CLINLAB DIAGNÓSTICOS

CLINLAB DIAGNÓSTICOS

COLÉGIO STA. JOANA D'ARC

DESTAQUES DO BLOG

terça-feira, 15 de agosto de 2017

Na UPAE Garanhuns, população tem assistência do Serviço Social muito além da consulta médica


SERVIÇO SOCIAL: Monique e Valderês oferecem acompanhamento aos usuários da UPAE Garanhuns


O trabalho da Assistência Social na UPAE Garanhuns tem por objetivo o acolhimento, atendimento e orientação aos pacientes encaminhados pelos médicos da unidade, ao detectarem necessidades especiais, além da própria consulta médica. As profissionais de Serviço Social atuam para integrar estes pacientes à Rede SUS, e orientam sobre diversas situações no âmbito da saúde e cidadania.

Duas assistentes sociais estão diariamente na unidade; Valderês Barbosa e Monique Vasconcelos, esta última esteve junto ao coordenador geral da UPAE Garanhuns, Gustavo Amorim, concedendo entrevista na Rádio Jornal Garanhuns, no programa Consultório, com Samara Pontes, justamente sobre a atuação do Serviço Social na unidade. "Buscamos efetivar o acesso universal dos pacientes à Rede SUS e as políticas de saúde pública, com a finalidade de oferecer bem-estar físico, mental e social aos pacientes e seus familiares" - registra Monique Vasconcelos. 

Gustavo Amorim informou que o atendimento no setor de Serviço Social da UPAE Garanhuns, além de encaminhada pelos médicos, também pode acontecer de forma espontânea ao paciente em atendimento, que precise de informações ou apoio das profissionais. "Este atendimento pode ser individual ou de forma coletiva, esclarecendo quanto a direitos sociais dos cidadãos, encaminhamento à rede socioassistencial e de saúde, informação sobre normas e rotinas no atendimento da unidade, aconselhamentos preparatórios para procedimentos (principalmente cirúrgicos, a exemplo de vasectomia), planejamento familiar, além de interagir com outros setores para informações aos usuários, como foram feitos recentemente para prevenções de doenças e importância de doação de sangue.

A UPAE Garanhuns atende pacientes encaminhados pelas Secretarias de Saúde dos 21 municípios da área de abrangência da V GERES - Gerência Regional de Saúde, com sede em Garanhuns, Agreste do Estado.

Cerimonial D’LARA inaugura Novo Espaço em Garanhuns



As Cerimonialistas Monica Libório e Michelle Libório inauguram nesta terça feira dia 15 de agosto de 2017 o Escritório do D’LARA Cerimonial, que irá funcionar na Rua Cleto Campelo nº 387, sala 07 – Centro de Garanhuns, segundo piso da Galeria em cima da Degust, ao lado do Zanzibah.  

O cerimonial planeja junto ao cliente todas as etapas do evento, organização de cada momento, tudo de acordo com cada perfil. É uma peça fundamental na organização de um evento, cuida para que cada detalhe saia conforme o esperado.

Monica e Michelle possuem mais de 08 anos de experiência, e agora inauguram seu espaço onde possam receber seus clientes com mais comodidade. 

Os contatos podem ser feitos através do Celular (87) 99933-9565 e (87) 99611-0229. 

Governo afirma que COMPESA não será privatizada

Roberto Tavares esclarece que a decisão do Estado é ampliar serviços de saneamento, mantendo o controle do Estado 


O presidente da Companhia Pernambucana de Saneamento-Compesa, Roberto Tavares, garantiu nesta segunda-feira (14), durante audiência pública, na Assembleia Legislativa do Estado de Pernambuco (Alepe), que a companhia não será privatizada e que essa decisão foi tomada pelo governador Paulo Câmara, que deseja ampliar os serviços de saneamento, mas sem abrir mão do controle da gestão por parte do Estado. Segundo Roberto Tavares, a audiência foi muito positiva para esclarecer e debater com parlamentares, sindicalistas e sociedade civil sobre os projetos estruturadores traçados pelo Governo de Pernambuco para universalizar os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário e qual o papel da companhia no Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), lançado pelo Governo Federal e que conta com a participação de 18 estados da federação. O encontro foi promovido pela Comissão de Desenvolvimento Econômico da Alepe, presidida pelo Deputado Aluísio Lessa.

Satisfeito com o resultado da audiência pública, Roberto Tavares afirmou que diante da escassez de recursos públicos para ampliar a cobertura dos serviços de saneamento, há necessidade real de investimentos privados e da união de forças de vários setores da sociedade para o fortalecimento do setor de saneamento. Tavares, que também é presidente da Associação das Empresas Estaduais de Saneamento-Aesbe, ressaltou que a pauta da entidade e da Compesa deve ser compartilhada com o Sindicato dos Urbanitários e Federação Regional dos Urbanitários do Nordeste-Frune, entidades presentes ao encontro. Na sua opinião, uma pauta única defendida por todos esses agentes irá fortalecer o setor rumo à universalização dos serviços. Defendemos a prestação regionalizada para o saneamento, com a gestão compartilhada entre Estados e Municípios, com a manutenção do subsídio cruzado no setor, que é a regra que permite que as companhias consigam prestar os serviços para todas os municípios, independente deles serem rentáveis ou não”, afirmou. Ele disse ainda que o setor tem uma responsabilidade social muito grande que precisa ser resguardada. O setor precisa ainda de outras iniciativas, a exemplo da centralização dos recursos para saneamento, que hoje está pulverizada em várias fontes (OGU, FGTS, BNDES, CAIXA, Ministérios das Cidades, da Saúde, do Turismo, da Integração, etc) e acesso às novas linhas de saneamento.

Para ressaltar essas necessidades, Tavares afirmou que a população não suporta mais esperar pelos investimentos no saneamento, pois o modelo atual já se provou ser ultrapassado, pois a realidade brasileira não é compatível com o Estado de desenvolvimento do Brasil. Mesmo assim , o presidente da Compesa enalteceu que a companhia é um exemplo de uma empresa bem gerida e que presta relevantes serviços aos pernambucanos. “Recebemos na semana passada o título de melhor empresa de saneamento do Brasil, concedido pela Revista Época Negócios. Apesar de toda crise econômica, política e hídrica, a companhia têm se destacado pela sua gestão e isso não foi uma casualidade. Vamos continuar a seguir nosso rumo traçado pelo Governo do Estado, fazendo mais investimentos", reforçou. Ainda de acordo com o presidente da Compesa, o governo deseja transformar Pernambuco em um local de oportunidades para favorecer parcerias entre o setor privado e o setor público. “O objetivo da adesão ao PPI é viabilizar a universalização dos serviços de esgotamento sanitário, com foco no interior, tendo como modelo de negócio uma parceria público privada-PPP, nos mesmos moldes do Programa Cidade Saneada, a PPP da Região Metropolitana do Recife e Goiana, em execução pela Compesa e o seu parceiro privado, a BRK Ambiental”, argumentou Tavares. Além de um modelo de negócio para esgoto no interior, a Compesa também estuda formas para otimizar os serviços de abastecimento de água.

Hoje, 20 estados no Brasil possuem menos do que 50% de esgotamento sanitário. Em Pernambuco, o índice de cobertura dos serviços de coleta e tratamento de esgoto é de 24%, enquanto que na Região Metropolitana do Recife chega a 33% e na cidade do Recife, o índice é de 42%. "Isso é uma demonstração da falência do modelo vigente. Precisamos arrumar outras fontes de investimento e Pernambuco está preparado para isso, já temos vários investimentos financiados pelo Banco Mundial e Banco Interamericano, por exemplo, tendo sempre o controle do Estado. Para fazer a universalização do saneamento, precisamos ser criativos e de recursos para viabilizar um volume muito grande de obras, uma vez que historicamente o repasse de recursos da União para os Estados sempre sofre descontinuidade e que é agravado quando ocorrem as crises na economia como a que estamos vivendo agora", informa Tavares.

No momento, estão sendo realizados os estudos técnicos, contratados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social ( BNDES) e que irão apontar o melhor modelo de parceria a ser firmada. A previsão é que esses estudos sejam finalizados ainda em 2017. “Defendemos um modelo regionalizado, que possa dividir todo estado em lotes equilibrados, juntando municípios rentáveis com municípios que são deficitários, para que a gente possa garantir a todo pernambucano o acesso a água potável e serviços de esgotamento sanitário", explica o presidente da Compesa.

Lions Cidade das Flores no Dia dos Pais do Hospital Dom Moura






Não faltaram presentes para os papais internados no Hospital Regional Dom Moura, em Garanhuns, no Domingo dos Pais. O Lions Clube Garanhuns Cidade das Flores arrecadou doações que transformou em toalhas de banho, e com apoio do Leo Clube Suíça Pernambucana, distribuiu aos pacientes. Foram mais de 80 toalhas presenteadas. Através de aplicativos de celular, e no contato com os amigos, as pessoas participaram fazendo suas doações.

O diretor do HRDM Luiz Melo também participou da campanha e doou mais de 70 estojos com produtos de higiene pessoal. Fazendo um total de mais de 150 presentes distribuídos. Samara Maíra e Fabiana estiveram na distribuição representando os funcionários do hospital.

"Tivemos muitos apoios, e precisamos agradecer os amigos doadores e a direção do Hospital, uma parceria antiga que se consolida ainda mais em ações para as pessoas carentes que estão enfermas. Foi gratificante!" - Registrou o CL José Paulo.

Garanhuns perde Severino Titico



Um vozeirão se calou em Garanhuns. Recebemos com pesar a morte de Severino Titico, pessoa de tantas amizades e que marcou gerações com sua voz, seja cantando, na Radiola de Ficha, nas emissoras de rádio, ou nas locuções e propagandas, com impagável relação duradoura com a Rede de Postos Caçulinha, do seu amigo Alfredo Farias, e ao fundo a música de Ayrton Senna. Sempre fez locução de eventos na região, principalmente vaquejadas.

Titico era muito ligado a Gláucio Costa e Marcos Cardoso, e aparecia no programa dos dois radialistas sem marcar hora, sempre com irreverência. Seresteiro, Titico deixa uma imagem de alegria.

CAMPANHAS POLÍTICAS

Não tenho dúvidas em afirmar que Severino Titico foi o maior locutor político dos últimos 30 anos em Garanhuns. Usava sua potência vocal apresentando comícios e comandando as caminhadas dos seus candidatos pelos bairros. De Ivo Amaral até a atualidade, Titico era requisitado em todas as campanhas e lugares.

De tão importante para a cidade, sei que todos terão boas histórias para contar sobre este grande profissional. Aos seus familiares, desejamos conforto, e a certeza de terem convivido com uma pessoal especial, que deixa tantos amigos.

O velório acontece na Funerária Padre Cícero.

Auau.

Projeto de Douglas Cintra pune empresa que entregar fora do prazo



A Câmara dos Deputados irá votar projeto de lei do ex-senador Douglas Cintra penalizando a empresa que não cumprir a data da entrega da mercadoria ou serviço acertada em contrato com o consumidor. O adquirente será ressarcido do valor cobrado pela entrega ou, se quiser, poderá cancelar a compra, sem ônus.

O projeto de lei, aprovado na Comissão de Transparência e Defesa do Consumidor, determina a punição nos contratos que incluem o serviço de entrega, alterando o Código de Defesa do Consumidor. Como tinha caráter terminativo, seguirá direto ao exame da Câmara, sem passar pelo plenário do Senado. 

Suplente do senador Armando Monteiro (PTB-PE), Douglas assumiu o mandato quando Armando foi ministro do Governo Dilma Rousseff.

Douglas é empresário do comércio atacadista e do segmento de supermercados, a exemplo da Rede Bonanza.

Secretaria de Saúde de Garanhuns se compromete a regularizar situação dos atendimentos pediátricos

Secretária Interina de Saúde, Shisneyda Furtado

A Secretaria de Saúde do Município de Garanhuns e a direção-geral do Hospital Regional Dom Moura (HRDM) firmaram Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) perante o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) se comprometendo a regular a situação dos atendimentos pediátricos que chegam como demanda espontânea no Hospital Regional Dom Moura (HRDM) e com perfil de atendimento ambulatorial, sendo de responsabilidade do município.

O HRDM tem o prazo de 30 dias para implementar a triagem dos pacientes da pediatria de segunda a sexta-feira, no horário das 8h às 12 horas, e encaminhar até 20 pacientes com perfil ambulatorial por dia para o Centro de Especialidade da Saúde da Mulher e da Criança de Garanhuns (CESMUC). Com esse remetimento de pacientes, a Secretaria de Saúde se comprometeu a fazer os devidos encaminhamentos a todos os quadros clínicos que chegarem aos hospitais municipais.

O não cumprimento das medidas acertadas no TAC acarretará em multa diária ao município no valor de R$ 2 mil, a ser destinada ao Fundo Estadual de Saúde.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.