GOVERNO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

quinta-feira, 4 de junho de 2015

Documentário mostra cidade do Sertão com altas taxas de suicídio

A psicanalista e cinesata Isabela Cribari decidiu rodar um documentário sobre algo que a incomodava. Em suas pesquisas na área de doenças psicossomáticas, como depressão, Cribari identificou que a cidade de Itacuruba, no Sertão, apresenta altos indíces de suicídio - dez vezes mais que a média nacional, de acordo com o Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). 

O documentário "De Profundis" será apresentado na próxima terça (9), às 20h, na Sociedade Psicanalista do Recife, na Torre, com comentários da diretora científica Carolina Henriques. O evento é aberto ao público e é gratuito.

O provável motivo dos altos índices de suicídio na cidade, segundo a estudiosa, dá-se porque, na década de 80, Itacuruba foi completamente inundada com a conclusão das obras da Usina Hidrelétrica de Itaparica, e os moradores tiveram que abandonar tudo e seguir em busca de moradia. 

A obra foi um dos seis curtas brasileiros premiados pela Mostra do Filme Livre, no Rio, e foi selecionada para a mostra oficial É tudo verdade, um dos maiores festivais internacionais de documentário.

GERES: Secretaria de Saúde apresenta os novos Gerentes Regionais de Saúde



Escolhidos por meio de processo seletivo, coordenado por uma Comissão Técnica de Busca formada por representantes da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), Universidade de Pernambuco (UPE) e Fundação Oswaldo Cruz, além da própria Secretaria Estadual de Saúde (SES), os 12 gestores das Gerências Regionais de Saúde participaram, nesta quinta-feira, no gabinete da SES, de uma oficina de acolhimento, comandada pelo secretário Iran Costa. 

“Nosso objetivo nessa primeira reunião de trabalho com os novos gestores foi apresentar a estrutura da Secretaria de Saúde, ressaltar o papel das Geres e pactuar as nossas diretrizes estratégicas”, explica Iran Costa.

Demonstrando a transparência e aplicação da meritocracia, o critério de nomeação do governador Paulo Câmara para os novos gestores foi o de melhor pontuação na lista tríplice. Na seleção, foram avaliados os currículos dos candidatos, um projeto de gestão para a regional em que planejava atuar, além de entrevista de caráter classificatório. 

As Gerências Regionais de Saúde são o braço administrativo da secretaria estadual de Saúde para apoiar os municípios pernambucanos, atuando de forma efetiva na atenção básica, na reestruturação da rede hospitalar, no combate à mortalidade infantil e às diversas endemias, com foco nas particularidades de cada Região. Os gerentes atuarão nas sedes das Geres, localizadas nos municípios de Recife (I Geres), Limoeiro (II), Palmares (III), Caruaru (IV), Garanhuns (V), Arcoverde (VI), Salgueiro (VII), Petrolina (VIII), Ouricuri (IX), Afogados da Ingazeira (X), Serra Talhada (XI) e Goiana (XII). 

Confira a lista com os novos gerentes:

I Geres (Recife) – Angela Roberta Lessa de Andrade
II Geres (Limoeiro) – Fabianni Meneses Costa
III Geres (Palmares) – Gaudêncio Tadeu de Andrade Costa
IV Geres (Caruaru) – Djair de Lima Ferreira Junior
V Geres (Garanhuns) – Catarina Fabia Tenorio Ferro
VI Geres (Arcoverde) – Rogério Fernando de B. Lima
VII Geres (Salgueiro) – Maria Auxiliadora Alves Vasconcelos Veras
VIII Geres (Petrolina) – Aline Silva Jeronimo
IX Geres (Ouricuri) – Danyella Kessea Travassos Torres De Paiva
X Geres (Afogados da Ingazeira) – Mary Delanea Souza Pinheiro Dos Santos
XI Geres (Serra Talhada) – Karla Millene Sousa Lima Cantarelli
XII Geres (Goiana) – Daniele Uchôa Barros Alves

Sebrae em Pernambuco abre processo seletivo


O Sebrae em Pernambuco abriu processo seletivo para o credenciamento de empresas para integrar o Cadastro de Instrutores e Consultores do Sistema Sebrae. As inscrições podem ser realizada, até o dia 8 de julho, no site da EGaion Consultoria (www.egaion.com.br), empresa responsável pela seleção.

Podem se inscrever empresas legalmente constituídas no Brasil e que operem nos termos da legislação vigente. É preciso apresentar experiência comprovada nas áreas de interesse e natureza dos serviços. Além disso, a finalidade e o ramo de atuação da empresa devem permitir/contemplar a realização de serviços de instrutoria e consultoria.

A seleção vai envolver a análise documental da pessoa jurídica e do profissional indicado e a avaliação de conhecimentos técnicos e de habilidades. As empresas (e respectivos profissionais indicados) que forem aprovados em todas as fases do processo vão integrar o “Cadastro de Prestadores de Serviços de Instrutoria e Consultoria do Sebrae/PE”. Não existe número mínimo ou máximo de credenciados.

O resultado final do processo de credenciamento está previsto para ser divulgado no dia 27 de novembro. Todos os detalhes podem ser obtidos no site da EGaion.

PROGRAMAÇÃO DO TERRAÇO TEM RADIOLA DE FICHA E A TROPICANA



Sempre que tem festa da Radiola de Ficha ou da Tropicana no Terraço, é sinal de casa cheia, muita alegria e música. Imagina então as duas festas em uma só!

Dia 05 de junho, pela primeira vez no mesmo palco, dois dos projetos de mais sucesso no interior do estado, a Radiola de Ficha de Marcos Cardoso e a Tropicana, de Ronaldo Cesar.

A Radiola de Ficha era um programa de rádio que tocava os bregas famosos, resgatando ídolos e dando oportunidade a artistas da região. Deixou os estúdios e chegou a todos os palcos, bares e município do Agreste.

A Tropicana é a banda de Ronaldo Cesar, que está com o repertório de forró para o ciclo junino, e que toca os vários ritmos pernambucanos. Ronaldo, este blogueiro, tem um DVD gravado no Festival de Inverno e está em seu terceiro CD, aliás, "Festa Nordestina", o mais recente, ficou em segundo lugar no Prêmio da Música de Pernambuco, na categoria Cultura Popular.

Viram que grande noite vamos ter dia 05 de junho? Uma festa com gente da terra, Garanhuns no palco, mostrando a alegria e a competência dos artistas de nossa cidade e região!

Imperdível!!

Falta de repasses do Governo Federal trava obras do PAC em Pernambuco




Representantes de seis secretarias e órgãos estaduais apontaram os cortes nos repasses de verba do Governo Federal como principal causa para o atraso e paralisação de dezenas de obras no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) em Pernambuco. Em reunião solicitada pelo deputado estadual Miguel Coelho (PSB), nesta terça-feira (02), os diretores e secretários apresentaram, na Assembleia Legislativa, planilhas e balanços comparativos que comprovam uma queda significativa no ritmo dos pagamentos conveniados pela União e Estado.

Entre as obras mais afetadas pelos cortes foram elencadas barragens na Mata Sul, corredores de mobilidade na Região Metropolitana do Recife, a Adutora do Agreste, intervenções para melhorar o esgotamento sanitário nos municípios e habitacionais do programa Minha Casa, Minha Vida. Segundo o secretário de Recursos Hídricos, Almir Cirilo, há obras paradas como as barragens de Gatos e Panelas que não recebem recursos federais desde 2014. “O motivo hoje das paralisações é que faltam recursos da União. Desde meados do ano passado, o atraso no repasse travou o andamento das obras”, reforçou Cirilo.

Por conta dos atrasos nos pagamentos, segundo os representantes do Governo, alguns contratos tem sido abandonados pelas empreiteiras responsáveis pelas obras e existe possibilidade de novas desistências. “Tivemos ontem uma reunião muito difícil com uma fornecedora de tubos da Adutora do Agreste, que tem cobrado os pagamentos. Entendemos o contingenciamento de recursos, mas após quatro anos de seca as obras de abastecimento de água precisam ser priorizadas pela União”, cobrou o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

A comissão especial que está acompanhando a situação das obras do PAC em Pernambuco agora quer ouvir o lado do Governo Federal e aguarda disponibilidade dos coordenadores do programa para marcar uma reunião. “Vamos aprofundar a discussão para identificar os entraves que estão atrasando essas obras e a responsabilidade por esses problemas. Também vamos intensificar a agenda de visitas nos canteiros para fiscalizar in loco o andamento dessas obras”, explicou o presidente da Comissão do PAC, Miguel Coelho.

​FOTOS: Ivaldo Reges​

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS: Inscrições abertas para a Praça da Palavra e o Pavilhão do Artesanato




Artesãos e agentes literários interessados em participar da programação do 25º Festival de Inverno de Garanhuns podem se inscrever de 3 a 12 de junho na Convocatória Nacional para ocupação do Pavilhão do Artesanato e da Praça da Palavra.

O Pavilhão do Artesanato é um espaço cultural voltado para a comercialização, dotado de um conjunto de estandes para abrigar os artesãos/artesãs e seus trabalhos, exposições e oficinas demonstrativas, apresentações de brincantes populares, reuniões, palestras e intercâmbio de conhecimentos.

Já a Praça da Palavra é um espaço cultural voltado para o setor de Livro, Leitura e Literatura. Contém um pequeno auditório para programação de palestras, debates, contação de histórias, atividades formativas, recitais e performances, além de stands para comercialização de livros e atividades de mediação de leitura.

Acesse AQUI a Convocatória e seus Anexos.

NOVA TAXA SELIC é a mais alta dos últimos nove anos



O Banco Central decidiu aumentar nesta quarta-feira, 3, a taxa básica de juros, Selic, para 13,75% ao ano. O ritmo de 0,50 ponto porcentual de alta é o mesmo desde dezembro do ano passado e já era, portanto, amplamente aguardado pelo mercado financeiro. A alta da Selic é a sexta consecutiva, tendo iniciado logo após a eleição presidencial, no ano passado. Com a elevação, a Selic atinge o maior patamar em quase nove anos, quando estava em 14,25%, e volta ao nível de dezembro de 2008.

Com a credibilidade arranhada, já que há a avaliação de que o BC errou a mão dos juros no passado, o foco no combate à inflação está cada vez mais claro e faz parte da reconstrução da imagem da autoridade monetária. Até porque esse é o único mandato da instituição e sua diretoria não escapará de ter de enviar uma carta ao ministro da Fazenda justificando os motivos que a levaram a descumprir a meta de 4,5% de inflação este ano - as projeções estão na casa de 8%.

Meta, só em 2016. O BC já jogou a toalha em relação à meta de 2015 e promete entregar seu objetivo no fim de 2016. A tarefa deste ano, portanto, está concentrada em evitar que os efeitos da alta da inflação, principalmente causada por reajustes de tarifas públicas e alta do dólar, se propaguem pelos demais preços da economia.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.