GOVERNO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

quinta-feira, 3 de abril de 2014

JOÃO LYRA ANUNCIA TODOS OS SECRETÁRIOS DE SEU GOVERNO. Confira a relação!



NOVO SECRETARIADO DO GOVERNO DE PERNAMBUCO


CHEFIA DO GABINETE DO GOVERNADOR: Rubens Júnior

Nascido em Caruaru, Rubens Rodrigues da Silva Júnior tem 51 anos, é radialista e formado em História pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Caruaru (Fafica) e pós-graduado em Gestão Pública pela Fafica. Foi assessor de imprensa da Câmara Municipal de Caruaru e da Prefeitura de Caruaru, tendo atuado nesta última também como secretário de Ação Social. Presidiu o Conselho Estadual de Assistência Social, foi membro da coordenação da primeira Conferência Nacional de Assistência Social e diretor executivo do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Assistência Social. Desde 2007, atua como gerente de articulação da Vice-Governadoria do Estado de Pernambuco.

SECRETARIA DE ADMINISTRAÇÃO: José Neto

José Francisco Cavalcanti Neto nasceu no Recife, em 15 de dezembro de 1971. Formado em Direito pela Faculdade de Direito do Recife. É auditor do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE), onde exerceu as funções de assessor técnico da Controladoria de Controle Externo e de diretor departamental, entre outros. Atuou, também, como assessor especial do Governo do Estado e como assessor do Tribunal Regional Federal da 5ª Região. No Governo Eduardo Campos, exerceu o cargo de secretário executivo de Pessoal e de Relações Institucionais da Secretaria de Administração, de 2007 a março de 2010, quando assumiu a titularidade da pasta exercida até dezembro. Foi presidente do Conselho de Administração da Fundação de Aposentadorias e Pensões dos Servidores do Estado de Pernambuco (Funape). Em janeiro de 2011, foi nomeado secretário-executivo de Coordenação Institucional da Secretaria da Fazenda de Pernambuco.

SECRETARIA DE AGRICULTURA E REFORMA AGRÁRIA: Aldo Santos

José Aldo dos Santos é natural da cidade de Altinho, no Agreste pernambucano. Formado em Agronomia e mestre em Administração Rural, ambas pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Coordenou o Centro de Desenvolvimento Agroecologico Sabiá e foi membro da coordenação estadual da ASA-PE, da coordenação executiva da ASA-Brasil e da coordenação nacional da Articulação Nacional de Agroecologia (ANA). Faz parte do Comitê Integrado de Combate à Estiagem. É o atual presidente do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável de Pernambuco. Ingressou na atual gestão em janeiro de 2011, quando assumiu a Secretaria-Executiva de Agricultura Familiar. Em junho de 2012, acumulou a gerência-geral do Programa de Desenvolvimento Rural Sustentável de Pernambuco (Prorural). Desde maio de 2013, é secretário de Agricultura e Reforma Agrária de Pernambuco.

SECRETARIA DA CASA CIVIL: Luciano Vásquez

Crédito: Teresa Maia/DP
Luciano Vasquez Mendez nasceu no Recife, em 29 de setembro de 1964. Formado em Direito pela Faculdade de Direito do Recife da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), pós-graduado em Direito Eleitoral e Ciência Política pela Universidade de Brasília (UNB). Iniciou sua militância política ainda no MDB na década de 1970, quando ingressou no Movimento Estudantil, onde foi vice-presidente do DCE-UFPE, diretor da UNE e presidente do Diretório Acadêmico da FDR/UFPE. Foi oficial de gabinete da Secretaria de Governo do Recife, diretor de Coordenação Política da Secretaria da Casa Civil no Governo Miguel Arraes (1987-1990). Na Assembleia Legislativa de Pernambuco, foi chefe de gabinete da Liderança de Oposição (1991 a 1994), diretor de Compras e chefe de gabinete parlamentar (1996 a 2006). Desde 2007, é presidente do Laboratório Farmacêutico do Estado de Pernambuco Governador Miguel Arraes (Lafepe), que saiu de uma crônica situação financeira e transformando-o no maior laboratório público do País. Presidiu também a Associação dos Laboratórios Farmacêuticos Oficiais do Brasil (Alfob), por dois mandatos (2009 a 2013).

SECRETARIA DAS CIDADES: Evandro Avelar

Evandro José Moreira de Avelar é engenheiro civil. Já exerceu os cargos de diretor geral da Agência de Desenvolvimento de Pernambuco (Adene), secretário estadual das pastas de Desenvolvimento Urbano e de Projetos Especiais, assessor técnico do Sebrae Nacional e diretor e presidente da COHAB/PE, além de diretor presidente da Empresa Metropolitana de Transporte Urbano (EMTU). Desde 2009, passou a integrar a equipe da Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes, tendo atuado como secretário de Serviços Urbanos e Obras (2009 a 2012) e Infraestrutura e Mobilidade Urbana, desde 2013.

SECRETARIA DE CIÊNCIA E TECNOLOGIA: José Bertotti

José Antônio Bertotti Júnior, 44 anos, é graduado em Química Industrial pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, com pós-graduação em Gestão de Políticas Públicas pela Faculdade Boa Viagem. Foi tesoureiro-geral da União Nacional dos Estudantes. Atuou na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura do Recife, como assessor-técnico (2001 a 2004) e secretário-executivo (2005 a 2008), vindo a assumir a titularidade da referida pasta, em 2008. Presidiu o Conselho Municipal de Apoio ao Porto Digital. Foi secretário de Ciência, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico da Prefeitura do Recife (2009 a 2012), antes de ingressar no Governo do Estado, como secretário-executivo de Ciência e Tecnologia, desde janeiro de 2013.

CONTROLADORIA-GERAL DO ESTADO: Djalmo Leão

Nascido no Recife em agosto de 1950, Djalmo Leão é bacharel em Ciências Econômicas e Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). É auditor da Secretaria da Fazenda desde 1982, tendo ingressado através de concurso público. Entre as funções que exerceu, estão as de diretor financeiro do DER-PE, diretor geral das Finanças da Secretaria da Fazenda de Pernambuco, assessor da Diretoria de Controle do Tesouro Estadual, assessor da Secretaria da Fazenda (1996 a 1998), assessor parlamentar do deputado federal Eduardo Campos (1998 a 2003) e subsecretário de Planejamento, Orçamento e Administração do Ministério da Ciência e Tecnologia (2004 a 2006). No Governo Eduardo Campos, foi titular das secretarias da Fazenda (2007 a 2010) e da Controladoria-Geral do Estado, esta última desde 2011.

SECRETARIA EXTRAORDINÁRIA DA COPA 2014: Ricardo Leitão

Recifense, nascido em 1950, formado em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). Trabalhou nas revistas Manchete e Veja e nos jornais Diário da Noite, Folha de S.Paulo e Diário de Pernambuco, do qual foi diretor de redação. Como repórter, recebeu por cinco vezes o Prêmio Esso de Jornalismo, a mais importante premiação da Imprensa brasileira. Coordenou as campanhas eleitorais de Miguel Arraes ao Governo do Estado em 1986 e 1994. Foi secretário estadual de Imprensa (1987-1990) e diretor de Comunicação do Governo do Estado (1995-1998). Entre 2007 e 2010, ocupou o cargo de secretário estadual da Casa Civil. Em 2011, assumiu a Secretaria Extraordinária da Copa do Mundo 2014.

SECRETARIA DE CULTURA: Marcelo Canuto

Nascido no Recife, Marcelo Canuto Mendes, 49 anos, é formado em Direito pela UFPE. Iniciou sua carreira pública como oficial de gabinete da Secretaria de Imprensa de Pernambuco, no segundo Governo de Miguel Arraes (1987-1990). Foi chefe de gabinete da Secretaria de Assuntos Jurídicos da Prefeitura de Jaboatão dos Guararapes durante o período de intervenção estadual no município (1988) e diretor do Departamento de Relações com os Poderes Municipais da Secretaria de Governo de Olinda a partir de 1989. Foi gerente-geral da Secretaria de Projetos Especiais no terceiro Governo de Miguel Arraes (1995 a 1998). No Governo Eduardo Campos, foi gerente geral de Gestão da Secretaria Especial de Articulação Social do Estado (2007 a 2010), pasta da qual passou a ser o secretário em março de 2010. Em 2011, foi nomeado secretário-executivo de Relações Institucionais e Articulação Parlamentar da Casa Civil, acumulado a Secretaria-Executiva de Articulação Política da referida pasta entre 2012 e 2013. Em outubro de 2013, passou a responder pela Secretaria de Cultura, sendo efetivado em janeiro de 2014.

SECRETARIA DA CRIANÇA E JUVENTUDE: Pedro Eurico

Pedro Eurico de Barros e Silva, 61 anos, pernambucano, é advogado e iniciou sua carreira política como militante da Comissão de Justiça e Paz da Arquidiocese de Olinda e Recife. Durante a ditadura militar, defendia presos políticos, denunciava a tortura e a perseguição política. Em 1982, foi eleito vereador do Recife e em 1986, deputado estadual, cargo para o qual foi reeleito em 1990, 1994, 1998, 2002 e 2006. Foi presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco no biênio 1995-1996. No segundo Governo Miguel Arraes (1987 a 1990), comandou a Secretaria de Habitação. Assumiu a Secretaria Estadual da Criança e da Juventude em 2012.

SECRETARIA DE DEFESA SOCIAL: Alessandro Carvalho

Natural de Salvador (Bahia), o delegado federal Alessandro Carvalho Liberato de Mattos, 40 anos, bacharel em Direito pela Universidade Federal da Bahia. Atuou como advogado Cível e Comercial e exerceu diversos cargos na Polícia Federal, na qual ingressou em 1999. Atuou como Delegado Regional Executivo da Superintendência da Polícia Federal no Estado do Rio Grande do Norte, além de chefiar as Delegacias de Polícia Federal em Juazeiro (Bahia) e em Foz do Iguaçu (Paraná) e de ter sido Delegado Regional de Combate ao Crime Organizado e Delegado Regional Executivo da Superintendência da Polícia Federal no Estado da Bahia. Exerceu o cargo de secretário-executivo de Defesa Social em Pernambuco desde julho de 2010, vindo a responder como titular da pasta desde dezembro de 2013.

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO: Márcio Stefanni

Márcio Stefanni Monteiro Morais, 35 anos, é formado em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). É servidor concursado, desde 2002, do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Antes, participou do Programa de Trainee do Banco do Nordeste, atuando na Área Jurídica. No BNDES, atuou no Rio de Janeiro, em diversos setores e exerceu funções como advogado do Departamento de Desenvolvimento Urbano e coordenador Jurídico do Departamento de Operações Sociais. De 2007 a 2010, foi de assessor da Área de Inclusão Social e Crédito e da Presidência do BNDES. Em 2011, ingressou no Governo do Estado, comandando a Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper) e participando de importantes negociações junto a empresas como Kraft foods, Monsanto, BR Foods, Nissin Ajinomoto, P&G, Johnson & Johnson, Novartis e Volkswagen. No final de 2012, assumiu a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado, onde é responsável pelos Portos de Suape, Recife e Petrolina, além da AD Diper, Copergás, Ipem e Jucepe.

SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E DIREITOS HUMANOS: Bernardo d’Almeida

Nascido no Recife e formado em Economia pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Bernardo Juarez D'Almeida, 42 anos, é auditor tributário do Tesouro Estadual desde 1994, tendo exercido cargos de gerência na Secretaria da Fazenda, de onde é funcionário de carreira. Em 2008, ingressou no Governo de Pernambuco como gerente geral de Ações Governamentais do programa Pacto pela Vida. Em janeiro de 2011, foi nomeado secretário-executivo de Gestão por Resultados da Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado. Em 2011, a convite do então secretário de Planejamento e Gestão Alexandre Rebêlo, iniciou os trabalhos de construção dos Pactos pela Educação e pela Saúde. Desde janeiro de 2014, atua como secretário de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos.

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO E ESPORTES: Ricardo Dantas

Recifense, José Ricardo Wanderley Dantas de Oliveira nasceu em outubro de 1965. Graduado pela Faculdade de Ciências da Administração de Pernambuco pela Universidade de Pernambuco (UPE). Servidor Público de Pernambuco desde 1988, é Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil. Foi Auditor Fiscal e diretor-adjunto de Controle do Tesouro Estadual na Secretaria da Fazenda. No Governo Eduardo Campos, comandou a Secretaria da Controladoria Geral do Estado em Pernambuco (2007 a 2010), na qual implantou Portal da Transparência, principal instrumento de Controle Social disponibilizado pelo Governo do Estado. Em 2011, assumiu a Secretaria de Administração, tendo acumulado a presidência do Instituto de Recursos Humanos (IRH). Desde 2012, é titular da Secretaria de Educação, tendo incorporado a pasta de Esportes na reforma administrativa de janeiro de 2014.

SECRETARIA DA FAZENDA: Décio Padilha

Décio José Padilha da Cruz, 43 anos, é pernambucano, formado em Administração pela Faculdade de Ciências de Administração de Pernambuco da Universidade de Pernambuco (FCAP/UPE). Sua vida profissional teve início em 1992, como gerente de agência do extinto Banorte. Em 1993, ingressou na Secretaria da Fazenda do Estado como Auditor Fiscal, ocupando diversos cargos, entre os quais diretor de Fiscalização de Mercadorias em Trânsito (1999 a 2006) e membro permanente do Conselho de Política Tributária da Secretaria da Fazenda (2002 a 2006). Em janeiro de 2007, assumiu a Diretoria Comercial e de Atendimento da Compesa. Em dezembro de 2012, passou a comandar a Secretaria Estadual da Administração.

SECRETARIA DE IMPRENSA: Ivan Maurício

Ivan Maurício Monteiro dos Santos nasceu no Recife, em 19 de junho de 1951. Formado em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). Atuou como repórter e editor de veículos como Diário da Noite, Diário de Pernambuco, Jornal do Commercio, Vanguarda, O Globo e revista Manchete. Participou da chamada Imprensa Alternativa durante o regime militar, sendo correspondente para o Nordeste dos jornais Opinião e Movimento, tendo sido também colaborador dos jornais Coojornal, Versus, Extra, Mais Um e O Pasquim. Venceu o Prêmio Esso de Jornalismo - Região Nordeste em 1978. Foi diretor geral da TV Pernambuco e chefe de gabinete do então prefeito de Olinda, Germano Coelho (1982), além de ter presidido a Empresa de Urbanização e Desenvolvimento Integrado de Olinda (URB Olinda) e diretor-geral do Centro de Preservação dos Sítios Históricos da Prefeitura de Olinda. Foi fundador, integrante da executiva nacional e primeiro presidente do PSB em Pernambuco. É diretor de Conteúdo do portal O Nordeste, além de ter publicado cinco livros.

SECRETARIA DE INFRAESTRUTURA: João Bosco de Almeida

Formado em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB), João Bosco de Almeida, paraibano com título de cidadão pernambucano (2009), é servidor de carreira da Companhia Hidroelétrica do São Francisco (Chesf) há 40 anos. Começou como estagiário e chegou a Diretor Administrativo, passando ainda pelos cargos de gerente do Serviço Regional de Manutenção de Campina Grande, gerente do Centro de Formação Profissional de Paulo Afonso, diretor de operação e membro do Comitê de Planejamento Empresarial. Atuou também em cargos executivos nos governo da Paraíba e de Pernambuco. No terceiro governo Miguel Arraes (1995-1998), foi secretário de Infraestrutura. No Governo Eduardo Campos, atuou como secretário de Recursos Hídricos e Articulação Regional (2007 a 2010), período em que também acumulou a presidência da Compesa. Em 2011, deixou a gestão para assumir a presidência da Chesf, onde permaneceu até o final de 2013. Retornou ao Governo do Estado em janeiro de 2014, como secretário de Infraestrutura.

SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE E SUSTENTABILIDADE: Carlos Cavalcanti

Carlos André Cavalcanti, 46 anos, nasceu no Recife. Formado em Agronomia pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e mestre em Desenvolvimento Territorial Rural pela Universidade de Córdoba, na Espanha. Foi diretor e secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Rural da Prefeitura de Gravatá e atuou como assessor técnico na Secretaria de Agricultura do Rio Grande do Sul. Foi presidente da Sociedade Nordestina de Ecologia e diretor do Serviço de Tecnologia Alternativa. Em 2011, ingressou na gestão estadual, como gerente de Integração de Políticas e Programas da SEMAS, passando também pela Superintendência Técnica e pela Gerência Geral de Desenvolvimento Sustentável. Em fevereiro de 2013, assumiu a diretoria de recursos florestais e biodiversidade da Agência Estadual do Meio Ambiente (CPRH), e em dezembro foi nomeado presidente do órgão.

SECRETARIA DE MICROEMPRESA: Osiris Caldas

Osíris Lins Caldas Neto nasceu em 23 de junho de 1966. Formado em Economia pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e pós-graduado em Gestão da Capacidade Humana nas Organizações pela Universidade de Pernambuco (UPE). Atuou como consultor empresarial, presidiu a Associação Comercial e Empresarial de Caruaru (ACIC), secretário-executivo da Prefeitura de Caruaru (2009 a 2010) e diretor financeiro da Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Pernambuco (Facep), cargo que exercia desde 2013.

SECRETARIA DA MULHER: Cristina Buarque

Formada em Economia, é mestra em Ciência Política pela Universidade Federal de Pernambuco, doutoranda em Sociologia pela Universidade Federal da Paraíba e especialista em Gênero e Desenvolvimento Rural, Gênero e Administração e em Planejamento em Ciência e Tecnologia. Militante feminista, atuou no exterior na década de 1970, período em que esteve exilada no Chile e na Alemanha. Foi presidente da Casa da Mulher do Nordeste, secretária-executiva do Projeto Mulher & Democracia e pesquisadora da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj). Assumiu a Secretaria da Mulher em janeiro de 2007, cargo no qual permanece até hoje.

SECRETARIA DE PLANEJAMENTO E GESTÃO: Frederico Amâncio

Nascido em Paulo Afonso (BA), em 17 de julho de 1969, Frederico Amâncio é formado em Administração pela Universidade de Pernambuco (UPE) e em Direito pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), com pós graduação em Economia Aplicada à Gestão Fiscal pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) de São Paulo. Em 1995, foi aprovado em concurso para auditor fiscal do Tesouro Estadual, lotado na Secretaria da Fazenda de Pernambuco. Em julho de 2008, Amâncio integrou a equipe responsável pela aplicação de um novo modelo de gestão na saúde pública do Estado. Em dezembro daquele ano, assumiu o cargo de secretário-executivo de Coordenação-Geral. Em 31 de março de 2010, assumiu o comando da Secretaria Estadual de Saúde. Em janeiro de 2011, passou a ocupar a vice-presidência do Porto de Suape, e posteriormente a presidência do Complexo. Em 2012, assumiu a Secretaria de Planejamento e Gestão, cargo que ocupa atualmente.

PROCURADORIA GERAL DO ESTADO: Thiago Norões

Natural do Crato, no Ceará, Thiago Norões nasceu em 16 de março de 1968. Formado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), é servidor público desde 1993, ano em que foi aprovado no primeiro concurso público da Procuradoria Geral do Estado, passando a integrar o quadro da PGE. No Governo Eduardo Campos, exerceu o cargo de procurador-adjunto, entre 2007 e 2010. Assumiu a titularidade da Procuradora Geral do Estado em janeiro de 2011.

SECRETARIA DE SAÚDE: Ana Maria Albuquerque

Nascida em Belo Horizonte, Minas Gerais, residente desde 1986 na cidade de Recife. Formada em Medicina pela Universidade de Pernambuco (UPE), com especialidade na área de Pediatria. Atuou no Imip, no Hospital Nelson Chaves e no Hospital de Prazeres. Na Secretaria Estadual de Saúde, assumiu as funções de diretora-executiva de Controle e Avaliação do Sistema de Saúde, de gerente geral de Regulação, Controle e Avaliação do Sistema de Saúde e a assessoria técnica do Secretário Estadual de Saúde e de secretária-executiva da Atenção à Saúde, desde 2009. Em 2011, se tornou superintendente de Interiorização do IMIP, e dois anos depois superintendente geral adjunta da instituição hospitalar.

SECRETARIA DE TRABALHO, QUALIFICAÇÃO E EMPREENDEDORISMO: Murilo Guerra

O advogado Murilo Guerra, 66 anos, é procurador do Estado e ocupou a Procuradoria-Geral Adjunta de Pernambuco no Governo Joaquim Francisco (1991-1994). Guerra também foi superintendente por do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Pernambuco (Sebrae-PE) por dois mandatos e já foi procurador-chefe da Fazenda.

SECRETARIA DE TURISMO: Romeu Baptista

Empresário do ramo hoteleiro, Romeu Neves Baptista atuou como diretor da Empresa Brasileira de Turismo (Embratur), entre 1985 e 1989. Foi secretário da Casa Civil do Governo de Pernambuco entre 1990 e 1991, e secretário de Turismo da Prefeitura do Recife, entre 2000 e 2004. Desde 2007, vinha atuando como Administrador Geral do Distrito Estadual de Fernando de Noronha.

LIDERANÇA DO GOVERNO NA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA: Waldemar Borges

Waldemar Alberto Borges Rodrigues Neto nasceu no Recife, em 10 de julho de 1958. Cursou Economia na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Iniciou sua militância política na juventude, durante os anos 80. Foi presidente estadual do PMDB Jovem, entre 1985 e 1986, e do PPS por duas vezes. Foi eleito vereador do Recife em quatro mandatos consecutivos (1988, 1992, 1996 e 2000), e presidiu a Casa de José Mariano no biênio 2003-2004. Assumiu a Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura do Recife (2001 a 2002) e a presidência da Empresa Municipal de Informática (Emprel), em 2005. De 2007 a 2010, foi secretário de Articulação Social no Governo Eduardo Campos, e secretário-executivo do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social de Pernambuco. Em 2010, se elegeu para o primeiro mandato como deputado estadual, tendo assumido a liderança do Governo na Assembleia Legislativa no ano seguinte.

JOÃO LYRA NETO: Biografia do novo Governador de Pernambuco



João Soares Lyra Neto nasceu em Caruaru, no Agreste pernambucano, no dia 24 de janeiro de 1947. Filho de João Lyra Filho e Guiomar da Fonseca Farias Lyra, herdou do pai, que foi prefeito de Caruaru e deputado estadual, a vocação política. Nos anos 1960 entrou para a Faculdade de Direito do Recife onde iniciou sua militância ao participar do movimento estudantil. 

Junto com o irmão Fernando Lyra, na década de 1970, fez parte da resistência democrática durante todo período de ditadura militar. Filiado ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB), chegou a ser presidente do partido em Caruaru. Nos início dos anos 80, começou a participar ativamente de campanhas políticas e fez parte da Coordenação Estadual pela retomada das “Diretas Já” no país. 

O primeiro mandato popular veio em 1988, quando foi foi eleito prefeito de Caruaru, cargo que voltou a assumir em 1997, para um segundo mandato. Entre as duas gestões conquistou uma cadeira na Assembleia Legislativa de Pernambuco. Como deputado estadual (1995 a 1996), foi eleito líder do governo Miguel Arraes na Assembleia Legislativa.

Eleito ao lado de Eduardo Campos, assumiu a Vice-Governadoria em 2007. No início da gestão, coordenou três áreas estratégicas: Saúde, Educação e Segurança. Em 2008, comandou a Secretaria de Saúde, ficando à frente do processo de mudança de gestão da pasta em Pernambuco. Com a desincompatibilização de Eduardo Campos para disputar a Presidência da República, assume o Governo do Estado.

Resumo dos principais cargos públicos 

Prefeitura Municipal de Caruaru – Primeira Gestão (1989 a 1982)

Em janeiro de 1989, João Lyra Neto assumia a gestão de Caruaru pela primeira vez. Um dos destaques de sua administração foi a transferência da centenária Feira de Caruaru. O município, cuja força econômica até hoje gira em função do comércio e da prestação de serviços, tinha começado em torno desse mercado informal 140 anos antes. Foi também na administração de João Lyra Neto que o Pátio do Forró foi implantado na Av. Rui Barbosa, que nasceu o desfile junino e o Trem do Forró ganhou grande impulso. Também nessa época foi construída a Ceaca – Central de Abastecimento de Caruaru e o Autódromo Internacional Ayrton Senna, que, posteriormente, deu projeção nacional à cidade na área esportiva.

Assembleia Legislativa (1995-1996)

Na primeira experiência para o legislativo, João Lyra Neto foi eleito para a Assembleia Legislativa de Pernambuco, em 1994. Exerceu a liderança da bancada do Governo Miguel Arraes. 

Na Assembleia, ele foi ainda membro titular da Comissão de Constituição e Justiça,- por onde passam todos os projetos discutidos na Casa-, da Comissão de Acompanhamento Salarial e da Comissão de Negócios Municipais. Em todas essas comissões, o conhecimento adquirido por ele, tanto na vida política como profissional, o levaram a ter um papel de destaque nos debates. 

Prefeitura Municipal de Caruaru – Segunda Gestão (1997 a 2000)

Em janeiro de 1997, João Lyra Neto assumia pela segunda vez a Prefeitura de Caruaru. O equilíbrio entre o ajuste fiscal necessário para fechar as contas e os investimentos indispensáveis em desenvolvimento e na área social tornou-se, então, o grande desafio de todas as gestões municipais e foi a razão do sucesso da segunda passagem de Lyra na Prefeitura de Caruaru. Neste cenário adverso, e diferentemente da maioria das prefeituras, Caruaru conseguiu manter as contas pública equilibradas. 

Com a eficiência na arrecadação e controle nos gastos, foi possível a realização de um conjunto de obras, voltadas tanto para a urbanização e mobilidade, como nas áreas de educação, saúde e cultura. Tudo com respeito ao servidor. Em 48 meses de governo, a folha salarial foi paga rigorosamente em dia, coisa rara até então.

Secretaria Estadual de Saúde - (Junho/2008 a Março/2010)

João Lyra ficou à frente, durante 22 meses, da Secretaria de Saúde de Pernambuco, uma das pastas mais complexas e estratégicas do governo. Assumiu em 3 de junho de 2008. Para se ter uma ideia do tamanho da tarefa, a Secretaria é o maior órgão da administração pública do Estado, na época com 29 hospitais, 11 gerências regionais e mais de 27 mil servidores. 

O primeiro passo dado por Lyra foi fazer um amplo diagnóstico do SUS em Pernambuco. Levantamento pronto e definidas as demandas, ele foi com seus gestores em busca de experiências exitosas, que pudessem ser aplicadas no Estado. Naquele momento, já havia a determinação do governador Eduardo Campos em construir três hospitais metropolitanos. A construção das novas unidades, que chegava para suprir uma carência histórica,- já que o último grande hospital, a Restauração, tinha sido construído 40 anos antes-, por si só era uma iniciativa fundamental e grandiosa. Mesmo assim, ainda não daria conta de resolver a insuficiência dos serviços.

Faltava uma estrutura descentralizada que hierarquizasse o atendimento. Um local, próximo à residência das pessoas, em que a população tivesse acesso aos procedimentos de média e baixa complexidade, desafogando as grandes emergências. Foi aí que nasceram as unidades de pronto-atendimento, talvez o maior legado deixado por João Lyra Neto na sua gestão. A ideia das UPAs, ele desenvolveu a partir das experiências positivas colhidas das viagens de trabalho que fez a Estados como Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. Também veio da experiência paulista, a iniciativa de implantar as Organizações Sociais para administrar os novos hospitais e as unidades de pronto-atendimento. 

O fato das novas unidades serem gerenciadas por organizações sociais, colocou o Estado na vanguarda dos melhores serviços públicos de saúde prestados à população. Sob esse novo modelo de gestão, João Lyra Neto inaugurou o Hospital Miguel Arraes e iniciou as obras dos hospitais metropolitanos Dom Hélder Câmara e Pelópidas Silveira. Por outro lado, todos os hospitais da rede própria foram reformados, incluindo os da Capital e do Interior, a exemplo do Regional do Agreste, em Caruaru. Em setembro de 2009, também na gestão de Lyra Neto, o HRA foi credenciado pelo Ministério da Saúde como Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (Unacon), o que significa que o hospital passou a ser habilitado para prestar atendimento clínico e cirúrgico, na especialidade, aos pacientes de Caruaru e região, captando mais recursos do SUS. 

Ainda na rede própria foi implantado um novo modelo gerencial nas seis maiores emergências do Estado – Hospitais da Restauração, Otávio de Freitas, Getulio Vargas, Barão de Lucena, Agamenon Magalhães e Regional do Agreste. Cada um desses hospitais ganhou em seu organograma, gerente-médico, administrativo-financeiro, de suprimentos, engenharia e manutenção, além dos diretores gerais. Essa nova formação do quadro atendeu a uma necessidade de profissionalização da gestão. 

Vice-Governadoria de Pernambuco (2007 a Março/2014)

Como vice-governador de Eduardo Campos, eleito em 2006 e reeleito em 2010, Lyra exerceu o cargo com lealdade e discrição. João Lyra Neto avançou nessa perspectiva para ajudar Eduardo Campos num novo momento de desenvolvimento em Pernambuco..

Antes mesmo de assumir o Governo, no final de 2006, Eduardo Campos o designou como coordenador da transição. E, no início da administração, João Lyra foi convocado para uma função estratégica: coordenar as áreas de Saúde, Educação e Segurança Pública. Posteriormente, esse trabalho o credenciou para assumir a Secretaria Estadual de Saúde. 

A parceria construída em 2006 e mantida em 2010 entre Eduardo Campos e João Lyra Neto também tem um componente histórico importante e que vale a pena ser ressaltado. Em 1959, a Frente Popular, um conjunto de forças de partidos de esquerda, fez campanha para Miguel Arraes, no Recife, e para João Lyra Filho, em Caruaru. Os dois foram eleitos e, logo após o mandato, em 1964, veio o golpe militar, e eles participaram da luta contra a ditadura. 

Linha do tempo 

1947 – Nasce em Caruaru. Filho de João Lyra Filho e Guiomar da Fonseca Farias Lyra
1965 – Aos 18 anos assume a direção da Rodoviária Caruaruense
1966 – Inicia militância política no diretório do MDB. Membro fundador do partido – Movimento Democrático Brasileiro - em Caruaru, e é seu primeiro presidente.
1968 – Assume a presidência da Fundação Assistencial, Educacional e Cultural de Caruaru, permanecendo no cargo até 1987.
1972 – Conclui o curso de Direito
1984 – Integra o Comitê Estadual das “Diretas Já”, após ter coordenado várias campanhas políticas municipais e estaduais.
1988 – Eleito prefeito de Caruaru pela Frente Popular de Caruaru. Ao final de sua gestão, entrega o caro ao sucesso, em janeiro de 1993, com 95,3% de aprovação popular de sua administração. (1989 a 1992 - PMDB)
1994 – Eleito deputado estadual com a maior votação recebida, até então, na história de Caruaru, com 28.030 votos. Como parlamentar, assume a vice-liderança do Governo na Assembleia Legislativa. É membro da Comissão Permanente de Legislação e Justiça, e da Comissão de Acompanhamento Salarial. (1995 e 1996- PSB)
1996 – Eleito pela segunda vez prefeito de Caruaru (1997 a 2000 – PSB)
2006 – Eleito vice-governador na chapa majoritária liderada por Eduardo Campos ao Governo de Pernambuco. (2007 a 2010 – PDT). 
2008 – Em junho, passa acumular a função de secretário estadual de Saúde. Fica na função até março de 2010.
2010 – Escolhido pelo governador Eduardo Campos para novamente compor a chapa majoritária como candidato a vice-governador. Eleição vitoriosa com 3 milhões 450 mil 874 votos, o equivalente a 82,83% dos votos válidos. Empossado em janeiro de 2011 (PDT)
2013 – Em outubro, filia-se ao PSB.
2014 – Em abril, o governador Eduardo Campos deixa o Governo do Estado para se candidatar à Presidência da República. João Lyra Neto assume o Governo de Pernambuco. 

Eduardo Campos assina carta de renúncia e exonera secretariado estadual


O governador Eduardo Campos assinou, nesta quinta-feira (03/04), carta de renúncia aos meses finais de seu mandato como chefe do Executivo estadual. Na ocasião, Eduardo também formalizou as exonerações, a pedido, de todos os secretários estaduais. Os atos serão publicados no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (04/04), data limite estabelecida pela Lei Eleitoral para que aqueles que se candidatarão a mandato eletivo se desincompatibilizem de suas funções administrativas.

As exonerações foram pactuadas com o vice-governador João Lyra Neto, que assumirá o Executivo estadual a partir desta sexta-feira e nomeará o novo secretariado em seguida.

O secretário da Casa Civil, Tadeu Alencar, foi o portador da carta encaminhada pelo governador à Assembleia Legislativa de Pernambuco, renunciando aos meses finais do mandato de governador do Estado, para o qual foi reeleito no pleito de 3 de outubro de 2010. A Casa Legislativa se reunirá extraordinariamente para empossar João Lyra Neto como novo governador do Estado. 

A transmissão do cargo ocorrerá às 17h desta sexta-feira, no Palácio do Campo das Princesas.

Pernambuco ganha Centro de Pesquisas Automotivas. Saiba mais!


Com a implantação da Fábrica da Fiat Chrysler, em Goiana, na Mata Norte, Pernambuco garantiu também um Centro de Pesquisa, Desenvolvimento, Inovação e Engenharia Automotiva, que será instalado na antiga Fábrica Tacaruna, no Recife. O protocolo de intenção e cooperação para a viabilização do novo centro foi formalizado, nesta quinta-feira (03/04), pelo governador Eduardo Campos. A cerimônia aconteceu no Portomídia, no Complexo do Parque Tecnológico Porto Digital, no Centro do Recife.

"Esse centro representa um salto para a economia criativa do Estado. Também me alegra saber que os profissionais vão trabalhar na antiga Fábrica Tacaruna, que vai ser completamente restaurada", disse o governador, pontuando que a chegada da montadora à Mata Norte foi uma decisão correta e que ainda vai proporcionar muitos avanços para o povo pernambucano.

Além do Governo do Estado e da Fiat Chrysler, a iniciativa é apoiada pela Prefeitura do Recife, pelo Parque Tecnológico Porto Digital, pelo C.E.S.A.R (Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife), pela Universidade Federal de Pernambuco e pelo Senai. O cientista-chefe do C.E.S.A.R, Silvio Meira, ressaltou que o espaço "será uma mudança significativa na economia da cidade". Meira disse ainda que o novo centro de pesquisa será uma referência para as demais unidades do Mundo.

O centro de pesquisa terá capacidade para manter cerca de 500 profissionais, entre engenheiros, pesquisadores e técnicos. O local também será integrado aos demais centros mantidos pela montadora italiana. "Esse novo espaço era o que faltava para completar o ciclo da implantação da Fiat em Pernambuco", considerou o Stefan Ketter, vice-presidente mundial de Manufatura/Projeto Pernambuco. Quando estiver operando, o Centro de Pesquisa Automotivo vai compor o eixo de desenvolvimento tecnológico do segmento, que abrange o Porto Digital e a Faculdade Automotiva do Senai.

Gersinho Filho conversa com Givaldo Calado sobre pré-candidatura a Deputado Estadual

O empresário Givaldo Calado tem utilizado seu facebook para conversar com amigos e dar pistas de que não está aposentado da política, ele que já foi vereador e disputou várias vezes a prefeitura de Garanhuns. Givaldo tem recebido no seu hotel várias lideranças, inclsuive com pretensões de disputar cargos eletivos este ano, foi o caso recentemente de Damásio e da Dra. Claudomira.

Givaldo recebeu o vereador Gersinho Filho e seu pai, Gerson Carvalho, e logo depois postou no facebook. Gersinho é pré-candidato a Deputado Estadual pelo Partido Solidariedade, e enquanto o partido não decide que rumo tomar, o vereador tem buscado viabilizar sua candidatura na região, visitando lideranças, como Givaldo Calado.

Vejamos o que o empresário postou sobre o encontro:



Satisfação em receber, em meu escritório, os amigos Gersinho e Gersinho Filho, este vereador em nossa cidade com bom desempenho em seu mandato, junto a outros pares. 

Conversa longa, mas muito boa. A pauta não poderia ser outra: Garanhuns e seus problemas, recorrentemente. Com destaque para 2014. Ou seja: a ameaça de não termos, dentre nossos nomes, um ou dois deputados estaduais que possam, com vigor e entusiasmo, representar a nossa cidade na Assembléia Legislativa do Estado. 

A eles disse que minha torcida é por Garanhuns. Que ficaria muito alegre se nós pudéssemos chegar a um entendimento, de tal sorte que se reduzisse o risco de ficarmos sem representantes no fórum político estadual.

#EUQUEROCOPA



Eu quero copa! Quero que o Brasil jogue bola, faça bonito e se for campeão, melhor! 
Quero que o mundo veja que maravilha de país, abençoado por Deus e bonito por natureza nós temos! Um orgulho nacional! 

Quero que o mundo se apaixone por este povo hospitaleiro, festivo e simpático. Mas também trabalhador, que quer um país melhor, com melhores serviços e oportunidades! 
Quero que vejam nossos sorrisos, e não as bundas das nossas mulheres. 

E também quero o fim da corrupção, melhores representações políticas, mais próximas dos anseios do povo, e não de seus próprios projetos e dos grupos que representam.

Quero gritar gol do Brasil, quero gritar "É Campeão!", mas queremos também um país melhor, quando a copa acabar. 

Quero que o mundo descubra isto, sem que haja violência, sem que assuste o planeta e mostre um país mais nefasto que festivo. Preocupo-me com a imagem que farão do Brasil, que hoje é samba, futebol e carnaval. Gostaria que vissem: Futuro, trabalho, simpatia e festa, pq não?! O turismo é essencial neste país tropical, e quero que todos voltem e tragam mais gente! Os olhares do mundo estão voltados para nosso país. E não sabem o roteiro do filme que irão assistir por mais de 30 dias, aliás, já começou.

Ver o Brasil jogar no Brasil depois de 64 anos, é uma oportunidade que não podemos desperdiçar por conta de política e eleição, num ciclo vicioso que se repete a cada dois anos.

Quero que o mundo se apaixone perdidamente pelo Brasil, como somos!

Os resultados que podemos tirar do evento são muito maiores do que simplesmente o título ao final, e repercutirá por dezenas e dezenas de anos!

Acho que a Voz das Ruas tinham grandes demandas: Fim da Corrupção e Melhores Serviços Públicos. E nem se falou em título, nem da copa nem de eleitor.

Quero um país melhor, e que estes dois títulos possam proporcionar isto.

Izaías faz anúncio de investimentos em Garanhuns

Projeto da Praça Dom Expedito Lopes, de frente à Igreja N. Sra. Perpétuo Socorro

TEXTO SECOM GARANHUNS

Foi diante de um auditório lotado, na Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns, que o prefeito Izaías Régis, assinou na noite desta quarta-feira (02), ordens de serviços para obras de pavimentação e drenagem nos bairros Francisco Figueira, Aluízio Pinto, Boa Vista, Severiano Moraes Filho (comunidade Massaranduba) e Magano. O gestor também assinou a ordem de serviço para a reforma da Praça Dom Expedito Lopes, localizada no bairro Heliópolis e de manutenção de espaços públicos. Os investimentos, com recursos próprios, totalizam mais de R$ 9 milhões.

No público, entre autoridades e personalidades, líderes comunitários e os próprios moradores de algumas ruas contempladas que fizeram questão de estar presentes. O bairro do Magano foi o que reuniu a maior quantidade de moradores. O bairro vai ser beneficiado com a pavimentação de dezenove ruas. São elas: Rua Pixinguinha, Rua Carlos Gomes (trecho), Rua Orestes Barbosa, Rua Lamartine Babo, Rua Flávio Rangel, Rua Rosa de Maio, Rua Flávio Cavalcante, Rua Paulo Sérgio, Rua Ascenso Ferreira, 1ª Travessa Ascenso Ferreira, Rua Otília Peixoto, Rua Valdemar Garibalde, Rua Amazonas, Rua Projetada 3, Travessa Ciro Monteiro, Rua São José dos Campos, Rua Vicente Celestino (trecho), Rua Wilson Urquiza (trecho) e a Rua São Luiz (apenas drenagem). O investimento no bairro será de R$ 1.826.430,23 (um milhão, oitocentos e vinte e seis mil, quatrocentos e trinta reais e vinte e três centavos). A cada nome anunciado, os moradores aplaudiam intensamente. “Estamos muito felizes, fiz questão de estar presente para conferir esse anúncio, são muitos anos aguardando por essa notícia”, disse Seu Antônio Carvalho, morador do Magano.

Os anúncios ainda contemplaram 8 ruas do bairro Francisco Figueira, 19 no Bairro Boa Vista, 5 na Massaranduba e 12 no Aluízio Pinto. “Hoje é um dos dias mais felizes da minha administração. Porque eu andei por essas ruas durante a minha campanha, permaneço andando por elas e hoje anuncio o que prometi. Conversando com esses moradores, eu sei o valor dessa ação que eles vão começar a receber em suas ruas, é a realização de um sonho de muitos”, falou satisfeito o Prefeito Izaías Régis.

NOVOS ANÚNCIOS SERÃO FEITOS AINDA ESSE SEMESTRE

O prefeito Izaías Régis anunciou ainda um novo pacote de ruas que deve seguir para a licitação nos próximos dias. O novo projeto deve beneficiar os bairros Indiano, Magano, Lacerdópolis, Várzea, Cohab II, Heliópolis, Aluízio Pinto(Vale do Mundaú) e o Distrito de Miracica.

PRAÇA DOM EXPEDITO LOPES

Durante a solenidade foi apresentado o projeto da Praça Dom Expedito Lopes. O momento foi acompanhado pelo Vigário-Geral Monsenhor Benevenuto Sátiro de Araújo, representando o Bispo Diocesano Dom Fernando Guimarães que está em Belo Horizonte-MG, as missionárias de Fátima, entre elas a Irmã Joelma Pinto, diretora do CMA. A praça deve ser entregue até o mês de julho, quando será comemorado o Centenário de Nascimento do bispo Dom Expedito Lopes, assassinado em Garanhuns, em 1957. 

MANUTENÇÃO DE ESPAÇOS PÚBLICOS

O prefeito Izaías Régis assinou também a ordem de serviços para a manutenção de praças, parques, secretarias e demais prédios públicos que serão realizados de acordo com as necessidades de cada espaço.  

Governo do Estado garante infraestrutura para agricultores




"Para estruturar a agricultura familiar em Pernambuco, nós precisamos manter as conquistas do mundo rural e planejar novas ações". Foi o que disse o governador Eduardo Campos, nesta quarta-feira (02/04), durante a assinatura de convênios que vão beneficiar agricultores. O anúncio aconteceu no Encontro Estadual dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural (CMDRs), no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda. 

O Governo do Estado disponibilizou R$ 440 mil, para que sejam investidos na estruturação do abastecimento de água dos municípios de Barreiros, Palmares e Gameleira, todos na Mata Sul.

Para o governador, a atuação dos conselhos foi fundamental para o resultado positivo das ações. "Nós estruturamos os grupos, mas após esse processo os conselhos conquistaram autonomia. Agora, é preciso que essas organizações cresçam ainda mais e obtenham novas conquistas", afirmou Eduardo. 

O secretário de Agricultura e Reforma Agrária, Aldo Santos, ressaltou que "o sucesso das ações e programas voltados para o campo foi devido ao projeto Todos por Pernambuco", seminários que passaram por todo o território pernambucano, com o objetivo de ouvir as demandas da população de cada região do Estado. "É importante salientar que os conselhos estão presentes nos 184 municípios pernambucanos", completou Aldo.

NOMEAÇÃO - Ainda durante a solenidade, Eduardo nomeou 20 médicos veterinários aprovados no concurso da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro). Deste total, a metade vai trabalhar na inspeção de animais, permitindo a inserção do Estado no Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal. Com isso, as empresas registradas na Adagro vão poder comercializar produtos dentro e fora do País.

GRANDE IDEIA pode transformar a UFRPE/UAG na Universidade Federal Rural do Agreste Meridional ‏


Visando o crescimento com um maior investimento em recursos por parte do Ministério da Educação, o vereador Audálio Filho (PSDC), solicitou ao Governo Federal, que a UAG - Unidade Acadêmica de Garanhuns, que é uma extensão da UFRPE, seja transformada na Universidade Federal Rural do Agreste Meridional - UFRAM.

O vereador apresentou o Requerimento Nº 124/14 fazendo a solicitação de autonomia para a referida unidade de ensino que vem sofrendo a cada ano com a escassez de recursos e investimentos, situação essa que vem dificultando o trabalho dos profissionais e comprometendo a formação dos alunos, pois o fato da mesma ser apenas uma extensão da UFRPE limita suas ações e trava o seu desenvolvimento.

Essa ação uma vez atendida, além de autonomia, dará condições e orçamento para a futura UFRAM desenvolver de forma satisfatória seus trabalhos e assim, transformada em Universidade, contribuirá decisivamente para o desenvolvimento da região e do estado, uma vez que o município de Garanhuns é polo de grande parte do agreste pernambucano.

"A UAG necessita urgentemente dessa autonomia, pois a cada ano vem aumentando o número de alunos nas graduações e nas pós-graduações, e a transformação em Universidade é fundamental para garantir as condições de atendimento aos estudantes que convergem de vários municípios para estudar na unidade." Pontuou o vereador Audálio Filho, presidente da Câmara Municipal de Garanhuns.

PERFIL DA UNIDADE: A UAG dispõe de sete cursos de Graduação, três em Pós Graduação Stricto Sensu e um curso de Lato Senso, contando com um corpo docente formado por 217 professores entre mestres e doutores e corpo técnico de 59 funcionários que atendem 2100 alunos.
.
AGORA COMIGO: Embora seja vereador, tenho sempre dito que Audálio tem uma preocupação regional, com requerimento que têm impacto social e econômico para todo o Agreste Meridional. Vejamos: Delegacias da Polícia Federal, DHPP e GPCA, Arco Rodoviário, Canal do gasoduto de São Caertano para Garanhuns, pavimentação do trecho da rodovia que une Pernambuco e Alagoas por Correntes e Chã Preta, Centro de Artes e Esportes, Concurso Público, Segurança para quem trafega pelas BR´s 423 e 424 e na PE-177 rumo a Caruaru, etc.

Esta ideia de transforma a UFRPE/UAB é excelente. Assim como a Univasf, Universidade Federal do Vale do São Francisco, que transformou academicamente a vida de Petrolina e municípios da região, caso consigamos que a Rural seja de fato e direito interiorizada, transformada na Universidade do Agreste Meridional, teremos autonomia e recursos para gerenciar nosso desenvolvimento acadêmico, que tem interligação imediata com a economia, saúde, educação e tudo mais da nossa sociedade.

Tá aí uma boa causa para que a região possa apoiar!

Os últimos momentos do governador Eduardo Campos

Eduardo Campos tem cumprido extensa agenda de visitas e inaugurações pelos quatro cantos do estado. São entregas à população das mais variadas obras, de UPAE a Fábricas, Rodovias, Escolas, etc. Ontem esteve inaugurando o Sistema Adutor do Siriji. Hoje tem cinco atividades em sua agenda, fora reuniões de trabalho para últimas definições da transição. Além dos nomes do primeiro escalão, nomes para Secretarias-Executivas também estiveram na mesa de Eduardo Campos e João Lyra, que assume o governo nesta sexta-feira.

Logo mais, Eduardo exonera todos os seus secretários, os que vão continuar serão renomeados amanhã por João Lyra, em solenidade oficial.

Muitas obras com a marca de Eduardo Campos ficarão para o futuro governo tocar, como a estrada de São Pedro aqui em Garanhuns, o novo Hospital Regional e o sistema de saneamento da Compesa. Ainda tem os dois binários com recursos do FEM, o da Brasília e o da Boa Vista, que vêm sendo executados pela prefeitura municipal com repasses estaduais do Fundo de Apoio aos Municípios. Aliás, no banner do Governo do Estado, é possível saber como foram investidos os recursos de 2013 em todos os municípios do estado.

Vejam a agenda do governador para esta quinta-feira:

11h
 Assinatura de carta de intenções para implantação do Centro de Pesquisa da Fiat
Porto Digital
Bairro do Recife
14h
 Inauguração das novas emergências pediátrica e obstétrica e da Casa das Marias do Hospital Barão de Lucena 
Hospital
Barão de Lucena
15h
Inauguração da nova emergência do Hospital da Restauração 
Hospital da Restauração
*16h
Inauguração do bloco anexo do Hospital do Câncer 
Hospital do Câncer
20h
Inauguração do Museu Cais do Sertão 
Museu Cais do Sertão
Bairro do Recife
* O governador atenderá a imprensa ao final do evento no Hospital do Câncer.


Evento Psicossocial do Espaço Casulo reúne mais de cem pessoas!


O Espaço Casulo promoveu, no último dia 29 de março, um curso intitulado “Acomodações Sensoriais no Ambiente Escolar”, voltado para professores, estudantes e pais, em Garanhuns. A Dra. Ana Cláudia Lima, terapeuta ocupacional formada pela UFPE, doutora em Nutrição pela UFPE com certificação internacional em Integração Sensorial pela WPS, dos EUA, e CAEDI COMPLETUDE foi a palestrante que ministrou o curso, que envolveu as áreas de educação e de saúde. As atividades do curso aconteceram no Plenário Vereador Álvaro Brasileiro Vila Nova, localizado na Câmara de Vereadores de Garanhuns. Cerca de 100 pessoas participaram do evento.

O curso foi dividido em dois momentos. Pela manhã, os participantes puderam estudar e trocar informações sobre os assuntos abordados. À tarde, as práticas de acomodações foram orientadas pela Dra. Ana Cláudia Lima.

“Foi, sem dúvida, um dia bastante proveitoso para todos. O Espaço Casulo aproveita o momento para agradecer a todos os participantes e apoiadores que acreditaram no sucesso do evento”, registrou a pedagoga Danielle Bartira.

fonte: Jornal DAC

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.