CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

POUSADA DA PAIXÃO - CLIQUE E CONHEÇA!

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

domingo, 10 de junho de 2012

Muita alegria na Festa Junina da Rede Feminina - Confira!






A Rede Feminina de Combate ao Câncer presta um grande serviço durante todo o ano no auxílio às mulheres carentes que precisam do amparo e do carinho de pessoas e instituições. Os custos de manter um serviço assim são altos, pois são gratuitos, e as pessoas que trabalham, em sua maioria, são voluntárias. Para arrecadar fundos para a continuidade dos serviços, as associadas à Rede estão sempre bolando ações criativas, e a Festa Junina tem se tornado a principal delas, quando pessoas da sociedade se unem para se divertir e ajudar, ao mesmo tempo.

Fomos convidados e estivemos presentes com nossa banda, a TROPICANA, na noite de sábado na AGA. Uma alegria sem fim, onde muitos casais dançaram muito forró, primeiro com Cafuringa e seu grupo regional, e depois com a nossa folia.

Estavam presentes muitos pré-candidatos a prefeito, e foi bom que repercutiu no salão a necessidade de mais apoio à Rede Feminina. Anotamos as presenças de Ivo Amaral, Aurora Cristina, Silvino Duarte, Rosa Quidute e Izaías Régis. Mas não se falou de política, nas mesas formadas em sua maioria por pessoas ligadas às instituições médicas de Garanhuns, a noite foi mesmo para dançar, conversar e se divertir. Muitos militares e suas esposas também abrilhantavam o salão.

Surgiu a ideia da Festa da Rede abrir as festividades juninas do município, tornando tradicional o evento social, que contou com o apoio de alguns patrocinadores, da colunista Kitty Lopes e de várias entidades. Claro, a TROPICANA já se colocou à disposição para fazer a festa em 2013.

Quero deixar registrado o carinho pela organização, em especial a Sandra Sales, esposa de Dr. Lamberto, cuja dedicação e simpatia contagia a todos ao seu redor! 

UPE tem concurso com 254 vagas - Inclusive Garanhuns!


A Universidade de Pernambuco (UPE) anunciou um concurso para selecionar professores, médicos e profissionais para cargos técnico-administrativos. São 254 vagas e as inscrições já devem começar no final de junho.

Veja quadro de vagas Aqui

Noventa e sete vagas são para professores, que, quando contratados, podem atuar como adjunto ou assistente nos campi de Benfica e Santo Amaro, na área central do Recife; Camaragibe, na Região Metropolitana; Nazaré da Mata, na Zona da Mata; Garanhuns e Caruaru, no Agreste; e Petrolina, Arcoverde e Salgueiro, no Sertão.

São 105 vagas para área médica. Os profissionais devem ser neonatalogistas, tocoginecologistas, intensivistas, enfermeiros, fisioterapeutas, fonoaudiólogos ou técnicos em enfermagem, para atuar no Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros (Cisam/UPE).

O Cisam ainda tem duas vagas para assistente técnico-administrativo. Além deles, serão contratados 50 técnicos-administrativos para os campi da UPE no interior.
 
Das 33 vagas para Garanhuns, 25 delas são para professor!

Vagas para médico no Hospital Regional Dom Moura


A Secretaria de Saúde de Pernambuco seleciona cinco médicos para contratação temporária. O processo seletivo tem validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período. O salário é de R$ 3.668,94 para médicos diaristas e R$ 5.995 para plantonistas.

A jornada de trabalho para médico plantonista será de um plantão de 24 horas semanais ou dois plantões de 12 horas semanais; para médicos diaristas, será de 4 horas diárias/20 horas semanais. As vagas são para o Hospital Regional do Agreste (Caruaru) e Hospital Dom Moura (Garanhuns).

As inscrições devem ser realizadas, até 21 de junho, presencialmente ou via sedex, com aviso de recebimento (AR), encaminhado à Diretoria Geral de Gestão do Trabalho, situada na Rua Dona Maria Augusta Nogueira, 519 Bongi - Recife/PE CEP-50.751-530.

A seleção será feita por meio de uma única etapa, a avaliação curricular. É necessário entregar RG, CPF, diploma ou certificado de conclusão do curso de Medicina, carteira do Conselho Regional de Medicina e comprovante de residência.

PRORROGAÇÃO

Vai até esta segunda, 11, as inscrições para a seleção pública simplificada de 27 médicos (13 neonatologistas, 11 intensivistas de adulto e três intensivistas pediátricos). Os profissionais irão atuar temporariamente nos hospitais Agamenon Magalhães, Barão de Lucena, Getúlio Vargas e Otávio de Freitas. A seleção será realizada em uma única etapa pela avaliação curricular e terá caráter classificatório e eliminatório.

Os interessados também devem enviar documentação, presencialmente ou via sedex, para Rua Dona Maria Augusta Nogueira, 519 Bongi - Recife/PE CEP - 50.751-530.
.

Zé da Luz e Silvino - Pacto desfeito?


Na entrevista que o prefeito Luís Carlos concedeu aos blogueiros há uns dois meses, afirmou haver um grupo que estava se reunindo e que deveria continuar junto para a eleição, e que dali sairiam candidatos a prefeito e vice. Neste grupo nomes como Silvino Duarte, Aurora Cristina, Zé da Luz, Dimas Carvalho, Júlio César, Sílvio Sabino, entre outros, davam a certeza que tinha realmente condições de emplacar a chapa, com o apoio do atual prefeito.

Ficou claro desde a reaproximação de Luís Carlos e Silvino, nos encontros que promoveram à repulsa a Antonio João, que o ex-prefeito era o preferido do atual, mesmo com os anos de desavenças, porém, com sua inelegibilidade, o nome de Zé da Luz, dos que estavam no jogo, passou a ser considerado, já que estava (como continua) bem posicionado nas pesquisas.

Assim, aos poucos foi se montando a estratégia de se lutar pela liberação jurúdica de Silvino, e caso ela não desse certo, Zé da Luz seria a opção. Parece ter ficado claro pra todo mundo, tanto que o engenheiro preferiu continuar com o grupo ante o convite do governador para reconsiderar e apoiar a chapa socialista.

Zé da Luz apostou no colegiado.

Silvino tem dado seus pulos para ser o candidato e contratou bons advogados para tirá-lo do emaranhado. Aliás, seu atual defensor foi apresentado pelo próprio Zé da Luz. Porém, ao que consta, não eram somente as contas que os vereadores aprovaram na semana passada. Tendo uma sentença transitado em julgado, não poderia mais, pela lei da Ficha Limpa, ser candidato. Assim, Zé da Luz esperou este apoio.

Mas Silvino resolveu ir até o final. Mesmo com a candidatura sub-judice, e ir resolvendo juridicamente as pendências. Ambos sabem, neste momento, que precisam do apoio recíproco, ou seja, suas chances dependem do apoio de um ao outro. Portanto, o mercado só teria espaço para uma das duas candidaturas, a que iria enfrentar e possivelmente, polarizar, a campanha contra Izaías Régis.

Zé da Luz não recebeu o apoio que achou que viria, assim como não afirmou apoiar a candidatura do PSDB. Correligionários do ex-prefeito de Caetés estão anunciando a candidatura de Zé, mesmo indo de encontro ao que se esperava do colegiado, aquela união defendida pelo prefeito para eleger o seu sucessor.

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS: Programação



QUINTA dia 12:
Homenagem a Gonzagão.
Mourinha do Forró
Família Gonzaga
Elba Ramalho
Dominguinhos
Projeto Viva Gonzagão.

SEXTA dia 13:
Escravo
Bixiga 70
Zélia Duncan
Zizi Possi

SÁBADO dia 14:
Hercinho
Orquestra Popular da Bomba do Hemetério
Academia da Berlinda
Roberta Miranda
Alcione

DOMINGO dia 15:
La Pietá
Neli Lisboa
Siba Lira
Jorge Vercillo

SEGUNDA dia 16:
Lucas Notaro e os Corajosos
Di Mello e Madeira de Lei
Mombojó
China
Roberta Sá

TERÇA dia 17:
Rogério e os Cabra
Maciel Salu
Herbert Lucena
Lula Queiroga
Renato Teixera, Xangay e Maciel Melo

QUARTA dia 18:
Karla Rafaella
Karina Spinelli
Perícles
Fundo de Quintal

QUINTA dia 19:
Banda Flash
Volver
Ortinho
Reginaldo Rossi
Erasmo Carlos

SEXTA dia 20:
Lux Time
Antúlio Madureira
Marcelo Jeneci
Lenine
Milton Nascimento

SÁBADO dia 21:
Andrea Amorim
Edgar Scandurra
Ney Matogrosso
Lulu Santos.

Sociedade de Forrozeiros valoriza a cultura pernambucana



A Tropicana agora também faz parte da Sociedade dos Forrozeiros Pé-de-Serra e aí, presidida por tereza Acioly, viúva do grande Accioly Neto.

A Sociedade existe desde 2005, garantindo o acesso da comunidade aos meios de fruição, produção e formação. Com o projeto Pé de Serra, vinculado ao Ponto de Cultura, busca-se a qualificação de artistas populares e empreendedores de cultura nordestina, com enfoque no xote, baião, xaxado, forró pé-de-serra.

O projeto é de formação e informação para novos e antigos forrozeiros, além de inserção de novos talentos no mercado cultural, preservando a memória e a história da cultura popular. São oferecidas oficinas de formação continuada em sanfona, percussão (zabumba, pandeiro e triângulo) e confecção de instrumentos, além de programação gratuita – com apresentações artísticas, workshops e palestras – visando à formação de platéia.

O nome tem um quê de “arretado”: Sociedade dos Forrozeiros Pé de Serra e Ai!, assim mesmo, com exclamação no fim. Santanna “O Cantador”, explica que “e ai!” é uma expressão da alma nordestina. “Por exemplo: se uma pessoa diz para a outra que ela não deve ir a um show, a outra responde ‘Eu vou e ai!’, ou seja, ‘Eu vou, sim, e pronto!’”, esclarece.

A sociedade conta hoje com dezenas de músicos e compositores. “O intuito da sociedade é gerenciar o forró pé de serra, sem deixar que ele perca sua identidade cultural, fazendo com que os forrozeiros se capacitem da melhor maneira possível para fazer música de qualidade”, diz Santanna, preocupado com a descaracterização do gênero musical com a proliferação das músicas eletrônicas, baseadas nos sons dos teclados e guitarras.

A sociedade nasceu de um manifesto escrito pelo compositor e poeta pernambucano Xico Bezerra que, segundo o Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira, tem trabalhos influenciados pela obra de Luiz Gonzaga, que batizou o gênero musical como forró pé de serra por ter nascido no pé da Serra do Araripe, em Pernambuco.

Segundo Xico Bizerra, tudo começou de forma bastante empírica. “A gente se reunia para conversar aqui e acolá, trocando idéias do que deveria ser, até que em 2005 ela foi constituída por direito”. A Sociedade dos Forrozeiros Pé de Serra e Ai é uma Organização Não Governamental que tem como principal objetivo “gerenciar o forró” e repassar informação de gestão para os músicos e compositores.

“Até alguns anos ninguém sabia o que era um home list ou uma proposta de negociação, era uma coisa muito solta”, conta Xico. Já organizados nesse ponto, eles começam a ganhar noções maiores de uma cadeia produtiva do forró pé-de-serra através de cursos e parcerias. “Pretendemos também dar curso de zabumba e triangulo, já tivemos um de canto”, garante. Formação que nunca fez parte da história do compositor.

Nomes como Petrúcio Amorim e Santanna fazem parte de um time da sociedade que cresce a cada dia com a chegada de novos artistas.

A gestora da Associação é Tereza Acioly, viúva do cantor e compositor Acioly Neto, que deixou grandes sucessos como Mensageiro Beija-Flor, Mel e Aveloz, Espumas ao Vento e o novo grande sucesso, A Natureza das Coisas, que diz em sua letra que pra ir mais longe tem que suar, Se avexe não!

O público entoa Oh! xa lalalala, e a sociedade faz o povo cantar as coisas da nossa terra.
.
fonte:
.

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.