CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG: CONTATO (87) 9.9988.0423

CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO E SAIBA MAIS

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Trocão reinaugura AutoCenter em Garanhuns



O Trocão reinaugurou sua loja na Av. Barão do Rio Branco, o mais completo Autocenter da região, e muito melhor.. Sabe por quê?

O Trocão Autocenter é um verdadeiro centro automotivo, e agora com mais serviços, novos equipamentos, peças e tudo mais para veículos nacionais e importados.. 

Autocenter com qualidade e garantia, você já sabe, é TROCÃO!

Conte também com os serviços do Trocão do Lubrificante no endereço tradicional da Av. Dantas Barreto, a troca de óleo líder no Agreste.

Serviço Automotivo não tem erro.. Trocão do Lubrificante e Trocão Autocenter em Garanhuns

Teatro do Rio Grande do Norte no palco do Festival de Inverno de Garanhuns



O espetáculo "Guerra, Formigas e Palhaços", do Grupo Estação de Teatro, será a única atração potiguar programada na mostra artística do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG 2014), na cidade serrana do Agreste pernambucano. A apresentação gratuita está marcada para a noite desta segunda-feira (21) no Teatro Luiz Souto Dourado.
Joanisa Prates/DivulgaçãoGuerra, Formigas e Palhaços traz texto de César FerrarioGuerra, Formigas e Palhaços traz texto de César Ferrario

Com dramaturgia de César Ferrario, "Guerra, Formigas e Palhaços" - voltado ao público adulto - levanta questionamentos de teor político e filosófico, sem abrir mão da ludicidade, da subversão e da comicidade. A montagem, encenada pelos atores Rogério Ferraz (também diretor), Ênio Cavalcante e Pedro Queiroga, conta a saga de dois militares remanescentes de um batalhão de combate. Sozinhos no front à espera de reforços, e quando todas as saídas parecem se fechar, a dupla se depara diante de um palhaço que pode carregar o último fio de esperança dos soldados.

Criado em 2009, o grupo vem ganhando destaque na cena teatral nordestina ao circular com a montagem por importantes festivais da região. Além da participação no FIG 2014, o Estação está de viagem marcada para outros dois eventos no mês de setembro: o Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga (CE) e a primeira edição da Mostra Internacional de Teatro de João Pessoa (MIT), na Paraíba.

O arquiteto paisagista francês Mathieu Duvignaud, diretor da Pinacoteca do Estado, também representa o RN em Garanhuns. Entre os dias 21 e 25 de julho ele ministra oficina "Ateliê criativo de Land Art", sobre a possibilidade de se criar obras de arte em ambientes naturais com material alternativo.

Pedro Eugênio tem encontros com artesãos, produtores culturais e artistas em Garanhuns

O deputado federal Pedro Eugênio esteve em Garanhuns no final de semana e aproveitou manter contatos com segmentos da sociedade. Grupos de artesãos, produtores culturais e artistas Segundo ele, foram tratadas pautas como a nova Lei Nacional de Fomento e Incentivo à Cultura, o #Procultura. O projeto, que substituirá a Lei Rouanet, aumenta e democratiza os recursos para quem trabalha com cultura. Pedro Eugênio foi relator do projeto de lei e está na luta pela aprovação!

Infelizmente Garanhuns está sem representação artística e poucos têm se beneficiado das ações públicas.



Sete de Setembro estreia com derrota na Segundona




Na tarde deste domingo (20) aconteceu a abertura do campeonato pernambucano Sub-23, torneio referente a 2ª divisão do campeonato estadual. Um dos jogos foi realizado no Estádio Otávio Limeira Alves. A partida teve um atraso de 50 minutos devido a falta de médico na ambulância. 

Sete de Setembro e Belo Jardim disputaram uma partida tecnicamente fraca. A melhor equipe em campo foi o Calango (Belo Jardim), que venceu o duelo por 2 a 0 e, dominou boa parte da partida com a maior posse de bola. Já o Lobo Guará (Sete de Setembro), pecou no entrosamento e encontrou dificuldades para chegar ao ataque adversário.

O primeiro gol da partida surgiu aos 32 min do primeiro tempo, após cobrança de escanteio da direita, a bola sobrou para o centroavante Felipe do Belo Jardim, que bateu forte de esquerdo sem chances para o goleiro Aldinei. O gol que sacramentou a vitória do Calango ocorreu aos 45 min do 2º tempo, em uma cobrança de falta do volante Fábio Recife.

A equipe do Sete de Setembro voltará à campo na quarta-feira (24) em Limoeiro contra o centro Limoeirense, já o Belo Jardim jogará em casa contra o Timbaúba, as duas partidas estão marcadas para às 15h. 

Fotos e Informações : Elivaldo Araújo.

PROGRAMAÇÃO FIG 2014: Domingo no Parque


Por: Marcela Pimenta para o site do FIG 2014

Repleto de atrações, o Parque Euclides Dourado é sem dúvida um dos polos mais visitados durante o Festival de Inverno de Garanhuns. O local, que tem uma área verde ímpar, tem nada menos que cinco espaços interativos, com opções de lazer para todos os gostos. Quem aproveitou o domingo para curtir o parque com a família não se arrependeu. Júlio César, que é motoboy conta que o atual clima de descontração da cidade o incentivou a trazer a família para aproveitar o parque. “O Festival de Inverno é sem dúvida um ótimo período para fazer novas amizades e ainda participar de atividades culturais”, disse Júlio César, acompanhado da esposa Rosimere Leite, e da filha de apenas um ano e quatro meses, a pequena Sofia.
Paulo Sergio Sales
Paulo Sergio Sales
Júlio César curtiu a programação do parque com a familia
Amanda Matias aproveitou o domingo para trazer a sobrinha Khauany Beatriz, de apenas oito anos, para confraternizar no Euclides Dourado. “Além de todas as atrações para o público adulto ainda temos um espaço bem amplo para as crianças”, disse Amanda.
Paulo Sérgio Sales
Paulo Sérgio Sales
Amanda levou a sobrinha Beatriz para aproveitar a programação infantil


O comerciante Fabiano de Almeida também trouxe a também sobrinha para, pela primeira vez, assistir uma apresentação no Espaço do Mamulengo, também no Parque Euclides Dourado. “Nós temos que incentivar o gosto pela cultura popular desde cedo”, explicou o tio da Izadora de apenas três anos. O parque acaba sendo uma referência para o público infantil, pelo contato com a natureza e também devido ao clima de irreverência do local.

ECONOMIA – Um dos pontos que atraiu a atenção dos visitantes foi o Espaço do Artesanato e do Patrimônio Cultural. No galpão, artesãos de várias partes do Brasil tiveram a oportunidade de expor e comercializar suas peças. 

A dupla Janaina Barbosa e Ednaldo José da Silva, de Caruaru, aproveitaram a oportunidade para divulgar suas peças para os visitantes do Festival. “Esse é o nosso quarto ano no Festival de Inverno e sempre temos um bom retorno”, disse Ednaldo, dizendo que espera vender cerca de 500 peças até o fim do evento. 

Os preços das peças variam de R$ 3 a R$ 120. Além de bonecos de barro, como os vendidos por Ednaldo e Janaina, o espaço comercializa roupas, quadros e até adereços para os cabelos.
Paulo Sergio Sales
Artesãos Janaina Barbosa e Ednaldo José da Silva com boa expectativa de vendas
No segmento de alimentação, a tapioqueira baiana, Maria de Lourdes, revela que o primeiro final de semana foi muito bom e que a expectativa é que o público seja ainda maior. “Todos os anos, no período do Festival de Inverno, saio do Recife, minha residência atual, e passo os 10 dias em Garanhuns”, explicou Maria, dizendo que trabalha durante o festival há 20 anos. 

Maria de Lourdes está com um estande no Espaço da Alimentação do parque. Trata-se de um galpão com mais de 12 comerciantes, que oferecem do espetinho ao tradicional caldinho de feijão. Os preços na praça de alimentação variam de R$ 3 a R$ 15, dependendo da especialidade.
Paulo Sergio Sales
Paulo Sergio Sales
Maria de Lourdes trabalha há 20 edições no FIG

DOIS MESES: Prefeitura esclarece sobre situação da Rua Otília Peixoto

Olá, boa tarde, Ronaldo!

Segue nota de esclarecimento sobre a postagem da Rua Otília Peixoto. Conseguimos a resposta após contato direto com a empresa.

Atenciosamente,

Secretaria de Comunicação Social - Prefeitura de Garanhuns


Nota de esclarecimento - Rua Otília Peixoto‏


A CPM Construtora, empresa responsável pela obra, informou que está seguindo o cronograma estabelecido para a execução do serviço de pavimentação da Rua Otília Peixoto, localizada no bairro Magano. 

A empresa esclarece que, por consequência das fortes chuvas dos últimos dias, o trabalho teve uma pausa, impossibilitando a entrada do “material pesado”, incluindo as máquinas. A referida rua já recebeu terraplanagem e a drenagem das águas. 

A CPM informa ainda que outras 20 ruas do mesmo bairro seguem recebendo obras de melhorias na infraestrutura e que, num período máximo médio de dois meses, a rua citada na postagem estará pronta e será entregue aos moradores.

AGORA COMIGO: Bem, a situação atual é de calamidade, mas se há um prazo de dois meses para a conclusão da obra, acho que dá pra ter paciência para ver a execução. Mas vamos lembrar que a situação pode ser amenizada com serviços paliativos, pois tem gente sem poder sair de casa, até que os moradores sejam contemplados com as obras de infraestrutura na rua, que vão mudar a vida daquela população.

Além disso, há agora um prazo máximo de dois meses. A nota foi enviada em 20/07/2014. Vamos aguardar. Embora não tenha entendido "prazo máximo médio", imagino que teremos antes do final do mês de setembro as obras de saneamento e pavimentação da citada rua realizado.

É sempre complicado este tipo de obra em Garanhuns durante o inverno, e a população poderia estar melhor informada pela empresa que realiza o serviço.


Poetas de Garanhuns lançam livro coletivo no FIG


Com uma proposta voltada para o desenvolvimento econômico da região, o Coletivo Tear lançou, no sábado (19/07), o livro Antologia 4Nós, do selo Severina Catadora. A obra, que foi produzida para o Festival de Inverno de Garanhuns, reúne quatro jovens poetas da cidade. De acordo com Alexandre Revoredo, um dos idealizadores do projeto, o livro foi um desafio proposto pelo produtor da Praça da Palavra. “A proposta inicial era organizar um encontro para lançar novos poetas, mas o sonho cresceu e nós resolvemos lançar o livro”, resumiu o poeta, que também é músico e nunca tinha publicado um trabalho no segmento.

Além de Alexandre, o livro reúne textos de outros três artistas: Fernanda Limão, Marcos Saraiva e Matheus Rocha, todos poetas da cidade. O livro foi feito de maneira artesanal e produzido com materiais reciclados. A ajuda para montar os livros veio da Associação de Catadores de Papelão e Materiais Reciclados de Garanhuns, que forneceu o papelão usado na capa e a mão de obra para a montagem. Como parte do engajamento social, o projeto vai reverter toda renda da venda do livro para a associação. O livro custa R$ 10 e será vendido durante o festival na Praça da Palavra.
A autônoma Severina da Silva, natural de Garanhuns, convidou a família do Recife para prestigiar as ações literárias do Festival de Inverno. Ela revela que foi a sua curiosidade que inspirou a presença da família no recital. “Muitas vezes por falta de conhecimento a gente não dá valor a nossa produção cultural”, disse Severina. Após o lançamento da obra, os escritores apresentaram um recital de poesia, com produções inéditas.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.