GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

UNOPAR GARANHUNS

sexta-feira, 27 de maio de 2016

MICROCEFALIA: Representantes do Ministério da Saúde participam de Forum Materno-Infantil em Garanhuns‏‏





Aconteceu na terça-feira, 24, no auditório da CODEAM, em Garanhuns, agreste de Pernambuco, o II Forum Materno-Infantil, realizado pela V Gerência Regional de Saúde, e com a presença de representantes dos 21 municípios da jurisdição. Este ano, o Forum deu especial atenção ao debate sobre Microceflia, e contou inclusive com representantes do Ministério da Saúde, a exemplo da Dra. Aline Lima, que ministrou palestra sobre Pré-Natal e mediou apresentações.

A Dra. Catarina Tenório, Gestora Regional de Saúde, presidiu a Mesa de Abertura dos trabalhos, que seguiu com outras apresentações, como a de Dra. Caroline Gonçalves, Neonatologista e profª do Curso de Medicina da UFPE/Caruaru. Dra. Madalena Monteiro, Pediatra da Gerência de Saúde da Criança da Secretaria Estadual de Saúde, versou sobre a Importância da Puericultura. 

Tendo o Hospital Regional Dom Moura como referência regional, três profissionais apresentaram em conjunto a Palestra: Uma Visão Multiprofissional no Atendimento aos Pacientes com Microcefalia: Dra. Tereza de Cárcia Resende, Coordenadora da Fisioterapia do Hospital, Dra. Kilma Fifelix, Psicóloga e Mestranda em Saúde Mental. A elas, juntou-se a Dra. Mônica Almeida, do Instituto Nacional de Seguridade Social - INSS - APS Garanhuns.

Diversas autoridades na área participaram do evento, a exemplo de secretários de Saúde, Ana Cláudia Mendonça (Águas Belas), Cléber Gewehr (Capoeiras), Roseli Lira (Grupo Condutor da Rede Cegonha), Izeni Pimentel (Coordenadora Regional Mãe Coruja), Dr. Aluísio Gomes (Padiatra do HRDM), dentre outros.

FORUM MATERNO-INFANTIL / MICROCEFALIA

O Fórum é um espaço colegiado estimulado pelo Ministério da Saúde e SES/PE e tem como objetivo apresentar, discutir e pactuar propostas para organizar uma rede de cuidados integral e humanizada de atenção a mulheres e aos recém­-nascidos, favorecendo o acesso às práticas de saúde que defendam e protejam a vida. 

O II Fórum tratou da temática ligada à Microcefalia, considerando que a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou a importância desses casos em todo o Mundo. 

NÚMEROS REGIONAIS

Desde outubro de 2015, Pernambuco teve o aumento dos casos de Microcefalia em todas as Regiões, e o esta ocorrência se deu pela transmissão vertical do Zika virus, gerando lesões cerebrais nas crianças. 

Atualmente na V Região de Saúde existem 169 casos notificados dos quais 146 estão descartados, 13 casos continuam em investigação (1 nascido morto, 1 óbito infantil e 1 intraútero e 10 em investigação clínica) e 9 casos confirmados. 

São parceiros para que as crianças notificadas sejam atendidas mais próximas de sua residência, e consequentemente de forma mais rápida na região; a Gerência Regional de Saúde; as Secretarias Municipais de Saúde, o Hospital Regional Dom Moura e a UPAE Dr. Antônio Figueira, em Garanhuns. 

Estiveram presentes no II Fórum Materno e Infantil da V Região de Saúde os Secretários de Saúde, Profissionais de Saúde da Região, Gerente e coordenações da GERES, representante da Gerência de Saúde da Criança e da Mulher da Secretaria Estadual de Saúde, além de representantes do Ministério da Saúde.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.