BLUENET PROVEDOR DE INTERNET

DESTAQUES DO BLOG

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Fundo Público para campanhas não pode comprometer áreas essenciais



Na noite desta quarta-feira (04), o deputado federal Tadeu Alencar (PSB) votou contra a aprovação do Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), estimado em R$ 1,7 bilhão para as eleições do próximo ano.

Em suas redes sociais, o parlamentar criticou o teor da proposta:

"Votamos contra o fundo eleitoral porque não concordamos com a forma com que ele foi proposto, com valores elevados, sem um teto limitador, lançando mão da reserva de contingência, o que pode comprometer recursos de áreas essenciais, como saúde e educação, prejudicando principalmente os municípios brasileiros, que já sofrem com a escassez de recursos", afirma o deputado.

Para Tadeu, um financiamento público só pode ser feito com transparência, limites claros e controle. "Sou a favor de um financiamento público que pudesse evitar a corrupção e essas campanhas escandalosamente caras no Brasil, não um fundo que a sociedade não entendeu e nem entenderá. Por tudo isto, votei NÃO para este modelo de financiamento público bilionário", defende o parlamentar.

ARTE DA PALAVRA: Alexandre Revoredo e Stephany se apresentam em Santa Catarina


Os artistas de Garanhuns Alexandre Revoredo (músico, compositor, poeta e arte-educador) e Stephany Metódio (Atriz, Contadora de histórias, produtora cultural e arte-educadora) estarão participando esta semana do "Arte da Palavra", em Santa Catarina. O projeto foi iniciado este ano pelo Sesc Nacional para fomento, fruição e produção literária. Dessa forma, escritores, poetas, declamadores e contadores de histórias vão a vários estados do país multiplicar os saberes.

Alexandre e Stephany possuem diversas ações voltadas à arte-educação e literatura e nesta etapa do Arte da Palavra circularão em quatro cidades catarinenses: Joinville, Jaraguá do Sul, Itajaí e Laguna, onde apresentarão o projeto "O Livro em Cena" em teatros, bibliotecas e instituições de ensino. As apresentações começam dia 05 e vão até dia 08 deste mês e trabalham a literatura contemporânea através da sensibilização a leitura, da difusão de autores independentes e contextualização da literatura no nosso cotidiano.

Sobre "O Livro em Cena": o projeto é uma apresentação lítero-musical onde os artistas (Stephany Metodio e Alexandre Revoredo) através de recitação, leituras dramatizadas, imagens e canções traçam uma viagem por diversos gêneros literários, apresentando autores contemporâneos brasileiros e trazendo a literatura através do movimento, da palavra dita, do corpo, sensibilizando o público para a leitura literária. O projeto existe desde 2011 e já circulou nos estados de Pernambuco e Bahia.

NUZMAN: Mais um grandalhão é preso, e tem gente que ainda critica a Operação Lava-Jato



A Polícia Federal (PF) prendeu, na manhã desta quinta-feira (5), o presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB) e do Comitê Rio 2016, Carlos Arthur Nuzman, pela sua suposta participação em uma operação de compra de jurados para a escolha do Rio de Janeiro como sede dos Jogos Olímpicos de 2016. Nuzman foi preso em casa, no Alto Leblon, zona sul do Rio.

Vinte policiais federais cumprem dois mandados de prisão temporária e seis mandados de busca e apreensão na cidade (Ipanema, Leblon, Laranjeiras, Centro), expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro.

AGORA COMIGO: Copa do Mundo e Olimpíada no Brasil foram os maiores embustes para desvios bilionários de dinheiro público, enquanto o povo estava abestalhado torcendo pela seleção e os atletas olímpicos, a pátria era subtraída em tenebrosas transações. As operações que sucederam a Lava-Jato, que ainda hoje está colocando no xadrez parte da elite governista, é um marco no Brasil. Pena que juízes do STF sejam próximos de investigados e o Congresso Nacional tenha mais bandido que muita cadeia pública no país, pois estamos perdendo um excelente momento de reconstrução da vida pública no Brasil.

Armando quer o fim da Estabilidade do Servidor Público. Senado aprovou

Atualmente, o servidor público só adquire estabilidade após estágio probatório, que pode chegar até a três anos. Com a mudança, os servidores poderão ser demitidos após avaliações periódicas.

DA ESTADÃO CONTEÚDO

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou, nesta quarta-feira (4), a proposta que acaba com a estabilidade no serviço público para servidores com baixo desempenho nas atividades desenvolvidas. Relator do projeto de lei que, na prática, acaba com a vitaliciedade no serviço público, o senador Lasier Martins (PSD-RS) defendeu a mudança e ressaltou que o texto foi amplamente debatido. A matéria já passou por audiências públicas e foi submetida a consulta pública no site do Senado.

Na Casa, o texto ainda passará pela Comissão de Assuntos Sociais, Comissão de Direitos Humanos e Comissão de Transparência e Governança antes de seguir para o plenário do Senado. De natureza complementar, a matéria regulamenta o artigo 41, parágrafo primeiro, da Constituição. Esse dispositivo já determina que o servidor estável – já transposto o período de três anos de estágio probatório – fica sob risco de perder seu posto de concursado em caso de resultado insatisfatório “mediante procedimento de avaliação periódica de desempenho, na forma de lei complementar, assegurada ampla defesa”. O que o texto em discussão promove é a definição de normas mais específicas para a execução de tais testes, com pontuação por desempenho.

Um dos defensores da matéria, o senador Armando Monteiro (PTB-PE) frisou que “para merecer a proteção da estabilidade é preciso que do ponto de vista social se justifique através da avaliação”.

Em seu parecer, Lasier flexibilizou a redação concebida por Maria do Carmo (DEM-SE), por exemplo, ao dobrar o período de testes a que o servidor concursado com desempenho considerado insuficiente deverá ser submetido – em vez de exame a cada seis meses, o senador propôs sabatina anual. O senador também aumentou de um para três o número de avaliadores – no primeiro texto, a tarefa cabia apenas ao chefe de departamento, situação que poderia suscitar casos de perseguição.

De acordo com a proposta aprovada, essa espécie de banca examinadora passaria a contar com um profissional de nível e setor equivalentes ao do servidor examinado e outro do departamento de recursos humanos. Segundo Lasier, trata-se de um mecanismo de aprimoramento do funcionalismo com o máximo de garantias ao servidor estável – eles terão, de acordo com o relatório, até cinco anos para tentar se aperfeiçoar e, em caso de êxito, reverter a desconfiança em torno de sua proficiência profissional. Caso a situação não mude depois de todo esse período, destaca Lasier, o servidor deve ser submetido ao processo de exoneração.

Entre outras providências, o texto fixa uma escala de notas de desempenho para avaliar servidores considerados pouco produtivos. Esse funcionário poderá ser demitido, segundo o relatório de Lasier, caso não alcance nota superior a 2,9, em dois anos de avaliação, ou maior que 4,5, em cinco anos. Os efeitos da legislação proposta valem para União, estados, municípios e Distrito Federal.

Sebrae encabeça grande ação para fortalecer pequenos empreendimentos

Movimento Compre do Pequeno Negócio terá culminância neste dia 05 de outubro, Dia da Micro e Pequena Empresa, com ações e promoções em Garanhuns 

Com ações voltadas para empreendedores e para o consumidor, o Movimento Compre do Pequeno Negócio (MCPN), em seu terceiro ano de realização pelo Sebrae em Pernambuco, visa atuar em diversas frentes para capacitar os donos de negócios e sensibilizar a população a consumir os produtos de micro e pequenos empresas. As ações, que estão entre palestras, minicursos, oficinas, campanha publicitária e outras atividades começaram no dia 19 de setembro e vão culminar neste 05 de outubro, Dia Estadual da Micro e Pequena Empresa, quando o Sebrae está incentivando uma grande promoção dos pequenos negócios em Pernambuco. A comemoração - em forma de ações - continua durante o mês de outubro em vários municípios.

Em Garanhuns, no Agreste Meridional do Estado, as atividades visam estimular os empreendedores e abrir portas para novos negócios. A unidade do Sebrae em Garanhuns realiza entre os dias 05 e 08, no Parque Euclides Dourado, a Feira do Pequeno Negócio. A realização do evento também conta com exposição e vendas de produtos esportivos, equipamentos, vestuário e acessórios; serviços de fisioterapia, pilates e yoga; treinamento funcional e alimentação. A programação é completamente gratuita. (Ver programação completa abaixo).

GARANHUNS: Exposição Cultural Artes na Estação é prorrogada



Diante da receptividade demonstrada pelos visitantes que estiveram no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti nos últimos dias, a Secretaria de Turismo e Cultura decidiu prorrogar até o dia 19 de outubro a Exposição Cultural Artes na Estação. Dessa forma, visitantes e garanhuenses terão mais uma chance de conhecer o trabalho do artista plástico Espedito dias, do artesão Mestre Fida e do escritor Cláudio Gonçalves. 

Das 10h às 17h, todos os dias e com acesso gratuito, é possível apreciar as pinturas em tela com temas desde natureza até cenas do cotidiano, esculturas em madeira internacionalmente reconhecidas e saber um pouco mais sobre a cobertura jornalística da Hecatombe de Garanhuns.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.