HIPER TODODIA

HIPER TODODIA
CLIQUE NA IMAGEM

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS
TUDO SOBRE O FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS - FIG 2017

GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE E SAIBA MAIS

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Giane Lira será a nova presidente da AESGA


Izaías Régis, prefeito eleito de Garanhuns, acaba de anunciar mais uma convidada para o futuro governo, e em um posto marcado pela gestão da competente Eliane Simões, a presidência da Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns - AESGA.

Convite feito e aceito.

O novo nome é Giane Lira, atual coordenadora do curso de Engenharia Civil, o que equivale a uma direção.

Giane Maria de Lira Oliveira é graduada em Engenharia Civil pela Fundação do Ensino Superior de Pernambuco e pós-graduada em Programação e Ensino da Matemática, pela Faculdade de Formação de Professores de Garanhuns – UPE/Campus Garanhuns. Mestre em Ciência da Educação pela Universidade Internacional de Lisboa. Também é professora da AESGA e leciona no curso de Administração.

Uma das pessoas de confiança de Eliane Simões, Giane tem profundo conhecimento da AESGA, tem grande simpatia do quadro de professores e funcionários e era quase uma unanimidade para dar continuidade ao trabalho da instituição. Seu nome teve apoio de pessoas influentes na educação da cidade.

Com Giane Lira, Izaías Régis dá prosseguimento às indicações técnicas em cargos de grande responsabilidade, como foi também Gerlane Melo, que foi convidada para a pasta de Turismo e Cultura.

Noite alucinante para fãs do Metal em Garanhuns


Garanhuns a cada dia se consolida no cenário musical e cultural, agora é a vez dos fãs do Metal, sábado dia 20 às 21 h no Bar Escritório. É a NOITE ALUCINANTE, com bandas Underground Pernambucanas, Best Conjurador (Recife); Carrasco (Recife); Instinct Noise (Garanhuns); Abominatos (Garanhuns) e Bonebreacker (Recife). 

Os ingressos antecipados na Crypt Tattoo ao preço de R$10,00 e concorrem a uma tattoo. 

Mais uma vez o produtor de eventos Rivelino Silva (Furia Night Produções) fortalece o nome de nossa cidade trazendo bandas de peso da capital pernambucana.

Sesc Garanhuns realiza 4ª etapa do Circuito de Corrida

Estão abertas até amanhã (19) as inscrições para a quarta etapa do Circuito Sesc Garanhuns de Corrida, que acontece no próximo domingo (21). A saída será às 8h30 do Parque Euclides Dourado. Comerciários e dependentes pagam R$ 10 (dez reais) e o público em geral R$ 15 (quinze reais). Mais informações pelo telefone (87) 3761.2658.

Sobre a energia nuclear


Este assunto é muito polêmico, mesmo entre doutores da área que em reflexão chega-se a acreditar que com o número de pessoas contaminadas por efeito de uma Usina Nuclear seja maior que acidentes de Aviões comerciais. Pois bem, em um avião que tem riscos de cair e que é pilotado por duas ou três pessoas com um número de passageiros entre 150 a 180, ai sim, o risco é enorme em relação a uma Usina Nuclear; se fala muito e não se tem o conhecimento aprofundado do assunto. 

A medicina hoje utiliza a Energia Nuclear para tratar pacientes com tumores irreversíveis, hoje em muitos casos chegando à cura com a utilização de métodos de tratamento com medicamentos enriquecidos nas Usinas Nucleares .

Caso a se pensar com carinho, pois estamos evoluindo muito neste campo, sou a favor da Usina como fonte de conhecimentos e melhorias na Saúde e também como fonte de energia LIMPA.

Genivaldo Carvalho

Uma grande sugestão para o Natal dos Sonhos



Caro Ronaldo César!
 
Enfim, aliviada com a vitória do POVO   em nossa cidade. Izaias,  prefeito, e a certeza que Garanhuns vai entrar e firmar-se  (em grande estilo)  para a rota do desenvolvimento de Pernambuco . Parabéns para o novo prefeito que já "começou"  com  o pé direito trazendo , como sinal de novos (e bons)  tempos,  mais investimentos para as Sete Colinas. 

Ao ler as recentes notícias do blog de Roberto Almeida, vi que o nosso natal não será mais o "natal dos sonhos"  pois ele ele vai se tornar realidade , e uma realidade  que não faltarão  sonhos, nem imaginação para os contos natalinos. 

Queria sugerir, Ronaldo, até para prestigiar (ainda mais)  a nossa gente, que nessa reunião com a CDL, amanhã (19),  ou em outra oportunidade  , a população pudesse participar também dando sugestões. O natal com a nossa cara. É preciso que se escute a voz que "veio das urnas", a voz  do povo, a voz da MUDANÇA. Para que de fato,  a discussão (democrática) seja e tenha a participação de todos os  segmentos da sociedade. Um grande abraço!
 
Obs.: A participação poderia começar com  enquetes feitas pelos blogs.   Caixas de sugestão deixadas em pontos estratégicos (é barato ) . Nas escolas (todas as redes) que tal brincar com o lúdico da criançada , estimulando a criatividade , e o interesse (desde cedo)  pela nossa cidade. Através  de um "concurso"  com a gurizada ,  nasceria o     título do nosso natal .  

Tudo isso (acredito)  é  participação do povo, de Garanhuns.
 
 
Carla Branco

Deputado solicita ao TCE um acompanhamento detalhado da transição em municípios de Pernambuco



O deputado estadual e vice-líder do governo, Sílvio Costa Filho (PTB), foi à tribuna na sessão plenária desta quinta-feira (18) registrar que vai encaminhar um ofício ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) para que haja um acompanhamento ainda mais detalhado e uma maior fiscalização dos processos de transição administrativa em municípios de Pernambuco.

Sílvio Costa Filho salientou que alguns prefeitos estão descumprindo as Leis Orgânicas municipais, as quais determinam prazos para que os atuais prefeitos definam equipes de transição. Os gestores devem emitir e entregar um relatório atualizado sobre a situação da máquina pública aos respectivos sucessores, contendo dados sobre dívidas municipais, prestação de contas de contratos, projetos de leis do Executivo em tramitação nas câmaras municipais, entre outros.

Sílvio Costa Filho parabenizou o desprendimento e a tranquilidade do atual prefeito do Recife, João da Costa (PT), ao trocar informações de maneira colaborativa com o futuro gestor Geraldo Julio (PSB). No entanto, destacou que em algumas cidades do Estado a transição não está acontecendo com a mesma cordialidade.

“João da Costa está agindo com grandeza ao contribuir com o futuro prefeito do Recife, repassando a real situação da administração pública. Infelizmente isso não vem ocorrendo em alguns municípios de Pernambuco, onde os atuais prefeitos dificultam o trabalho da equipe sucessora com falta de publicidade e transparência, paralisação de obras, desequilíbrio fiscal e omissão de informações necessárias para o início de uma boa gestão”, destacou Costa Filho.

O deputado complementou, também, que quem ganha com uma transição pacífica e cooperativa são as cidades e as pessoas. “Nosso papel é trabalhar e lutar para um crescimento justo e igualitário dos municípios e do Estado, visando o bem-estar das pessoas. Independente de qual seja a gestão, nós, agentes públicos, temos o dever de fazer o melhor para as cidades”, frisou.

Cimbres ou Garanhuns, quem era a sede do Ararobá?




Quatro anos após a destruição do Quilombo dos Palmares, o governo da capitania instalou por volta de 1700 nos Campos do Garanhuns um distrito judiciário sob a forma de Julgado com a denominação de “Capitania de Ararobá” e uma Freguesia (menor divisão administrativa de uma província) de nome “Santo Antônio do Ararobá”.

A primitiva Garanhuns era uma área imensa com 30.000 km quadrados, um território que hoje englobaria os municípios de (Arcoverde, Pedra, Buíque, Águas Belas, Canhotinho, Brejão, Angelim, Correntes, Quipapá, Pesqueira, São Caetano, Custódia, Sanharó, parte de Caruaru entre outros).

Em 1762 com a formação da Vila de Cimbres, (povoado de Pesqueira) Santo Antônio do Ararobá perdeu provisoriamente a condição de sede da capitania recuperando o posto logo depois. Quando a sede retornou para Garanhuns, esta passou a se chamar Julgado de Garanhuns e depois Santo Antônio de Garanhuns.

Quer saber mais?

Acesse o novo blog GARANHUNS CULTURAL, editado pela Núbia Lima.

Lojas do Estado podem ser obrigadas a cumprir prazos de entrega de mercadorias


O número de queixas de consumidores em relação a atrasos no serviço de entrega de mercadorias oferecido pelos estabelecimentos comerciais do Estado vem crescendo nos últimos anos. As lojas de móveis e eletrodomésticos são as campeãs no número de reclamações. 

Com o objetivo de garantir o respeito aos direitos dos consumidores, o deputado Júlio Cavalcanti (PTB) apresentou Projeto de Lei que obriga as lojas a fixarem, no ato da compra, a data e o turno para entrega do produto. O projeto já foi aprovado em plenário pela Assembleia Legislativa do Estado (Alepe) e enviado para assinatura do governador Eduardo Campos, que tem o prazo de 30 dias para decretar a lei.
 O foco principal da proposta é não omitir informações ao consumidor, evitando transtornos e aborrecimentos para todos os envolvidos, cliente e fornecedor. “O data e o turno para entrega fica a critério da loja. A nossa preocupação é que o prazo seja cumprido”, explica o deputado Júlio Cavalcanti. Caso o tempo determinado pela loja não seja cumprido, o responsável receberá uma advertência e, havendo reincidência, uma multa que poderá variar entre R$ 1 mil e R$ 10 mil.

Vale lembrar que a Lei vale para compras presenciais, ou seja, aquelas efetuadas pessoalmente pelo consumidor nas lojas com sede física em Pernambuco. A norma não abrange as compras pela internet.

Izaías consegue R$ 1 milhão para obras de infra-estrutura na COHAB 2

Acabamos de receber a informação de que o Deputado Estadual Izaías Régis, através da LOA (Lei Orçamentária Anual), conseguiu a destinação de R$ 1 milhão já para o ano de 2013, para obras de infraestrutura para a Cohab 2, em Garanhuns.

O valor estará na disponível pela Secretaria de Transportes do Governo do Estado de Pernambuco, e deve ser investido na pavimentação de diversas ruas.

CONVITE PARA O ENCERRAMENTO DA SEMANA NACIONAL DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA‏


A Prefeitura Municipal de Garanhuns, através da sua Secretaria de Desenvolvimento Econômico, em conjunto com as unidades acadêmicas de Garanhuns UFRPE, UPE, IFEPE, AESGA ,e o Espaço Ciência , convidam a todos para participarem da Solenidade de Encerramento da Semana Nacional da Ciência e Tecnologia, que ocorrerá às 14h do dia 21de outubro de 2012, no Parque Euclides Dourado.

ARTIGO: Energia nuclear: por que tanta insistência?



Heitor Scalambrini Costa

Professor da Universidade Federal de Pernambuco


Após o desastre nuclear de Fukushima ocorrido em 11 de março de 2011 no Japão, o mundo é surpreendido por revelações que mostram o quanto à questão nuclear é um tema que a indústria do setor e governantes omitem e escondem informações da população.

 A ultima revelação em relação ao desastre na central nuclear japonesa operada pela empresas Tokyo Eletric Power Company (Tepco) foi o relatório tornado público recentemente (depois de um ano e meio do ocorrido) intitulado “Politica fundamental para a reforma da organização da energia nuclear da Tepco” (tradução livre). É relatado nas 32 paginas deste documento, que mesmo antes do terremoto seguido do tsunami ter provocado à inundação dos reatores nucleares com a liberação para o meio ambiente de produtos radioativos, a empresa já sabia que os sistemas de proteção dos reatores existentes eram insuficientes para um evento da magnitude do ocorrido. Como declarado pelos dirigentes da empresa, eles negaram fechar a central para implantar as medidas de segurança apontadas como necessárias para garantir a segurança, meramente por razões econômicas. Houve uma clara omissão dos dirigentes da Tepco, numa tentativa de minimizar o risco da ocorrência de um tsunami na região e suas consequências. Demonstrando assim, o quanto amam o dinheiro e odeiam a vida. O que nos parece ser uma visão predominante no setor nuclear mundial.
 Depois da descoberta das inúmeras “trapaças” realizadas pela Tepco, a população japonesa tem pressionado o governo, realizando inúmeras manifestações públicas demonstrando ser contrária a continuidade e a expansão desta fonte de energia no país. Toda a pressão popular acabou surtindo efeito, e em setembro último foi anunciada pelo governo, a decisão do país em afastar progressivamente do modelo nuclear, substituindo-o pelas fontes renováveis de energia.
 Além do Japão, anteriormente à Alemanha, Itália, Bélgica, Áustria entre outros países, já haviam decidido abandonarem a construção de novas usinas nucleares, e fecharem as existentes. Ate mesmo a França, ícone do uso da nucleoeletricade no mundo, também decidiu iniciar um processo de redução da participação do nuclear em sua matriz energética.
 O que surpreende é que no Brasil, autoridades do Ministério de Minas e Energia, “lobistas” da área nuclear e membros da academia continuam insistindo no Programa Nuclear, que prevê a construção de Angra III e mais quatro usinas nucleares até 2030. Sendo duas delas no Nordeste brasileiro.
 Mesmo com ampla maioria da população 79 % se posicionando contra o uso da energia nuclear no país, segundo uma pesquisa de opinião realizada pela BBC, não foi suficiente para convencer o governo federal de rever sua decisão autoritária. No caso da instalação de usinas no Nordeste, um dos locais pré-selecionados foi o município de Itacuruba (481 km de Recife), que teve amplo apoio do governo de Pernambuco que se posicionou publicamente favorável a instalação em seu território desta central, mas após a catástrofe de Fukushima tergiversa sobre o assunto.
 Os movimentos antinucleares (http://www.brasilcontrausinanuclear.com.br/,  http://www.greenpeace.org/brasil/pt/ e http://antinuclearbr.blogspot.com.br/têm realizado inúmeras atividades e campanhas de esclarecimento e de informações junto à população sobre os riscos intrínsecos da energia nuclear e os perigos de um acidente. A receptividade desta mensagem demonstra o quanto é rejeitada a decisão governamental de incluir na expansão da oferta de energia elétrica as usinas nucleares em nosso país. Na Rio +20, houve um espaço,  a “Tenda Antinuclear”, local onde ocorreram várias atividades, desde palestras, depoimentos e relatos de atingidos por desastres nucleares, debates, filmes, mostrando os riscos da tecnologia nuclear, desde a mineração do urânio. Foi enfatizado e demonstrado que pela riqueza da biodiversidade e da disponibilidade das fontes renováveis, o Brasil não precisa da eletricidade nuclear para atender suas necessidades de energia, nem no presente e nem para o futuro.
 Em razão de todos os argumentos e das ações contrárias ao uso da energia nuclear em todo o mundo, alertamos a população brasileira que mesmo este assunto não estar na pauta da mídia empresarial de nosso país, o governo federal continua com o firme intento de construir novas usinas nucleares, e investe hoje mais de 10 bilhões de reais na construção de Angra 3. Daí, não devemos esmorecer esta luta e exigir das autoridades que interrompam imediatamente o programa nuclear em andamento, e que seja afastada definitivamente a ameaça que ronda o povo brasileiro.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.