GOVERNO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

sexta-feira, 13 de julho de 2012

O maravilhoso primeiro sábado de Festival de Inverno - O que vai rolar!


Música:

Neste sábado, os destaques da programação musical do 22º Festival de Inverno de Garanhuns são a cantora maranhense Alcione, comemorando 40 anos de carreira; e a paraibana Roberta Miranda, voz consagrada em sucessos como “Vá com Deus” e “Sol da Minha Vida”. Elas sobem ao palco do Palco Guadalajara, a partir das 21h.

No Palco Pop, as principais atrações são o músico baiano Lucas Santtana, que toca pela primeira vez no Estado o álbum recém-lançado “O Deus que Devasta Mas Também Cura”, além dos pernambucanos Silvério Pessoa e o ex-Ave Sangria, Marco Polo, que mostra o show O Pirata, a partir das 18h.

Cultura popular:

Dona Selma do Coco é a principal atração do polo Cultura Popular neste sábado, cuja programação tem início às 11h. No espaço dedicado ao artesanato que foi montado no Parque Euclides Dourado, é possível conferir a exposição “Gonzagueando a Arte Popular”, que reúne 20 peças confeccionadas por artesãos do Alto do Moura inspiradas na vida de Gonzagão. A mostra pode ser visitada das 14h às 22h.

Artes cênicas:

O espetáculo “Ifigênia”, da Cia. Os Buriti, de Brasília, é o destaque da programação de artes cênicas deste sábado. A montagem será encenada com os recursos de áudio-descrição e libras, às 16h30, no Teatro Luiz Souto Dourado (Praça Dom Moura, s/nº, Santo Antônio).

Artes visuais:

Na programação de artes visuais, destaca-se a ação “Cinecão de Terror”, das artistas Daniela Brilhante e Irma Brown. Às 21h, elas vão realizar uma montagem/ colagem em vídeo de cenas de filmes clássicos de terror, que será projetada em frente à Budega do Massilon (Rua Pedro Pacífico, no centro de Garanhuns).

Ambiente criativo:

No espaço Design e Moda, montado perto do Palco Guadalajara, será realizada uma ação de fotos e styling com a temática “Sertão Vintage” durante todo o dia.

Cinema:

“Paraísos Artificiais”, filme mais recente do cineasta Marcus Prado; e “País do Desejo”, também último lançamento de Paulo Caldas, é o destaque da programação da 8ª Mostra de Cinema do FIG. Eles serão exibidos, a partir das 17h, no Cine Eldorado (Av. Rui Barbosa, 1071, Heliópolis).

Literatura:

A Praça da Palavre promove recital, leitura aberta e lançamento da “Antologia Severina Catadora”, feita pela Associação dos Catadores de Papel, Papelão e Material Reciclável Nova Vida (Asnov) e escritores do grupo U-Carbureto, a partir das 19h.

Caminhão da Cultura:

O Caminhão de Cultura Asa Branca leva ao bairro Dom Tiago Postmam o espetáculo “No Jogo da Dança”, às 11h30, entre outras atividades. Já a principal atração do Caminhão de Cultura Assum Preto é o show do cantor Belo X, às 19h, no Distrito de Miracica.

Patrimônio:

O Patrimônio Vivo Mestre Camarão faz uma aula-espetáculo, das 16h30 às 18h, no Espaço Lua Gonzaga, que fica no Parque Euclides Dourado. Ele vai falar sobre o ritmo e as características do baião.

Catadores darão exemplo de coleta seletiva após shows do FIG


Um exemplo de cidadania e cuidados com o meio ambiente acontecerá durante o 22º Festival de Inverno de Garanhuns, no Agreste Meridional de Pernambuco. A coleta seletiva será praticada em pontos estratégicos durante os dias do evento.

Para conscientizar a população e turistas da importância de separar o lixo, haverá distribuição de cartilhas sobre reciclagem na cidade. No Parque Euclides Dourado, um dos principais polos da festa, serão instalados 12 postos de entrega voluntária. No mesmo local, catadores organizados da Associação dos Catadores de Papel, Papelão e Material Reciclável Nova Vida (Asnov), do município, realizarão a coleta seletiva diariamente.

A ação faz parte do projeto 'Recicla Pernambuco', desenvolvido pelo Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep).

Show com forrozeiros encerra noite de homenagens a Gonzagão

Foto: Beto Figueiroa/O Santo/Secult PE

Olha o encerramento do show VIVA GONZAGÃO, na noite de abertura do Festival de Inverno. A foto é do Beto Figueroa para o Flickr da Fundarpe.

Cezzinha, Terezinha, Ronaldo Cesar, Josildo Sá, Rogério Rangel, Roberto Cruz, Petrúcio Amorim, Andrezza Formiga, André Macambira, Nádia Maia, Bia Marinho, Antônio Marinho e Gennaro.

Para quem esteve lá, pôde conferir uma noite inesquecível, onde cada artista demonstrou sua própria devoção ao Rei Lua.

Para ver mais fotos da noite de abertura do FIG, inclusive com Dominguinhos, Elba Ramalho, Família Gonzaga e Mourinha, é só acessar:

Governador em Garanhuns faz inaugurações no Hospital Regional Dom Moura


O governador Eduardo Campos e o secretário estadual de Saúde, Antonio Carlos Figueira, inauguram, neste sábado (14/07), às 15h, no Hospital Regional Dom Moura, dez leitos de UTI Adulto, dando mais um passo para que a unidade possa se transformar em hospital-escola. Foram investidos R$ 3,2 milhões nas obras e na compra de equipamentos, que beneficiarão 540 mil pessoas de 21 municípios do Agreste Meridional. Além disso, começará a funcionar, 24 horas por dia, a emergência odontológica, com capacidade para 50 atendimentos diários, 1,5 mil por mês. Ainda está prevista uma visita à obra da UPAE da cidade.

Segundo a diretora do Hospital Dom Moura, Maria Emília Pessoa, as UTIs do hospital possibilitarão ampliar o auxílio aos doentes graves, principalmente aos casos relacionados aos acidentes com moto. Com essa inauguração, somam 900 o número de UTIs na rede estadual pernambucana, um aumento de mais de 300% desde 2007, quando o Estado possuía 227 leitos.

Atualmente, o Dom Moura faz uma média de 14 mil atendimentos na emergência e 3 mil nos ambulatórios, nas especialidades de neurologia, cardiologia, cirurgia clínica, psicologia, fonoaudiologia, dermatologia, ortopedia, urologia, psiquiatria, ginecologia e fisioterapia.

BUCAL – O atendimento na urgência odontológica será para tratar das dores de dente, problemas periodontais (gengiva), alterações na mucosa da cavidade oral, dores nas articulações bucais e problemas decorrentes de acidentes e violência (traumas leves). Os casos de rotina (não de urgência) devem ser tratados em postos de saúde ou com as equipes de Saúde da Família. Já os casos graves, como traumas, podem ser encaminhados às grandes emergências. Atualmente, já o serviço já está implantado nas UPAs do Curado, Olinda, Paulista e Engenho Velho, e nos hospitais regionais de Limoeiro, Palmares, Serra Talhada e Salgueiro.

UPAE – A ordem de serviço para UPAE de Garanhuns foi dada em março deste ano. Atualmente, já está sendo levantada a estrutura da unidade, que está localizada na BR 423, Km 92, nº 2.000. Com 8 mil metros quadrados, sendo 3,8 mil metros quadrados de área construída, o local terá atendimento em mais de 20 especialidades, incluindo cardiologia, oftalmologia, neurologia, mastologia, nefrologia e gastroenterologia, entre outras, além de cirurgias ambulatoriais. A unidade realizará mais de 40 tipos de exames e oferecerá serviços em diversas áreas como reabilitação, nutrição, farmácia, fonoaudiologia, enfermagem e serviço social.

A UPAE terá capacidade para cirurgias de baixa complexidade, como catarata, adenóides, hérnias, entre outras, nas quais os pacientes são liberados em até 24h (hospital-dia), e de alta frequência (procedimento que retira do colo do útero lesões precursoras do câncer). Os atendimentos especializados e exames diagnósticos também serão realizados nesse centro. O investimento previsto, somando obra e aquisição de equipamentos, é de mais de R$ 20 milhões.

Sucessos de Luiz Gonzaga embalaram primeira noite do 22° FIG - Confira imagens!

http://www.flickr.com/photos/fundarpe
Para mim, ele é o rei - Esta foi a definição do comerciante Adeilton Lacerda, 39, sobre a homenagem feita ao centenário de Luiz Gonzaga na noite de abertura do 22° Festival de Inverno de Garanhuns (FIG). Garanhuense, Adeilton ainda exaltou a importância do forró tradicional, que segundo ele, é “o melhor que existe”. Ao seu lado, a professora Joelma Oliveira, 39, lembrou que Luiz Gonzaga é, além de tudo, uma figura histórica e que seu legado nunca deve ser esquecido. Ambos estiveram presentes em todas as edições do FIG e não poderiam deixar de marcar presença na noite desta quinta-feira (12/7), que curtiram até o final.

A fina chuva não abalou os ânimos do público da Esplanada Guadalajara. Às 21h, a festa começou com o cantor pernambucano Mourinha do Forró, que deu início às homenagens aos 100 anos de Gonzagão, lembrando logo na primeira música que Garanhuns é a terra “Onde o Nordeste garoa”. O repertório do forrozeiro incluiu clássicos da carreira do Rei do Baião e colocou todo mundo para dançar desde cedo.

Em seguida, a Família Gonzaga subiu ao palco ao som dos merecidos aplausos da plateia. O grupo é formado por parentes diretos de Luiz Gonzaga e se dedica a divulgar e preservar seu trabalho. Sobrinhos, neto e prima do Velho Lua revisitaram seus grandes sucessos, como “A vida do viajante”, encantando a Guadalajara.

A terceira atração foi também uma das mais esperadas, e não foi por menos: Elba Ramalho demonstrou toda sua presença de palco – e de espírito – com seu show especial de São João. Radiante e acompanhada por dançarinos, Elba prestou sua homenagem a Luiz Gonzaga entoando músicas como “Asa Branca”. Mas o repertório não deixou de lado os sucessos que consagraram a carreira da cantora – foi com “De volta pro aconchego” que Elba fez toda a Guadalajara cantar junto, num dos momentos mais memoráveis da noite.

No auge da festa, o sempre carismático Dominguinhos, discípulo de Gonzagão, honrou o mestre com canções como “Numa sala de reboco” e “Baião”. Para Adeilton, o show do compositor, nascido em Garanhuns, foi o destaque da abertura: “Adoro Dominguinhos, porque ele é daqui da terra”, disse, demonstrando o orgulho que sente pelo conterrâneo.

Para encerrar a noite, o Projeto Viva Gonzagão trouxe ao palco diversos artistas do cenário musical nordestino, Petrúcio Amorim, Josildo Sá, Nádia Maia, Rogério Rangel, Ronaldo Cesar, Antônio e Bia Marinho, Roberto Cruz, Andrezza Formiga, Gennaro, Herbert Lucena, Teresinha do Acordeon, André Macambira e Cristina Amaral, para cantar músicas de Luiz Gonzaga com arranjos especiais. A festa seguiu pela madrugada adentro, e o público ainda pôde dançar ao som de grandes sucessos do mestre.

O 22° Festival de Inverno de Garanhuns continua com todo o fôlego nesta sexta-feira (13/7), quando a Guadalajara recebe as cantoras Zizi Possi e Zélia Duncan, entre outras atrações.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR IMAGENS DA FESTA NO FLICKR OFICIAL DA FUNDARPE:

Homenagem na CDL emociona Dominguinhos


A Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns – CDL prestou, nesta tarde de quinta-feira, 12, uma emocionante homenagem ao músico garanhuenses Dominguinhos. Para um Auditório lotado por autoridades civis, militares, empresários, músicos, artistas, comunicadores e população em geral o Evento discorreu com um tom de reconhecimento, agradecimento e valorização.

O artista garanhuense recebeu das mãos do presidente da CDL Garanhuns, Fernando Couto Soares e do diretor da Câmara Setorial do Turismo da Instituição, Geandre Nogueira, uma escultura retratando a musicalidade dos nordestinos reconhecidamente trabalhada pelo trio de sanfona, zabumba e triângulo, além de uma placa alusiva ao momento.

Além disto, o nobre garanhuense recebeu uma lembrança dos amigos Caminhantes do Parque e do professor Josevaldo Araújo, que também é museólogo, historiador e apaixonado pelo trabalho do artista, Dominguinhos recebeu uma réplica em miniatura feita de barro de uma escultura do reconhecido garanhuense.

A intenção da CDL Garanhuns é instituir o Troféu Dominguinhos, o qual irá homenagear empresários, artistas, e personalidades garanhuenses de destaque em seus segmentos ou até mesmo aqueles que não nasceram na Terra de Simôa, mas a admiram como se fossem nativos.

Para o presidente da CDL, a homenagem foi mais que merecida. “Ficamos felizes em homenagear este nobre garanhuense, que soube tão bem falar e divulgar a sua terra natal. Fizemos uma homenagem simples, mas acima de tudo, justa e merecedora a este homem que muito emocionou com seu talento os povos de vários países onde sua música pôde chegar”, destacou.

Já o artista garanhuense, que por várias vezes durante o Evento chegou a derramar lágrimas pelo tributo, agradeceu o reconhecimento da CDL. “É sempre muito bom poder voltar a Garanhuns. Hoje, estou muito feliz com a homenagem e o reconhecimento da CDL por conta do meu trabalho desenvolvido ao longo dos anos. A estes jovens garotos da Orquestra Sanfônica de Garanhuns, desejo todo carinho do mundo, sabendo que é preciso cuidar da saúde e ter dedicação à música e a família”, finalizou o músico ao conferir a orquestra a permissão para utilizar de agora em diante a denominação de Orquestra Sanfônica Garanhuns Dominguinhos.

* Foto: David Melo

Forró, chuva e Luiz Gonzaga na noite de abertura do Festival de Inverno


Elba conquistou público do FIG (Foto: Gabriela Alcântara/G1)
(Foto: Gabriela Alcântara/G1)

Gabriela Alcântara
Do G1 PE, em Garanhuns

A garoa e o frio – já tradicionais em Garanhuns, município do Agreste de Pernambuco – não desanimaram o público presente na abertura do Festival de Inverno (FIG). As pessoas encheram a Praça Guadalajara, principal palco do FIG, para dançar o arrasta-pé em homenagem a Luiz Gonzaga, animados por Mourinha do Forró, Família Gonzaga, Elba Ramalho, Dominguinhos e o projeto Viva Gonzagão.

Dominguinhos foi atração da primeira noite do festival (Foto: Gabriela Alcântara/G1)O forró começou com Mourinha, que traz o ritmo no nome. Vestido de vaqueiro, com trajes que lembravam o próprio Gonzaga, o músico tentou animar o público com um repertório cheio de sucessos, como “Nem se despediu de mim”. Ele foi seguido pelo grupo formado por parentes do Mestre Lua, que continuaram a fórmula de sucessos, com canções como “Pense n'eu” e “Que nem jiló”. Mesmo com a chuva engrossando, pares de forrozeiros começavam a se formar, dançando animados.

(Foto: Gabriela Alcântara/G1)Elba Ramalho foi a terceira a subir no palco da Guadalajara, e conquistou o público de primeira, interpretando “Vida de viajante”. Fosse pelo repertório cheio de sucessos, tanto de Luiz Gonzaga quanto de outros músicos, ou pela forte presença de Elba no palco, o público parecia já não se importar com a chuva, que engrossava. Enquanto a cantora dançava animada no palco, acompanhada de seus bailarinos, as pessoas faziam da praça um grande arraial. Emocionada, ela encerrou sua apresentação com a oração de São Francisco de Assis, e foi acompanhada pelo público.

Em seguida, Domiguinhos deu um ar mais tranquilo à noite. Sentado com a sanfona no colo, desfilou canções como “Canta Luiz”, “Pagode Russo” e “Abri a porta”. A serenidade no rosto do músico, natural de Garanhuns, e a simultânea agilidade com os dedos davam a impressão de que ele e a sanfona eram um só. Mesmo que em tom mais calmo que o de Elba, ele conseguiu manter a animação do público, que vibrou ao ouvir “Isso aqui tá bom demais”.

Fechando a noite, o projeto Viva Gonzagão, organizado pela Sociedade dos Forrozeiros Pé-de-serra e Ai!, apresentou as canções do Rei do Baião para uma Praça Guadalajara um pouco mais vazia. A homenagem começou com a performance do poeta Antônio Marinho, que apesar de bonita, pareceu um pouco perdida dentro da noite. Em seguida, os músicos participantes do projeto, como Herbert Lucena, Cezzinha e Nádia Maia, tentaram esquentar a noite dos forrozeiros que resistiram ao frio.

O Festival de Inverno de Garanhuns segue até o dia 22 de julho, com shows, mostras, apresentações de teatro e circo, sessões de cinema e iniciativas em diversas áreas. Na noite desta sexta-feira (13), a Praça Guadalajara recebe as bandas Escravo e Bixiga 70, e as cantoras Zélia Duncan, Zizi Possi e Mônica Feijó, que deve substituir o grupo português Deolinda, que não pode vir ao Brasil para realizar seu show.

Para saber mais:

Boas opções de teatro durante o FIG


Como diz o poeta G. " Existem aqueles que gostam de teatro, os que amam teatro e os que FAZEM TEATRO!!!!!

Olhaê boas opções de teatro de Garanhuns durante o Festival de Inverno. A dicva é da Duvennie!

12/07 - 20h NA BATIDA DA BALADA (esquete TROUPE AZIMUTE) -
Chalé V GERES (Guadalajara) - teremos mais 3 apresentações, falta somente confirmar os dias.

15/07 - 17h TUDO VIRA TUDO (espetáculo teatral TROUPE AZIMUTE)
Pavilhão Economia ITEP - Parque Euclides Dourado

16/07 - 16h ARUÁ, O BOI ENCANTADO (espetáculo teatral TROUPE AZIMUTE) -
Pavilhão Castainho

16/07 - 19h PRISÃO DA MINHA VIDA
(espetáculo teatral GRUPO CARCARÁ e aula inaugural da OFICINA CONTINUADA DE INICIAÇÃO TEATRAL DO 22ª FIG) -
Teatro Luiz Souto Dourado

16/07 - 20h30 JULIERME DECLAMA POEMAS E FAZ INTERVENÇÃO CÊNICA no show de Lucas Notaro e os corajosos - Palco Guadalajara

17/07 - 14h primeira aula da OFICINA CONTINUADA DE INICIAÇÃO TEATRAL DO 22ª FIG - AESGA

18/07 - 13h PROJETO SALA DE COSTURA - Polo Magano (Valéria cantando, Irapoã na zabumba, Julierme no triângulo, Iago no agogô, eu no ganzá, molho e backvocal, Suzana no caxixi e molho e Diogo na flauta)

19/07 - 11h30 BOI DANADO (teatro de bonecos ROTA 104) - Polo Magano

21/07 - 10h BOI DANADO (teatro bonecos ROTA 104) - CEAGA

21/07 - 17h TUDO VIRA TUDO (espetáculo teatral TROUPE AZIMUTE ) Pavilhão Economia ITEP - Parque Euclides Dourado

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.