PERNAMBUCO EM AÇÃO

PERNAMBUCO EM AÇÃO
Clique na imagem

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

quarta-feira, 11 de abril de 2012

FAMEG: Tudo sobre a reunião HISTÓRICA no Ministério da Saúde


Dia histórico para Garanhuns!

Aconteceu nesta quarta-feira a reunião com o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, agendada pelo senador Humberto Costa, atendendo ao pedido de entidades como a CDL e os dirigentes do PT em Garanhuns, e com a presença de representantes políticos da cidade, como o prefeito Luís Carlos de Oliveira, o deputado federal Jorge Corte Real, e os chefes de gabinete do deputado Fernando Ferro e do senador Armando Monteiro, que não puderam estar presentes, aliás, Ferro precisou se ausentar devido um problema de saúde de seu pai que chegou a ser internado em uma UTI na capital pernambucana. Representando a FAMEG - Faculdade de Medicina de Garanhuns, esteve a superintendente administrativa Manuella Nascimento. A vereadora de Lajedo, Leda Maria, também esteve presente na reunião.

O Ministro Padilha se mostrou a todo tempo muito simpático e receptivo ao pedido, demonstrando conhecimento da situação da FAMEG pelas informações do senador Humberto Costa, que na reunião fez uma defesa muito embasada, citando as deficiências no atendimento da saúde na região do Agreste Meridional, e a grande abrangência da FAMEG, possibilitando melhorar através da formação profissional de jovens que ficarão nesta região. O prefeito Luís Carlos lembrou os diversos investimentos que estão sendo feitos na área de saúde no município, pelos governos federal, estadual e municipal, e ponderou que a abertura da FAMEG vai beneficiar todos os filhos de Garanhuns.

Assessores do Ministro Humberto Costa acompanharam a reunião e fizeram anotações, que depois serão passadas aos meios de comunicação.  

O Ministro Alexandre Padilha pareceu a todo tempo estar ciente de todo o trâmite que tem impedido a FAMEG de funcionar, e acabou por fazer uma observação que se tornou quase uma exigência. O número de leitos nas Unidades de Saúde são insuficientes para a demanda de alunos na área de medicina, e pediu que fosse feito um levantamento de quantos leitos estão disponíveis para a FAMEG começar suas aulas. A superintendente administrativa da faculdade, Manuella Nascimento, ficou de passar uma relação de todos os convênios assinados com os hospitais, públicos e privados, e a quantidade exata de leitos à disposição. Padilha chegou a sugerir que caso não se alcancem os números necessários, a FAMEG pode reduzir a quantidade de vagas em seu vestibular, mas que os leitos de toda a região, até de outras cidades-polo, podem servir à prática da unidade de ensino.

Quanto às instalações da FAMEG, o Ministro demonstrou ter conhecimento, e disse que já sabia que a Faculdade de Medicina de Garanhuns, contava com boas instalações, aliás, já vistoriadas e aprovadas pelo Ministério da Educação.

O Ministro chegou a relatar que sabe da participação de entidades como a CDL, e falou que o deputado Izaías Régis e o senador Armando Monteiro também estão lutando pelo funcionamento da faculdade.

O Ministro recebeu a todos como velhos amigos, e ao final, deixou uma boa impressão, a de que estará à disposição para agir no sentido de ver a FAMEG funcionando.

Luís Carlos: Ninguém calçou e saneou mais que esta administração


Na conversa que teve com os blogueiros, o prefeito Luís Carlos afirmou estar convicto de que os números mostram que o seu governo foi o que mais saneou e calçou as ruas dos bairros da cidade. Segundo o prefeito, bairros inteiros receberam a intervenção do município, e em muitos deles houve uma valorização dos imóveis. A revelação demonstra acreditar que a população vai entender isto no momento oportuno, ou seja, mais na frente nas eleições.

Foram mais de 180 km de saneamento e 200 km de pavimentação. Bairros como o Parque Fênix, Jardim Petrópolis, D. Tiago Postma, José Maria Dourado (Brahma) e a Vila Canadá foram quase que totalmente impactados pelos serviços públicos. "Lembrem como eram estes bairros e ruas. Eram na poeira e na lama. Hoje a população vive no conforto de ruas calçadas e saneadas, e tiveram suas casas valorizadas, algumas triplicaram de valor, pois os bairros receberam as melhorias" - Afirma Luís Carlos.

Luís Carlos, questionado sobre as praças que estão com as reformas praticamente paradas, argumentou que o problema foi que o Ministério não liberou os recursos, mas que se não sair, vai terminar com recursos próprios do município, e disse que entrega antes do Festival de Inverno, segundo ele, muito antes.

MULHERES ASSASSINADAS - Gisa do Papel e Alexandra são encontradas mortas esquartejadas


Tá no portal NE10.com

Um crime bárbaro chamou a atenção da população de Garanhuns, no agreste de Pernambuco, na manhã desta quarta-feira, quando a Polícia Civil localizou o corpo de pelo menos duas jovens que estavam desaparecidas. As vítimas foram esquartejadas e enterradas no quintal de uma residência na Rua dos Emboabas, no bairro Liberdade. De acordo com o delegado Wesley Fernando, que está à frente das investigações, o crime choca até mesmo quem já está acostumado a enfrentar casos bárbaros. “O estado dos corpos localizados é algo indescritível. Antes de serem enterradas, elas foram cortadas em pedaço e colocadas numa cova com cerca de um metro e meio de profundidade. Uma das jovens foi enterrada, inclusive, com a própria Certidão de Nascimento”, disse ele, lembrando que uma estava desaparecida desde o último dia 25 de fevereiro e a outra desde o dia 12 de março.

O CASO Após a notificação do desaparecimento de Giselly Helena da Silva, conhecida como “Geisa dos Panfletos” (desaparecida desde o dia 25 de fevereiro), a polícia começou as investigações referentes ao caso. O que chamou a atenção da polícia é que, mesmo desaparecida, Giselly Helena estaria fazendo compras em lojas da cidade, usando o cartão de crédito, já que as faturas continuaram chegando na residência dos pais.

De posse dessa informação e com a fatura do cartão da vítima, a polícia foi até os estabelecimentos apontados onde as compras haviam sido feitas e através de gravações das câmeras de segurança desses locais, conseguiu identificar três pessoas envolvidas. Os acusados, Jorge Negromonte, Isabel Pereira e Jéssica Camila que, segundo a polícia, formariam um triângulo amoroso, foram localizados e detidos. Eles negaram participação no crime, mas quando chegaram na delegacia, Isabel Pereira confessou que, além de utilizar os cartões de crédito da vítima, eles teriam esquartejado a jovem e enterrado no quintal de casa.

“Quando chegamos até a casa, uma criança de apenas cinco anos – filha dos acusados Jéssica e Jorge – mostrou à polícia onde os pais enterravam gente”, disse o delegado. Para a surpresa da polícia, com o início das escavações no quintal da casa, outro corpo também foi localizado na cova. Trata-se de Alexandra da Silva Falcão, 20 anos, que estava desaparecida desde o dia 12 de março de 2012. Quando questionada sobre o motivo que teria levado o trio a matar as jovens, Isabel Pereira desconversou e disse ser guiada por vozes. “Segundo a Isabel, eles estariam procurando uma terceira vítima’, finalizou o delegado.

Os três acusados estão na 2ª Delegacia de Garanhuns, prestando depoimento. A polícia ainda não informou para quais unidades prisionais do estado eles serão encaminhados.

FAMEG: Reunião em Brasília acontece nesta quarta-feira


Acontece nesta quarta a aguardada reunião com o Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, com políticos e representantes garanhuenses, agendada pelo senador Humberto Costa, e que contará com a participação do também senador Armando Monteiro. Foram convidados para esta reunião, que acabou antecipada, o prefeito de Garanhuns, Luís Carlos, o deputado federal Fernando Ferro, a vereadora de Lajedo, Lêda Maria, que representa também a UVP, o deputado Izaías Régis, que não estará presente por se encontrar viajando, mas enviou representante. Pela FAMEG, o diretor executivo Dr. Fábio Andrada também foi convidado, mas estará também representado pela superintendente administrativa da FAMEG, Manuella Nascimento.

A expectativa é muito grande na cidade, pois o MEC já admitiu que resta apenas o aval do Conselho Federal de Saúde para autorizar o funcionamento da FAMEG. O próprio senador Humberto Costa chamou a sociedade para este encontro de hoje, mas por conta da antecipação, acabou inviabilizando uma maior quantidade de representantes da sociedade na reunião, como os diretores da CDL, que buscaram a todo o tempo viabilizar esta conquista que se aproxima.

O que importa mesmo é que dê tudo certo e Garanhuns conquiste a sua nova Faculdade de Medicina, agora sem a burocracia que impediu até agora o seu funcionamento.

Ficamos todos na torcida!

AESGA - Inscrições para os cursos de pós-graduação vão até dia 20 de abril - saiba mais!


Seguem abertas até o dia 20 de abril, as inscrições para os cursos de pós-graduação da Autarquia de Ensino Superior de Garanhuns (AESGA). Estão sendo oferecidas as últimas vagas para os cursos de Pós-graduação em Gestão Pública, Gestão de Negócios e Pessoas e Direito Civil e Processual Civil.

A novidade é o curso de Gestão de Comunicação e Eventos, o primeiro curso na área em toda Região. “É um curso atualíssimo especialmente para aquelas pessoas que estão envolvidas com os diversos meios de comunicação, cada vez mais vastos em nossa Cidade e arredores”, afirmou a coordenadora de Pós-graduação e Extensão Universitária da AESGA, professora Virgínia Spinassé.

O valor da taxa de inscrições é de R$ 30,00 (trinta reais), e estão sendo realizadas no Protocolo da Autarquia, localizada à Avenida Caruaru, 508, bairro São José, no horário das 12 às 21 horas.

Ainda de acordo com Virgínia Spinassé, apenas 40 vagas estão disponíveis para cada curso.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.