GOVERNO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

domingo, 9 de outubro de 2016

PERNAMBUCO: 13 Municípios são beneficiados com incentivos fiscais para atrair investimentos

Anúncio de investimentos em Pernambuco contempla 11 municípios com 31 projetos na área de importação, ampliação e implantação de CD e importação

Secretário Thiago Norões em reunião do Condic


Realizada no final de setembro (26), a 95ª Reunião do Conselho Estadual de Políticas Industrial, Comercial e de Serviços (Condic) aprovou a participação de 31 novos projetos no Programa de Desenvolvimento do Estado de Pernambuco (Prodepe), que concede incentivos fiscais para atrair investimentos para Pernambuco. 

As iniciativas contemplam 13 municípios pernambucanos: Recife, Jaboatão dos Guararapes, Amaraji, Itapissuma, Garanhuns, Gravatá, Tabira, Limoeiro, Bezerros, Venturosa, Bom Conselho, Glória do Goitá e Cabo de Santo Agostinho.

Na área industrial são R$ 554.190.010,20 em investimentos de 17 companhias, com a geração de 920 novos empregos diretos. Os incentivos anuais previstos são de R$ 64.792.227,70 para a produção de insumos como aguardente, cerveja, produtos de beleza e higiene, sacos plásticos, repelentes, bebidas energéticas, fornos, ventiladores, circuladores de ar, entre diversos outros produtos. "Mesmo com a crise que o Brasil vem enfrentando é importante ressaltar que, desde a última reunião, três meses atrás, conseguimos atrair novos investimentos importantes para Pernambuco. Ressaltar, ainda, a acertada política de interiorização do desenvolvimento que, nesta edição do Condic teve mais de 70% dos projetos voltados para o interior", disse o diretor-presidente da AD Diper, Jenner Guimarães do Rêgo.

Já na área de importação, são R$ 105.771.222,97 em oito novos empreendimentos para ampliação e implantação de novas linhas de produtos. Os produtos incentivados são para as companhias Andessus Sistema Contra Incêndio LTDA, Bettanin Industrial S/A, MCCain do Brasil Alimentos LTDA, Pincéis Atlas, Quallyhorti Comércio & Importação, Sandene Indústria e Comércio, Sanremo e VN Eletrodomésticos totalizam o faturamento previsto de R$ 150.282.101,79.

Na área de logística, serão implantados três novos Centros de Distribuição da Elebat Alimentos S/A, no Cabo de Santo Agostinho; Moet Hennessy do Brasil Vinhos e Destilados LTDA, em Jaboatão dos Guararapes; e Prafesta Indústria e Comércio de Descartáveis LTDA, no Recife e serão ampliados os CDs da Bettanin Industrial S/A, Pincéis Atlas S/A e Sanremo S/A, todos em Jaboatão dos Guararapes. Os faturamentos anuais previstos de R$ 264.067.411,96 e estimativa de R$ 141.879.389,36 em compras e transferências anuais.

"Pernambuco vem tomando um caminho muito acertado em sua política de desenvolvimento econômico e, seguindo as perspectivas positivas, teremos em breve uma maior estabilização da economia, o que resultará em maiores investimentos para nosso Estado. Até dezembro iremos anunciar a chegada de novos empreendimentos", reforçou Guimarães.

PRODEPE - O Programa de Desenvolvimento do Estado de Pernambuco (Prodepe) compreende um conjunto de incentivos fiscais direcionados para diversos setores da atividade econômica, entre os quais destacam-se: industrial, central de distribuição e importador atacadista. O pacote destina-se a atrair novos investimentos para Pernambuco e manter em seu território aqueles já existentes. O programa foi instituído pela Lei nº 11.675, de 11 de outubro de 1999, e regulamentado por meio do Decreto nº 21.959, de 27 de dezembro de 1999, e respectivas alterações. O Prodepe é um dos programas mais robustos do gênero, pela abrangência e escalonamento de percentuais de incentivo em função da localização dos empreendimentos, e transparentes, por dar publicidade aos atos através de decretos específicos no Diário Oficial.

AD DIPER - A Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper) é uma sociedade de economia mista ligada à Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico (Sdec) e tem como missão apoiar o desenvolvimento econômico e social do Estado, por meio de ações indutoras e do apoio aos setores industrial, agroindustrial, comercial, de serviços e de artesanato. Tem como desafio interiorizar o desenvolvimento, integrando o médio e pequeno produtor ao dinamismo econômico local.

PRINCIPAIS INFORMAÇÕES
- 31 projetos aprovados: 17 indústrias, 8 projetos de importação e 6 Centros de Distribuição.
- Total de empregos: 920 postos de trabalho sendo 559 no interior e 361 na capital.
- 6 projetos industriais na Região Metropolitana do Recife (RMR) e 11 no interior do Estado
- R$ 423.277.299,25 em investimentos.
- 10 municípios contemplados fora da RMR: Amaraji, Itapissuma, Garanhuns, Gravatá, Tabira, Limoeiro, Bezerros, Venturosa, Bom Conselho e Glória do Goitá.
- Três maiores empregadores: Sandene Indústria e Comércio (132) , VN Eletrodomésticos LTDA (200) e Metalflex Indústria e Comércio de Alumínio e Vidro LTDA (127).
- Três maiores investidores: VN Eletrodmésticos LTDA (R$ 10.081.050,00), Ambev S/A (R$ 400.000.000,00) e Sandene S/A Indústria e Comércio (R$ 115.810.510,95).

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.