GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO
CLIQUE E SAIBA MUITO MAIS

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

segunda-feira, 18 de março de 2013

BOA NOTÍCIA EM BOLETIM MÉDICO: Dominguinhos tem sinais de recuperação



O músico Dominguinhos, internado desde o início do ano por causa de uma infecção respiratória e arritmia cardíaca, está "minimamente consciente", informou boletim médico divulgado na noite desta segunda-feira (18). Ele está no Hospital Sírio-Libanês desde 13 de janeiro.

"Houve melhora do quadro cardiológico, respiratório e renal. Do ponto de vista neurológico, ele apresenta estado minimamente consciente, demonstrando discretos sinais de recuperação", informa boletim assinado pelos médicos Antonio Carlos Onofre de Lira e Paulo Cesar Ayroza Galvão. Ele permanece internado, sem previsão de alta.

Visita

Na noite de sábado (16), Dominguinhos recebeu a visita do amigo e cantor Sérgio Reis. Segundo a mulher de Dominguinhos, Guadalupe Mendonça, Sérgio Reis cantou e conversou bastante com o músico. "Ele reagiu e ficou muito feliz, muito emocionado", disse.

A mulher disse que os danos neurológicos “foram os mínimos possíveis”. Guadalupe citou que, recentemente, a cantora Elba Ramalho esteve com ele no hospital, cantou ao pé do ouvido e rezou. Segundo a mulher, essas visitas são importantes para o estímulo neurológico de Dominguinhos.

"Estamos fazendo um trabalho junto com uma neuropsicóloga para resgatar a memória dele, para incentivá-lo a querer viver e não desistir", disse a mulher do músico.

Ela disse que coloca músicas, mostra fotos e revistas e conversa bastante com Dominguinhos para estimular seu cérebro. "Aos poucos, ele está tendo momentos de consciência. Ele se comunica através do olhar, se emociona, chora e olha nos meus olhos", afirmou.

Dominguinhos tem diabetes e luta contra um câncer de pulmão. Ele foi internado em 17 de dezembro no Hospital Santa Joana, no Recife, e acabou transferido para a unidade de saúde paulistana no dia 13 de janeiro. “Ele tirou o marcapasso provisório, que veio do Recife para cá, o pulmão dele está ok, o rim dele também está normal. Ele teve oito paradas cardíacas, ficou 23 minutos fora do ar e o coração dele agora está ótimo, não tem nenhuma arritmia”, contou.

Medalha

Nesta segunda, Mauro José de Moraes, filho do músico, recebeu a Medalha da Ordem do Mérito dos Guararapes no lugar do pai, na sede do Governo de Pernambuco, em Recife. A comenda, entregue pelo governador Eduardo Campos, é um reconhecimento a personalidades locais.

Moraes disse que o estado de saúde de Dominguinhos está estabilizado. “Em nenhum momento eu falei que ele estava mal. A gente está orando muito para ele sair dessa. A única coisa que preocupa mesmo é o estado neurológico dele", disse durante a solenidade. Sobre o suposto coma irreversível, ele afirmou que o estado foi repassado por um dos médicos.

“Ele (o médico) me falou que o estado de saúde dele inspirava cuidado e que ele estava em coma. Mas tem aquele negócio: eu não acredito em médico, só quem tem esse poder é Deus. Então eu sempre acordo de manhã, estou acompanhando ele há três meses, pedindo a Deus que eu chegue lá no hospital e ele tenha acordado. Só quem tem esse poder é Ele”, comentou o filho do músico.

História

José Domingos de Moraes, o Dominguinhos, de 72 anos, é natural de Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. Conheceu Luiz Gonzaga com oito anos de idade. Aos 13 anos, morando no Rio de Janeiro, ganhou a primeira sanfona do Rei do Baião, que três anos mais tarde o consagrou como herdeiro artístico.

Instrumentista, cantor e compositor, em 2002 ganhou o Grammy Latino com o CD "Chegando de Mansinho". Ao longo da carreira, fez parcerias de sucesso com Gilberto Gil, Chico Buarque, Anastácia, Djavan, entre outros. Atualmente, Dominguinhos é considerado o sanfoneiro mais importante do país.

Crítico das Bandas de Forró

Dominguinhos disse ao G1, em entrevista durante o São João de Campina Grande (PB) em 2008, que "forró é igual ao rock porque não deixa ninguém parado". Ele provocou polêmica ao comentar o recente sucesso do chamado forró eletrônico. “Não dá pra dizer que aquilo é forró. Eles deveriam tentar se entitular de outra forma, porque aquilo não tem nada de forró. Não tem identidade. É uma grande mentira”, disse o sanfoneiro à época.

Ele citou o exemplo das letras das músicas que se tornaram hit do São João pernambucano e paraibano, como ‘Chupa que é de uva’, do Aviões do Forró, e ‘Senta que é de menta’, do Cavaleiros do Forró. “É tudo muito apelativo e descartável. Eu critico a qualidade musical. As letras são péssimas e falam muita bobagem. É tudo anti-musical”, disse o músico ao G1.

http://g1.globo.com/


ENTREVISTA: Armando Monteiro está preocupado com volta da inflação


radio_olinda_materia

O senador Armando Monteiro está preocupado com a ameaça da volta da inflação no Brasil. Em entrevista ao programa De Olho na Cidade, com Ciro Bezerra e Aderval Barros, na Rádio Olinda, o parlamentar pernambucano afirmou que o país já está no limite da meta de inflação. “Ela está batendo no teto. Você sabe que, nestas políticas de metas, temos o centro da meta e o teto. E sabe-se que se não tivesse acontecido aquela redução do preço da energia nós já tínhamos extrapolado o teto. Isto é um perigo”, acrescentou.

Na entrevista, Armando elogiou a iniciativa tomada pela presidente Dilma de desonerar a cesta básica e mostrou confiança no crescimento do Brasil em 2013, mas foi enfático ao defender a estabilidade monetária: “O Brasil não pode descuidar-se do controle da inflação. O controle da inflação não é mais algo de governo. É um valor social. O brasileiro já não aceitaria uma situação de descontrole inflacionário”.

Leia abaixo alguns trechos da entrevista:

Desoneração da cesta básica

Armando Monteiro – “Foi uma medida correta. O Brasil há muito tempo já deveria ter desonerado a cesta básica. Uma das características mais perversas do sistema tributário nacional é que toda a arrecadação, praticamente, deriva de impostos indiretos. É o imposto que está no preço dos bens, das mercadorias e dos serviços que nós consumimos. Isto significa é que quem paga mais é quem tem menos renda. Veja o paradoxo. O sistema é regressivo. Numa cesta básica destas quem ganha menos paga, proporcionalmente, muito mais tributo. Quando se compra artigos de higiene, por exemplo, o rico está pagando a mesma carga tributária que o pobre. Então em vez de ser um modelo progressivo de tributação, em que os que ganham mais pagam mais, o sistema no Brasil é regressivo. Termina por penalizar os que ganham menos. Então, era necessário ter desonerado a cesta básica há muito tempo. O importante é que a presidente Dilma tenha dado este passo”.

“Agora, num primeiro momento, há todo um acerto na cadeia produtiva para poder fazer com que efetivamente esta desoneração passe ser sentida lá na ponta pelo consumidor. Mas eu não tenho dúvida de que nós vamos poder, com esta desoneração reduzir, de forma significativa, os preços da cesta básica”.

A economia em 2013

Armando Monteiro – “Eu gosto sempre de fazer um exercício positivo e otimista. O Brasil teve um desempenho frustrante ano passado, um Pibinho, como se convencionou chamar. Realmente, a atividade econômica se revelou muito débil, sobretudo considerando fatores como o desempenho negativo da indústria, que concorreu para que o PIB crescesse pouco. E porque a indústria está crescendo pouco? Porque a indústria está perdendo competitividade, ou seja, está caro produzir no Brasil. No Brasil a energia é cara, os problemas de logística, de infraestrutura, a produtividade na área da indústria não tem acompanhado o aumento dos custos, inclusive trabalhistas. Então, o Brasil vem perdendo competitividade. E com isto há uma maior penetração de produtos manufaturados importados”.

“Por outro lado, o investimento, que afeta o PIB, caiu também: 4 pontos percentuais. Felizmente, este dado de janeiro (expansão de 1,29%, na comparação com dezembro de 2012, do Índice de Atividade Economia / IBC-BR), que é um dado antecedente, ou seja, antes de medir o desempenho do PIB pelo IBGE, o Banco Central faz uma avaliação do nível da atividade da economia. E aí, felizmente, este dado de janeiro surpreendeu positivamente. Ele foi além da expectativa do mercado. Se você tomar esta taxa que nós tivemos em janeiro, 1.29% de crescimento sobre a base anterior, se você projetar isto, de forma anualizada, nós já poderíamos estar crescendo num ritmo de 4%. Ora, se tivemos 0,9% de crescimento ano passado e já estamos em uma velocidade, digamos, de Cruzeiro, de 4%, nós vamos ter um desempenho melhor”.

A ameaça da inflação

Armando Monteiro – “Preocupa. Nós já estamos com uma inflação alta. Ela está batendo no teto. Você sabe que, nestas políticas de metas, temos o centro da meta e o teto. E sabe-se que se não tivesse acontecido aquela redução do preço da energia nós já tínhamos extrapolado o teto. Isto é um perigo. O Brasil não pode descuidar-se do controle da inflação. O controle da inflação não é mais algo de governo. É um valor social. O brasileiro já não aceitaria uma situação de descontrole inflacionário. Então, eu acho que mesmo que você tenha que recorrer – e eu falo com a autoridade de quem sempre se colocou contra aquela política de juros do passado - ao remédio amargo, circunstancialmente, episodicamente, de elevar um pouco a taxa de juros, para não deixar a inflação sair do lugar, eu acho que isto se justifica. Porque o pior dos mundos é você ter um recrudescimento da inflação, porque quem paga são exatamente aqueles que têm menor renda”.

Crédito da foto: Assessoria de imprensa/divulgação

CONFIRA AS FOTOS da grande Festa de São José em Paranatama









A prefeitura de Paranatama tinha bons motivos para fazer a festa no Povoado do Brejo Velho. Além de comemorar o padroeiro São José, ainda entregou a construção da praça central, totalmente urbanizada, calçada e com canteiros centrais, com destaque para os jardins e árvores plantadas, que vão mudar a cara do simpático distrito.

Além da programação religiosa, apresentações culturais marcaram a festa, que recebeu o maior público de sua histórica.

Confira as imagens do sábado à noite, que teve Miltinho Magalhães e Ronaldo Cesar e a Tropicana.

A festa repercutiu bem em toda região, pois privilegiou os artistas da terra, com custo baixo, excelente organização e aprovada pelo público.

Parabéns ao Brejo Velho, ao prefeito Zé Teixeira e seu vice, Valmir do Leite. Além dos profissionais que organizaram o evento, como Eduardo Cabral, Wando Pontes, Paulinho Roberto, entre outros amigos!

Para ver mais imagens...  BLOG DA TROPICANA 
.

ESPORTE: Marcos Antônio vence a Corrida de São Cristóvão em Aracaju


Quatorzes corredores da equipe de atletismo de Garanhuns participaram ontem (17) da 30ª edição da Corrida de São Cristóvão, em Aracaju (SE). Mais de mil atletas fizeram um percurso de 25 quilômetros entre áreas urbanas e rurais.

Entre os representantes de Garanhuns, estava Marcos Antônio, que mais uma vez levou o nome do município ao primeiro lugar do pódio da tradicional corrida. Em 2009, ele foi campeão da competição. Em 2010 ficou em segundo lugar e em 2011 na terceira colocação.

E o pódio teve mais atletas da equipe de Garanhuns. Ênio Kleiton ficou na terceira colocação e Jair José chegou em quinto lugar.

Para o treinador da equipe, Adejílson Mendes, mais conquistas como esta devem acontecer durante o ano. “A nossa preparação é contínua e teremos mais competições durante o ano. Queremos levar o nome de Garanhuns cada dia mais longe”, afirmou.

Sport venceu o favorito. Campeonato equilibra de novo.


O Náutico perdeu e continua líder, isto mostra que a equipe era a melhor do campeonato, pelo menos até agora, mas continua sendo, entretanto esta derrota mostra que não será imbatível.

O Sport vinha mal, muito mal. Os principais jogadores sendo questionados pela torcida. O técnico caiu. O presidente expondo o clube negativamente na imprensa. Mas aí vem uma vitória em um clássico, e todo o passado é esquecido. Uma nova lua de mel. Ao menos até o próximo resultado ruim.

O Náutico manteve uma base que deu certo no ano passado, e vinha sobrando nas últimas rodadas, com um ataque arrasador. O Sport caiu de divisão e decepcionou no Nordestão, onde era um dos favoritos, ao lado dos baianos.

Como o Santa Cruz é irregular, podendo fazer partidas completamente diferentes, conseguindo vitórias impressionantes e derrotas humilhantes, o Náutico com sua base, dinheiro de Série A e time mais completo, era o favorito para ganhar o campeonato, quase uma obrigação!

Mas veio o jogo de ontem e mostrou que não existe favoritismo quando se colocam frente a frente as três camisas do futebol pernambucano, e nacional.

Reequilibrou o campeonato.

Mas os rubronegros não se enganem. Há dois anos não consegue montar um time condizente com o que a torcida espera. Perdeu dois pernambucanos e foi rebaixado no brasileirão. A derrota no Nordestão também foi difícil de engolir. Entretanto pode dizer que saiu para o campeão Campinense.

Fizemos uma enquete no facebook, e sete internautas acertaram o placar. Vão ganhar kits da TROPICANA.

AESGA: Últimas vagas para a pós-graduação em Auditoria em Serviços de Saúde



A Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns (AESGA) ainda dispõe de vagas para o curso de Pós-graduação em Auditoria em Serviços de Saúde.

Especialmente desenvolvido para os gestores da área de saúde, a especialização tem como principal objetivo habilitar profissionais para atuarem na avaliação, implantação, desenvolvimento e controle da Auditoria de Sistemas e Serviços de Saúde, gerados no processo da assistência, otimizando os recursos existentes nas organizações, especializando os profissionais na administração de serviços e auditagem em saúde.

Além de capacitar os profissionais para o exercício competente das funções de auditores de sistemas de saúde, o Curso ainda tem a função de formar profissionais para prestação de auditoria em empresas prestadoras de serviços, como hospitais, clínicas e laboratórios e de assistência médica e hospitalar.

As inscrições estão sendo realizadas no protocolo da Instituição, no horário das 14 às 21 horas. As aulas terão início no próximo mês de abril.

Maioria prefere não ter São João em Garanhuns, mas muuuita gente gostaria!


Em cada 10 e-leitores do nosso blog, seis acham desnecessário investir em um São João em Garanhuns, já que a festa está a poucas semanas do Festival de Inverno, entretanto a quantidade de pessoas que gostaria de ver nossa cidade no circuito junino, com uma festa tradicional, não pode ser desprezada. 40% dos poucos mais de 200 e-eleitores que responderam nossa enquete, votaram pelo retorno do investimento cultural na cidade.

Confira:

QUANTO AO SÃO JOÃO, VOCÊ ACHA QUE...

Garanhuns deve investir como outros municípios e fazer um grande evento, resgatando esta festa tradicional nordestina. 
81 (39%)

Garanhuns não tem tradição. É melhor fazer algo simples e investir no Festival de Inverno, que é muito próximo. 
122 (60%)

Total de Votos: 203 

AGORA COMIGO: Sempre achei que o São João é uma festa tão tradicional e cultural que deveria ser obrigatória, por fazer parte da essência da nossa região e da nossa gente! 

Deveria ser obrigatória, assim como existem investimentos obrigatórios em outros segmentos da administração pública. Quando um município perde seu aspecto cultural e suas tradições, abre espaço para a entrada de elementos que não têm a raiz e nem as características históricas, fazendo com que a própria identidade de um povo esteja em risco. 

Um povo sem história nem memória é mais vulnerável às imposições culturais estrangeiras, e à onipresença dos meios de comunicação em massa!

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.