GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

UNOPAR GARANHUNS

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Sabe o que é Linguagem M? A AESGA oferece curso de extensão - Saiba mais!



Nos próximos dias 9 e 23 de novembro a Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns –AESGA oferecerá, por meio da Coordenação da Faculdade de Ciências Exatas de Garanhuns – FACEG e do seu Núcleo de Pós-Graduação, um curso de capacitação e aprofundamento voltado para a solução de problemas numéricos em fração de segundos – Linguagem M.

A iniciativa é direcionada ao público em geral, principalmente aos acadêmicos da área de Engenharia Civil, bem como profissionais que visam reduzir o tempo em seus cálculos diários, além de aperfeiçoamento na área técnica, cálculo com matrizes,processamento de sinais e construção de gráficos.

As inscrições ainda estão abertas, sendo realizadas no setor de protocolo da Autarquia. Serão oferecidas dez horas aula, nos horários das 9 às 14 horas. O Curso será ministrado pela mestre Suianne Melo e valerá como atividade complementar.

Ministério da Saúde lança UPA II de Garanhuns no site do PAC 2


A UPA II Garanhuns - que deve receber o nome do ilustre médico garanhuense, falecido recentemente, Dr. Ivaldo Dourado, já consta no site do Programa de Aceleração do Crescimento 2, do Governo Federal. É o chamado PAC 2.

A UPA - Unidade de Pronto Atendimento, terá serviço de emergência 24 h, diferenciando da UPAE - Unidade Pernambucana de Atendimento Especializado, que já está funcionando em Garanhuns, e neste momento conta com seis especialistas, num crescimento gradual dos serviços oferecidos.

Para conferir diretamente no Site do PAC 2, é só acessar o link: http://www.pac.gov.br/obra/62730

Mas estão aí as informações:


GARANHUNS - PE - UPA II

ÓRGÃO RESPONSÁVELMinistério da Saúde
EXECUTOR:Município
UNIDADE FEDERATIVA:PE
MUNICÍPIO(S):GARANHUNS
OBSERVAÇÃO:Valor não divulgado em razão da possibilidade de uso do Regime Diferenciado de Contratação - RDC.
ESTÁGIO:Ação Preparatória
DATA DE REFERÊNCIA31 de Agosto de 2013

Morre professor Luciano Romero

Acabo de saber através do Blog do Sintepe, editado pelo professor Augusto Souto, da morte do também professor Luciano Romero Fontes. O sindicato aproveita para externar os sentimentos dos Trabalhadores em Educação, pois Luciano também fez parte da diretoria da entidade.

Luciano foi durante muitos anos funcionário do Grupo S. Moraes, foi Professor e Cordenador do SINTEPE. Como professor, tivemos contato com ele em sua época de Elisa Coelho, quando foi colega de minha esposa. Uma pessoa séria, dedicada, profissional, de muitas amizades.

O Sepultamento ocorrerá nesta terça-feira, 05 de Novembro, às 10 horas, saindo o féretro da Funerária Suíssa. 

Professor Luciano faleceu por complicações causadas pela Diabetes.

Solidarizamo-nos à nota do Sintepe, pela perda para a educação e nossa região, que perdeu também outro ilustre professor, Laércio Peixoto.

Ministério Público fiscaliza prefeituras em Garanhuns e Belém do São Francisco



Mais dois municípios do interior de Pernambuco estão sendo investigados pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE) devido a irregularidades na contratação de funcionários. Em Garanhuns, a promotoria aderiu ao programa “Adesão Legal”, no início do mês de outubro, e instaurou um inquérito civil público contra a administração municipal. Belém do São Francisco também iniciou inquérito e, para dar o exemplo, nomeou servidora para o cargo de secretária escrevente.

Adesão Legal

O projeto “Admissão Legal”, coordenado pelo Centro de Apoio às Promotorias em Defesa do Patrimônio Público e Social, comandado pelo promotor Maviael de Souza, já conta com a adesão de várias promotorias ao redor do Estado. O programa visa fiscalizar problemas relacionados a contratações irregulares, seja por meio de nepotismo, preferência em realizar seleção pública temporária em detrimento de concurso, entre outras práticas que inibem a contratação efetiva de pessoal.

Fonte: Blog do Dárcio Rabelo / Arcoverde- PE
MPPE Seção: Política

Parte do Estádio do Sete de Setembro vai a leilão


Um panfleto da empresa de Leilões Judiciais Serrano, distribuído pelas ruas de Garanhuns, anuncia dentre vários imóveis, o leilão do Estádio do Sete de Setembro, ou ao menos parte dele, pois foi dividido em lotes. O leilão atende determinação da Justiça federal.

Está assim descrito:

01} Estádio de Futebol c/ arquibancadas e entre outras benfs; lotes 18, 31 e 32,
Av. Ebenezer Furtado Gueiros, Lot. Faz. Suíssa, Heliópolis (Parcelado)
(Proc. 000197-80.2006.4.05.8305) (R$ 16.000.000,00) Lance Mínimo 2º Leilão R$ 8.000.000,00

O primeiro leilão, onde se busca o valor máximo, está marcado para o dia 06/11/2013, e o 2º, que começa do lance mínimo, será dia 20/11/2013. O panfleto informa que o leilão acontece nas modalidades presencial e eletrônico.

Buscamos ligar para o presidente do Sete de Setembro, Dr. Nilton Ayres, mas não conseguimos contato por telefone. Iremos ao seu escritório, entretanto, já fica aberto o espaço para maiores explicações sobre este processo.


Vem aí o XIII Momento Cultural do Colégio Santa Joana D'Arc


O Momento Cultural do Colégio Santa Joana D'Arc tem se transformado em um verdadeiro evento de formação artística, onde proporciona aos jovens estudantes o contato com o palco, com a música, o teatro e outras manifestações.

O Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcante tem lotado todos os anos no evento, mostrando a beleza e a força que o incentivo às manifestações artísticas tem recebido daquela casa de ensino, que entendeu, há muito tempo, que educação transcende a sala de aula. Ela sociabiliza, manifesta e se integra ao meio comum, com a base da formação dos jovens voltados para a cidadania e a fé!

Em breve, mais informações.

EDUARDO NA ALEMANHA: Pernambuco terá Feira de Inovações Científicas e outras parcerias

O Governo de Pernambuco deu mais um importante passo na busca de soluções inovadoras para o melhor desempenho dos serviços públicos e a utilização de energias renováveis. Em missão oficial à Alemanha, o governador Eduardo Campos e sua comitiva visitaram, neste sábado (02/11), o Instituto Fraunhofer, uma das maiores instituições científicas da Europa. O Governo já estuda o melhor formato para estabelecer parcerias que visam o desenvolvimento de pesquisas e soluções em diversas áreas de interesse do Estado.

"Vamos trabalhar em conjunto para realizar em Pernambuco, já em fevereiro do próximo ano, uma ampla feira de produtos e soluções científicas desenvolvidos pela Fraunhofer, acompanhada de uma rodada de negócios envolvendo universidades, órgãos governamentais e toda a cadeia industrial provedora de serviços do Estado", afirmou Eduardo, após reunião na sede do instituto, em Berlim.

Para o governador, é preciso pressa para vencer o descompasso entre os avanços tecnológicos presentes no dia-a-dia das pessoas e a prestação de serviços públicos à população. "As recentes manifestações no Brasil mostram, entre outras coisas, a insatisfação da sociedade com a prestação de serviços públicos ainda na era analógica", pontuou, após a exposição de soluções tecnológicas desenvolvidas pelo Fraunhofer para controle de tráfego, redes inteligentes de energia e controle de fluxo hídrico para prevenção de catástrofes. “Infelizmente, essa é uma realidade ainda nova para uma sociedade onde a inclusão digital é ainda recente", lembrou o governador.

O secretário de Recursos Hídricos e Energéticos, Almir Cirilo, ressaltou que as experiências desenvolvidas pelo Fraunhofer podem ser de grande utilidade para o Estado, especialmente no que diz respeito ao setor de energias renováveis. "Pernambuco tem muito a crescer em energias renováveis, principalmente em se tratando de eólica e solar. Este é um setor estratégico para o Brasil, onde nós já estamos avançando", pontuou.

Durante a visita da comitiva pernambucana, membros de cinco dos 47 centros de pesquisas do instituto alemão apresentaram soluções industriais desenvolvidas em áreas estratégicas como energias renováveis, biotecnologias e tecnologia da informação. O Fraunhofer é reconhecido mundialmente como grande desenvolvedor de soluções científicas para várias indústrias. Além disso, mantém intensa cooperação com a Confederação Nacional da Indústria (CNI) e, desde 2012, tem convênio assinado com Ministério da Ciência e Tecnologia do Brasil.

"Vamos agora afinar o diálogo com o instituto para realizar um encontro produtivo em Pernambuco. Nossa ideia é aproximar o trabalho da Fraunhofer dos empresários que já investem e dos que estão interessados em investir em Pernambuco", explicou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Márcio Stefanni.

INSTITUTO - O Instituto Fraunhofer foi fundado em 1949, e é considerado um dos principais responsáveis pela recuperação da indústria alemã após a Segunda Guerra Mundial. O nome é uma homenagem ao físico Joseph von Fraunhofer, que viveu entre 1787 e 1826. De acordo com seu estatuto, a Fraunhofer só pode ter lucros para reinvesti-los.

ARTIGO: Lei de Acesso à Informação em Garanhuns - Por Ivan Rodrigues

Meu caro Ronaldo,

A propósito de uma postagem de Igor Cardoso, comentada por Prof. Marcos Renato Franzosi Mattos (parabenizo os dois e subscrevo integralmente), inserida em seu blog, transcrevo abaixo um texto que cheguei a remeter pelo Facebook. Antes de adentrar no mérito da derrubada, levanto essa preliminar que considero de muita importância para a mudança da cultura política de Garanhuns, que tanto discutimos e debatemos:



"LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO

Caros amigos,

Sem querer discutir ainda a conveniência técnica e oportunidade da derrubada das árvores do Parque Euclides Dourado que discutiremos mais adiante noutras postagens da série que proponho, permitam-me levantar uma preliminar que me preocupa muito:

Em 18 de novembro de 2011, após aprovação pelo Congresso Nacional, FOI SANCIONADA A LEI Nº 12.527 que regulamentou o dispositivo constitucional “previsto no inciso XXXIII do art. 5º, no inciso II do § 3º do art. º 37 e no § 2 º do art. 216 da Constituição Federal” e foi de pronto denominada LEI DE ACESSO Á INFORMAÇÃO. De saída, a Lei obriga ao seu cumprimento a União, Estados, Distrito Federal e Municípios e integrando também como subordinados à lei, todos os órgãos da administração direta dos Poderes Executivo, Legislativo, incluindo as Cortes de Contas e Judiciário e do Ministério Público (art. 1º e incisos I e II). 

Mais adiante, assegura que “QUALQUER INTERESSADO poderá apresentar pedido de acesso à informações aos órgãos e entidades referidos no art. 1º desta Lei“ (art. 10 e § 1º, 2º e 3º). No que tange às 
responsabilidades pelo descumprimento da Lei pelos agentes públicos, prevê desde logo que “Constituem condutas ilícitas que ensejam responsabilidade do agente público ou militar recusar-se a fornecer informação requerida nos termos desta Lei, retardar deliberadamente o seu fornecimento ou fornecê-la intencionalmente de forma incorreta, incompleta ou imprecisa”(Art. 32 e inciso I) e ainda acrescenta que “Pelas condutas descritas no caput, poderá o militar ou agente público responder, também, por improbidade administrativa” (Art. 32, § 2º).

Causa estranheza e assusta-me, portanto, que dispositivos regimentais internos ou leis orgânicas municipais ainda contenham dispositivos que submetem os pedidos de informações do Srs. Vereadores à votação e aprovação do plenário, quando pela regra constitucional (Carta Maior da Nação) acima transcrita: “Qualquer Interessado” tem o direito de acesso às informações dos atos de natureza pública, de qualquer esfera ou escala do Poder.

Sem adentrar no mérito da questão, trata-se de direito de cidadania que não pode ser ofendido por quem quer que seja e, muito menos por Ato de Ofício praticado por uma Câmara de Vereadores incorrendo em prática de ilícito e até de improbidade administrativa, quando recusa, por unanimidade de votos (à exceção do autor do pedido) um simples pedido de informações de um membro da Casa. Aliás, o Vereador sequer se obrigaria a solicitar através da Câmara de Vereadores. 

Existe uma máxima consagrando um princípio geral e universal do Direito que reza “Quem Pode Mais, Pode o Menos”. Se um simples cidadão tem o direito constitucional de receber qualquer informação solicitada, muito mais tem o Vereador legitimado pelo voto popular, através de um eleição livre e democrática.

Na Democracia funciona assim, caros amigos. Começa pelo cumprimento da Lei, e a sua prática e o seu exercício têm que ser permanentes. Não pode ficar à vontade e aos humores do governante do dia. Reitero o que costumo dizer: estamos no Jardim da Infância da Democracia e muita gente ainda não entendeu o que é isso, aferrada à nossa pouca experiência de luta pela cidadania e a uma retrógada cultura do coronelismo. 

Não basta a retórica dos discursos empolados e sim, a PRÁTICA DA DEMOCRACIA."

Grande abraço de Ivan Rodrigues

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.