PERNAMBUCO EM AÇÃO

PERNAMBUCO EM AÇÃO
Clique na imagem

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Justiça Eleitoral está recolhendo cavaletes irregulares em Garanhuns

(Carol Brito/Folha de Pernambuco)


A Justiça Eleitoral está recolhendo nesta sexta-feira, dezenas (talvez, centenas) de cavaletes irregulares de candidatos pelas ruas de Garanhuns, principalmente na Av. Rui Barbosa. A legislação autoriza a colocação, contanto que não atrapalhe a passagem de pedestres, não estejam amarrados em árvores, postes ou similares públicos. Também não podem estar em jardins, parques, etc...

O Juiz Eleitoral enviou aos comitês uma recomendação para que só fossem colocados três cavaletes por candidato nos canteiros entre uma travessa e outra da Av. Rui Barbosa. Além disso, pediu que não fossem mais colocados próximos aos semáforos, pois estaria atrapalhando a visibilidade dos condutores de veículos ao terem que cruzar a avenida.

Um dos problemas é mesmo a passagem dos pedestres com tantos cavaletes. É um excesso que polui. Tem candidato que coloca cavaletes iguais com menos de um metro um do outro. Agora não pode mais, terão que respeitar o limite.

A cidade vai amanhecer mais bonita!

GARANHUNS: Lançamento do livro; A Galega – Um conto de amor, de Mário Rodrigues.

“Ele percebeu o imenso erro que é construirmos pontes imaginárias para sermos felizes do outro lado do rio, no futuro. A felicidade habita margem onde você estiver, porque a felicidade não precisa ser encontrada, apenas reconhecida.”
(Mário Rodrigues)


Chegou o grande dia! Hoje (29/08) ocorrerá a partir das 19h no Coluna Café Musique o lançamento oficial do livro "A Galega - Um conto de Amor", do Garanhuense Mário Rodrigues (Professor e escritor). Vamos comparecer a este belíssimo evento de muita cultura e literatura.

Mário Rodrigues falará sobre a editora u-cabureto que a cada dia cresce, de onde veio essa vontade de fazer um romance, e comentará também um pouco do livro. Um evento para bons apreciadores da literatura, imperdível.



Livro: A Galega – Um conto de amor
Autor: Mário Rodrigues
Data: Sexta-feira (29/08)
Local: Coluna Café Musique
Horário: 19:00

BOCA DE URNA: Globo confirma William Bonner no debate entre os presidenciáveis



O tio Bonner foi confirmado como o mediador do debate entre os candidatos a presidente que será realizado pela emissora no dia 2 de outubro, quinta-feira antes do domingo de eleições em todo o país.

William Bonner chamoua a atenção do país pela forma avassaladora como conduziu as entrevistas aos candidatos a presidente no Jornal Nacional, e num momento tão próximo da eleição, ficará uma expectativa se manterá a imparcialidade que requer um mediador ou se vai incendiar o debate.

Os candidatos vão participar no confronto com um olho no adversário, e outro no mediador.

Só acho que este debate está muito longe, e em cima da eleição. É quase um debate de boca de urna!


Zé Dirceu diz que Marina é Lula de saias



O ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, que cumpre pena em regime semiaberto em Brasília, tem feito análises sobre o quadro eleitoral para os seus poucos interlocutores. Sua frase mais recorrente é esta: “Marina é o Lula de saias”.

Zé Dirceu diz enxergar o cenário muito consolidado, com Dilma e Marina no segundo turno. Depois, vê uma vitória certa para a candidata do PSB, que teria a força semelhante à de Lula em 2002, quando a origem humilde do petista se juntou ao desejo de mudança da maioria dos eleitores. Daí a expressão “Lula de saias”.

Para Zé Dirceu, a culpa pela iminente derrota do PT é quase exclusivamente de Dilma. 

Armando defende investimentos na educação em encontro com empresários



Em encontro com integrantes da Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores (Aspa), nesta quinta-feira (28), no JCPM Trade Center, no bairro do Pina, Zona Sul do Recife, o candidato a governador Armando Monteiro (PTB) voltou a defender investimentos em infraestrutura e educação como forma de alavancar o desenvolvimento do Estado.

O evento serviu para que Armando fizesse um resumo de suas propostas, incluindo esforços para criar em Pernambuco um ambiente tributário e regulatório que possa atrair mais empreendimentos para Estado. 

A Aspa é presidida pelo senador Douglas Cintra (PTB), que também participou do encontro. 

Armando lembrou que a malha rodoviária estadual está em situação precária, precisa ser recuperada e será prioridade em seu governo. “Cerca de 30% da malha de PEs está em condições péssimas. Para que mantenhamos o ritmo do desenvolvimento, será necessário investir muito para melhorar as condições das nossas estradas”, disse.

O candidato ainda declarou que pretende enviar à Assembleia Legislativa o projeto que cria a Lei Estadual da Pequena e da Micro Empresa. A ideia de Armando é garantir, por meio da legislação, a manutenção de benefícios aos pequenos empreendedores que são aplicados via decreto ou portaria.

SORRISOS GERAM SORRISOS: No Recife, centenas de pessoas chamam atenção da sociedade para uma vida melhor



Você sabia que “Sorrisos Geram Sorrisos”? Com esta pergunta que leva o nome do projeto, um grupo de amigos convida pessoas nas redes sociais a participarem de uma campanha por um mundo com mais sorrisos. A ideia surgiu no ano passado, com a iniciativa de distribuir nariz de palhaço na primeira atividade, no Parque Dona Lindu, Zona Sul do Recife, e, desde então, já possui centenas de seguidores adeptos. Neste domingo (31), o gesto simbólico por uma sociedade mais feliz, alcançará uma perspectiva ainda maior de participantes, através de um ato público, no Marco Zero, centro do Recife, às 14h. 

“E por que o nariz de palhaço?”, questiona o idealizador do projeto “Sorrisos Geram Sorrisos”, o psicólogo Everton Ataíde. Segundo ele, “a escolha do acessório tem um simbolismo muito grande por enfatizar a reflexão de que para sorrir não é necessário de fantasia ou pintura”. 

Everton acredita que as pessoas podem ser mais felizes, mesmo com a negatividade do individualismo e stress dos tempos modernos, desde que no cotidiano compartilhem com humor da mesma esperança em conviver e superar dificuldades alheias.

A mobilização de pessoas a favor do projeto tem sido impulsionada com os crescentes compartilhamentos de imagens no Facebook, com o uso da hastag #SorrisosGeramSorrisos, através do perfil no facebook.

As melhores fotos serão escolhidas para ilustrar a imagem de capa do perfil na rede social.


Dia do Bancário é comemorado com festa em Garanhuns



Recebemos dos que fazem o Sindicato dos Bancários, ao qual fui filiado por mais de dez anos, o convite para a festa deste ano. É claro que estaremos lá, nesta grande confraternização com nossos amigos e ex-companheiros. Não á fácil ser bancário, principalmente no mundo atual de metas, objetivos, agências lotadas, etc. Mas quem conhece o outro lado, de gente humana que mesmo mexendo com números e dinheiro, busca atender com profissionalismo e atenção aos seus clientes, buscando o melhor para uma vida também melhor, sabe o quanto é estafante, mas prazeroso. É por isto que tanta gente reclama do serviço, mas vai como bancário até a aposentadoria.

Grande abraço a todos, ao Alberto Flávio e toda diretoria do SEEB. A data foi ontem, mas como a festa é no sábado, vale parabenizar com atraso.


Os trabalhadores bancários, no dia 28 de agosto, comemoram o seu dia. E tudo começou em maio de 1951, quando os bancários brasileiros decidiram inovar na luta por reivindicações salariais e por melhores condições de trabalho. A mobilização da categoria foi pela primeira vez unificada nacionalmente.

As principais reivindicações pediam reajuste de 40%, salário mínimo profissional e adicional por tempo de serviço. As sucessivas tentativas de negociação fracassaram. Os bancários recusaram o dissídio coletivo e, em São Paulo, realizaram paralisações simbólicas, dos dias 12 de julho a 2 de agosto. Os banqueiros acenaram com um reajuste em torno de 20%, mas os bancários de São Paulo mantiveram sua reivindicação.

No dia 28 de agosto de 1951, uma assembleia histórica no Sindicato dos Bancários, contando com a presença de 28% da categoria, decidiu ir à greve para conseguir seus direitos. A greve foi deflagrada e logo duramente reprimida. Em todo o Brasil, a manipulação da imprensa levou os bancários de volta ao trabalho, mas a categoria em São Paulo resistiu e, em consequência, a repressão aumentou.

Somente após 69 dias de paralisação, a categoria arrancou 31% de reajuste. Após o término da paralisação a repressão foi ainda mais acentuada. Centenas de bancários foram demitidos e as comissões por bancos foram desmanteladas pelos banqueiros. Mas, como resultado mais positivo, a greve de 1951 colocou em xeque a lei de greve do governo Dutra. A decisão por greve deflagrada em 28 de agosto de 1951, acabou por eternizar a data em comemoração nacional da categoria bancária.

José Sales Criança é ex-presidente do Sindicato dos Bancários de Garanhuns e Região

Dilma e Aécio não sabem como tratar Marina



Ontem teve uma reunião de Dilma com todos os presidentes de partido que apoiam sua reeleição. Acontece sempre, mas esta serviria para ouvir táticas para derrubar o crescente desempenho nas pesquisas de Marina Silva.

O PT tem duas ideias. Uma é simples, mostrar que Marina é oposição e com sinais de direita, pela defesa do Banco Central independente, o que aos olhos petistas seria entregar o órgão controlador do sistema financeiro nacional para o mercado. Deixar claro que a ex-senadora é oposição tem o objetivo de barrar o crescimento de Marina entre simpatizantes do PT. Tem muita gente que gosta de Lula e não vê Marina como uma adversária, pelo menos não como Aécio. 

Segunda questão. Se Dilma partir para o ataque contra Marina é praticamente escolher sua adversária no segundo turno, e as pesquisas já mostraram que é mais fácil se a presidente pegar Aécio. Assim, deixe que o senador Mineiro se indisponha, assumindo o papel, nem sempre aprovado, de acusador. Dilma não pode bater, além disso, pesaria em sua imagem, que já é carregada como gerentona e autoritária. A imagem de Marina neste momento lembra à de Lula, aquele nordestino sofrido que se impôs no meio da política nacional, vencendo todas as adversidades. Tinham medo de Lula presidente, coisa que está se repetindo com Marina. Lula está sendo usado em grande parte das respostas quando tentam confrontar Marina.

Para o PSDB o problema é maior, pois já se configura estar fora do segundo turno, e deixar de ser a oposição natural ao governo petista. Dizer que o crescimento de Marina é somente uma onda passageira motivada pela morte de Eduardo Campos, é não reconhecer o potencial eleitoral que a candidata trouxe de 2010. Ela esteve lá, e se saiu muito bem, Aécio é que é o novato da história. Embora jovem, com bom discurso, o senador paga o preço do ranço de um partido que está envelhecendo, e vê surgir um novidade mais próxima do povo, com cara de povo. Não sabe como tratar.

O PSDB terá que esquecer por um momento Dilma Rousseff e aprumar sua artilharia para Marina, na tentativa de desqualificá-la. Veja só. Em cinco minutos, Aécio terá que continuar enfrentando Dilma, para ser a referência da oposição. Terá que mostrar os percalços de Marina, para tentar frear a onda, e ainda falar de si próprio, o que pretende fazer, caso se eleja.

Em eleição quando surge a onda, com alegria, envolvimento natural das pessoas, parece que propostas, projetos, ideias, ficam em segundo plano, pois se personaliza a campanha, e o processo político perde o contexto. A proposta de Marina é uma só, a mudança na política nacional, aquilo que Eduardo chamava de Nova Política, e neste momento de cansaço com os nomes de sempre, as constantes denúncias de corrupção, negociatas pelo poder, etc, parecem ser o principal problema nacional a ser combatido. (Terá sido o recado das ruas?)

Esta onda da renovação acaba se sobressaindo para a população além do debate de propostas, até mesmo sobre os excelentes programas Pronatec, Minha Casa Minha Vida, Bolsa Família e Mais Médicos. Escolhidos pelo Marketing da campanha de Dilma para marcar o governo atual, e a possibilidade de sua continuação.

Um exemplo de como estão sem saber como tratar Marina: Quando criticam sua aproximação com o Agronegócio e o sistema econômico, vai de encontro a sua imagem de radical, e acaba agradando a quem tinha receio que ela não entendesse nada de economia e colocasse o Brasil a perder. A crítica acaba gerando uma confiança eleitoral, em várias escalas sociais.

Mas se Marina continuar crescendo, e Aécio em queda, não se surpreendam se começarem a falar em vitória no primeiro turno. E aí, todos, petistas e tucanos, colocarão a artilharia total para derrubar o palanque da neo-socialista.

Sete de Setembro, de Garanhuns, negocia jogador com clube mexicano‏‏

Uma jovem revelação do futebol pernambucano está em fase final de testes no San Luis de Potosí, no México, que disputa a primeira divisão nacional de futebol. Trata-se de Fernando Alves de Assis (Fernando), de 21 anos, jogador formado na base do Sete de Setembro de Garanhuns, Agreste Pernambucano. O clube alviverde foi desclassificado recentemente da segunda divisão estadual, mas alguns jovens valores chamaram a atenção.

"Jogamos com o time sub-20, quando o campeonato permite usar jogadores de até 22 anos, mas resolvemos apostar nos garotos, e deu certo. Formamos uma equipe que dará muita alegria aos torcedores e podem tornar nosso clube autosustentável" - Afirma o presidente setembrino, o advogado Nilton Soares Ayres.

Fernando está no México, e os acertos econômicos estão praticamente definidos para um contrato de dois anos. A proposta de compra chegou ao clube em documento assinado pelo próprio presidente do clube mexicano, Jacobo Payon Espinosa. "Vamos receber um valor parcelado que vai possibilitar cobrir despesas que tivemos com a base, e ajudar a manter o trabalho, para possibilitar novas descobertas." - registra o presidente da agremiação garanhuense.

Outro atleta do Sete de Setembro está em São Paulo. O goleiro Raldinei (18 anos) está jogando no América de Ribeirão Preto. No último final de semana jogou de titular, pegou penalty e caiu nas graças da torcida paulista.

"Recebemos pedidos de liberação de seis atletas para disputar a Taça São Paulo de Futebol Junior, em janeiro. Estamos analisando, pois queremos fechar parcerias que possam, além do investimento na base, proporcionar que o nosso clube possa formar um time competitivo para retornar à Primeira Divisão de Pernambuco".

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.