HIPER TODODIA

HIPER TODODIA
CLIQUE NA IMAGEM

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS
TUDO SOBRE O FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS - FIG 2017

GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE E SAIBA MAIS

quinta-feira, 23 de julho de 2015

Garanhuns, Ariano, Dominguinhos, Gonzagão e o Festival. Tem algo de inexplicável!


Parece que Ariano escreveu, Dominguinhos musicou e Gonzaga cantou a prosa que vou contar.

Dominguinhos, já cansado de guerra, e diante todos os conselhos para não ir ao Sertão, foi de encontro à razão e agiu pela emoção de cantar no centenário de Gonzagão. Partiu para Exu e fez as duas últimas apresentações de sua história abençoada. Dominguinhos sabia que precisava estar lá, onde estava todo o mundo real e imaginário que Gonzaga criou, e que Neném tão bem levou adiante, seria seu último cenário, a hora de passar o bastão. E assim o fez!

Mas agonizou ainda sete meses em uma UTI em São Paulo até chegar a festa de sua cidade, onde o mundo da cultura estaria reunido, para enfim descansar. O mundo, o mundo mesmo! Circo, dança, teatro, música, artes plásticas, gestores, políticos, artesões... Durante dez dias a Terra de Dominguinhos vira a Capital da Cultura Nordestina. 

Um ano depois, exatamente um ano depois, 23 de julho, a história, talvez nem pensada por Ariano Suassuna, se repete. 

O mais pernambucano dos paraibanos, e olha que são muitos, apresentou em Garanhuns seu último ato. Disse ele mesmo que somente nossa cidade teve a honra de assistir As cinco obras a que chamou de aulas, verdadeiras aulas-espetáculo. Estava tranquilo, com senso de humor à flor da pele, fez várias declarações a sua esposa, aliás, sua namorada desde 1947, e sorriu, brincou, cantou, versejou poetas populares e cantou cantigas de violeiros. Apresentou uma pequena obra esquecida de Capiba com o Grupo Arraial, contando histórias e ensinando aquele povo que o que a gente precisa está aqui. 

Ariano foi Ariano intensamente.

Brincou com línguas estrangeiras, alemão e inglês, desfez-se de artistas do showbizz e enalteceu cada centímetro quadrado de nossos artistas populares. Valorizou nossos mestres eruditos, criticando-lhes frações de preconceitos contra a arte das ruas e das feiras.

Ele sabia, tenho certeza que sabia. Não tem explicação. Era o último ato, a menos que ele tenha um encontro lá em cima em que engane Deus, o diabo não, ele não estará com ele.

Gente, como segurar uma danada de uma lágrima que teima em cair, se a sua última aparição tá gravada aqui na memória como um filme, desde as primeiras cenas até às últimas letrinhas.

Mais uma vez nem a ficção consegue prever estas nuances da vida vida. 

Garanhuns escreve seu nome em páginas tristes da cultura, mas pintadas com as cores da beleza, que temos a obrigação de cuidar, e cuidar bem!

Perdemos mais um guia! E não vou colocar toda esta história na conta das coincidências!



Publicado originalmente no frio de julho de Garanhuns, 2014

FIG 2015: Enlaces entre cultura e educação marcam 25ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns



A 25ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns entra em sua reta final a partir desta quinta-feira, 23/7, com todos os polos do festival em funcionamento. Mas a população pernambucana já pode comemorar um feito inédito do festival, que tem tudo para fortalecer a necessária articulação entre as políticas de cultura e educação no estado.

É que além de oficinas culturais e rodas de diálogo sobre as mais diversas linguagens artísticas, o FIG deste ano está sendo marcado pela realização de atividades que têm como foco o desenvolvimento de parcerias cada vez mais articuladas e permanentes nesse sentido.

Na última sexta-feira (17), por exemplo, o seminário "Mais Cultura Nas Escolas", realizado em parceria com a Secretaria de Educação do estado, reuniu na Câmara de Vereadores dezenas de agentes culturais, professores e gestores públicos de Cultura e Educação de Pernambuco. A abertura do encontro contou com a participação do Secretário estadual de Cultura, Marcelino Granja, da secretária executiva, Silvana Meireles, da presidente da Fundarpe, Márcia Souto; e também de Antonieta Trindade, gerente geral da Secult-PE responsável pela articulação da Cultura com instituições de ensino.

“Um encontro como esse é fundamental que aconteça no FIG. O festival não é só de apresentações de palco, temos que debater a nossa Cultura e todos os seus desdobramentos, principalmente com a Educação”, ressaltou Marcelino Granja.

Na presença de Samira Bandeira (MinC), que palestrou aos presentes sobre o programa Mais Cultura nas Escolas, a secretária executiva de Cultura, Silvana Meireles, destacou que "atividades como esse seminário já fazem parte da história do FIG. Em algumas edições tivemos mais oficinas e debates, outras vezes menos, mas esse ano todas atividades formativas passam a ter uma prioridade”.

Segundo Antonieta Trindade, "o desafio é concretizar aquilo que está previsto no plano de governo estadual e no plano nacional de cultura. Queremos garantir aos estudantes o acesso aos bens culturais e fortalecer a formação integral da nossa juventude. Estamos planejando, juntamente com a secretaria de educação, ações a serem desenvolvidas em todas regiões do estado".

Artistas nas Escolas
Outra ação especial do FIG 2015 é a promoção de encontros e bate papos entre artistas do festival e a comunidade escolar. Três encontros já foram realizados: Fafá de Belém naEscola de Referência do Ensino Médio (EREM) Dom João da Mata Amaral; Joanna na Escola São José; e Quinteto Violado na EREM de Garanhuns. Até o final do festival, o cantor Silvério Pessoa e a paulista Tiê também vão participar do projeto, que tem valorizado grupos culturais escolares e ajudado a despertar em alunos, pais e professores o desenvolvimento de ações permanentes de cultura e educação.

Para a presidente da Fundarpe, Márcia Souto, a ação "reafirma o entendimento de que a formação do aluno não se dá apenas na escola. Ela precisa ser responsabilidade de toda a sociedade. E é nesse sentido que os artistas vêm contribuir: na criação de uma nova escola, que consiga formar um estudante que pensa, interage, desafia e que, principalmente, muda a realidade deste país. É esta escola que estamos tentando construir e esse momento, com certeza, tem um papel fundamental nisso".

Aplicativo Oficial 
Este ano, o FIG conta com um aplicativo oficial que está auxiliando a diversão do público. O diferencial é que a plataforma é uma produção coletiva de seis estudantes da Escola Técnica Estadual Maria José Vasconcelos (Bezerros). Os estudantes Bruno Cesar Ferreira, Douglas Caio Silva, Erick Adiel Lima, Flávio José da Silva, Maria Eduarda Silva e Rita de Cássia Alves Ferreira estão cursando o 1º e 2º anos do curso de Manutenção e Suporte em Informática e desenvolveram os trabalhos de programação, sob orientação do professor Luís Alexandre.

Eles também participaram do seminário "Mais Cultura", onde apresentaram a iniciativa e, certamente, inspiraram o público presente. Segundo Douglas, 15 anos, produzir o aplicativo foi uma ótima experiência. “Sabemos que estamos contribuindo com a cultura no Estado, com a organização de uma grande festa e, ao mesmo tempo, elevando nosso conhecimento profissional. Essa é uma ótima oportunidade para quem, como eu, pretende seguir a carreira no campo da informática,” declarou Douglas, que pretende cursar Web Design na universidade e foi o responsável pela parte visual da plataforma.

Programa Ganhe o Mundo
Valorizar nossos talentos estudantis também é missão assumida pelo FIG este ano. Desde o começo do festival, adolescentes do Programa Ganhe O Mundo, do Governo de Pernambuco, estão orientando a população em pontos turísticos de Garanhuns, apresentando o festival àqueles que ainda não o conhecem em toda sua diversidade.

Budega tem forró todas as noites durante o Festival de Inverno de Garanhuns



Já é tradição, acabou a festa na praça, começa na Budega, e olha que tem dia que nem espera terminar o último show da Esplanada e a sanfona já está vadiando na Budega de Zé.

Nesta sexta quem anima o povo é o Forró do Matuto.

Estaremos por lá, na noite de encerramento, neste sábado, fazendo forró e mais música pernambucana, junto com Tuxinha, o grande sanfoneiro, até raiar o dia!

Vocês já sabem... A sua noitada e dos seus amigos termina na Budega!

FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS: Programação da Praça Mestre Dominguinhos FOI ANTECIPADA. Confira os novos horários.



O Palco Mestre Dominguinhos do 25º Festival de Inverno de Garanhuns começará mais cedo neste sábado (25), às 21h. Confira abaixo a programação:

21h - Andrea Amorim
22h10 - Bonsucesso Samba Clube
23h - Mombojó
0h30 - Capital Inicial

Em Brasília, Lucas Ramos defende gratuidade nas Autarquias Municipais de Ensino Superior



O vice-líder do governo na Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado estadual Lucas Ramos (PSB), participou de uma audiência nesta quarta-feira (22), na Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República. O objetivo foi discutir o apoio da União às autarquias de ensino superior de Pernambuco.

A defesa da gratuidade do ensino superior tem sido uma das bandeiras do parlamentar. O Governo do Estado de Pernambuco já financia, por meio do Programa Universidade Para Todos (Proupe), 55% dos alunos matriculados nas autarquias, beneficiando 12 mil alunos de um universo de 22 mil alunos matriculados.

"Defendemos a criação do Consórcio das Autarquias de Ensino Superior de Pernambuco, com vistas à assinatura de convênio com o Governo Federal, no sentido de garantir recursos para ensino, pesquisa, inovação tecnológica e infraestrutura. E também a formação de novos professores, além da qualificação dos docentes, através de cursos de especialização, mestrado e doutorado", explicou Lucas Ramos. O quadro de professores das autarquias pernambucanas hoje é de 1.077 professores.

Participaram da reunião a equipe de coordenação da Secretaria: Felippe Monteiro, chefe de gabinete do ministro Mangabeira Unger, Emmanuel Leal de Santana, assessor parlamentar, e Daniel Vila-Nova, assessor federativo; além do professor Licínio Lustosa, presidente da autarquia de Belém do São Francisco e presidente da Associação das Autarquias de Ensino Superior de Pernambuco (Assiespe); e do assessor jurídico da Assiespe, Adriano Cordeiro.

LIVROS MAIS VENDIDOS DO BRASIL - Semana de 06/07 a 12/07/2015

    1. 1
      Johanna Basford
      Sextante
      Não ficção
      12321
    2. 2
      Johanna Basford
      Sextante
      Não ficção
      9742
    3. 3
      Padre Marcelo
      Principium
      Autoajuda
      6126
    4. 4
      John Green
      Intrínseca
      Ficção
      5793
    5. 5
      Marie Kondo
      Sextante
      Autoajuda
      4566
    6. 6
      Kiera Cass
      Seguinte
      Inf.-Juvenil
      4124
    7. 7
      Inf.-Juvenil
      3905
    8. 8
      Autoajuda
      3400
    9. 9
      Christian Figueiredo de Caldas
      Novas Páginas
      Inf.-Juvenil
      3081
    10. 10
      Jeff Kinney
      Vergara & Riba
      Inf.-Juvenil
      2710
    11. 11
      Anthony Doerr
      Intrínseca
      Ficção
      2697
    12. 12
      Drauzio Varella
      Companhia das Letras
      Não ficção
      2592
    13. 13
      Umberto Eco
      Record
      Ficção
      2230
    14. 14
      Isabela Freitas
      Intrínseca
      Autoajuda
      2167
    15. 15
      Kiera Cass
      Seguinte
      Inf.-Juvenil
      2134
    16. 16
      Millie Marotta
      Sextante
      Não ficção
      2043
    17. 17
      Zibia Gasparetto
      Vida e Consciência
      Autoajuda
      2018
    18. 18
      Lilia Moritz Schwarcz
      Companhia das Letras
      Não ficção
      1924
    19. 19
      Flávio Augusto da Silva
      Sextante
      Negócios
      1904
    20. 20
      Antoine Saint-Exupéry
      Agir
      Inf.-Juvenil
      1895




fonte: http://www.publishnews.com.br/

Os números de livros vendidos é a soma das livrarias pesquisadas pelo site.

Ação de Residentes do Hospital Regional Dom Moura visa diminuir acidentes de trânsito com vítimas‏‏



Sinta Segurança no Trânsito. Este é o tema da ação que será realizada desta quinta-feira (23/07) até o sábado (25/07), no Parque Euclides Dourado e também no Centro de Garanhuns. pelos residentes do Hospital Regional Dom Moura (HRDM), aproveitando a grande circulação de automóveis, motocicletas e pedestres, devido à realização do Festival de Inverno de Garanhuns.

A ação dos residentes tem o objetivo de sensibilizar moradores e turistas para os altos números de acidentes de trânsito, em sua maioria com vítimas. As atividades do grupo iniciaram no último sábado (17/07), devidamente caracterizadas, simulando pessoas acidentadas, e exibindo placas com informações sobre acidentes terrestres, as residentes do Hospital Dom Moura realizaram um apitaço pela Avenida Santo Antônio, a principal da cidade de Garanhuns, e fizeram diversas abordagens aos motoristas e motociclistas nas faixas de trânsito.

Segundo o diretor do HRDM, Dr. Luiz Melo, a ação iniciada no último final de semana foi bastante produtiva, principalmente pela mensagem direta no contato com a população: "Em eventos como o Festival de Inverno, com pessoas de várias regiões do estado, a ação possibilita que se expanda ainda mais a mensagem de alerta." - Afirma o gestor.

NÚMERO ELEVADO DE ACIDENTES E VÍTIMAS, INCLUSIVE MORTES

A ação foi planejada a partir da verificação do número elevado de mortes devido aos acidentes de transportes terrestres, sobretudo as motocicletas, tendo como base dados de 2014 fornecidos pela Unidade Sentinela de Informação sobre Acidentes de Transporte Terrestre (USIATT) do HRDM. De acordo com as informações de atendimentos, no ano passado, a unidade notificou mais de 4 mil atendimentos a acidentados de trânsito. Aproximadamente, 75% dos casos foram por acidentes de motocicleta.

“Hoje, mais da metade dos leitos de emergências e UTIs, nos hospitais que atendem o trauma no Estado, são ocupados por acidentados de moto e o custo desse paciente é altíssimo, próximo a R$ 120 mil. Ou nos juntamos para enfrentar essa epidemia, ou o Sistema de Saúde, no Brasil inteiro, vai falir e, em poucos anos, o Brasil terá a maior população de mutilados do mundo, isso sem ter uma guerra civil em seu território”, ressalta o secretário estadual de Saúde, Iran Costa.

SENTINELA - Pernambuco é pioneiro na implantação, desde 2010, de uma vigilância sentinela de Acidentes de Transporte Terrestre (ATT) e o único Estado no País que tornou a notificação obrigatória em 21 unidades de saúde. Essas unidades são denominadas Unidades Sentinelas de Informação sobre Acidentes de Transporte Terrestre (USIATT) e são consideradas de alerta, gerando informações sobre os ATT com vítimas (fatais ou não). No Agreste Meridional, a Unidade Sentinela é o Hospital Dom Moura.

Junior Almeida: A VOLTA DO REI DO CANGAÇO no Festival de Inverno de Garanhuns


O LIVRO:

O romance “A Volta do Rei do Cangaço,” de Junior Almeida, mantém vivo o mito de Lampião.

Neste livro de sabor regional o mais famoso cangaceiro nordestino não foi morto pela polícia em Sergipe, em 1938. Alguém foi assassinado em seu lugar mas prevaleceu a versão das “volantes” e do governo.

Lampião, na verdade, foi atingido por uma espécie de maldição e ainda está vivo, sem nem ao menos envelhecer. Já morou em vários lugares do Nordeste e usou diversos nomes. Atualmente usa o nome de Luiz Ribeiro, é coronel da Polícia Militar de Pernambuco e mora num recanto escondido no município de Capoeiras, no Agreste do Estado.

O romance faz uma viagem ao passado, relembrando os tempos do cangaço e da violência, tanto por parte dos bandoleiros como da polícia. No presente, Virgulino Ferreira, com outro nome interage com militares de alta patente e até com o governador do Estado.

Um historiador, obcecado pela vida misteriosa dos cangaceiros, desconfia que Lampião não morreu em Angicos e começa a fazer investigações por conta própria, enfrentando a descrença de muitos e os perigos dessa busca pela verdade.

“A Volta do Rei do Cangaço” retrata o interior das pequenas cidades do Nordeste, mostra as ligações de Lampião com o padre Cícero Romão e nos apresenta o cangaceiro como uma espécie de justiceiro, capaz ainda hoje de recorrer a violência quando é preciso enfrentar uma desfeita ou punir algum bandido.

UPAE Garanhuns lamenta morte do médico Antônio Figueira (Tota)‏‏


Tota Figueira, ao lado do então Secretário de Saúde, Antônio Figueira (seu homônimo)
na inauguração da UPAE Garanhuns


A UPAE Profº Antônio Simão dos Santos Figueira, em Garanhuns, vem a público informar e lamentar a morte prematura do médico Antônio Figueira (Tota Figueira), mastologista, filho do homenageado pelo Governo do Estado em nossa unidade de saúde. Tota Figueira ocupava atualmente o cargo de diretor da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Pernambuco (UPE). O falecimento aconteceu na última segunda-feira (20).

O coordenador da UPAE Garanhuns, Gustavo Amorim relembra: "Tota Figueira esteve presente na inauguração da nossa unidade, há dois anos, representando a família, chegou a usar da palavra, e em vários momentos recebeu referências do governador Eduardo Campos."

Segundo nota assinada pelo Secretário de Saúde de Pernambuco, Dr. Iran Costa, "Tota Figueira foi responsável pelo desenvolvimento da mastologia em nosso Estado e no país, sendo, inclusive, presidente da Sociedade Internacional de Mastologia e criador da Associação Pernambucana dos Amigos do Peito. " Além disso, era membro da Academia Pernambucana de Medicina e consultor científico do Imip, instituição que foi fundada pelo seu tio, Fernando Figueira, cuja Fundação é gestora da UPAE Garanhuns.

Coordenadores, funcionários e fornecedores da UPAE Garanhuns, diante da perda para a saúde do estado e principalmente para a família Figueira, lamenta, e convida para a Missa de Ação de Graças pelo Segundo Aniversário da Unidade, com a celebração conjunta da Missa de 7º Dia em sua homenagem.

"Neste momento triste, externamos nossos sentimentos à família, em nome de todos que fazem esta unidade de saúde" - Finaliza Gustavo Amorim.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.