DESTAQUES DO BLOG

BLUENET PROVEDOR DE INTERNET

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Polícia Militar rende homenagens ao Cabo Cobrinha. Um dos herois da Hecatombe e da história de Garanhuns!

Busto esculpido pela artista plástica e Oficial da Reserva
da PMPE Capitã Telmira Cavalcante Sá Branco


O ano de 2017 marcou o centenário de uma das páginas mais tristes da história de Garanhuns. Por motivações políticas aconteceu no município aquela que foi considerada a maior tragédia política do interior de Pernambuco e que entrou para a história como a Hecatombe de Garanhuns.

O historiador, escritor e professor José Cláudio Gonçalves de Lima, autor do livros: "Os Sitiados: A Hecatombe Garanhuns" e "A Cobertura Jornalística da Hecatombe de Garanhuns". recebeu a missão de abordar, em uma pequena palestra, a passagem histórica do Cabo Cobrinha e demais soldados na Hecatombe de Garanhuns, missão esta confiada pelo Tenente-Coronel Paulo César Gonçalves Cavalcante, Comandante do 9º BPM, que recebeu representantes da sociedade de Garanhuns, na última sexta-feira (15), para a solenidade de inauguração do busto do Cabo Cobrinha e dos soldados heroicos.

Vamos a um trecho elucidativo e importante da nossa história, nas palavras de Cláudio Gonçalves:

Naquele dia 15 de janeiro de 1917, a cidade estava em polvorosa, tomada por dezenas de homens fortemente armados dispostos a vingarem a morte do Coronel Júlio Brasileiro, assassinado na noite anterior na Capital Pernambucana. Estes aliados atribuíam equivocadamente o assassinato da sua liderança a um complô dos seus adversários políticos, que diante das ameaças foram convencidos a se recolherem à cadeia. 

Ás 15h30min a cadeia seria cercada por esses homens dispostos a uma retaliação, é neste momento, como em muitos outros da nossa História, que alguns homens se destacam pelos seus atos de bravura e de não se avassalar perante o cumprimento do seu dever e pela honra dos seus ideais. Aquela pequena guarnição comandada pelo Cabo Antônio Pedro de Souza (Cabo Cobrinha), Sargento Pedro Cavalcanti Malta e os soldados Ezequiel Cabral de Souza, Francisco Maciel Pinto, Pedro Antônio Dias e Manoel João de Oliveira, resistiram e defenderam com heroísmo aquelas autoridades políticas a quem as vidas lhes foram confiadas, Coronel Manoel Jardim, Tenente-Coronel Francisco Veloso, Coronel Argemiro Miranda, Capitão Júlio Miranda, Major Sátiro Ivo, Doutor Borba Junior e o Jovem Gonzaga Jardim, que momentos antes do ataque foi a cadeia visitar o tio Manoel Jardim. 

Cabo Cobrinha, comandante daquela guarnição policial, nascido em Garanhuns em 1889, havia ingressado voluntariamente na Força Policial do Estado de Pernambuco em 01 de dezembro de 1909, destacando-se no 2º Batalhão. Em 25 de novembro de 1911 seria promovido a Aspençado (antiga graduação entre cabo e soldado), e em 27 de novembro do mesmo ano, a Cabo de Esquadra. Sua ação naquela fatídica tarde ficou registrada na história. Cabo da Força Pública, oficial destemido, enfrentou o jagunço Vicentão, comandante daquele grupo assaltante que o ameaçava e aos seus comandados aconselhando-os a abandonarem a posição. Cabo Cobrinha não se rendeu as ameaças e antes de tombar a porta da cadeia e de ferir o seu agressor gravemente respondeu-lhe que aqueles cidadãos estavam sob a sua proteção e garantias, e que acima de tudo estava o cumprimento do dever, e que ali só entrariam passando por cima do seu cadáver. Célebre frase que o personifica e o imortaliza como um dos heróis da nossa história. 

Por mais que os documentos históricos nos forneçam pistas, informações e descrições, daquele desigual e covarde ataque que durou aproximadamente trinta minutos, não haveria como descrevê-lo em toda sua amplitude a tamanha agressão injustiça. Foram minutos que só a coragem, o dever e a hombridade a farda da Polícia Militar deram forças aquela heroica guarnição policial para enfrentar em desvantagem aquele terrível combate até sucumbirem, não se renderam e permaneceram até o fim ao lado daquelas autoridades que confiaram fielmente naquela força policial. Mesmo o Sargento Pedro Cavalcanti Malta que conseguira escapar ferido ao cerco, retornaria para tentar salvar algumas vidas. 

Daquela Força Policial o Cabo Cobrinha e os soldados Francisco Maciel Pinto e Ezequiel Cabral de Souza perderam a vida em combate. Os soldados Pedro Antônio Dias e o conselhense Manoel João de Oliveira vieram a falecer no Hospital Pedro II em Recife. O Sargento Pedro Cavalcanti Malta faleceria em 01 de fevereiro de 1961, ocupando o posto de Coronel da Polícia Militar de Pernambuco. 

O Coronel José Novaes, Comandante da Força Pública, pelo ato de bravura e heroísmo promoveu todos esses notáveis defensores que escreveram seu nome na história de Policia Militar de Pernambuco, o Cabo Cobrinha foi promovido a 2º Sargento, o Sargento Pedro Malta a Alferes e dos demais soldados ao posto de Cabo de Esquadra.

Neste ano do Centenário da Hecatombe de Garanhuns, o 9º BPM, através do seu Comandante Tenente-Coronel Paulo César Gonçalves Cavalcante, idealizador desta solenidade e do memorial ao Cabo Cobrinha e demais soldados que morreram em defesa da sua missão, da sociedade e da honradez de suas fardas, promove o nobre Comandante nesta conceituada Corporação o reconhecimento histórico e militar desses saudosos e bravos oficiais e policiais militares que tiveram um comportamento exemplar e sempre deverão ser reverenciados por todos que compõem essa integra e renomada Corporação. 

José Cláudio Gonçalves de Lima
Que esses heróis sejam exemplo de motivação para os enfrentamentos e surpresas que a vida policial militar lhes revelará a cada dia, e motivo de orgulho, pois esses valorosos e destemidos militares nos deixaram uma página escrita de heroísmo para que todos que compõem o 9º BPM, seus oficiais e soldados, e por não dizer todos os integrantes da Policia Militar de Pernambuco possam se inspirar nessa gloriosa passagem histórica dos saudosos Cabo Cobrinha e demais policiais militares para escrever também a sua história e biografia de glórias e de motivo de orgulho nesta instituição. 

Congratulo-me com o 9º Batalhão da Policia Militar, através do seu Comandante Tenente-Coronel Paulo César Gonçalves Cavalcante, demais oficiais e policiais militares por essa belíssima solenidade e pelo memorial ao Cabo Cobrinha e demais soldados falecidos na Hecatombe de Garanhuns, cujo busto do Cabo Cobrinha, esculpido pela artista plástica e oficial da Reserva da Policia Militar de Pernambuco Capitã Telmira Cavalcante Sá Branco, passa a ser um marco da preservação da nossa memória histórica. 

Muito obrigado! 

José Cláudio Gonçalves de Lima
Escritor"


MAIS BOLSAS DE ESTUDO NO NOVO PROUPE EM PERNAMBUCO


O novo edital do Proupe irá conceder 1.300 bolsas de estudo em 2018.1. As inscrições foram iniciadas e seguem até 03 de janeiro de 2018, através do site da Secti . A secretária Lúcia Melo garantiu que no segundo semestre de 2018 serão concedidas mais 1.000 novas bolsas.



Um encontro ocorrido no Recife, na segunda-feira, 11 de dezembro, reuniu os presidentes das 13 autarquias municipais de ensino superior de Pernambuco. A reunião foi conduzida por Antonio Habib, presidente da Assiespe, entidade que representa as instituições no Estado. Na ocasião foi assinado o termo de adesão ao novo Proupe. A solenidade foi convocada pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação – Secti, órgão do Governo do Estado responsável pela condução do programa. 

O fomento ao ingresso no ensino superior em Pernambuco, através de bolsas de estudos do Proupe, foi uma das bandeiras defendidas pela gestão do professor Habib frente à Assiespe. A abertura do diálogo com o Governo do Estado, através da Secti, foi um dos vetores que permitiu a requalificação do programa, o que garantiu a expansão no número de bolsas e oportunizou que mais pessoas tenham acesso a graduação.

RUAG, INDÚSTRIA DE ARMAS E MUNIÇÕES DA SUÍCA ABRIRÁ FÁBRICA EM PERNAMBUCO

Governo de Pernambuco fecha parceria para instalação da
empresa suíça Ruag no Estado. A instalação da sede nacional da empresa de armamentos contará com um investimento de 15 milhões de euros e ofertará 40 empregos diretos inicialmente




O governador Paulo Câmara assinou, na última sexta-feira (15.12), o protocolo de intenções com a empresa suíça Ruag Indústria e Comércio de Munições Ltda. O acordo tem como objetivo a construção e instalação da primeira fábrica da empresa no País, que contará com um investimento de, aproximadamente, 15 milhões de euros (cerca de R$ 58,5 milhões), gerando, inicialmente, 40 empregos diretos em Pernambuco.

A iniciativa integra um importante pacote de ações anunciados como a instalação do Centro de Distribuição e E-commerce da Saraiva e a renovação da concessão de benefícios fiscais com o Grupo Tigre, fechando uma semana em que a atração de novos empreendimentos foi pauta principal no fortalecimento da economia de Pernambuco.
Além dos atrativos benefícios fiscais e da disponibilidade de financiamentos por meio do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE) e do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), a escolha por Pernambuco para a instalação da fábrica da Ruag se deu, ainda, pela localização estratégica do Estado e pela infraestrutura do Porto de Suape. O complexo portuário irá garantir uma operação eficaz para o negócio diário da empresa, já que a grande disponibilidade de linhas marítimas permite o transporte seguro de matéria-prima e produtos acabados, cujo transporte é cercado de cuidados especiais.

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, avaliou todo o Brasil será beneficiado com a nova empresa, através do incremento na comercialização desse tipo de tecnologia.

A empresa pretende iniciar a produção de munição de armas pequenas em Pernambuco, gerando, no início das vendas, cerca de US$ 10 milhões por ano. Quando instalada, a Ruag fornecerá produtos para forças policiais, empresas de segurança e atiradores de esportes licenciados de todo o País, seguindo as diretrizes estritas da legislação e um regime interno rigoroso quanto à conformidade e um código de conduta.

COMPESA REALIZA SERVIÇO NA AV. SANTO ANTÔNIO, EM GARANHUNS

Com a obra de reparos na rede que passa pela Avenida Santo Antônio, o abastecimento de algumas áreas precisou ser interrompido. Confira!



Equipes de manutenção da Compesa estão empenhadas em consertar um estouramento ocorrido na Avenida Santo Antônio, no Centro de Garanhuns, no último sábado. Por causa deste problema, várias áreas da cidade estão sem água: Aluísio Pinto, parte baixa do Centro, Liberdade, Celso Galvão, Agamenon Magalhães, Rua São Miguel, Rua Dr. Jardim, Pau Pombo, Rua Nogalia Lima, Rua Augusto Calheiros, Av. Lions, Av. Dr. Dourado, Rua Severiano Peixoto, Rua Antônio Penante, Praça Dom Pedro II, Rua Melo Peixoto, Rua Júlio de Melo e Av. Rotary. 

A previsão de conclusão dos serviços é no fim da tarde desta segunda-feira. O abastecimento deve ser normalizado até esta terça-feira.

Prefeitura de Garanhuns não paga 13º Salário aos seus contratados. Não tem Magia de Natal para estes trabalhadores.



Johny Albino, bacharel em Direito e opositor do prefeito Izaías Régis, volta a tecer críticas quanto à gestão municipal, desta vez sobre a falta de pagamento do 13º Salário dos contratados da prefeitura.

Para saber mais, fui buscar em alguns sites de instituições representativas da categoria explicações sobre o assunto, e achei um texto interessante na página da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação que confirma que todo trabalhador, seja público ou privado, efetivo ou temporário, tem direito a 13º salário, férias e seu adicional de 1/3.

Esta questão precisa apenas comprovar a continuidade do serviço. Ou seja, o trabalhador não foi contratado para um serviço específico, com início, meio e fim. Se está está desempenhando funções que se estendem no tempo, como um trabalhador normal, tem os direitos assegurados na legislação. (vide nota no site da CNTE).

Como a entidade aconselha os trabalhadores a entrar na justiça para requerer seus direitos, pode ser mais uma bronca que a atual gestão vai deixar para os futuros prefeitos de Garanhuns.

Confira o texto de Johny Albino:

Mesmo após várias decisões no Tribunal de Justiça concedendo direitos aos contratados da Prefeitura de Garanhuns a décimo terceiro e férias proporcionais, o Prefeito Izaias continua com a pratica de não pagar décimo terceiro aos contratados. Mais um ano chega ao fim e esses servidores irão passar mais uma festividade de fim de ano sem esse direito.

O mais vergonhoso disso tudo, é que mesmo sabendo que esses servidores tem direito a receber esses recursos, a Prefeitura de Garanhuns emite nota nas redes sociais alegando que os contratados não tem direito.

Existe uma decisão do Tribunal de Justiça de Pernambuco mantendo a decisão de Dr. Glacidelson Antonio da Silva, Juiz de Direito da Vara da Fazenda de Garanhuns, onde confirma esse direito, numa ação promovida por um cliente do escritório de Dr. Silvio Monteiro.

Espero que essa situação seja revertida e que esses servidores na sua grande maioria que ganha um salário mínimo possam receber seu décimo terceiro ainda esse ano, e que não seja necessário que esses servidores procurem a justiça para garantia dos seus direitos.

Johny Albino"

O QUE É BITCOIN? Você pode ganhar muito dinheiro?

Um fenômeno mundial na economia, fazendo centavos virarem milhares de dólares. Tem muita gente investindo, mas afinal, Bitcoin é moeda? É confiável?



O Diário de Pernambuno ouviu o professor Fernando Dias, do Departamento de Economia da UFPE. Vejam o texto abaixo, e se interessar mais, comprem o DP desta segunda-feira, que traz o assunto já na manchete, e toda a análise do investimento. A Revista Exame, neste mês de dezembro, também dedicou páginas para explicar a moeda virtual.

Mas o que seria bom saber também era se o professor tem Bitcoin.

Nos últimos meses as referências a uma tal Bitcoin vêm se tornando cada vez mais comuns na mídia e tem atraído a atenção tanto de investidores quanto de curiosos ao redor do mundo, inclusive no Brasil. Por se tratar de um ativo relativamente novo na economia mesmo especialistas tem consideráveis dúvidas sobre sua solidez e seu futuro, ao que se adiciona uma questão bem particular a respeito da ligação entre atividades ilícitas e a demanda por este ativo. Mas, afinal, o que é Bitcoin? É mesmo uma moeda? Representa o futuro em termos de transações do dia a dia?

Bitcoin é uma criptomoeda, um ativo digital que não tem correspondência no mundo real e que é gerado por um algoritmo computacional. A sua criação, em 2009, é atribuída ao australiano Craig Wright e a gestão do estoque global da moeda é feita através da tecnologia de blockchain, uma estrutura compartilhada em toda a internet dos registros de transação em Bitcoin que torna a mesma não rastreável. Por não ter contrapartida real nem autoridade monetária para garantir seu valor, o Bitcoin vale o quanto as pessoas acham que vale, e sua capacidade de realizar transações não rastreáveis ao redor do mundo é seu grande atrativo. E é moeda?

Ao contrário do que muita gente pensa, moeda é qualquer ativo que efetue as funções de meio de troca, reserva de valor e unidade de conta. Embora a moeda oficial do país seja a de maior liquidez, a que é trocada imediatamente por qualquer bem ou serviço, há sempre outros ativos que eventualmente servem como moeda em transações do dia a dia. O Bitcoin pode ser, desta forma, utilizado como moeda em intensidade que depende do grau de informatização das transações comerciais de cada país.

É o futuro? Por ter uma demanda que muitos entendem ser fortemente relacionada a atividades ilícitas, inclusive um Nobel de economia, a atual explosão no preço do Bitcoin é tida como uma possível bolha. E que bolha, o Bitcoin valorizou incríveis 124.000% nos últimos cinco anos, indo de centavos a 18.0000 dólares no seu lançamento na bolsa de Chicago em dezembro de 2017. Mas o caminho das transações em moeda virtual parece menos controverso, decorrência natural da redução de custos e maior praticidade destas transações no dia a dia. A velha carteira anda cada vez mais vazia, e até o cartão de plástico pode em um futuro próximo se substituído por digitais, leitura de íris, reconhecimento facial e outras tecnologias de autenticação de usuário.

Voltando ao Bitcoin, como é que um simples registro vira moeda? Em síntese, é uma questão de confiança, e a tecnologia não apareceu do nada. Em linhas gerais, considere por exemplo os serviços de pagamento na web, como o PayPal. Nestes serviços o cliente pode comprar créditos via web, e usar estes créditos para fazer pagamentos ou transferências, e eles já estão funcionando faz um bom tempo. As pessoas usam isto, e não diretamente o cartão de crédito, porque há seguros contra fraudes nas compras e, principalmente, porque podem fazer transações internacionais a margem dos sistemas de controle dos bancos centrais (sem taxas e sem registros). De forma rudimentar, podemos ver uma criptomoeda como um crédito de PayPal divisível e negociável.

E é seguro investir? Na teoria econômica dizemos que o ganho é diretamente proporcional ao risco que se corre, e os ganhos em Bitcoin estão em milhares de pontos percentuais. Some a isso o fato da demanda ser suposta estar lastreada em atividades ilícitas, além das suspeitas de bolha especulativa, e o cenário é bastante incerto. Façam suas apostas.

Fernando Dias
(*) Professor do Departamento de Economia da UFPE."

VAI PARA A PRAIA? Litoral Sul de Pernambuco passa por manutenção de rodovias






O Governo de Pernambuco segue realizando ações para melhoria da malha viária através dos trabalhos de conservação, que proporcionam boas condições de trafegabilidade com mais conforto aos motoristas e usuários, garantindo a mobilidade da população com mais rapidez e segurança.

Na Mata Sul, equipes contratadas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Transportes, concluíram recentemente os trabalhos de conservação viária nas PEs 096, 063, 042, além dos acessos a Primavera, São Benedito do Sul e Ribeirão, beneficiando diretamente mais de 267 mil habitantes dos municípios interligados por essas vias.

Na PE-096, o trecho contemplado liga Palmares a Barreiros, com extensão de 52,5 quilômetros. Foram realizados serviços de roço, capinação, limpeza dos acostamentos e dos dispositivos de drenagem. 

Essa rodovia é muito utilizada pela população das regiões do Agreste Central e do Meridional, como rota alternativa para quem segue com destino às praias do Litoral Sul, como Tamandaré e São José da Coroa Grande, reduzindo o tempo da viagem.

A PE-063 foi outra via contemplada com as mesmas ações ao longo do trecho de 24,5 km, entre Escada e Amaraji, além da operação tapa-buracos, que também foi realizada no acesso à cidade de Primavera. A rodovia é uma importante rota de acesso que liga a Mata Sul ao Agreste Central. 

Já a PE-042 recebeu a operação tapa-buracos ao longo dos 15,3 km, que vai do entroncamento com a BR-101, em Escada, até o entroncamento com a PE-060, em Ipojuca. A via é muito utilizada para o transporte da produção da cana-de-açúcar e de atalho por aqueles que seguem da Mata Sul e de outras regiões em direção ao litoral pernambucano.

Recentemente, as equipes concluíram a restauração do trecho danificado pela erosão, no km 37 da PE-126, sentido Quipapá, onde o tráfego foi normalizado nos dois sentidos da via. Na tarde desta quarta-feira (13), foram concluídos os serviços de tapa-buracos no trecho que dá acesso à sede do município de Ribeirão. Atualmente, esses trabalhos estão sendo executados no acesso à cidade de São Benedito do Sul, com previsão para concluir na próxima terça-feira, dia 19.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.