GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

POUSADA DA PAIXÃO - CLIQUE E CONHEÇA!

sábado, 16 de abril de 2016

Dilma recebe apoios de última hora e anima aliados. Oposição diz que tem 25 votos a mais que precisa!




A presidente Dilma Rousseff passou a sexta-feira com sua equipe e políticos contrários ao impeachment. Seis governadores estiveram no Palácio do Planalto, intensificando o “corpo a corpo” junto às bancadas estaduais para garantir os votos necessários para barrar o processo no próximo domingo (17).

Lula está em um hotel em Brasília, com grande equipe, contactando possíveis votos a favor do governo. Paulo Maluf mudou a posição de a favor do impeachment para indeciso. Ele votou pela abertura do processo na Comissão da Câmara, mas teria voltado atrás. 

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) conseguiu convencer o deputado Waldir Maranhão (PP-MA), primeiro vice-presidente da Câmara, que segundo Dino, alterou sua posição e agora vai votar contra o impeachment.

Flávio Dino disse que ele e outros governadores estão na reta final de um trabalho de diálogo com parlamentares. Além de Dino, parlamentares e governadores da Paraíba (Ricardo Coutinho - PSB), Amapá (Waldez Goes - PDT), Ceará (Camilo Santana - PT) e Piauí (Wellington Dias - PT), a presidenta também se reuniu com deputados federais da Bahia, bancada na qual 70% dos votos serão contrários ao impeachment, segundo o Planalto, onde o governador Rui Costa, também é do PT e o ex-governador Jaques Wagner tem grande influência.

A oposição, através do deputado Mendonça Filho (DEM), afirma já contar com 367 votos para o Impeachment, o que seriam 25 a mais do que o necessário.

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.