GOVERNO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNIMED AGRESTE MERIDIONAL

CLIQUE NAS IMAGENS E CONFIRA DESTAQUES DO BLOG

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

DIVULGUE SUAS ATIVIDADES NO BLOG DO RONALDO CESAR

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

NINGUÉM FALA POR GARANHUNS - Por Ivan Rodrigues



Estava me lembrando daquele texto que escrevi falando no “Complexo de Bruguelos”, quando ressaltei que em Garanhuns ficamos todo tempo esperando que a ave-mãe traga comida para colocar diretamente na boca dos filhotes. Não se faz nada, as lideranças não se movimentam nem protestam contra as injustiças, e vai-se tocando a vida como se tudo fosse natural ou uma fatalidade histórica. 

Recentemente, o Governo Federal anunciou uma programação de Parcerias para concessão de rodovias e outras obras tidas como fundamentais para o desenvolvimento do Estado. Falava-se na BR-101, na duplicação da BR-232 de São Caetano até Arcoverde, nos presídios e – como não é novidade – nada sobre Garanhuns. 

Não se escutou uma só voz de nossas lideranças municipais ou estaduais sobre a duplicação da BR-423, dos Vereadores, dos Prefeitos, dos Deputados Estaduais e Federais que receberam expressivas votações aqui na Região e seriam, logicamente, favorecidos pelos benefícios porventura alcançados por essa obra. 

Triste, não? Deplorável para o Agreste Meridional e notadamente para Garanhuns, a cidade mais interessada há anos por essa providência tão ansiosamente solicitada. A apatia é geral não só para reclamar como para elogiar quando é o caso. 

Para nossa salvação, até que enfim apareceu essa voz e, da mesma forma, ninguém fala ou reconhece, mas é importante registrar que, pelo menos, o Governador Paulo Câmara tenta reparar a injustiça conforme noticia da imprensa nacional dando conta de uma audiência sua em almoço com o Presidente Temer, ocorrida ontem 26/10: 

“O presidente Temer se colocou à disposição para aprofundar as questões não apenas de Pernambuco, mas também do Nordeste, diante da crise econômica, do desemprego e da seca. O presidente, inclusive, tomou a iniciativa de fazer encaminhamentos junto aos ministros”, disse Paulo Câmara, em nota. Essa foi a primeira audiência de trabalho entre o governador de Pernambuco e o atual presidente da República. 

Ivan Rodrigues
Na carta, além dos pontos citados, constam a inclusão do Aeroporto dos Guararapes, da BR-232 e do Arco Metropolitano no pacote de concessões federais, bem como a retomada das obras da Ferrovia Transnordestina, A ADEQUAÇÃO E DUPLICAÇÃO DA BR-423, NO TRECHO ENTRE SÃO CAETANO E GARANHUNS, e a conclusão da Refinaria Abreu e Lima.” 

Ainda bem que apareceu a ave-mãe defendendo os filhotes desprotegidos que os nossos representantes abandonaram. 

Obrigado Sr. Governador!

Ivan Rodrigues

Pernambuco sai na frente e implanta clubes de programação em escolas da Rede Estadual

Projeto Pernambucoders foi apresentado aos estudantes e professores pelo 
governador Paulo Câmara, nesta quinta, no Recife



Alunos e professores de escolas da Rede Estadual de Ensino foram apresentados, nesta quinta-feira (27.10), a um novo e inovador instrumento pedagógico: o Projeto Pernambucoders. A ação visa estimular o interesse de crianças e jovens por programação, aumentando a atratividade nas unidades de ensino e o futuro potencial econômico local. Neste primeiro momento, nove escolas da Região Metropolitana do Recife (RMR) serão beneficiadas pela iniciativa, por dois anos. Lançado pelo governador Paulo Câmara na Aceleradora Jump, no Recife, o projeto é fruto de uma parceria entre Governo do Estado, Porto Digital, CESAR, Universidade Federal Rural de Pernambuco e a Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex-PE).

Ao destacar a importância do estímulo à inovação na formação da vida profissional dos pernambucanos, Paulo Câmara afirmou que a nova disciplina será um diferencial. "Quem domina ou tem conhecimento em programação tem oportunidade de se colocar em bons empregos. A ação também será fundamental na formatação da escola pública que queremos para o futuro e para a melhoria da geração de renda para os jovens", assegurou o governador. Ele disse ainda: "Programação não é só matemática, tem a lógica, a maneira de pensar e de ver o mundo".

O programa implantado na rede pública do Estado segue os preceitos do Code Club, rede mundial de atividades extra-curriculares que tem o objetivo de ensinar programação de computadores às crianças. Aqui, uma cadeia de profissionais cedidos pelos parceiros vão conduzir os estudos produzidos nas unidades de ensino credenciadas no programa. Monitores experientes poderão se tornar tutores e alunos veteranos poderão assumir monitoria do projeto.

Para o secretário de Educação, Frederico Amâncio, o projeto também vai aumentar o desempenho dos alunos nas demais disciplinas escolares. "Vamos trazer essa novidade para as escolas locais. Em dois anos, o projeto vai atender 2,1 mil estudantes. Após esse período de experiência, vamos avaliar os resultados e discutir como será a expansão do programa", explicou Fred, pontuando ainda que foi investido R$ 1 milhão na melhoria de laboratórios e pagamento de bolsas de tutores e monitores. 

O projeto funcionará da seguinte forma: cada escola contará com duas turmas por semestre, sendo cada uma com capacidade para 20 a 30 estudantes, com dois monitores por turma. Um Núcleo de Coordenação e Estudos cuidará do acompanhamento e análise da evolução dos estudantes, além de avaliar os impactos da iniciativa no aprendizado deles. Das nove escolas selecionadas pelo projeto, três são do Fundamental, e seis do Ensino Médio.

De acordo com o presidente da Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex-PE), José Claudio, o mercado está em expansão e necessita de novos talentos para suprir a demanda. "Hoje, tudo depende de TI. É a industria da manufatura 4.0", afirmou o executivo. Ele frisou ainda que os jovens precisam de novas oportunidades. "Essa é uma demanda que dialoga com o futuro do Estado", frisou José Claudio. 

OPORTUNIDADE E INCLUSÃO - O aluno da rede municipal do Recife Gabriel Leite foi campeão, em 2005, da Olimpíada Brasileira de Robótica e não escondia a satisfação em ter o apoio do Estado para continuar o seu projeto profissional: se tornar um engenheiro mecatrônico. Para o recifense de 15 anos, a implantação dos clubes de programação é uma oportunidade de continuar se aperfeiçoando na área. "O meu sonho é ser engenheiro e quem sabe trabalhar na Jeep, em Goiana", revelou o aluno da EREM Porto Digital, no Recife.

Já a jovem Maria Eduarda da Silva, de 16 anos, é uma estreante no segmento que Gabriel domina. Aluna da Escola Estadual Cônego Rochael de Medeiro, no Recife, ela é surda e vê no projeto uma oportunidade de criar métodos para melhorar a comunicação. "Vou estudar para vencer os obstáculos. Essa é uma oportunidade única para nós", afirmou a estudante, lembrando que terá a companhia de outras 11 colegas surdas no Projeto Pernambucoders.

Para o monitor do projeto na EREM Porto Digital, Pedro Silva, a expectativa é que a integração proporcionada pelos clubes amplie os horizontes dos jovens. "A gente quer trazer os jovens para esse universo tão rico em conhecimento. A gente espera abrir a mente deles, despertando novos interesses", disse Pedro. Ele contou que 60 pessoas disputaram as 25 vagas do projeto. "Assim como os alunos, nós também passamos por um processo seletivo", revelou o monitor.

Também participaram desta solenidade a secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação, Lúcia Melo; o deputado estadual Waldemar Borges; o presidente do Porto Digital, Francisco Saboya; o presidente do Conselho do Porto Digital, Silvio Meira; o presidente do Conselho do CESAR, Geber Ramalho.

Lista de unidades beneficiadas com o Projeto Pernambucoders:

Ensino Fundamental:
Escola Estadual Ministro Jarbas Passarinho, em Camaragibe
Escola Estadual Eneida Rabelo, no Recife
Escola Estadual Cônego Rochael de Medeiro, no Recife
  
Ensino Médio (regular):
Escola Estadual Saturnino de Brito, em Jaboatão dos Guararapes
Escola Estadual Guedes Alcoforado, em Olinda
Escola Estadual de Paulista, em Paulista
Ensino Médio (integral):
Escola de Referência em Ensino Médio Porto Digital, no Recife
Escola de Referência em Ensino Médio Augusto Severo, em Jaboatão
Escola de Referência em Ensino Médio Floriano Peixoto, em Olinda

Fotos: Aluísio Moreira/SEI

Servidores do Ministério Público vão parar novamente



Os servidores do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) se reuniram no final da tarde da última terça-feira (25) no edifício Roberto Lira, prédio-sede do MPPE, para deliberar sobre os próximos passos que serão dados na campanha pela reposição salarial referente ao ano de 2016. Em assembleia, ficou decidido que haverá mais uma paralisação, na próxima terça-feira (1º) em todo o Estado. Além disso, os trabalhadores se prontificaram a fazer outras ações para pressionar a administração da instituição em busca de respostas aos apelos da pauta de reivindicações.

A categoria passou o dia mobilizada nos prédios do MPPE, com trabalho reduzido a 30% do efetivo, como indica a lei. À tarde, os servidores se reuniram no edf. Roberto Lira onde uma comissão formada por membros do Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Pernambuco (Sindsemppe) foi recebida pelo subprocurador-geral de justiça, dr. Fernando Barros. "Nós falamos sobre os compromissos assumidos pelo PGJ na reunião da última sexta-feira, mas houveram muitas divergências quanto aos prazos para implementação", explicou Fernando Ribamar, presidente do Sindsemppe. "Referente à nossa principal demanda, eles nos pediram mais dez dias para justificar porque não poderão promover a reposição salarial, sem sequer terem analisado a nossa contraproposta", ressaltou Fernando.

Diante de mais um adiamento por parte da gestão, que tem pedido vários prazos para justificar a negativa em repor a inflação, os trabalhadores decidiram, além da paralisação do dia 1º de novembro, participar das reuniões dos colegiados de promotores. "Vamos trazer faixas, cartazes, participar das reuniões para mostrar que estamos unidos, mobilizados e que precisamos de uma resposta concreta e plausível", continua Fernando Ribamar. “Reconhecemos que a administração está negociando, nos recebendo, mas a categoria entende que a reposição salarial é um direito garantido pela Constituição e que precisamos que mostrem porque ela não pode ser dada, já que o portal da transparência mostra que o Ministério tem, sim, dinheiro", lembra.

Pernambuco volta a liderar geração de empregos no país



Pernambuco registrou um saldo de 15.721 empregos, no mês de setembro de 2016, o maior entre todas as unidades da federação, segundo os números divulgados ontem (27) pelo Cadastro-Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho. 

Os números revelam um crescimento percentual de 1,24%, perdendo apenas para Alagoas que apresentou um aumento de 3,89% e um saldo positivo de 13.395 postos de trabalho.


Para ler a matéria completa: Jornal do Commercio

Relação das Escolas do Agreste Meridional que receberão o BDE



Foi divulgado na quarta-feira (26) o resultado do Bônus de Desempenho Educacional (BDE) das escolas estaduais de Pernambuco. O BDE premia as escolas pelo cumprimento das metas de crescimento do Índice de Desenvolvimento da Educação de Pernambuco (IDEPE), que são pactuadas a cada ano. Esta premiação é feita de maneira proporcional ao percentual de atingimento destas metas. 

Confira abaixo as escolas do Agreste Meridional que atingiram mais de 50% das metas e, por esta razão, serão contempladas com o bônus.

(Clique na imagem para ampliar)



BR 423: Paulo conversa com Temer sobre projetos federais em Pernambuco

O governador Paulo Câmara avaliou como “positiva” a primeira audiência de trabalho com o presidente Michel Temer, com quem almoçou hoje (26.10), no Palácio do Planalto. 

“O presidente Temer se colocou à disposição para aprofundar as questões não apenas de Pernambuco, mas também do Nordeste, diante da crise econômica, do desemprego e da seca. O presidente, inclusive, tomou a iniciativa de fazer encaminhamentos junto aos ministros”, informou Paulo, que entregou a Temer uma carta na qual relaciona obras e projetos de interesse do Estado e da região. O vice-governador Raul Henry também participou da conversa.

Entre os projetos citados por Paulo no documento, estão a inclusão do Aeroporto dos Guararapes, da BR-232 e do Arco Metropolitano no pacote de concessões federais; a devolução da autonomia do Porto de Suape; a adequação e duplicação da BR-423 no trecho entre São Caetano e Garanhuns, a retomada das obras da Ferrovia Transnordestina e a conclusão da Refinaria Abreu e Lima.

O governador Paulo Câmara também solicitou ao presidente Michel Temer o início da construção do Ramal do Agreste e a aceleração da Adutora do Agreste – obras que integram a Transposição das águas do Rio São Francisco. “Falei para o presidente que estamos no sexto ano consecutivo de seca, o que agrava ainda mais os efeitos da crise econômica sobre a população do Nordeste”, explicou o governador de Pernambuco.

Além das concessões federais e das obras, Paulo registrou dois problemas que afetam fortemente os Estados e precisam de uma articulação para o seu enfrentamento: o aumento da violência e a crise no sistema prisional. “Sem uma atuação conjunta, da União, Estados, Municípios e demais Poderes da República, não teremos um sucesso perene no combate à criminalidade”, ponderou.

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

POSTAGENS ANTERIORES, CLIQUE NO LINK

SIGA O BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.