GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

segunda-feira, 15 de agosto de 2016

Enoteca do Vale do São Francisco será o novo equipamento turístico de Pernambuco no Sertão

Lagoa Grande vai abrigar o local de aprendizado, pesquisa e degustação dos vinhos produzidos na região. A obra prevê também a requalificação do entorno do edifício de 1,1 mil m²

Dona de um cenário espetacular, um oásis em meio à paisagem árida do Sertão de Pernambuco, a região do Vale do São Francisco é um dos importantes destinos turísticos do Estado. Mas a região não chama atenção apenas pelas belezas naturais. Nos últimos anos, é crescente o número de visitantes em busca de conhecer de perto as tecnologias empregadas na produção de frutas, além de experimentar os vinhos e espumantes produzidos com matéria prima das colheitas. 

No próximo semestre, uma novidade vai movimentar ainda mais o destino. A Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco (Seturel-PE), por meio do Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur), está erguendo a Enoteca Luigi Pérsico, em Lagoa Grande, um dos municípios da região. O edifício de 1.120 m², já existente, será transformado em uma biblioteca de vinhos. Um lugar para conhecer, aprender e pesquisar sobre os vinhos produzidos na região.

A obra, orçada em R$ 690 mil com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), prevê também as adequações da infraestrutura do Bairro de Vermelhos, local onde funcionará a Enoteca. Serão realizadas melhorias de pavimentação na rede elétrica, urbanização, além da acessibilidade do local. A obra tem entrega prevista para o mês de novembro.

“O enoturismo se tornou um grande atrativo e também um impulsionador do turismo na região, nos últimos anos. Das sete vinícolas instaladas no Vale, quatro estão sediadas em Lagoa Grande, que fica a 40 minutos de Petrolina, maior cidade do polo. A produção frutífera do município gera 10 mil empregos diretos e indiretos e produz, anualmente, cerca de 20,5 milhões de quilos de uva e sete milhões de litros de vinho, exportados para outros estados e países. Todos querem conhecer este oásis no meio do Sertão, além de provar os vinhos, claro”, comenta o secretário de Turismo, Esportes e Lazer de Pernambuco, Felipe Carreras.

Pela aliança entre clima e sistema de irrigação singular, é possível, em pleno Sertão nordestino, fazer cinco colheitas de uvas a cada dois anos. O Vale do São Francisco é um local diferenciado onde, em qualquer época do ano, é possível plantar e colher. A Enoteca será um dos pontos de visitação dos roteiros turísticos das já famosas rotas de vinho, priorizando a história da vitivinicultura do Vale. A estruturação do equipamento é uma das ações do Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável (PDITS) do Vale do São Francisco.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.