para o seu nome, criando uma atmosfera democrática, Antônio João renasceria pelos caminhos naturais de discussão interna partidária.

Portanto, existem dois degraus para subir no podium. O primeiro é pela própria população. Se até março ou abril seu nome despontar, não tem quem tire mais. Vai mesmo que seja confrontando com outros partidos aliados e setores da sociedade. Daí, esses movimentos na cidade visam aumentar a rejeição, inviabilizando a candidatura.

O outro degrau é interno. É claro, lógico, cristalino, que houve uma enorme rejeição dentro do partido à chegada de paraquedas do prefeito de Lajedo. O PSB vinha montando um grupo de personalidades de vários setores de nossa cidade, entre gestores de sucesso como Pedro Falcão e Nivaldo Azevedo. Empresários como Givaldo Calado, Emanuel Rocha e Marcos Notaro. Profisionais liberais, advogados como Ivo Amaral Jr. e Ivan Rodrigues. Pedro Henrique Veloso é médico e Márcio Quirino, engenheiro.

Pois bem, imaginem este grupo forte e representativo se unindo, voltando ao debate, aliás, ficaram em uma situação de não poder se expressar neste momento, sob o risco de chocar com o governador. Mas podem mostrar uma posição, devem dizer o que pensam, se não abertamente agora, mas dentro do partido, deve ter a instância para isso.

E desta união, a decisão, estando o grupo fechado, a escolha do nome até poderia ser do governador, feito uma lista tríplice ou sêxtupla de escolha de tribunais.

Quem sabe?

O fator Silvino

Garanhuns diz em todas as rodas de conversa que Silvino seria imbatível na campanha para prefeito, aliás até as pesquisas anteriores à sua saída do processo devido à Câmara de Vereadores ratificar a posição do Tribunal de Contas em rejeitar contas de sua gestão, já apontavam a preferência do eleitorado.

Ao ficar inelegível, Silvino não demorou em anunciar seu candidato, ou melhor, sua candidata, Aurora Cristina. Caso tivesse escolhido outro nome, correria o risco de não voltar à corrida sucessória, como pode acontecer, não se enganem.

Zé da Luz deu o exemplo, criou a jurisprudência, e não se surpreendam se Garanhuns ver Silvino candidato, até com o apoio de Luis Carlos. Será?

Os vereadores de Caetés voltaram atrás na rejeição de contas de Zé da Luz, criando um precedente, mudaram a decisão de anos atrás, até mesmo de outra legislatura.

No palanque de sábado, dentre os poucos políticos de força que apareceram, Silvino chamou a atenção, pois é, em tese, o principal opositor de Luís Carlos em Garanhuns. São quase oito anos de separação entre criador e criatura, mas que a atual conjuntura colocou lado a lado, e que, se contar com a simpatia do prefeito pode virar novamente prefeiturável, numa grande cartada jurídica.

Confiarão um no outro?

Como já disse antes, na política de Garanhuns tudo é possível! É uma roda gigante, sempre com os mesmos clientes.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.