GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

GOVERNO DE PERNAMBUCO

segunda-feira, 24 de junho de 2013

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS 2013: Veja melhor as atrações da programação



Em um encontro realizado nesta terça-feira (18), foram debatidas mudanças na estrutura, que será montada para o Festival de Inverno de Garanhuns, na Praça Guadalajara. As alterações são para garantir mais mobilidade e visibilidade no espaço.

Autoridades se reuniram para definir como será montada a estrutura na praça para o festival. Com um mapa que representa a área, os participantes definiram o que iria mudar no espaço. Uma das novidades anunciada pelo arquiteto da Fundarpe foi a relocação da House Mix, local onde trabalham os técnicos de som.

A mudança é para melhorar a visibilidade do palco. Uma das mudanças que vai acontecer este ano é em relação ao posicionamento das barracas de alimentação. Antes, elas ficavam dos dois lados desta via, agora elas vão ficar apenas do lado oposto ao Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti. A medida visa melhorar a mobilidade.

Essa alteração deve ajudar principalmente no deslocamento de ambulâncias e de carros do corpo de bombeiro que precisem sair rapidamente da praça. A Polícia Militar terá seis pontos de revista, para evitar que armas e drogas entrem no espaço. Os PMS também deverão ter a saída facilitada com a mudança na posição das barracas.

A secretária de cultura informou que as barracas que ficavam encostadas ao centro cultural, serão relocadas para outros espaços. Para ela, as mudanças na estrutura devem beneficiar a organização do festival.

Para conferir a reportagem clique no link da TV ASA BRANCA.

Audálio Filho pediu ao Governo do Estado providências sobre a JOTUDE e Rodoviária Municipal



No último sábado, a empresa de ônibus intermunicipal JOTUDE teve sua movimentação suspensa provisoriamente no TIP - Terminal Integrado de Passageiros na capital pernambucana. A decisão do órgão estadual responsável por fiscalizar e coordenar as ações foram motivadas pela falta de compromissos da empresa em resolver irregularidades constatadas, cujo prazo era de quinze dias.

O órgão a que nos referimos é o EPTI - Empresa Pernambucana de Transporte Intermunicipal, criada em 2011, para melhor controlar o sistema estadual. 

O vereador Audálio Ramos Filho, presidente da Câmara Municipal, apresentou o Requerimento Nº 339/2013 de 30 de abril de 2013, solicitando ao Secretário de Transporte do Estado e a Empresa Pernambucana de Transporte Intermunicipal, auditoria e intervenção nos serviços prestados pelas empresas SOCICAM e JOTUDE no terminal Rodoviário de Garanhuns, bem como a revitalização do referido terminal.

Esta semana, o vereador recebeu o Ofício Nº 042/2013/DP-EPTI, que responde o seu Requerimento, fazendo inclusive a leitura na reunião ordinária da última sexta-feira, 21. Diz o órgão estadual que atendendo a solicitação de Audálio Filho, foi feita uma reunião com a empresa que administra o terminal rodoviário e que ainda nesse mês de junho será dado início aos serviços de requalificação física do terminal, bem como a melhoria dos serviços prestados aos usuários.

E em relação à JOTUDE, no dia 03/06/2013 a EPTI notificou a referida empresa de transporte, concedendo um prazo de 15 dias para a JOTUDE sanar todas as falhas e transgressões, com risco da empresa perder a permissão de operar a linha. 

No sábado, 22, portanto findo o prazo concedido, a empresa foi impedida de circular saindo de Recife, onde teve seis ônibus parados com a ordem da fiscalização estadual.

Todo este processo também foi encaminhado ao Secretário Isaltino Nascimento pelo vereador de Garanhuns.

Sílvio Santos diz que manifestações não têm objetivo



Em uma rara entrevista, feita com insistência pelo repórter Joelmir Tavares, do jornal "Folha de S.Paulo", Silvio Santos falou sobre vários assuntos, inclusive das manifestações pelo país!

Ele deu sua opinião sobre os protestos que estão acontecendo: “Eles não têm objetivo, né? Deviam ter um objetivo, deviam pedir alguma coisa. Dizer: "Olha, nós estamos fazendo esse protesto para poder ter uma lei contra os menores de idade que cometem crimes". Ou: "Estamos fazendo esse protesto para pelo menos ver se os responsáveis pelo mensalão são punidos". Ah, mas o protesto é sobre tudo. Então não é sobre nada”.

Responsável pela Vigilância Sanitária Municipal defende aprovação do Código Sanitário e faz críticas à oposição

Transcrevemos o texto abaixo do facebook de Katharina Almeida, da Vigilância Sanitária Municipal, que explica a necessidade da criação urgente do Código Sanitário, uma exigência do Ministério da Saúde. Entretanto, a profissional faz também um desabafo contra a oposição ao governo que expôs a criação da taxa a ser cobrada pela Prefeitura, na criação do Código. Embora a profissional não cite, mas a mensagem parece estar dirigida ao vereador Sivaldo Albino, que tem sido o mais enfático, inclusive levando à imprensa, blogs, rádio e jornais, seu posicionamento contra a criação de novas taxas, sendo marcante também sua defesa contra o aumento da Taxa de Iluminação Pública.

Acreditamos que o posicionamento de Sivaldo não é contrário à aprovação do Código Sanitário, e o debate aberto pela responsável pela Vigilância mostra que é realmente necessário ampliar a discussão, mostrando à população os benefícios e a necessidade do município ter uma fiscalização mais eficaz.

A matéria sobre o Código de Vigilância Sanitária está na Câmara de Vereadores. Deveria ter sido votada esta semana, mas diante da repercussão negativa, o próprio prefeito solicitou a retirada do projeto e a instalação de um debate, podendo haver até uma Audiência Pública na Casa Legislativa no segundo semestre.

Talvez tivesse sido o caso da ter aprovado o projeto sem os artigos que tratam das taxas, segundo Katharina, apenas um ou dois, e depois versar sobre estas cobranças, de uma forma participativa, pois o fato político das manifestações contra impostos e serviços públicos de má qualidade estava também nas ruas de Garanhuns, o que poderia gerar um mal estar para o executivo municipal, indo de encontro à voz das ruas.



Transcrito do facebook.

(SIC) Em resposta a vários comentário sobre o código sanitário municipal, o que dá mas vergonha, é colocarmos em risco a saúde da população de Garanhuns, que se não é do conhecimento da população, o código sanitário é composto de 89 artigo, o qual , só dois foram citados pela oposição, sendo que os 87 artigos preconiza nossa saúde,a saúde da nossa população, melhorias nas prestações de nossos serviços de saúde, Vigilância Sanitária, prever risco e agravos a saúde da população. È o que preconiza o código sanitário municipal, outra coisa essa exigência que seja regularizado esse código, vem por determinação da ANVISA- Agencia Nacional de Vigilância Sanitária, desde de 1999 e como são ações decentralizadas pela esfera Federal, passa p o Estado e são repassada para o município, a Esfera Federal, sempre cobrou taxa e repassou p o Estado, dando plenos poderes ao Estados as cobranças de taxas e com isso o Estado decentralizou p o município exigindo tal regulamentação. 

Temos mas de 100 mil habitantes no nosso município, por isso, temos que está regulamentados segundo a ANVISA. E como o governo Izaías, prioriza a saúde da nossa Garanhuns, tenho certeza q ele quer uma população com saúde, e n doente, apresentando uma gastroenterite,DTA e vindo a óbito, isso sim p oposição só é apenas menos um no município , desde o momento q não seja família da oposição. pq se fosse com certeza ele seria o primeiro a querer lutar p q o código sanitário municipal seja implantado.

Outra coisa, q me surpreendi com a oposição em uma das suas entrevistas aos ouvintes da radio, foi pedir a desinterdição dos chafarizes da vila do quartel p população. Onde temos laudos técnicos do LACEN - Laboratório de referencia do Estado, onde temos resultados insatisfatórios, de coliformes fecais e totais insatisfatório no caso do Microbiológico, q essa poderia ter sido resolvido c tratamento da água e com sujeita monitorização. Mas já a físico- químico, q o resultado foi também foi insatisfatório, sendo q esse o resultado foi metais pesado , vou dá um exemplo, se uma gestante consumir essa água o bebe venha a óbito, e isso sim seria uma irresponsabilidade da vigilância Sanitária desinterditar uma coisa que causa risco a saúde da população. 

Isso sim, seria uma irresponsabilidade, e falta de respeito c nossa população e n uma taxa ANUAL q já era cobradas pelo Estado. Essa oposição, tem amor pela população? Graças a Deus, que não é o caso no nosso atual Prefeito Izaías. A oposição deve quer se promover as custa dessa população?

Outra coisa, os feirantes, os vendedores de coentro , de cebola, pipoqueiros, confeiteiros etc, que serão cobrados taxas,segundo a oposição, esses não terão taxa, como a oposição falou, eles serão sujeitos a fiscalização e a cadastramento, não a cobranças de taxas como falou a oposição. O código sanitário, cobra sim de ESTABELECIMENTOS, Exemplo: Sou feirante, lido c abate de aves(frango) na feira, eu mesmo abato os animais, n tenho responsável técnico, e nem registro daquele frango, p diagnosticar se aquele frango n tem nenhuma patologia q possa colocar em risco a saúde do consumir, esse sim será sujeito a fiscalização e alvará da licença sanitária, por se tratar de um produto clandestino, sem registro e sem procedencia. 

Outra situação a do salão de beleza e manicure, salão, temos caso de uma escova inteligente onde a cliente sofreu queimadura de terceiro grau por uso de produto caseiro feito pelo dono do salão, esse cliente além de sofrer c a queimadura, pode vim a desenvolver câncer no futuro, tumor maligno por produto não registrado(clandestino)esse produto deve conter registro pela ANVISA ou MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manicure, corre muitos riscos a população, citar alguns : AIDS, HEPATITES, FUNGOS (DERMATOMIOSITES) , etc

Outra ocasião, os carros q fazem entregas de alimentos,seja motos, carros baú ou caminhões pipas ,(n importa o tamanho), tb serão sujeitos a taxas, isso é lei Federal, os fornecedores de alimentos , tem q serem de uso exclusivo p alimentos e não transportar lixo hospitalar, e/ou lixo comum,gasolina etc, e depois transportar o alimento p nós q consumimos, então, isso pode pela oposição e o consumidor que venha a ÓBITO?

Quem tinha o estabelecimento regularizado já pagava taxas anuais ao ESTADO , então, o estabelecimento q prioriza a ser certo dentro das legalidades , garanto q concorda com a implantação do código sanitário municipal, já a oposição, ou estabelecimento q n quer vender saúde ao consumidor, gerando um contra a saúde pública, esse sim é contra o Código sanitário, garanto q a oposição n consume nenhum alimento improprio p consumo, ex: uma carne clandestina q tenha uma patologia chamada Tuberculose Miliar ,entre outras, caso de frango- salmonela, alimentos fora do prazo de validade, essas três exemplos, que são mínimos para tantos que temos,essa patologia poderíamos contrair a doença e chegar a ir a óbito, isso sim , seria mas barato do que uma taxa ANUAL, de no máximo r$120,00 por ano. 

Em pró da saúde da população. A oposição n se importa c a saúde da população e sim c os fatos q ela pode vim a se eleger nas próximas eleições. Isso é absurdo sim!!! Graças a DEUS , n é o caso de nosso atual Gestor o Prefeito IZAÍAS , que prioriza a Saúde da população de nossa Garanhuns. Parabéns, Prefeito Izaias. Sei que venceremos essa batalha em pró da saúde do nosso Garanhuns.

Katharina Almeida

Dilma se reúne com jovens líderes do manifesto, governadores, prefeitos das capitais, OAB e CNBB



A presidente Dilma Rousseff se reúne nesta segunda-feira (24), às 14h, no Palácio do Planalto, com representantes do Movimento do Passe Livre (MPL), que lideraram os primeiros protestos pelo País. A ideia do encontro com os líderes das passeatas que levaram mais de 1,2 milhão de pessoas às ruas nas duas últimas semanas é reverter a imagem de que é uma governante que não ouve ninguém. Às 16 horas, será a vez de Dilma se encontrar com os 27 governadores de Estado e do Distrito Federal além dos prefeitos de capitais - eles dirão a ela que não têm mais como abrir mão de receitas municipais para atender às crescentes reivindicações por melhorias nos serviços públicos, sobretudo em relação ao setor de transportes.

Nesta terça-feira (25) uma nova rodada de reuniões será realizada, com a presidente Dilma recebendo outros segmentos representativos de movimentos jovens. Ainda estarão com a presidente os representantes de entidades tradicionais como a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, CNBB.

SEGURANÇA - A presidente Dilma Rousseff determinou a seus ministros que se mobilizem para que o governo dê à população, o quanto antes, as respostas cobradas nos protestos. Mesmo sendo dia do aniversário de 90 anos de sua mãe, Dilma convocou reunião na manhã de domingo (23) com os ministros José Eduardo Cardozo (Justiça), Celso Amorim (Defesa) e Gleisi Hoffmann (Casa Civil) para discutir a segurança da nova manifestação marcada para esta quarta-feira, dia 26. Dilma tem repetido que considera intolerável que continuem a ocorrer atos de vandalismo. A ação de inteligência, neste caso, é considerada fundamental. Só que, mais uma vez, José Elito, que comanda a Agência Brasileira de Inteligência (Abin), ficou de fora da reunião com Dilma.

Fonte: Agência Estado

Faça URGENTE sua inscrição do PROUNI. Saiba se você pode se inscrever!


Iniciam amanhã (21) as inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) do segundo semestre, iniciativa que oferece bolsas de estudos de 50% ou 100% da mensalidade em faculdades particulares. As inscrições podem ser feitas pelo site do ProUni até às 23h59 do dia 25 de junho. 

Para concorrer às bolsas, o estudante precisa ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012 e obtido pelo menos 450 pontos de média nas cinco provas do exame (matemática, linguagens, ciências humanas, ciências da natureza e redação). 

Além disso, é pré-requisito que o candidato tenha renda familiar, por pessoa, de até três salários mínimos, ter cursado todo o Ensino Médio em escola pública ou ter cursado parte ou todo o Ensino Médio em escola privada com bolsa integral, ou ser professor da rede pública de ensino básico, concorrendo a vagas em cursos de licenciatura, normal superior ou pedagogia 

Para conseguir se cadastrar, é preciso informar o CPF, número de inscrição do Enem 2012 e a senha. Se o estudante estiver cadastrado no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), deve usar a mesma senha utilizada no programa.

SIGA O BLOG

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.