CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG: CONTATO (87) 9.9988.0423

CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E SAIBA MAIS

terça-feira, 5 de novembro de 2013

NA INGLATERRA: Eduardo Campos tem reunião com presidentes da McLaren, Microsoft, Philips, Amazon, e outras mega empresas

Nesta quarta-feira (06/11), o governador Eduardo Campos estará em Londres, na Inglaterra, onde terá reuniões com o CEO da Living PlanIt, Steve Lewis, e com representantes das empresas McLaren, Cisco, Buro Happold, Hitachi, Amazon, Microsoft, Philips e 8over8. Também haverá encontros com os presidentes da British Gas, Andrew Gould, e do Grupo BP, Carl-Henric Svanberg.

LEIA JÁ: Produção cultural de Garanhuns ganha força com o ‘TeArte’


Exposição artística faz parte da programação do 'TeArte'


Exposição artística faz parte da programação do 'TeArte'Nesta terça-feira (5) começa a programação do TeArte – Viva o Coletivo!, iniciativa que envolve artes integradas e reunirá mais de 40 representantes da classe artística no município de Garanhuns. A abertura do evento, que se estende até o próximo sábado (9), será às 19h30, na Galeria Z02, no Centro da cidade, com performances e exposições.

O Tearte também acontecerá em outros espaços de Garanhuns como o Espaço TeArte, no bairro de Higenópolis, e no Parque Euclides Dourado. Este evento foi criado com o intuito de difundir, fomentar e fortalecer a produção cultural na cidade, atuando em linguagens como música, teatro, dança, performance, literatura, fotografia, artes visuais, cultura popular, cultura hip hop, economia criativa e moda.

por Marcus Fernandes 

http://www.leiaja.com/

Cartaz e programação do XII Momento Cultural do Colégio Santa Joana D'Arc


Distrito de Miracica em Garanhuns poderá contar com Telecentro Digital‏

O Vereador Claudio Taveira requereu ao Chefe do Poder Executivo de Garanhuns, a instalação de Telecentro Digital no Distrito de Miracica. “A importância da inclusão digital para os cidadãos pode ser observada em toda a sociedade como um fator de transformação social, pois reflete diretamente na realidade da população. Temos que criar novos projetos com a finalidade de incluir as camadas de baixa renda nesse mundo virtual”, ressaltou o vereador.

Claudio Taveira explica que seu pedido vai proporcionar vários benefícios para os moradores de Miracica, dentre eles, inclusão digital, aperfeiçoamento profissional, democratização do conhecimento, estreitamento das relações escola-comunidade, ponto de contato da comunidade com o mundo globalizado por meio da internet, desenvolvimento tecnológico para as escolas e comunidades alcançadas, acessibilidade aos serviços do poder público via internet, aperfeiçoamento do conhecimento dos alunos da escola onde se encontra o telecentro, espaço aberto para oficinas e troca de conhecimento, desenvolvimento social das comunidades envolvidas e espaço para palestras e cursos de conscientização social.

INSCREVA-SE: Estudantes da UPE Garanhuns promovem Curso de Introdução à Programação de Computadores para alunos do ensino médio‏

Estudantes do 8º Período do curso de Licenciatura em Computação da UPE - Campus Garanhuns, estão promovendo, na disciplina de Estágio Supervisionado, um curso de Introdução à Programação de Computadores. A iniciativa é destinada a alunos do ensino médio, e objetiva estimular o desenvolvimento do raciocínio lógico através de conceitos de programação para a resolução de problemas do cotidiano e desmistificar a Ciência da Computação.

O curso está programado para iniciar em 13 de novembro e encerramento em 05 de dezembro, será na modalidade semipresencial e contará com apenas 3 encontros presenciais que ocorrerão na UPE - Campus Garanhuns.

A inscrição custa apenas R$ 10,00, mais um quilo de alimento. Serão disponibilizadas apenas 60 vagas. A pré-inscrição pode ser feita através do site abaixo, e para validar é necessário o pagamento da taxa, que poderá ser feita no horário da tarde (segunda ou quinta), com Luma de Almeida (87 9633-8067) ou Elissa Vanderlei (87 9605-0658), no 8º período de Licenciatura em Computação.

O curso de Introdução à Programação de Computadores conta com o apoio da UPE Garanhuns, através do diretor, prof. Clóvis Gomes Jr.

Programação completa do FESTIVAL TEARTE - VIVA O COLETIVO!

TeArte–Viva o Coletivo!

“O homem coletivo sente a necessida de de lutar”, de experimentar, de criar, de se revelar. E quando se revela, agrega, constrói, desconstrói, transcende sentidos, toca. 

A ação integrada TeArte - Viva o coletivo vai promover de 05 a 09 de novembro, em Garanhuns/PE, diversos espaços para difusão e provocação cultural e artística, onde música, teatro, dança, performance, literatura, artes visuais, audiovisual, economia criativa, cultura hip hop, cultura popular e moda vão se revelar. 

Serão ações de formação, fomento e valorização da arte produzida na cidade. Serão mais de quarenta artistas, criadores, produtores. Mais de quarenta mundos, línguas, texturas e cores. Cinco dias de artes integradas, reveladas, valorizando nossos frutos, nossos conceitos. 

Idealizado pelo Coletivo Tear, a ação reunirá artistas em um evento sensível, criativo, vivo, independente, livre! A arte é toda coletiva. Viva o coletivo!

Stephany Metódio


PROGRAMAÇÃO

ARTES VISUAIS
05.11 | terça-feira | 19h30 | Galeria Z02

Performance ariadne, com Jaymisson Nicácio

Exposição ComTato Coletivo:
Bonecas - Felipe Correia
Carne de luz transversal - Leo Silva
Cidade das flores - Renato Moraes
Lambe na Gara - Zé Lucas
Orixás: u ma homenagem aos ancestrais - Osvaldo Vicente
Os amantes - Clovis Teodorico
Platimbanda – A mimética urbana José Costa
Rabiscos ociosos - Maria Flor

Visitação: 06 a 09 de novembro de 2013
Horário: 9h as 12h | 14h as 21h
Classificação: livre

LITERATURA
06.11 | quarta-feira 

Workshop de literatura infantil Histórias da caixola, com Stephany Metódio
09h as 12h | Creche Lar da Criança Santa Maria Público alvo: crianças da creche

Intervenção urbana de poesia Mimeografando a poesia e Poemas megafônicos, com o Grupo Literânima (UFRPE/UAG) 12h as 13h | 17h30 as 18h30 | Avenida Santo Antônio, Centro –Garanhuns/PE

Apresentação da aula-espetáculo O Livro em Cena, com Alexandre Revoredo e Stephany Metódio 20h | Cursinho Atuação

CULTURA POPULAR
06.11 | quarta-feira
Apresentação do projeto de pesquisa em cultura popular e tradicional Boi da macuca: um brinquedo encangado nas costas, incentivado pelo Funcultura 2011/2012, com o pesquisador Francisco Simões e a coordenadora do projeto Katarina Barbosa
18h as 19h | UFRPE/UAG

TEATRO
07.11 | quinta-feira

Workshop de teatro Jogos de cena, com Marilia Azevedo
09h as 12h I EREM João da Mata I Público Alvo: alunos da escola

EsqueTear - apresentação de esquetes*
19h30 | Espaço em Branco Classificação: 16 anos

Terça-feira gorda, com Willian Joel
Uma história de borboletas, com Marília Azevedo
A dama da noite, com Marcelo Francisco l Direção: Antônio Rodrigues
*No intervalo de cada apresentação haverá um bate-papo sobre os espetáculos com os atores.

CULTURA HIP HOP
08.11 | sexta-feira
Workshop de rap e repente "No fluxo da rima", com TonDesign e Lilás MC
14h as 17h | Parque Euclides Dourado Público alvo: geral

MÚSICA 
08.11 I sexta-feira
Novos tons, novos sons - Pocket shows de músicas autorais
20h30 | Espaço em Branco

Neander – O primeiro/qu4rto
Voz e baixo: Leo Noronha | Bateria: Marcos Gomes | Acordeom e teclado: Halrison Rick | Guitarra e voz: Breno Wendell | Guitarra: Marcelo Nascimento

Alexandre Revoredo – Fuzamba
Voz, violão e guitarra: Alexandre Revoredo | Percussão: Claudemir Alves| Baixo: Efraim Rocha | Acordeom: Zezinho da sanfona

Ingrizia
Baixo: Efraim Rocha | Violão: Maurilo Matos | Percussão: Claudemir Alves e Erick Faustino

Rogério e os Cabra
Composição, voz e violão: Rogério Diniz | Percussão fina: Sueli Wanderley | Percussão: Rafael Lobo | Efeitos: Fabrício Cajueiro 

ECONOMIA CRIATIVA
09.11 | sábado | 14h30 | Galeria Z02
ReconfigurAÇÕES - Rodada de conversa sobre o romantismo e o pragmatismo da cena cultural atual, com a gestora cultural Lílian Ferreira

DANÇA
09.11 | 20h | Espaço em Branco
Performance de dança Se pudesse ser, com Álefe Albuquerque e Valdir Ferreira 

MODA
09.11 | 20h30 | Espaço em Branco
Desfile performático Viva o coletivo!, da marca Coletivo Tear, pela designer de moda Katarina Barbosa / Modelos: Andriele Farias | Cecília Helena | Eduarda Santos | Keyty Dannilly | Kleber Belo | Lavignia Martins | Leo Silva | Maria Clara Ferreira | Natália Araújo | Priscilla Monique 

VINIL
09.11 | 21h | Espaço em Branco
Apresentação e encerramento do evento, com o Dj Paulo Pezão

Ações integradas
Bazarte – loja de produtos dos artistas participantes, no Espaço em Branco.
U-carbureto – distribuição de edição especial durante o evento.
Exibição de vídeo artes - de Eduardo Veloso, Leo Silva, Renan Araújo, Marcos Antônio, Max Leite e Túlio Fernandes – durante todo o evento.
Intervenção urbana - Pontos, de Fernanda Limão – nas ruas de Garanhuns/PE.
Intervenção urbana - Lambe na Gara, de Zé Lucas – nas ruas de Garanhuns/PE.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SERVIÇO
Creche Lar da Criança Santa Maria | Rua D, 80, Cohab I – Garanhuns/PE
Cursinho Atuação | Rua Padre Pedro Pacífico, 23, Centro – Garanhuns/PE
EREM João da Mata | Av. Júlia Brasileiro Vila Nova, S\N, Boa Vista – Garanhuns/PE
Espaço em Branco | Av. Júlio Brasileiro, 1449, Heliópolis – Garanhuns/PE
Galeria Z02 | Rua XV de Novembro, 288, Centro – Garanhuns/PE
Parque Euclides Dourado | Av. Júlio Brasileiro, S/N, Heliópolis – Garanhuns/PE
UFRPE/UAG | Av. Bom Pastor, S/N, Boa Vista – Garanhuns/PE

VISITA DE EDUARDO CAMPOS A ALEMANHA: Governo de Pernambuco celebra protocolo de intenções focado em economia criativa



O governador Eduardo Campos assinou, na tarde desta segunda-feira (04/11), o protocolo de intenção com foco em economia criativa que aproxima os estados de Pernambuco e Brandemburgo, na Alemanha, por meio da troca de informações e experiências culturais. O documento assinado prevê a cooperação entre pequenas e médias empresas, o desenvolvimento econômico de arranjos produtivos locais e a facilitação de um intercâmbio regular de informações entre os dois estados. O governador classificou a parceria como um passo importante em um momento de grandes mudanças políticas e econômicas na Europa e América Latina.

“A Alemanha já é o principal parceiro comercial do Brasil na Europa. Nosso desejo agora é que a assinatura deste protocolo represente o início de um aprofundamento das nossas relações também na área cultural e de negócios criativos”, afirmou o governador. 

O protocolo de intenções tem validade de cinco anos e prevê, entre outras atividades, a expansão do turismo cultural, a mediação de experiências na área da administração do patrimônio cultural e a expansão dos contratos entre especialistas nas áreas de exposições em museus - principalmente da Fundação Prussiana, instituição gestora de mais de 20 propriedades, como castelos, parques e jardins, que compõem o legado do Reino da Prússia, remanescentes nos territórios dos estados de Berlim e Brandemburgo.

“A cultura tem como característica a capacidade de unir as pessoas. Esperamos que esta seja uma forma de aproximar o Brasil e a Alemanha”, ressaltou o diretor geral da Fundação Prussiana, Dr. Uwe Koch, representante do governo de Brandemburgo e signatário do protocolo. O encontro aconteceu no Castelo Oranienburg, onde viveu a princesa Louise Henriette de Orange-Nassau, prima do holandês Maurício de Nassau, que governou Pernambuco durante o período da ocupação holandesa. O prédio abriga mobiliário pernambucano e dois quadros de Frans Post, que retratam o Recife do século XVII.

“Esta iniciativa faz parte de um resgate da nossa história e tem grande importância para o futuro da cultura pernambucana”, ressaltou o governador, no momento da assinatura do protocolo. Ainda nesta segunda-feira, a missão oficial do Governo de Pernambuco realizou uma visita técnica ao Castelo de Sans Souci, em Potsdam, localizado a cerca de 50 quilômetros de Berlim.

ARTIGO: Criação dos municípios e irresponsabilidade fiscal - Por Maurício Costa Romão



Levantamento do jornal Folha de S.Paulo, com o auxílio do IBGE, constatou que dos 595 municípios criados desde 1977 no Brasil 570 nasceram com baixa qualidade de vida (medida pelo IDH, o índice de desenvolvimento humano, composto por indicadores de renda, escolaridade e saúde) e até hoje não superaram sequer os IDH médios dos respectivos estados. 

As cidades de origem, as cidades-mãe desses 570 municípios, também não ultrapassaram o IDH dos seus estados após perderem área e população com o desmembramento. Então, do ponto de vista de desenvolvimento humano, as estatísticas são amplamente desfavoráveis aos novos municípios e às suas antigas sedes.

Mas é no contexto fiscal que a criação de cidades mostra sua faceta mais aterradora. Considere-se, por exemplo, o índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF). O IFGF é um indicador sintético alimentado por informações municipais relativas à Receita Própria, Investimentos, Gastos com Pessoal, Liquidez e Custo da Dívida. Quanto mais próximo de zero, mais crítica é a gestão do município, e quanto mais perto de um, mais a gestão é de excelência. 

Dos 5.565 municípios brasileiros, o IFGF captou informações em 5.164. Os dados são referentes ao ano-base de 2011, ano menos dramático para os municípios em termos de transferências governamentais, o que pressupõe sejam as estatísticas atualizadas mais desfavoráveis, do ponto de vista fiscal.

Os números são preocupantes: dois terços dos atuais municípios, isto é, 3.418 municípios, estão em situação fiscal difícil ou crítica, com IFGF abaixo de 0,6. São municípios incapazes de manter equilíbrio entre despesas e receitas e, naturalmente, sem condições de aportar recursos para investimento. Alguns dos distritos que buscam emancipação encontram-se aí, nesse rol de cidades-sede insolventes.

Um extrato desse panorama pode ser visto em Pernambuco, relativamente aos municípios-sede para os quais há projetos de desmembramento na Assembléia Legislativa. Todos os municípios-mãe (23 localidades cujos dados estavam disponibilizados) apresentam uma radiografia fiscal desalentadora: ou suas gestões estão em dificuldade ou se encontram em situação crítica. 

As generalizações são perigosas, mas diante desse quadro dantesco é concedido venia fazê-las. Antes de tudo é uma falácia argumentar que os distritos não se desenvolvem porque não têm autonomia, porque se encontram sob o jugo da sede, e são por ela desassistidos. Menos. Os distritos não se desenvolvem porque não têm produção, não criam empregos, não geram renda, não têm infraestrutura.

E aí vem a lógica: como é que um distrito que não se desenvolve (tanto assim é que pleiteia desmembramento sob essa alegação), pertencente a um município-mãe insolvente, pode manter-se autonomamente do ponto de vista fiscal e financeiro?

Que mágica é essa que faz com que um distrito pobre, de uma sede também pobre, seja capaz de nascer com condições estruturais de produção, emprego e renda superiores as do seu estágio antecedente, a ponto de, enfim, desenvolver-se? 

Não é possível que os emancipacionistas imaginem que o distrito vá crescer social e financeiramente só porque terá uma prefeitura, uma câmara municipal, uma coordenação da sub-gerência do departamento regional da secretaria da educação! 

É preciso muito malabarismo retórico para justificar a criação da maioria absoluta desses novos municípios.

Mesmos os distritos territorialmente longínquos, uma situação sempre alegada por proponentes de desmembramentos, alguns deles não carecem de separação, pois são muito mais conurbados com outras cidades-pólo do que com as cidades-matriz.

As novas cidades, já se sabe, vão sustentar-se exclusivamente à custa das transferências governamentais, não têm como melhorar a qualidade de vida de seus munícipes, e serão, na verdade, mais uma fonte absorvedora de recursos públicos.
---------------------------------------------------------------

Maurício Costa Romão, Ph.D. em economia, é consultor da Contexto Estratégias Política e de Mercado, e do Instituto de Pesquisa Maurício de Nassau. 
mauricio-romao@uol.com.br, http://mauricioromao.blog.br.

Garanhuns realiza Seminário de Educação no Trânsito‏


Acontece nestas terça e quarta-feira (05 e 06), o Seminário de Educação no Trânsito, promovido pela Secretaria de Educação do município de Garanhuns. O evento será realizado no auditório da Escola Municipal Jaime Luna, localizado na COHAB 3, das 09h às 16h. O seminário é voltado a gestores e coordenadores pedagógicos de 29 escolas da Rede Municipal de Ensino, e busca trabalhar questões de educação no trânsito, numa perspectiva disciplinar e multidisciplinar, inserindo temáticas específicas, na própria grade curricular.

Ao todo, se farão presentes no evento, 100 servidores da educação, divididos para os dois dias do evento. O assunto exerce fundamental importância para a educação municipal, uma vez que abre novos horizontes, por meio de mecanismos que irão subsidiar a prática pedagógica dos professores, mediante práticas sociais, referentes à Educação de Trânsito na escola. A Rede Municipal de Ensino já desenvolve desde o início do ano, o Programa Trânsito na Escola em parceria com a AMTT(Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes)

O Seminário de Educação no Trânsito irá trabalhar eixos como segurança de trânsito, legislação de trânsito, trânsito como meio social e projetos educativos de trânsito. Durante o evento, haverão apresentações de peças teatrais de escolas do município. A Escola José Brasileiro Vila Nova irá abordar a temática Legislação de Trânsito, a Escola Luís Tenório de Carvalho deve apresentar “Rua não é lugar de brincar” e a Escola Letácio Brito Pessoa apresentará Paródias de Trânsito.

O momento ainda vai contar com abordagens como Educação em Valores no Trânsito e Projetos Pedagógicos em Educação de Trânsito.

Garanhuns realiza a VII Feira do Livro Espírita



O Grupo de Apoio aos Centros Espíritas (Gace), numa parceria com o Governo Municipal, promove entre os dias 4 e 9 de novembro a VII Feira do Livro Espírita. O evento, que tem o objetivo de divulgar a doutrina espírita, é sem fins lucrativos e será realizado no Espaço Colunata, localizado na avenida Santo Antônio, centro, de 8h às 18h. Mais de mil livros estarão expostos para venda – CD’s e DVD’s também contemplam os produtos da iniciativa.

De acordo com Rosana Araújo, uma das organizadoras da feira, atualmente, Garanhuns tem nove casas espíritas. Com a sétima edição, ela acredita que mais pessoas passem a conhecer a doutrina. “É bem interessante porque tem pessoas que não são espíritas e nos procuram. O público de simpatizantes têm crescido bastante. Na prática, é a quebra dos preconceitos existentes. Este ano pretendemos alcançar um bom resultado, novamente”, comenta.

SECOM GARANHUNS

Integração Nacional apresenta nova Política de Desenvolvimento Regional



Com intuito de reduzir as diferenças e gerar oportunidades de crescimento para as regiões menos desenvolvidas do país, o Ministério da Integração Nacional apresenta as novas diretrizes de execução para a Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR). O texto da PNDR II, lançado na última sexta-feira (1), está aberto para contribuições de segmentos da sociedade civil, de esferas do governo e de entidades ligadas ao tema. Após aportes, o documento deve ser encaminhado à Câmara Interministerial de Gestão Integrada de Políticas Regionais, onde a proposta será definida como decreto ou projeto de lei.

De acordo com o secretário Nacional de Desenvolvimento Regional do ministério, Sérgio Castro, apesar dos avanços recentes, o Brasil ainda é um país desigual e que precisa de uma atenção especial em suas políticas de desenvolvimento. “O objetivo da reformulação da PNDR foi reduzir as diferenças no nível de desenvolvimento e na qualidade de vida entre e intra as regiões brasileiras, promovendo a equidade no acesso a oportunidades de desenvolvimento para os territórios e as pessoas que neles vivem”, revela.

Segundo Sérgio Castro, o intuito é construir uma rede de municípios mais equilibrada, com maior harmonia entre pequenas, medias e grandes cidades e entre litoral e interior, identificando e fortalecendo polos, em diferentes escalas. “É necessário haver um tratamento diferenciado no que se refere à distribuição dos recursos federais e estaduais, baseado na solidariedade regional. Por isso é tão importante definir critérios de elegibilidade, para que a coesão territorial seja reconhecida como parte essencial da coesão econômica, social e política da nação”, destaca.

Critérios de elegibilidade - Entre os critérios de elegibilidade sugeridos pela nova Política estão o reconhecimento das potencialidades e a valorização das capacidades produtiva e criativa de cada território. “Os critérios devem ser multidimensionais, combinando indicadores, incluindo não apenas indicadores econômicos, mas também sociais e ambientais, de acordo com as necessidades dos diferentes objetivos de política e eixos de intervenção”, explica o secretário.

“A eleição de determinados territórios como objeto prioritário das políticas da PNDR II, não significa que suas ações e recursos devam se limitar exclusivamente a estes espaços. As estratégias e ações devem ser concebidas de forma sistêmica, considerando as interações do território alvo com os demais em diferentes escalas”, complementa.

O novo texto foi elaborado com base na primeira Conferência Nacional de Desenvolvimento Regional, onde foram ouvidos sociedade civil, governo e entidades.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.