GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

UNOPAR GARANHUNS

sábado, 11 de janeiro de 2014

Mulher desaparecida é encontrada.

Gente, Yara Azevedo foi encontrada em Maceió. Está bem. Por este motivo tiramos sua foto aqui do blog e os contatos, para evitar a exposição desnecessária.

Obrigado a todos!

Diretor do Datafolha revela tendências políticas para 2014 em entrevista a Antonio Lavareda‏



Para o diretor geral do Datafolha, Mauro Paulino, qualquer um dos candidados à Presidência da República, favorito ou não, terá de levar em conta um aspecto importante que foi detectado nas últimas pesquisas do Instituto: o desejo de mudança por parte do povo. “Mesmo a atual presidente se recuperando nos índices de aprovação e sendo favorita à reeleição, 66% dos brasileiros querem que o novo chefe do Executivo tome atitudes diferentes daquelas que os últimos tomaram”, explica. Paulino é o entrevistado deste sábado (11) do sociólogo Antonio Lavareda e da jornalista Mônica Bergamo no programa Ponto a Ponto, da BandNews TV, que vai ao ar às 23h.

Ainda segundo ele o País está frente a várias incógnitas que tornam o cenário eleitoral ainda mais difuso. “Cresceu o pessimismo com relação à Economia e ainda não se sabe o que a Copa do Mundo reserva ao Brasil”, diz. Para ele o desempenho da Seleção em campo não influenciará em nada o pleito de outubro. “O que a população vai levar em conta é a forma como o País será apresentado ao mundo, se haverá algum tipo de vexame com relação à organização do Mundial”, explica.

Mauro Paulino também deixa em aberto o papel das manifestações populares nas eleições. “A popularidade de Dilma Rousseff caiu muito após os protestos de junho do ano passado. Se houver gente nas ruas durante a Copa o fenômeno talvez se repita”, completa. 

O Ponto a Ponto tem reprises neste domingo (12), às 15h30, 19h30 e 23h.

Governo lança primeira etapa do Conexão Cidadã, que beneficiará 125 distritos e povoados pernambucanos‏




Quinze distritos pernambucanos celebram importante passo no processo de inclusão digital. Nesta sexta-feira (10/01), o governador Eduardo Campos lançou simbolicamente, no Distrito de Frexeiras, em Escada, o Programa Conexão Cidadã, que leva o serviço de telefonia móvel e internet 3G ao Interior. Ao todo, o programa beneficiará 125 distritos e povoados que possuem mais de mil habitantes e não contam com sinal de operadora de celular e internet.

Em Frexeiras, mais de 6 mil habitantes passam a contar agora com os serviços com a inauguração da torre de telefonia móvel da Vivo. Por meio da Secretaria de Ciência e Tecnologia, o Governo do Estado investirá R$ 285 mil em créditos de ICMS. O município também ganhará um Espaço Conexão Cidadã, com dez computadores e acesso gratuito à Internet para a população com conexão de 20 megas da tecnologia 3G.

"Temos hoje esses 125 distritos e povoados, em pleno século XXI, sem acesso à telefonia. Precisamos quebrar esses isolamentos onde vivem quase 400 mil pernambucanos que precisam do acesso à informação. Daí a importância dessa entrega simbólica aqui em Frexeiras", destacou o governador, explicando que os incentivos têm sido fundamentais para a chegada das empresas nesses lugares. 

Cada um dos 125 lugares receberá uma torre de conexão e um Espaço Conexão Cidadã. O programa está recebendo um investimento de cerca de R$ 36 milhões do Governo do Estado. "Vamos garantir a milhares de pernambucanos excluídos o direito ao acesso à informação e à comunicação. Essa é uma decisão estratégica inclusive para o desenvolvimento de nosso Estado", afirmou o secretário de Ciência e Tecnologia, Marcelino Granja.

CRONOGRAMA – Além de Frexeiras, o Conexão Cidadão já chegou em Tupaoca (no município de Aliança), Bizarra (Bom Jardim), Umari (Bom Jardim), Carapotós (Caruaru), Gonçalves Ferreira (Caruaru), Fátima (Flores), Ponta de Pedras (Goiana), Tejucopapo (Goiana), Ibiranga (Itambém), Urucuba (Limoeiro), Umburetama (Orobó), Cimbres (Pesqueira), Maniçoba (São Caetano) e Pirituba (Vitória de Santo Antão).

Até março de 2014, outras 45 localidades serão beneficiadas pelo Conexão Cidadã. As outras 65 receberão o benefício até junho, completando a lista de 125 vilas e distritos que terão acesso à conexão de voz e dados da operadora.

Nilo Coelho encerra 2013 com valor bruto de produção superior a R$ 700 milhões‏

O perímetro irrigado de Nilo Coelho, localizado na cidade de Petrolina, no semiárido pernambucano, é o maior do Brasil em produção. Em 2013, o valor bruto de produção foi superior a R$ 700 milhões, com destaque para a fruticultura. 

Com área irrigável de 18.563 hectares, Nilo Coelho beneficia cerca de 2.200 famílias. O perímetro também prevê a geração de 20 mil empregos diretos e 30 mil indiretos. Somente em 2012, a produção de alimentos foi de mais de 389 mil toneladas.

A distribuição do cultivo de frutas não atende só o mercado brasileiro, mas também alguns países da Europa, América do Norte e Japão. “A tecnologia intensiva de produção para fruticultura, que abre o mercado internacional, intensificando ainda mais a geração de emprego e renda na região. Além disso, há que se destacar o grau de utilização da terra, com uma grande taxa de ocupação, algo próximo dos 100%”, afirma o gerente da 3ª Superintendência Regional de Irrigação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), José Costa.

O irrigante Mariano Inácio conta que, há dois anos, investe na produção de orgânicos em um lote de seis hectares no perímetro de Nilo Coelho, onde ele cultiva hortaliças, manga, coco e acerola. Segundo o irrigante, a modernização do perímetro foi fundamental para o crescimento na produção e investimento na área de orgânicos. “Resolvi investir na produção de orgânicos há dois anos. Em breve iremos realizar uma feira na região só com orgânicos dos produtores de Nilo Coelho”, conta Mariano, um dos pioneiros na área de orgânicos.

Dando continuidade a revitalização e modernização do perímetro, está previsto no programa Mais Irrigação, coordenado pelo Ministério da Integração Nacional (MI), por meio da Secretaria Nacional de Irrigação e executado pela Codevasf, o investimento de R$ 76,6 milhões. Já foram realizadas diversas ações, como por exemplo, a elaboração do plano diretor; aquisição de tubos das adutoras da área de Maria Tereza; substituição dos tubos em Nilo Coelho e implantação de 100 quilômetros de drenos coletores.

Em Pernambuco, os eixos atendidos pelo Mais Irrigação são os de Parcerias Público-Privadas em Irrigação (eixo 1), Agricultura Familiar e Pequenos Irrigantes (eixo 3) e Estudos e Projetos (eixo 4). “O perímetro de Nilo Coelho faz parte do primeiro eixo do programa, incentivando os pequenos e médios produtores familiares, melhorando a infraestrutura e gerando emprego e renda. Esse é o objetivo do Mais Irrigação: melhorar a renda dos pequenos agricultores e revitalizar os perímetros”, diz o secretário nacional de Irrigação, Miguel Ivan.

O programa Mais Irrigação

Lançado em novembro de 2012 pela presidenta Dilma Rousseff, o Mais Irrigação prevê investimento de R$ 10 bilhões – R$ 3 bilhões em recursos públicos, por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), e R$ 7 bilhões em recursos privados. O programa, que é executado pela Codevasf, Secretaria Nacional de Irrigação e pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), atende 66 projetos em 16 estados.

Para o Estado de Pernambuco, os investimentos previstos são de R$ 366 milhões. A Codevasf, empresa pública vinculada ao Ministério da Integração Nacional, é responsável por 32 projetos em sete estados: Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Piauí e Sergipe.

Humberto integra comitiva que vai acompanhar situação de Pedrinhas no Maranhão



O senador Humberto Costa (PT) integra a comitiva da Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado que irá a São Luís do Maranhão, na próxima segunda-feira (13), para acompanhar a situação do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. O local vem recebendo denúncias por diversas violações de direitos humanos. Só em 2013, foram assassinados cerca de 60 detentos.

Na ocasião a comitiva deverá se reunir com membros da sociedade civil, do Tribunal de Justiça, do Ministério Público, além de visitar in loco a situação do presídio. Também está prevista uma audiência com a governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB).

“As denúncias são gravíssimas e não podemos permitir que coisas desse tipo continuem acontecendo”, afirmou o senador Humberto Costa, lembrando a repercussão nacional e internacional que teve o vídeo divulgado na internet em que detentos mostram corpos de colegas decapitados no presídio em dezembro passado e comemoram o feito.

Além de Humberto, estão confirmados na comitiva os senadores Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), João Capiberibe (PSB-AP) e senadora Ana Rita (PT-ES), presidente da Comissão.

Apoio do PT a Armando Monteiro ainda não está decidido

PT de Garanhuns apoia governo de Izaías. Pedros Passos e Chico do INSS são lideranças regionais

O PT de Pernambuco ainda não se decidiu sobre o rumo que vai tomar na campanha estadual, ou lança nome próprio, e neste caso seria João Paulo a figura mais forte para o projeto, ou se alia ao senador Armando Monteiro, que já está com a campanha na rua e já sinalizou diversas vezes que quer o partido de Dilma e Lula em seu palanque.

Contudo, duas situações ainda são discutíveis no PT: O fortalecimento da legenda no estado, voltando a figurar com chapa ao executivo para recuperar a expressão estadual, abalada em 2012, e a questão dos candidatos à proporcional, deputados estaduais e federais, que têm mais chances em uma chapa própria, com  a visibilidade que a campanha nacional terá e a vinculação aos candidatos petistas.

Armando Monteiro sabe que é essencial este apoio petista, para abalizar o discurso de oposição a Eduardo Campos, por isto, tem feito nos últimos meses uma defesa entusiasmada do governo federal, mais até que os próprios petistas. Como a campanha presidencial em Pernambuco tende a polarizar entre Dilma e Eduardo, ser uma terceira via, mesmo com o apoio paralelo de Dilma e Lula, complicaria a vida do senador candidato ao governo.

E tem mais... Se o PT lançar candidato próprio, precisará de nomes que possam defender o projeto em todo o estado. Isto fortalece o partido e as lideranças regionais. Com o nome de Armando, estas mesmas lideranças estarão inseridas em uma estrutura já existente.

Como o PT adora um debate interno, esta discussão dará excelentes reuniões.

FOTOREPORTAGEM: Entrega das chaves MINHA CASA MINHA VIDA em Garanhuns

Mais de 700 pessoas assistiram à solenidade de entrega das casas. Alguns contemplados receberam as chaves no palco armado no Conjunto Residencial Manoel Camelo
Tendas foram armadas, mas ainda foram insuficientes para a grande concentração de pessoas. Felizes, claro, ninguém reclamou do calor. Viviam um dos dias mais felizes de suas vidas!
Funcionários da Secretaria de Assistência Social deram suporte, aliás a secretária Célia Sobral foi bastante aplaudida
Em sua chegada, Jorge Corte Real falou com representantes da CAIXA, políticos, servidores do município e fez uma visita aos blocos de apartamentos. Alguns deles mobiliados por empresas locais
A política também teve seu espaço. Além de Jorge Corte Real, Izaías Régis também mencionou nomes como o senador Armando Monteiro. Nos bastidores, o nome de Audálio tem se fortalecido. Gedécio Barros tem sido um entusiasta da candidatura do vereador a Deputado Estadual
Gerentes da CAIXA, a exemplo de Neide Brandão e Lula Geraldo, estiveram em peso na cerimônia
Izaías circulou com Jorge Corte Real e Audálio Filho pelos blocos de apartamentos
Audálio conversa com o Superintendente Regional da CAIXA
Gedécio fez questão de registrar: "O PR e a família Barros estão com o candidato de Izaías. Mas se depender da gente, o candidato é Audálio".  A diretora Nelma, atual presidente municipal do PR, assinou embaixo. Quem também registrou seu apoio foi a vereadora Carla de Zé de Vilaço (PROS).
Evento foi prestigiado, rápido e especial para 496 famílias que conquistaram o sonho da Casa Própria.
Representantes de segmentos sociais também prestigiaram a solenidade
No descerramento da placa, o momento histórico da inauguração do programa em Garanhuns
Sem representantes do Governo do Estado no evento, o nome do governador foi citado na placa
Um dia que marca a criação de praticamente um novo bairro da cidade
Autoridades fazem as entregas de algumas chaves, simbolizando 496 famílias contempladas
As entregas foram emocionantes. Algumas pessoas chegaram a lacrimejar diante da emoção

A Prefeitura de Garanhuns e a Caixa Econômica Federal realizaram a entrega dos condomínios residenciais Manoel Camelo I e II na manhã desta sexta-feira (10). A solenidade de entrega contou com a presença de várias autoridades locais, regionais e federais. O empreendimento, destinado a famílias com renda de até R$ 1,6 mil, recebeu o investimento total de R$ 20 milhões, com recursos do Fundo do Arrendamento Residencial (FAR).

Vinculados ao Programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal, o empreendimento é composto por 496 apartamentos, com área privativa de 43,88m², divididos em 2 quartos, sala, banheiro, cozinha, área de serviço e 01 vaga de garagem. O custo médio das unidades é de R$ 41 mil. Os empreendimentos possuem, ainda, 15 apartamentos adaptados para portadores de necessidades especiais (PNE), com área maior para possibilitar o giro de 360 graus da cadeira de rodas, além de portas e janelas adaptadas.

Martoni Sobral, superintendente da Caixa, falou da importância do cumprimento do papel de servidor público que a instituição e a Prefeitura cumpriram com a entrega desses apartamentos. “É nosso dever estar servindo. Eu nasci em Garanhuns, mas saí, junto com minha família, há muito tempo. Não existia tanta oportunidade como hoje já há. É um imenso prazer estar realizando esse sonho de vocês, tenham certeza disso”, finalizou.

Vereador solicita a elaboração do Plano de Saneamento Básico de Garanhuns‏

Na sessão Plenária do dia 13 de Dezembro de 2013, o vereador Gil PM (PRB), solicitou ao Poder Executivo Municipal, através do requerimento 894/2013, a elaboração do Plano de Saneamento Básico do Município de Garanhuns.

A elaboração do Plano Municipal de Saneamento está previsto na Lei 11.445, de 5 de janeiro de 2007, e estabelece que os municípios tenha seus planos elaborados para que os recursos da União não sejam suspensos.

"Saneamento básico é questão de saúde pública, o plano é um instrumento importante, necessário à saúde e qualidade de vida, onde a população obterá informações e identificará as ações necessárias para o município¨, enfatizou Gil PM.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.