CLINLAB DIAGNÓSTICOS

CLINLAB DIAGNÓSTICOS

COLÉGIO STA. JOANA D'ARC

DESTAQUES DO BLOG

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Humberto defende criação de Polícia Penal



O Senado deve votar nesta semana, em segundo turno, uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que prevê a criação de polícias penitenciárias federal e estaduais. O texto, defendido pelo líder da Oposição na Casa, Humberto Costa (PT-PE), e aprovado em primeira votação na semana passada, assegura aos agentes penitenciários os mesmos direitos dos policiais, sem onerar os cofres públicos, e libera os policiais civis e militares das atividades de guarda e escolta de presos.

Caso passe em segundo turno, a matéria vai para apreciação da Câmara dos Deputados. Humberto avalia que a medida vai fortalecer a segurança do sistema prisional brasileiro e, consequentemente, das cidades do país. "Além de liberar os policias que hoje estão em desvio de função cuidando de guarda e escola de presos, a polícia penal vai atuar na prevenção e elucidação de crimes que possam ocorrer dentro e a partir dos presídios", explicou.

O parlamentar se reuniu com representantes do Sindicato dos Agentes e Servidores no Sistema Penitenciário do Estado de Pernambuco (Sindasp), nessa quinta-feira (14), em seu gabinete. Eles agradeceram o empenho de Humberto a fim de aprovar o texto. 

Para o senador, a proposta altera o art. 144 da Constituição Federal com o objetivo de preencher uma lacuna que consolida o ciclo do Sistema de Segurança Pública. Ele entende que a polícia penal amplia a atuação do Estado na perspectiva de uma segurança pública integrada e libera policiais civis e militares que atuam na segurança de unidades prisionais, custódia e escoltas de presos. 

“Os agentes penitenciários têm papel fundamental na sociedade. A proposta é muito importante à melhoria das condições de trabalho e vai resultar, inclusive, em condições mais dignas aos presos. Temos de ter como objetivo a construção de um ambiente de paz nos presídios, que pode propiciar melhor processo de ressocialização dos presos”, afirmou. 

O líder da Oposição explicou que a polícia penal será formada a partir do quadro dos atuais agentes penitenciários e deverá ter como meta a realização de ações destinadas à segurança no âmbito do sistema prisional. 

“Os agentes penitenciários prestam serviços públicos essenciais de custódia e vigilância de presos. A atividade também preserva a ordem pública e a incolumidade das pessoas. De acordo com a Organização Internacional do Trabalho (OIT), a profissão é a segunda mais perigosa do mundo, depois dos mineradores. Nada mais justo que melhorar suas condições”, acredita. 

O Brasil está em quarto lugar no ranking de nações com maior número de presos, atrás apenas dos Estados Unidos, China e Rússia. Atualmente, há 608 mil presos no Brasil, sendo 580 mil no sistema penitenciário e 28 mil sob custódia das polícias. Estima-se, no entanto, que haja somente 65 mil agentes penitenciários no País.

“Em 20 anos, a população carcerária brasileira quadruplicou. Nesse contexto, as facções passaram a existir e doutrinar a massa carcerária, utilizando-se dos ambientes fechados para praticar diferentes crimes”, ressaltou.

Por isso, segundo ele, é mais do que urgente que o Estado se utilize de meios legais para a retomada da ordem e do controle. “A polícia penal busca justamente atender a esses objetivos, com atuação mais padronizada e profissional”, resumiu.

Ninfa Parreiras: Escritora mineira ministra oficina no SESC Garanhuns




O Sesc Garanhuns recebe a escritora mineira Ninfa Parreiras para ministrar a Oficina de Criação Literária: "O escrever como processo de identidade". A ideia da oficina é que cada pessoa possa desabrochar a sua criatividade e criar textos ficcionais e poéticos a partir do trabalho com livros e textos a serem lidos, manuseados e discutidos.

Sobre a escritora:

Ninfa Parreiras é autora de mais de 20 obras literárias e de ensaios sobre literatura. Professora de literatura, psicanalista, com ampla experiência em trabalho que associam a literatura à psicanálise. Também tem livros de ensaios sobre literatura para adultos. Mestre em literatura comparada (USP), curadora de eventos literários e de exposições e organizadora de antologias. 

Período: 18 a 22 de Setembro
Horário: 19 às 22h
Local: Laboratório de Autoria Literária Luzinette Laporte - Sesc Garanhuns
Investimento: Com./Dep. (R$:10) - Usuário (R$:20)
Vagas disponíveis: 20

Governo do Estado abre seleção simplificada para 74 vagas na ADAGRO. Tem para Garanhuns!



Vinculada à Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, a Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) abriu seleção simplificada para 74 vagas de técnicos agrícolas. As inscrições já estão abertas e seguem até o próximo dia cinco de outubro, no site da entidade (www.adagro.pe.gov.br). O edital foi publicado no Diário Oficial do Estado no último sábado.

Podem concorrer técnicos com formação na área agrícola ou agropecuária. As atribuições a serem desenvolvidas envolvem ações de auxílio nas atividades de defesa sanitária e fiscalização de produtos, subprodutos, insumos e derivados de origem animal e vegetal. A remuneração será de R$ 1.635,00 para uma carga horária de 40 horas semanais. 

O titular da Agricultura, Nilton Mota, comemorou o desempenho da Agropecuária no PIB de Pernambuco do segundo semestre. "Com um crescimento registrado em 41,1%, a Agropecuária foi o segmento econômico responsável por alavancar o desempenho do estado. A liderança e a determinação do governador Paulo Câmara nos colocaram no caminho certo para enfrentamos os grandes desafios da crise", pontuou Nilton.

A seleção simplificada faz parte da reestruturação Adagro, que, no fim do ano passado, deixou de ser unidade técnica e passou a ser uma autarquia especial. “A seleção simplificada é emergencial, estamos trabalhando para realizar no próximo ano o concurso definitivo para o cargo”, explicou a presidente da Adagro, Erivânia Camelo. 

Quantidade de Vagas por município

Sanharó - 8
Caruaru - 5
Garanhuns - 10
Ouricuri - 6
Palmares - 6
Petrolina - 7
Sertânia - 5
Salgueiro - 5
Serra Talhada - 6
Surubim - 6
Recife - 10

Condepe/Fidem estuda contribuição do turismo na economia de Pernambuco



A Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco - Condepe/Fidem está produzindo um estudo específico sobre a participação do turismo na economia do Estado, dentro da ótica da representatividade do setor no Produto Interno Bruto (PIB) Estadual. O resultado geral será apresentado conforme a estrutura de divulgação do PIB estadual, mostrando como cada setor contribui para o turismo. Equipe de Contas Regionais da entidade vai participar nos próximos dias de reunião no Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, no Rio de Janeiro, que, entre outras temas, abordar este trabalho.

O diretor executivo de Estudos, Pesquisas e Estatística da Agência Condepe/Fidem, Maurílio Lima, comentou que este estudo é uma alternativa para agilizar a publicação de estatísticas que constam do documento Contas Satélite. Ele explica que a Condepe/fidem está desenvolvendo estudos metodológicos nesta linha, dentro de um enfoque mais desagregado do que o que normalmente é divulgado com o PIB geral do Estado. "Este método já foi desenvolvido no Rio Grande do Sul e pelo IBGE, a partir da análise do valor Adicionado Bruto do Estado, regiões do turismo e municípios", registrou o gestor. 

Maurílio Lima disse que este estudo é mais um subsídio à elaboração de políticas públicas que venham potencializar as atividades turísticas e que a produção de estatísticas sobre o setor e a análise das características regionais podem auxiliar num melhor uso dos potenciais turísticos.

Estes dados já interessam à Secretaria de Turismo (Setur), que propôs recentemente uma parceria para a interface de informações, cujo resultado deve incrementar os estudos e pesquisas desenvolvidos nos dois órgãos, além de auxiliar no planejamento das políticas públicas voltadas para o turismo. Uma primeira reunião entre equipes que trabalham com estatísticas do turismo ocorreu essa semana, quando os técnicos da secretaria estiveram na sede da Condepe/Fidem.

"Temos a Condepe/Fidem como entidade de referência em estudos. É muito importante esta parceria para nossas pesquisas", falou o Superintendente de Projetos Estratégicos da Setur, Hamilton Falcão. Atualmente existem três regiões com o turismo acentuado em Pernambuco de acordo com a secretaria : Recife, Ipojuca e Fernando de Noronha.

FILIG >> Festival de Literatura Infantil volta a acontecer em Garanhuns

Representantes da Proa Marketing Cultural e Projetos, Autarquia Municipal de Segurança Trânsito e Transportes e secretarias de Educação, Comunicação Social, Turismo e Cultura se reuniram para definir os últimos detalhes do 3º Festival Internacional de Literatura Infantil de Garanhuns (Filig). 

O Festival acontece de 5 a 8 de outubro no Parque Ruber Van Der Linden, das 8h às 20h. Toda a programação é gratuita.

De acordo com Camila Bandeira, da Proa - empresa que organiza o Filig, o objetivo é “contribuir para tornar Garanhuns uma cidade de leitores”. Por esse motivo o trabalho começa com uma série de ações de formação continuada para mediadores de leitura, gestores de bibliotecas e professores, sempre em parceria com a Secretaria de Educação e com o SESC. 

Autores internacionais, nacionais e regionais participam do 3º Filig, a exemplo do mexicano Gabriel Pacheco; Edlon Morais, de São Paulo; Alexandra Roscoi, de Brasília; Dino Freitas (CE) e pernambucanos como Walter Moreira Santos e Elma. Além deles estão na programação várias atrações, espetáculos de artes cênicas e música, todos ligados à Literatura. 

O formato será mantido como nas duas edições anteriores (2014 e 2015), com oficinas para crianças e adultos, bate-papo com autores, palestras, mesas de diálogo, espaços de leitura aberta, apresentações artísticas. Também estão previstas novidades, a principal delas é o incentivo à leitura na primeira infância e para gestantes e bebês. 

Mais detalhes ainda estão sendo finalizados e serão apresentados em coletiva de imprensa no dia 26 de setembro, no Parque Ruber Van Der Linden, às 10h. 

Secom PMG

Semana Nacional de Trânsito contará com palestras e debates em escolas do Agreste



A V GERES - Gerência Regional de Saúde e o Comitê Regional de Prevenção a Acidentes de Moto - CRPAM - iniciam nesta segunda-feira (18/09) uma programação especial para marcar a Semana Nacional de Trânsito em Garanhuns e demais municípios que fazem parte da V GERES - Gerência Regional de Saúde.

De 18 a 22 de Setembro várias atividades serão realizadas em escolas municipais e estaduais. Palestras, mostras de vídeos e debates com estudantes e professores, nos três turnos de aulas em oito escolas, e o objetivo é atingir mais de cinco mil jovens, dos ensinos fundamental e médio.

"A Semana Nacional de Trânsito é muito importante para a conscientização da sociedade, e estamos levando à juventude palestras educativas com o objetivo de alerta sobre os perigos da condução de veículos de forma irresponsável, sabendo que os ensinamentos acabam repercutindo também aos adultos com quem convivem" - Afirma Catarina Tenório, gestora da V GERES e presidente do Comitê Regional de Prevenção a Acidentes de Moto. Além de Garanhuns, acontecem atividades em Lajedo, Águas Belas, Brejão, Teresinha e Saloá.

O Governo do Estado, através da V GERES e da Secretaria Estadual de Saúde, e das instituições que fazem parte do CRPAM, têm feito constantes ações educativas, e a Semana Nacional de Trânsito, é mais uma forma de alertar a população sobre o alto índice de acidentes em nossa região.

SERVIÇO:
SEMANA NACIONAL DE TRÂNSITO EM GARANHUNS
18 a 22 DE SETEMBRO
PALESTRAS E DEBATES COM ESTUDANTES E PROFESSORES
REALIZAÇÃO: CRPAM / V GERES / GOVERNO DE PERNAMBUCO

ATENÇÃO: Fenearte abre inscrições para edição de 2018



Vai começar o período de inscrições para Fenearte 2018. De 02 a 31 de outubro, artesãos de todo Brasil podem realizar o procedimento por meio dos sites abaixo:
www.fenearte.pe.gov.br ou do portal www.artesanatodepernambuco.pe.gov.br, na aba “Fenearte”. 

As inscrições valem para todos os setores da Feira: artesãos individuais de Pernambuco, Estados, representantes internacionais, prefeituras pernambucanas, associações, setor de alimentação, redes solidárias e Sebraes. 

Neste ano, o setor de Pernambuco terá um aumento de 9% no quantitativo de vagas, saltando de 275 para 300 oportunidades. Durante a inscrição, os candidatos devem fornecer as informações solicitadas no sistema do evento e também anexar fotos dos produtos cadastrados, sendo três delas individuais e cinco do conjunto da obra. 

“A cada ano, o Governo de Pernambuco tem o cuidado em realizar o procedimento de inscrição com antecedência para que o artesão selecionado tenha tempo de produzir suas obras e, com isso, chegue até a Feira com o estande abastecido e consiga bons resultados durante o evento”, destacou o coordenador da Fenearte, Thiago Angelus. 

Todas as inscrições serão avaliadas pela curadoria do Programa do Artesanato de Pernambuco (Pape), atualmente formada por representantes de secretarias e órgãos do Estado, Sebrae, Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), além de representantes de categoria artesã e da sociedade civil. 

Vale destacar que a inscrição não condiciona ou vincula à participação no evento. Os expositores selecionados, além das informações sobre o processo de comercialização dos estandes, serão anunciados posteriormente. 

Eventuais dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone (81) 3181-3454, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, ou pelo e-mail abaixo:
fenearte@centrodeartesanato.pe.gov.br.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.