GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

POUSADA DA PAIXÃO - CLIQUE E CONHEÇA!

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

domingo, 6 de maio de 2012

As dificuldades de Antônio João

Não tem sido fácil a viabilização da candidatura de Antônio João em Garanhuns. Mesmo com a reconfirmação de Sileno Guedes de que o candidato é mesmo o ex-prefeito de Lajedo, AJD tem encontrado as portas fechadas.

Agora até para a comissão provisória do PSB tem sido difícil encontrar nomes que topem o desafio. Isto porque os novos dirigentes já teriam que assumir a empreitada, e como não tem quase ninguém querendo, o jeito tem sido partir para uma solução caseira, com gente que já esteja no grupo de apoio, contudo os próprios socialistas sabem que eles não agregam os insatisfeitos nem atraem outros partidos.

Assim, a pré-candidatura de Antônio João vai se isolando, mesmo com a sua presença mais constante na cidade, passeando pelo centro, visitando possíveis parceiros e fazendo reuniões.

Está faltando o grande apoio que possa mudar a história, alguém que já tenha um grupo e possa cacifar a candidatura de Antônio João. Este dizia que teria todo mundo em seu palanque, quase numa campanha sem opositores. Resta saber se o governador ainda vai chamar nomes como Silvino, Luís Carlos e Izaías Régis para conversar.

Zé da Luz, continua mais candidato que nunca, e pode ser a alternativa do prefeito Luiz Carlos e do ex-Silvino, mesmo contra o candidato do governador.

E uma novidade, um grupo de empresários em Garanhuns, e em Recife, pode sugerir que Eduardo Campos pense em outro nome, que não esteja no quadro atual, e eles já têm até a sugestão. Seria um plano B caso o projeto atual continue sem dar resultados. Resta saber se daria tempo para uma mudança de planos. Muito dificilmente! Quase impossível.

Enquanto isso, Antônio João continua sua peregrinação em busca de apoios e de nomes que possam viabilizar eleitoralmente sua campanha. Ele sabe que precisa abrir a porteira, onde pode passar um boi e a boiada, mas a opinião pública tem sido feroz com quem demonstra interesse em lhe dar apoio, chegando a tratar até como traidores.

Por isto, muita gente não mostra interesse em subir em seu palanque ou assumir uma função na comissão provisória do partido.

Medalhista Olímpico em Jupi


Visando um maior aprimoramento técnico, 11 atletas da ACT - Associação Carlos Tevano, participaram nos dias 05 e 06 de maio, de um treinamento com o medalhista Olímpico Rogério Sampaio, no I AKIGUEIKO realizado na cidade de Jupi/PE

Os judocas buscam um maior conhecimento, para terem um bom desempenho no Campeonato Brasileiro Regional de judô, que será pela 1º vez realizado em nossa cidade Garanhuns.

O Campeonato Brasileiro da região Nordeste, acontecerá nos dias 01, 02 e 03 de junho, na Quadra do Colégio Diocesano.

Sport e Santa Cruz - O Clássico das Multidões - Orgulho de Ser Pernambucano


Quando começaram as semi-finais, colocamos a enquete aqui no blog perguntando quem seria o campeão pernambucano. Pela ordem deu Sport, Santa Cruz, Náutico e Salgueiro. Os nossos e-leitores torcedores acertaram portanto quem chegaria à final.

Sem dúvida, os quatro clubes foram os melhrores do campeonato, que ficou devendo em qualidade, embora os estádios tenham recebido grandes públicos. Mas preocupam para os nacionais.

O Náutico colocou oito jogadores pra fora.

A grande final será o Clássico das Multidões, e somando os dois jogos, mais de 80 mil torcedores devem assistir aos jogos, neste domingo no Arrudão, e no próximo domingo na Ilha do Retiro.

Tivemos mais de 550 votos na enquete, e deles, 240 votaram no Sport, e 213 no Tricolor.

O Sport tem um time dependente de Marcelinho Paraíba. O Santa não tem o jogador que desequilibre, e sua força está no conjunto.

Mazola tem formado o time retrancado, desagradando a torcida, mas tem dado certo. O Santa Cruz, que fez um campeonato mais irregular, cresceu na reta final.

É clássico, e não há favorito, embora o rubronegro tenha mais recursos. Porém, no jogo, as camisas falam mais alto e os times acabam se equiparando.

Torcemos que os clássicos não tenham violência entre os jogadores, e entre os torcedores, dentro e fora do estádio, e que o campeão seja aquele que for melhor!

Uma certeza já existe: Muito provavelmente esta final de estadual terá o maior público do país, mesmo contra o eixo Rio-São Paulo que pela impulsão da mídia televisiva têm as maiores torcidas do Brasil. Porém, presente mesmo, Pernambuco mais uma vez orgulha pela forma apaixonada que as torcidas demonstram aos clubes locais.

É claro, vou com meu Santinha!

Palmeirina realiza III Cavalgada Feminina NESTE domingo


Palmeirina vai se tornando a Terra das Cavalgadas. No começo do ano centenas de cavaleiros e amazonas desfilaram pela cidade e zona rural, numa grande festa. Agora o município, que fica a 40 quilômetros de Garanhuns, realizará a 3ª Cavalgada Feminina, no próximo domingo, 06 de maio, e promete ser mais um sucesso. Aguarda-se mais de 300 mulheres fazento parte do evento, com suas montarias.

O percurso começa na entrada da cidade, por volta do meio-dia, passando pelas principais ruas, e depois segue até os povoados de Cachoeiro Dantas e Baixa Grande, terminando com festa no galpão da CEAPA, no centro da cidade, com a participação da banda Tropicana, deste blogueiro. 

As mulheres que se interessarem em participar, basta se inscrever na Secretaria de Assistência Social que fica localizada no prédio da Prefeitura local.

Armando Monteiro promove grande reunião no Sertão para discutir a seca


O senador Armando Monteiro (PTB/PE) defendeu, na manhã deste sábado (5), que o Governo Federal amplie o apoio à recuperação econômica dos produtores rurais do Nordeste, fortemente atingidos por uma das mais duras secas dos últimos anos. Por causa da estiagem, todos os 56 municípios do Sertão pernambucano e cerca de 20 do Agreste estão neste momento em estado de emergência.

O senador participou de uma reunião de trabalho com 11 prefeitos e cerca de 40 vice-prefeitos, vereadores, secretários municipais e representantes de sindicatos rurais do Sertão do Pajeú, em Afogados da Ingazeira, coordenada pelo secretário de Agricultura de Pernambuco, Ranilson Ramos, coordenador do comitê estadual de ação contra os efeitos da estiagem.

Durante a reunião, Armando Monteiro elogiou a rapidez do governo de Pernambuco e do governo federal na reação ao problema, liberando recursos e iniciando obras e ações emergenciais para garantir o abastecimento das populações atingidas. O senador cobrou que as linhas de crédito emergenciais nas áreas de seca possam ser utilizadas não apenas em investimentos novos, mas também no custeio das atividades dos produtores agrícolas.

Grande perda da produção

Armando Monteiro – “Entendo a aflição, a inquietação e, sobretudo, essas demandas que estão sendo trazidas por todos os prefeitos e lideranças aqui da região por conta dos efeitos muito severos, muito drásticos que se fazem sentir agora, traduzidos nas lavouras que foram dizimadas, o feijão, o milho, o rebanho também da região, que está sendo atingido, há uma grande perda já do rebanho bovino, ovino. Tudo isso se traduz em perdas muito grandes para a produção agropecuária da região. Mas isso tem também efeito perverso, representado pela elevação do custo de aquisição dos alimentos. Por exemplo, eu tomei conhecimento que um quilo de feijão já está sendo vendido aqui na região por oito reais. Isso é uma situação grave, porque, além da carência de muitos que perderam seu sustento, ainda se deparam com um problema muito sério como esse, que é você praticamente não ter condições de poder comprar os alimentos. Isso tudo envolve uma ação coordenada, rápida, governo federal e governo estadual, recursos federais e recursos estaduais”.

Recursos liberados

Armando Monteiro – “A presidente Dilma liberou R$ 790 milhões em caráter emergencial e o governo do Estado já vem disponibilizando linhas próprias de mais de R$ 100 milhões para as ações de curto prazo, que estão traduzidas em ampliar a oferta de carro-pipa; promover, onde for possível, e eu entendo que isso se aplica mais ao Agreste do que ao Sertão, um programa de distribuição de sementes, tendo em vista que o ciclo de chuvas no Agreste ainda poderá se estender até junho; mas, no caso do Sertão ainda, poços artesianos que possam ser construídos, sistemas de abastecimento de água, barragens e uma rede de adutoras menores, de acordo com essa exposição que foi trazida (pelo governo), algumas em caráter emergencial que precisam ser implantadas em poucos meses. Portanto, acho que o governo do Estado está atento, tem o diagnóstico da situação, a presença de três secretários de Estado hoje aqui na região traduz a disposição do governo; o ministro Fernando Bezerra, que coordena as ações na área federal, está permanentemente em sintonia com o governo de Pernambuco, conhece de perto os desdobramentos desse quadro e a bancada federal, que não pode ficar alheia a este drama”.

Apoio em Brasília e no Senado

Armando Monteiro – “Eu fiz questão, com a minha presença, de dar o testemunho da minha preocupação com essa questão (da seca). Estarei acompanhando de perto e monitorando essas ações e, naquilo que me compete como senador da República, atuar para aprovar rapidamente as Medidas Provisórias 566 e 565, que liberam recursos importantes; acompanhar a operacionalização de uma linha de R$ 1 bilhão do FNE para assistir o pequeno produtor rural, sobretudo o pequeno com limite de até R$ 12 mil e o médio e grande, com limite de até R$ 100 mil, operações de dez anos, com quatro anos de carência. Então, nós temos que cobrar a operacionalização dessas linhas e temos também que acompanhar e monitorar essas ações que estão relacionadas com as soluções de caráter mais definitivo. Quais são elas? Nós temos que retomar as obras da Adutora do Pajeú. Não é possível que essas obras, que se arrastam já há tanto tempo, e, neste momento, com as dificuldades que ainda existem com a empresa que foi contratada à época, e com os problemas dos órgãos de fiscalização, nós estejamos assistindo ainda à suspensão dos trabalhos da adutora, que já estão atrasados. É preciso uma ação mais firme e coordenada para retomarmos os trabalhos da Adutora do Pajeú. E, por outro lado, ainda interessa muito a Pernambuco ações rápidas para iniciarmos a implantação da Adutora do Agreste, outra obra muito importante, que vai atender quase 70 municípios da região. Portanto, nós também estaremos acompanhando essas opções de caráter mais estruturante para que não tenhamos uma repetição periódica de problemas e prejuízos tão graves que se abatem hoje sobre a população de Pernambuco e também do Nordeste”.

Apoio aos agricultores

Armando Monteiro – “É importante, neste momento, oferecer ao agricultor condições para que ele possa fazer o custeio das atividades, os tratos culturais, tudo aquilo que ele tem que fazer no período de entressafra. Porque não adianta apenas apoiar o novo investimento e não dar a ele as condições de fazer o custeio da lavoura. Então essa linha precisa de uma autorização do Conselho Monetário Nacional para que uma parte desses recursos seja destinada ao custeio também, beneficiando de forma direta os produtores da região”.

Os recursos federais vão chegar?

Armando Monteiro – “Esses recursos, a rigor, já estão liberados, porque já havia provisão orçamentária e eles foram liberados com a edição da Medida Provisória. Agora é fazer o acompanhamento das liberações. Desse total que a presidente Dilma liberou, R$ 140 milhões chegarão a Pernambuco logo, para essas ações na área de defesa civil, de bolsa estiagem e também de seguro safra”.

É hoje: CRISTOTECA - Festa com DJ Ângelus e banda Louvar-Te

clique para ampliar

ESPERANÇA EM AÇÃO: Igreja Adventista faz mobilização social neste domingo em Garanhuns. Confira os serviços que serão oferecidos!


A população de Garanhuns e região poderá usufruir de serviços gratuitos de saúde e beleza no próximo domingo (6) durante o projeto “Esperança em Ação”, organizado pela Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Um trecho da Rua XV de Novembro, situada no Centro de Garanhuns, será interditado e a partir das 9h terá médicos, enfermeiros, dentistas, nutricionistas, psicólogos, advogados e cabeleireiros à disposição. No dia também será possível fazer o cartão do SUS.

Dentro do projeto “Esperança em Ação” haverá doação de sangue no local do evento. A expectativa é chegar a 200 doadores. Para doar sangue é necessário levar um documento com foto, além de atender aos requisitos de idade, peso e saúde.

Além dos serviços de cidadania, um palco gospel será montado no local. Nele se apresentarão, ao longo do dia, cantores e grupos musicais da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

SERVIÇO:

Onde: Rua XV de Novembro (em frente à Igreja Adventista Central de Garanhuns)
Horário: das 9h às 17h
Atividades oferecidas:
Doação de sangue (Levar documento com foto; ter idade entre 18 e 65 anos; peso acima de 50 kg; estar bem de saúde e alimentado)
Cardiologista
Urologista
Fisioterapeuta
Nutricionista
Dentista
Psicólogo
Terapeuta familiar
Aplicação de flúor
Corte de cabelo
Cartão do SUS (Levar RG e comprovante de residência)
Aferição de pressão
Glicemia
Vacinação
Assistência jurídica
.
com informações de Fernanda Beatriz.

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.