COMPESA

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

POUSADA DA PAIXÃO - CLIQUE E CONHEÇA!

quinta-feira, 20 de julho de 2017

TUDO SOBRE as oficinas gratuitas de formação cultural no FIG 2017




Um dos principais eventos culturais do país, o 27º Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) oferece diversas opções de formação cultural para os moradores e turistas, que podem se inscrever gratuitamente na Secretaria de Turismo e Cultura do município. As atividades promovidas pela Secretaria de Cultura do Estado (Secult-PE), Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) e parceiros ajudam a estimular novos talentos e fortalecem a economia criativa.

Um dos oficineiros brinca com o clima frio da região. “Garanhuns vai ‘tá’ quente, vai passar uma semana quente”, prevê o músico Paulinho Suprema sobre a oficina de percussão “Tambores Furiosos”, que ocorrerá no Casarão dos Pontos de Cultura. “Poderemos mostrar um pouquinho do que vem sendo produzido em nosso Ponto de Cultura, as técnicas que a gente vem utilizando, vindas da ancestralidade”, afirma o Ogan do Afoxé Ará Odé e um dos responsáveis pelo batuque da Noite dos Tambores Silenciosos, durante o carnaval do Recife.

Os cursos são oferecidos em vários espaços da cidade. A Praça da Palavra contará com oficinas de ilustração, marcadores de livro e confecção de bonecas africanas para as crianças que visitarem o espaço, situado na linda praça da fonte luminosa. Já os artistas e produtores culturais têm mais uma oportunidade de assistir um minicurso de elaboração de projetos e prestação de contas para o Funcultura, na Faculdade AESGA.

Para Gustavo Duarte, Superintendente de Gestão do Funcultura, a capacitação é um momento muito importante de interação com os técnicos e técnicas do Fundo, para que os artistas, produtores e fazedores de cultura possam obter as informações necessárias para a elaboração de um bom projeto. “Esta é uma grande oportunidade. Em mais um ano, o Funcultura está presente no FIG e contamos com a presença de todos da região, numa mobilização em prol do desenvolvimento e da realização dos projetos culturais em Pernambuco”.

A instituição também receberá as atividades promovidas pela Prefeitura do Município nas áreas de fotografia e audiovisual. Uma novidade neste ano são os workshops promovidos pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC) de Garanhuns nas áreas de moda e culinária. As vagas já foram preenchidas.

PROJETOS SOCIAIS – A maior parte das atividades têm inscrições abertas ao público em geral, crianças, jovens e idosos. Mas algumas oficinas são destinadas ao público atendido por projetos sociais como o Programa Mãe Coruja, criado para reduzir a mortalidade infantil e oferecer atenção integral às usuárias do SUS e bebês. As gestantes e nutrizes poderão participar da oficina de contação de histórias “Narradores de Histórias: memórias e poesia”.

Já os adolescentes em conflito com a lei e que cumprem medidas socioeducativas na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) terão contato com o universo do Hip Hop na formação de Dança de Rua e Rima.

INSCRIÇÕES – Os interessados devem se inscrever presencialmente até o dia 21 de julho, das 8h às 14h, na sede da Secretaria de Turismo e Cultura de Garanhuns (Centro Administrativo Municipal Arlinda da Mota Valença – Rua Joaquim Távora, S/N – Heliópolis, ao lado da Câmara dos Vereadores). As vagas disponíveis para cada oficina serão preenchidas de acordo com a ordem de chegada.

LOCAIS DE REALIZAÇÃO DAS OFICINAS
AESGA – Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns
Av. Caruaru, 508 – São José
LISTA DAS OFICINAS DE FORMAÇÃO CULTURAL
Confira as atividades que têm inscrições abertas ao público:

Artesanato | Confecção de Bonecos de Madeira (Mulungu)
Facilitador: Antero Assis / Ponto de Cultura Bonecos de Pernambuco
Descrição: Os participantes aprenderão a arte de construir um boneco, da criação ao acabamento com a confecção de figurinos, e terão ainda noções de manipulação. O mamulengo tem como matéria-prima a madeira da árvore Mulungu.
Público alvo: Público em geral com idade mínima de 12 anos
Data e horário: 25 a 29/07, das 14 às 18h
Vagas: 20
Local: Casarão dos Pontos de Cultura
Artesanato / Literatura | Confecção de Bonecas Africanas Abayomi
Facilitador: Ana Tinoco
Descrição: As crianças vão usar a imaginação para confeccionar bonecas sem cola ou costura, somente com nós, e o acabamento será feito com restos de tecidos. As bonecas representam a cultura negra, símbolo de resistência, e ficaram conhecidas como “Abayomi”, palavra da língua yorubá que significa “meu presente”.
Público alvo: Crianças de 4 a 10 anos
Data e horário: 23/07, às 9h
Vagas: 20
Local: Praça da Palavra
Artesanato / Literatura | Confecção de Marcadores de Livro
Facilitador: Ana Tinoco
Descrição: Na oficina, as crianças poderão decorar e transformar palitos de picolé em marcadores de páginas simples e divertidos.
Público alvo: Crianças de 4 a 10 anos
Data e horário: 22/07, às 9h
Vagas: 20
Local: Praça da Palavra
Audiovisual | Hollywood no Nordeste – Câmara em Ação
Facilitador: Paulo Rafael de Araújo Alves
Descrição: Oficina prática para a elaboração de obras audiovisuais. Serão abordados a história do cinema brasileiro, os recursos de produção de curtas e longa metragens, processo de redação de sinopse e roteiro, uso de câmeras e edição.
Público alvo: Público em geral com idade mínima de 16 anos
Data e horário: 24 a 28/07, das 14 às 18h
Vagas: 50
Local: Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns – AESGA
Dança | Frevo – É na Ponta do Pé e do Calcanhar
Facilitador: Eraldo Melo / Ponto de Cultura Seu Malaquias – O Gigante do Alto
Descrição: Promovida pelo Clube de Boneco Seu Malaquias, Patrimônio Vivo de Pernambuco, a oficina tem a proposta de difundir e fortalecer o frevo por meio de aulas práticas que demonstrarão o passo a passo desse ritmo frenético.
Público alvo: Público em geral com idade mínima de 12 anos
Data e horário: 25 a 29/07, das 14 às 18h
Vagas: 20
Local: Casarão dos Pontos de Cultura
Fotografia | Foto Celular no Mundo Cultural
Facilitador: Ana Paula Ferreira e Camila Queiroz
Descrição: Tendo como inspiração o projeto “Meu Mundo de Mão”, do fotógrafo Diogo Gonçalves de Andrade, os participantes da oficina usarão câmeras de celulares para registrar o FIG 2017
Público alvo: Público em geral a partir dos 18 anos
Data e horário: 24 a 28/07, das 14 às 18h
Vagas: 30
Local: Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns – AESGA
Fotografia | Fotojornalismo nas Mídias Livres
Facilitador: Ana Araújo / Ponto de Cultura Tacaratu Filhos de Terra
Descrição: Os participantes poderão aprender os princípios da fotografia e as noções básicas de texto jornalístico, por meio de conteúdos teóricos e práticos. Quem não possuir máquina fotográfica, poderá utilizar telefones celulares nas aulas práticas. A oficina busca ainda estimular a reflexão e o uso das redes sociais como instrumento de comunicação de interesse público e social.
Público alvo: Público em geral com idade mínima de 12 anos
Data e horário: 25 a 29/07, das 14 às 18h
Vagas: 20
Local: Casarão dos Pontos de Cultura
Gestão Cultural | Oficina de elaboração e prestação de contas para o Funcultura
Facilitador: Técnicos da Secult-PE/Fundarpe
Descrição: Oficina voltada à elaboração de projetos e prestação de contas
Público alvo: Artistas, produtores e fazedores de cultura da região
Data e horário: 26 a 28/07, das 14h às 18h
Vagas: 50
Local: Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns – AESGA
Literatura | Vivência de Ilustração para Crianças / FILIG no FIG
Facilitador: Rosinha Campos / Festival de Literatura Infantil de Garanhus (FILIG)
Descrição: Nos livros da coleção Conto Imagem, a escritora e ilustradora Rosinha recriou os clássicos Os Três Porquinhos, Chapeuzinho Vermelho e João e Maria, utilizando exclusivamente a narrativa visual. A partir da inspiração desses livros e com o suporte da autora, crianças de 8 a 12 anos serão incentivadas a criar seus próprios livros de imagens.
Público alvo: Crianças de 8 a 12 anos
Data e horário: 28/07, às 9h
Vagas: 12
Local: Praça da Palavra
Música | Percussão – Tambores Furiosos
Facilitador: Paulo Sérgio / Ponto de Cultura Herança e Resgate
Descrição: A oficina busca difundir a origem histórico-cultural das nações de matriz africana, seus diferentes ritmos, manuseio dos instrumentos, simbologia e formas de construir. Serão trabalhadas a coordenação motora, polirritmia e concepção musical, bem como a criação de sons e formas dançantes.
Público alvo: Público em geral e crianças com idade mínima de 5 anos
Data e horário: 25 a 29/07, das 14 às 18h
Vagas: 25
Local: Casarão dos Pontos de Cultura

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.