GOVERNO DO ESTADO AÇÃO

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

GOVERNO DE PERNAMBUCO

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Confira a relação dos senadores na Comissão do Impeachment





O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) será o presidente da comissão especial do impeachment, no Senado, que deve ser instalada na próxima segunda-feira. 

Bloco da Oposição (DEM, PSDB e PV)

Titulares:
Aloysio Nunes (PSDB-SP)
Antônio Anastasia (PSDB-MG)
Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)
Ronaldo Caiado (DEM-GO)

Suplentes
Tasso Jereissati (PSDB-CE)
Ricardo Ferraço (PSDB-ES)
Paulo Bauer (PSDB-SC)
Davi Alcolumbre (DEM-AP)

Bloco Moderador (PTB, PR, PSC, PRB e PTC)

Titulares
Wellington Fagundes (PR-MT)
Zezé Perrella (PTB-MG)

Suplentes
Eduardo Amorim (PSC-SE)
Magno Malta (PR-ES)

Bloco Democracia Progressista (PP e PSD)

Titulares
Ana Amélia (PP-RS)
José Medeiros (PSD-MT)
Gladson Camelli (PP-AC)

Suplentes
Sérgio Petecão (PSD-AC)
Wilder Moraes (PP-GO)
Otto Alencar (PSD-BA)

Socialismo e Democracia (PSB,PPS, PCdoB e Rede):

Titulares
Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM)
Romário (PSB)
Fernando Bezerra Coelho (PSB)

Suplentes
Roberto Rocha (PSB)
Cristovam Buarque (PPS)
Randolph Rodrigues (Rede-AP)

PMDB

Titulares
Raimundo Lira (PB)
Rose de Freitas (ES)
Simone Tebet (MS)
José Maranhão (PB)
Waldemir Moka (MS)

Suplentes
Hélio José (DF)
Marta Suplicy (SP)
Garibaldi Alves Filho (RN)
João Alberto Souza (MA)
Dário Berger (SC).

GOVERNO

Titulares
Lindberg Farias (RJ)
Gleisi Hoffmann (PR)
José Pimentel (CE)
Telmário Mota (PDT-RR)

Suplentes
Humberto Costa (PE)
Fátima Bezerra (RN)
João Capiberibe (PSB-AP)
Acir Gurcacz (PDT-RO)


Mudanças de ministros no Governo Dilma


Presidenta nomeou os novos titulares das pastas de Minas e Energia, Portos, Cidades e Turismo



O Diário Oficial da União desta sexta-feira (22) traz a nomeação dos novos titulares das pastas de Minas e Energia, Portos, Cidades e Turismo.

Com a saída de Eduardo Braga, do PMDB, a presidente Dilma Rousseff (PT) decidiu nomear Marco Antônio Martins Almeida para o comando de Minas e Energia. Exercia o cargo de secretário de Petróleo, Gás Natural e Combustíveis Renováveis do ministério.

Próximo ao final de governo,
Dilma tem dificuldades de nomear ministros
O secretário do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), Maurício Muniz Barreto de Carvalho, foi confirmado para a Secretaria Especial de Portos. Muniz assume a pasta em substituição a Helder Barbalho, que deixou o cargo esta semana.

No cargo deixado pelo ex-ministro das Cidades Gilberto Kassab, que também deixou o Governo em meio ao processo de impeachment de Dilma, foi efetivada Inês da Silva Magalhães. Ela já havia sido nomeada como ministra interina, acumulando também as atribuições da secretaria nacional de Habitação. No entanto, foi exonerada nesta sexta da secretaria e nomeada titular oficial das Cidades.

O Ministério do Turismo será comandado, agora, por Alessandro Golombiewski Teixeira, em substituição a Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN). Teixeira era o presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI).

Por fim, Dilma tornou sem efeito a troca do diretor Administrativo da Itaipu Binacional. Com isso, Edésio Franco Passos continua no cargo, e Marco Antonio Baumgärtner teve sua nomeação anulada.

REVISTA ÉPOCA: Dono da Engevix delata Temer, Renan, Erenice e propina para campanha de Dilma


O engenheiro José Antunes Sobrinho, de 63 anos, prosperou nos governos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Ele é um dos donos da Engevix, empreiteira que ascendeu a partir de 2003, por meio de contratos, financiamentos e empréstimos obtidos com estatais e bancos públicos. 

A empresa valia R$ 141 milhões em 2004. Dez anos depois, faturava R$ 3,3 bilhões. O modelo de negócios de Antunes era simples e eficiente, adaptado ao capitalismo de Estado promovido pelos governos petistas. Consistia em corromper quem detivesse a caneta capaz de liberar dinheiro público à empresa dele. Ou, se esse estratagema não fosse suficiente, corromper os chefes políticos e amigos influentes daqueles que detivessem as canetas. 

Antunes e seus sócios pagavam propina, portanto, para conseguir o acesso ao dinheiro público barato que, por sua vez, permitiria à Engevix conseguir, mediante mais propina, os grandes contratos públicos de serviços e obras, em estatais como Petrobras, Eletronuclear, Furnas, Infraero e Belo Monte.

Antunes era bom no que fazia, conforme atestam os números da Engevix. Talvez bom demais. A exemplo de outros empreiteiros que seguiam o mesmo modelo de negócios, foi preso na Operação Lava Jato. Tornou-se acusado de corrupção, lavagem de dinheiro e, entre outros crimes, de participar do cartel de empreiteiras que, associado em especial aos políticos do PT e do PMDB, destruiu a Petrobras e devastou outras estatais durante os governos Lula e Dilma. Preso desde setembro em Curitiba, Antunes resolveu entregar aos procuradores da Lava Jato tudo – ou grande parte – do que sabe.

Para continuar lendo, clique aqui.

Leitor reclama dos serviços públicos no Residencial Cidade das Flores




Bom dia Amigo Ronaldo Cesar,

Venho através desde e-mail solicitar uma ajuda. Somos moradores do residencial Cidade das Flores, após a Mãe Rainha, aqui em Garanhuns, totalizando 108 casas. Estamos passando por um total abandono, ex: Iluminação pública precária, falta constante de água (10 a 15 dias sem água), animais soltos (bois, vacas...) pelo residencial, chegando a danificar os veículos dos moradores, muros e árvores.

Precisamos também dos agentes de epidemias (dengue), das iluminações do percusso até o residencial e dentro do bairro. A única coisa que está funcionado é a segurança, pois 60% dos moradores são da polícia.

Solicitamos a ajuda do prefeito, porém o mesmo só foi no início, na entrega das chaves, e olha que é um ano de eleição, imagina nos demais!!! 

Precisamos da sua ajuda para que os órgãos competentes tomem conhecimento e façam alguma coisa por nós.

Muito obrigado,

Leitor diário deste blog




Estado Islâmico ameaça atacar o Brasil


A Associação Brasileira de Inteligência (Abin) confirmou, nesta quinta-feira (14), que as ameaças feitas pelo Estado Islâmico no Twitter são autênticas.

"Brasil, vocês são nosso próximo alvo. Podemos atacar esse país de merda."

A mensagem, segundo a Abin, foi postada em novembro do ano passado por Maxime Hauchard, integrante do Estado Islâmico. A conta, reconhecida como autêntica, já foi desativada.

De acordo com o jornal O Dia, a ameaça foi feita uma semana após os ataques em Paris, que deixaram 129 mortos.

Segundo o diretor do Departamento de Contraterrorismo, Luiz Alberto Sallabery, a possibilidade de o Brasil ser alvo de ataques terroristas foi elevada nos últimos meses, devido aos ataques recentes e ao número crescente de brasileiros aderindo à ideologia do grupo extremista, que autoproclamou um califado em territórios da Síria e do Iraque.

“Quando uma pessoa faz o juramento ao califado e se torna autoproclamado ela está disposta a cometer qualquer atentado violento em nome do grupo. A ordem não precisa ser presencial, pode ser via internet”, disse Sallaberry, de acordo com O Dia.

O Estado Islâmico costuma doutrinar muitos indivíduos isoladamente, o que os especialistas em segurança chamam de "lobos solitários". O recrutamento é feito dessa forma porque dificulta a identificação de células terroristas e "globaliza" a rede de contatos do grupo.

Segundo comunicado enviado à imprensa, a Abin trabalha para evitar possíveis ataques em solo brasileiro. Entre as ações descritas pela agência está o intercâmbio de informações com serviços estrangeiros e a capacitação de profissionais de setores estratégicos.

CONCURSO PÚBLICO da Polícia Civil de Pernambuco



A Polícia Civil de Pernambuco abriu um excelente concurso público com 650 vagas de nível superior para diversos cargos.

São oferecidas 500 vagas para Agente e 50 para Escrivão, com remuneração inicial de R$ 3.276,42. A exigência é de nível superior em qualquer área de formação.

E ainda 100 vagas para Delegado, que exige formação específica em Direito e três anos de prática jurídica ou atividade policial. A remuneração inicial é de R$ 9.069,81.

REVISTA TIME: Só tem um brasileiro na lista dos mais influentes do mundo



Do Estadão Conteúdo

O juiz Sergio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato em primeira instância, foi eleito pela revista americana Time uma das 100 pessoas mais influentes do mundo, ao lado de líderes com o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, o CEO da Apple, Tim Cook, e a cantora Adele. 

O magistrado é o único brasileiro mencionado neste ano. Em 2015, a revista havia incluído na lista o empresário Jorge Paulo Lemann e o surfista Gabriel Medina. Em 2014 também não havia nenhum brasileiro, mas foram citados os presidentes do Chile, Michelle Bachelet, e da Venezuela, Nicolás Maduro, e o então presidente uruguaio Pepe Mujica. Em 2013 foram eleitos o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa e o chef de cozinha Alex Atala.

SIGA O BLOG

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.