HIPER TODODIA

HIPER TODODIA
CLIQUE NA IMAGEM

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS
TUDO SOBRE O FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS - FIG 2017

GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE E SAIBA MAIS

sábado, 27 de julho de 2013

REDE GLOBO: Fátima Bernardes mostra uma das melhores reportagens de todos os tempos sobre o Festival de Inverno de Garanhuns

Clique aqui para conferir a reportagem

Com músicos no palco como Branco Mello (Titãs) e Roberta Miranda, que já se apresentaram no Festival de Inverno de Garanhuns, o programa Encontro com Fátima Bernardes da Rede Globo, mostrou para todo o país a grandeza de nosso evento, dita pelos grandes nomes que recebemos este ano, como Fafá de Belém, Ney Matogrosso e Caetano Veloso.

Dá um orgulho danado. A reportagem é da Tv Asa Branca com Amanda Dantas entrevistando os artistas.

Clique aqui para conferir na íntegra!

Garanhuns de luto: Morre Roberto Cardoso

Dois grandes amigos se encontram no céu: Roberto Cardoso e Rossine Moura

Bancário, escritor e dono de uma boa conversa entre amigos, assim era Roberto Cardoso, filho mais velho de José Cardoso da Silva, ex-deputado também falecido.

Roberto Cardoso estava adoentado, mas continuava lúcido e sempre carregava consigo o desejo de ver esta cidade crescendo e se desenvolvendo. Era uma homem inteligente, apaixonado pela política, aliás aprendeu com o pai os ideais socialistas. Da família de Dona Edna, deixa como irmãos Cardoso Filho, Rogério e Ricardo. Roberto era casado com Elizeth e deixa dois filhos, Júnior e Roberta. 

Roberto atuou pela política em Garanhuns, chegou a ser candidato a vice-prefeito, mas obteve mais sucesso nos bastidores, alimentando o desenvolvendo da cidade participando dos debates.

Esta manhã, Roberto estava em casa, no Recife, onde morava por conta do estudo dos filhos, quando se sentiu mal. Seu filho o socorreu encaminhando para o Hospital, mas nem deu tempo de chegar. No caminho, o nosso amigo sofreu um enfarto. Seu filho, médico, levou-o para a UPA Caxangá, que estava mais próxima, mas não conseguiram reanimar o filho de Garanhuns, que faleceu, deixando uma lacuna do tamanho da quantidade de amizades que cultivou ao longo da vida.

Funcionário aposentado do Banco do Brasil, ex-Secretário de Comunicação de Garanhuns, e apaixonado pela arte de colecionar amigos, a gente só tem a agradecer ter feito parte, em alguns momentos, dos seus dias neste plano!

Em nome da minha família, e mais ainda de Sonita, que é praticamente uma sobrinha por consideração de Roberto, que a conheceu desde criança, a gente sente e deseja conforto para a família.

E em nome de Garanhuns e região: OBRIGADO, ROBERTO, POR MOSTRAR CAMINHOS E HONRAR A HISTÓRIA DE SEU PAI.

O velório acontece na Funerária Padre Cícero, na Av. Simoa Gomes, a partir das 19h.
.


RECEBEMOS DE JOSÉ CARDOSO FILHO, IRMÃO DE ROBERTO.

Ronaldo, o enterro será amanhã, saindo às 11h00 da Funerária Padre Cícero, na Simoa Gomes, para o Parque das Rosas. Obrigado, amigo, pelas palavras elogiosas a Roberto que, para mim, foi mais que um irmão, foi meu pai e o responsável direto por todas as conquistas que obtive.

Mobilização pela FAMEG na UpaE mostra ao governador que a sociedade quer a faculdade funcionando


Uma mobilização de representantes da sociedade esteve presente na inauguração da UpaE Garanhuns, na tarde desta sexta-feira, quando o governador Eduardo Campos e outros políticos do estado puderam ver a quantidade de gente com camisetas padronizadas pedindo a reabertura da FAMEG - Faculdade de Medicina de Garanhuns, que está com a autorização emperrada no MEC, e que cada vez dá uma resposta mais ridícula para impedir o funcionamento da instituição de ensino. 

Faixas foram colocadas à frente da UpaE e não houve qualquer manifestação que causasse problemas à realização da inauguração, muito pelo contrário, os manifestantes aplaudiram muito o governador, que em seu discurso, afirmou a importância da reabertura da faculdade.

As faixas cobravam dos políticos que buscassem a autorização de funcionamento, principalmente os senadores e o PT, partido do Ministro da Educação e da presidente Dilma.

Interessante notar que o governo impede o funcionamento de uma instituição com toda condição de formar médicos, e importa milhares de outros países para atender nossa população.

Os manifestantes estão querendo saber o que de fato está acontecendo, quem ou o que impede a FAMEG aberta? Todas as exigências foram cumpridas e alguma coisa, ou jogo de interesses, não dá o aval que a instituição precisa. O MEC até agora não deixou claro o que é que impede, e pronto! Se não tem nada, ou é algo que possa ser sanado, que deixem então os estudantes terem acesso a mais uma faculdade formadora de médicos em nossa região, é bom pra cidade, pro estado e para o país, que está importando esta matéria prima! É bom pro povo!

COMISSÃO DA VERDADE realiza sessão pública na Câmara de Vereadores de Garanhuns‏


Os membros da Comissão Estadual da Memória e Verdade Dom Helder Câmara (CEMVDHC) realizam, no próximo sábado (27), a partir das 14h, sessão pública na Câmara Municipal de Garanhuns, agreste de Pernambuco. A solenidade acontece dentro da programação oficial do Festival de Inverno do município. É a primeira fora do Recife e Região Metropolitana.

O evento será aberto pelo presidente da Casa Legislativa, Audálio Filho. A ex-militante do Partido Comunista Brasileiro Revolucionário, Ranúsia Rodrigues, natural da cidade, será homenageada pelos 40 anos de sua morte. Roberto Franca, membro da CEMVDHC, explica os detalhes das investigações deste caso. A irmã dela, Rildete Rodrigues também participa da solenidade.

O público pode participar. O microfone do plenário vai estar aberto para que a sociedade possa trazer informações que contribuam com o trabalho da Comissão em busca da verdade. Durante a sessão pública, o ex-assessor de Miguel Arraes, ex-militante do MDB e advogado aposentado, Ivan Rodrigues, 85 anos, (natural de Garanhuns) dá depoimento sobre a época do golpe civil militar de 1964. Ele é considerado, pelos membros da Comissão da Verdade, como um dos importantes testemunhos da história política de Pernambuco.

Pedido a população – A participação popular nas sessões públicas tem sido fundamental para ajudar no trabalho da Comissão Dom Helder Câmara. São depoimentos e informações que chegam de várias partes do país e até do exterior, e que auxiliam no resgate da história de mortos e desaparecidos políticos pernambucanos. Em Garanhuns, uma equipe da CEMVDHC vai estar pronta para receber fotografias, documentos, vídeos além de outros objetos que façam parte de acervos pessoais das vítimas da repressão.

Caso Ranúsia - A versão oficial divulgada pelos órgãos de segurança à época relata que Ranúsia Alves Rodrigues, Almir Custódio de Lima e Ramires Maranhão teriam participado de um suposto tiroteio na Praça
Sentinela, em Jacarepaguá/RJ, em 27 de outubro de 1973, e acabaram mortos. O caso dos ex-militantes foi tratado pela CEMVDHC, em sessão pública, no Recife, em março de 2013.

SERVIÇO:
Assunto: Sessão Pública na programação do Festival de Inverno de Garanhuns
DIA: 27 de julho de 2013
HORÁRIO: 14h
LOCAL: Câmara Municipal de Garanhuns
Rua Siqueira Campos, 43 Garanhuns- PE

MASTER FERRO: Conheça os detalhes da estrutura de aço em uma residência.




Quem está pensando em construir e tem algumas dúvidas da função e alocação das estruturas de aço em sua construção, a Master Ferro elaborou um pequena maquete para demonstrar suas aplicações.

Tem Ronaldo Cesar e a TROPICANA no sábado de Festival de Inverno

Oi gente, estaremos neste sábado por aí, fazendo música e espalhando alegria. Agende-se:

16h Boião´s Blues Rock Festival - Participação no Show de Kenny Brown e Uptown Blues Band
18h Pocket Show com a Tropicana no projeto Arte no Casarão do SEBRAE
0h Show de encerramento do FIG 2013 na Budega de Zé - Forró, frevo e folia!


FOTOS: Tudo sobre a inauguração da UpaE em Garanhuns




O governador Eduardo Campos inaugurou, nesta sexta-feira (27/06), a primeira Unidade Pernambucana de Atenção Especializada (UpaE), em Garanhuns, no Agreste Meridional. O empreendimento beneficiará cerca de 500 mil pessoas, oriundas de 21 municípios. Antes da solenidade, o governador visitou as instalações da unidade e descerrou a placa inaugural. "Neste equipamento, um dos maiores do Estado, com 2,8 mil metros quadrados de área construída, vão trabalhar 250 profissionais de saúde, que devem atuar com dedicação e solidariedade", destacou o governador.

Sobre a estrutura, Eduardo atestou a qualidade dos equipamentos adquiridos pelo Estado. Para manter a UpaE funcionando, o Estado articulou uma coparticipação, o que permitirá que a unidade receba recursos das três esferas (municipal, estadual e federal). "Essa foi uma estratégia para ajudar os prefeitos, pois o investimento para operar uma unidade de saúde com todas essas especialidades é alto", explicou o governador. Ao todo, o Governo do Estado investiu mais de R$ 21 milhões na construção e aquisição de equipamentos para a unidade, que terá um setor ambulatorial, com 19 consultórios; setor de diagnósticos e terapias; bloco cirúrgico, com quatro salas de cirurgia; e internamento de curta duração, além de apoio técnico e logístico. 

O secretário de Saúde, Antônio Carlos Figueira, aproveitou a solenidade para anunciar mais uma unidade hospitalar no município de Garanhuns: o Hospital do Agreste Meridional. "O projeto já está em andamento e ficará pronto em três meses. Além disso, Garanhuns também poderá assumir a administração do Hospital Dom Moura", adiantou o secretário. O prefeito Izaias Régis destacou a importância desses investimentos para a região e anunciou que a administração municipal está com um orçamento de R$ 15 milhões para investir na cidade a partir de setembro, ressaltando que parte desse recurso foi disponibilizado pelo Fundo de Apoio ao Desenvolvimento do Município. "A unidade trouxe uma economia para o município de R$ 200 mil. Com esses recursos, vamos melhorar ainda mais a cidade", enfatizou.

O governador explicou que a unidade abrirá já na próxima segunda-feira (30/07), mas que não vai operar com 100% da capacidade de atendimento. "Todo equipamento terá capacidade para oito mil consultas por mês, isso quando todo o protocolo de operação for finalizado", garantiu Eduardo, ressaltando que a unidade oferecerá, em seu ambulatório, consultas em 19 especialidades. Ainda dentro desta perspectiva, a unidade terá capacidade para realizar cirurgias de baixa complexidade, como catarata, adenóides, hérnias, entre outras, nas quais os pacientes são liberados em até 24 horas (hospital-dia), e de alta frequência.

HOMENAGEM - O nome da UpaE é uma homenagem a Antônio Simão dos Santos Figueira (1910-1995), médico pediatra, com fortes raízes em Garanhuns, onde residiu. Ao longo de sua vida, foi professor catedrático da UFPE, fundador da Faculdade de Ciências Médicas de Pernambuco, diretor do Hospital Pedro II e idealizador do atual Hospital das Clínicas. Também foi fundador do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe), sendo seu primeiro presidente e detentor do CRM número 1. A autoria do projeto que batizou a unidade foi do deputado Guilherme Uchoa, presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco. "É uma gratidão receber essa homenagem", disse Antônio Figueira Filho, herdeiro do homenageado.

Estado vai construir novo Hospital Regional em Garanhuns e Dom Moura passa para o município


Na inauguração da UpaE Antônio Simão Figueira, o Secretário de Saúde e sobrinho do homenageado que deu nome à Unidade Pernambucana de Atenção Especializada, Dr. Antônio Figueira, surpreendeu a todos os presentes com o anúncio de um novo hospital regional e que já está em fase de produção do projeto, que deve durar três meses, e mais, afirmou que o município de Garanhuns vai ganhar de presente o Hospital Dom Moura, pois a cidade não tem seu hospital e mais de 35 mil dos 43 mil atendimentos feitos de janeiro a maio naquela unidade de saúde regional foram de Garanhuns.

Garanhuns e Jucati são os dois únicos municípios da região que não contam com um Hospital Municipal, e esta falta de atendimento tem levado ao HRDM uma demanda além da sua capacidade. Jucati talvez até se explique pela demanda menor, mas Garanhuns, por seu porte regional, há muito deveria ter seu próprio hospital. 

Mas a boa notícia é que receberá em funcionamento, inclusive com as reformas que estão sendo feitas, a gestão do Hospital Dom Moura, que somado ao novo hospital que será construído, atenderá a demanda de nosso município e todo o Agreste Meridional.

Trata-se de uma responsabilidade que o município não pode se esquivar, pois somados a outros investimentos como a UpaE, SAMU, novos concursos, UPA 24h, e tudo mais, tendem a resolver a problemática do sistema de saúde regional.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.