CLINLAB DIAGNÓSTICOS

CLINLAB DIAGNÓSTICOS

COLÉGIO STA. JOANA D'ARC

DESTAQUES DO BLOG

quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Vereadores rompem com prefeito de São João e votam em Paulo

Os vereadores Joseneuda Assis (PCdoB) e Maikon Correia (PPS), anunciaram rompimento com o prefeito de São João, Genaldi Zumba (PSD), ao saberem que o grupo iria trabalhar para a oposição estadual, com a candidatura de Armando Monteiro (PTB), conforme publicamos há pouco aqui no blog (clique aqui).

Maikon Correia
Maikon será presidente da Câmara Municipal na próxima legislatura, a partir de 1º de janeiro, e já anunciou também voto em em Paulo para governador e Sivaldo Albino (PSB) para deputado estadual. 

Joseneuda também vota no governador Paulo Câmara (PSB), e deixou o governo municipal afirmando que não poderia defender candidatos que votaram contra os trabalhadores em Brasília, referindo-se aos nomes apresentados pelo prefeito. O PCdoB tem também participação na chapa da Frente Popular com a vice, Luciana Santos.

Joseneuda e Maikon agora fazem parte do grupo de oposição à prefeitura na Câmara, aliás, são seis vereadores dos onze na Casa Legislativa: Pierre Santiago, Ratinho, Rosineide e João Luís, mais, claro, Joseneuda e Maikon. 

Segundo informações, podem haver mais saídas.

Vereadora Joseneuda ao lado do Reitor da UPE, Pedro Falcão e Luciana Santos, na inauguração da ETE Garanhuns

Prefeito de São João fica com a oposição estadual e recebe Armando nesta sexta-feira

O prefeito de São João, Genaldi Zumba (PSD) vai oficializar o apoio aos seus candidatos nesta sexta-feira (17), quando recebe Armando Monteiro (PTB), Sílvio Costa Filho (PRB), Álvaro Porto (PTB) e Bruno Araújo (PSDB), em encontro político no Sítio Várzea do Barro, na residência de Chuchu, às 15:00h.

Há algumas semanas, Genaldi chegou a se encontrar com Armando Monteiro, depois com Marília Arraes em Garanhuns e esteve com Paulo Câmara no Palácio do Campo das Princesas, quando já se especulava seu apoio à oposição estadual.




ITEP abre inscrições para 2ª rodada de incubação de empresas no Recife, Garanhuns e outras cidades do interior



O Instituto de Tecnologia de Pernambuco (ITEP) deu início à segunda rodada de inscrições para o programa de incubação de empresas de base tecnológica. Há vagas para Incubatep/Recife (12), ITAC/Caruaru (03), Incubadora do Pajeú/Serra Talhada (04), INVASF/Petrolina (03), Incubadora do Araripe (02) e Incubadora de Garanhuns (02). O edital com todas as informações está disponível no site do ITEP (www.itep.br).

Os interessados em ingressar na segunda rodada devem submeter seus projetos até o dia 18 de outubro no site abaixo e efetuar o pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 30,00. Podem participar pessoas físicas ou jurídicas, que queiram incubar novos negócios (produtos ou serviços) de base tecnológica nas áreas de Engenharia Sustentável, Engenharia e Operação de Redes, Energia Sustentável, Sustentabilidade em Matrizes Ambientais, Alimento Seguro e Sustentável e Gestão Territorial Sustentável (incluindo Logística reversa), assim como propostas de soluções tecnológicas para os seguintes APLS ou cadeias produtivas prioritárias: Laticínios, Ovinocaprinocultura, Gesso, Vitivinicultura, Moda/têxteis, Apicultura e Aquicultura.

O edital também contempla projetos voltados às seguintes áreas estratégicas: Optoeletrônica; Fármacos e hemoderivados; Prototipagem, modelagem e design; Nanotecnologia; Biotecnologia; Engenharia Civil; Metal mecânica; Tecnologias na área da saúde; Mecatrônica; e Eletroeletrônica. O cronograma da segunda rodada inclui avaliação dos projetos e apresentação das propostas em datas acordadas com cada candidato. Mais informações: (81)3183.4341 | luciene@itep.br.

Com IAUPE, Concurso Público de Caetés repercute de forma positiva no estado

Aldo Branco (IAUPE), Armando Duarte (Caetés) e Profº Pedro Falcão, Reitor da UPE


Um concurso público com credibilidade começa na escolha da instituição realizadora. A Prefeitura de Caetés acertou, e o certame no município vizinho a Garanhuns está tendo excelente repercussão regional. O prefeito Armando Duarte ratificou e homologou a dispensa de licitação para contratação do IAUPE – Instituto Apoio à Fundação Universidade de Pernambuco, uma das mais conceituadas do estado.

Armando Duarte tratou diretamente com o reitor da UPE, profº Pedro Falcão, que buscou os meios de realizar o concurso da forma mais econômica e eficaz para o município, em conjunto com o coordenador da Comissão de Concursos do IAUPE, Aldo Branco. A foto que ilustra esta postagem foi de uma das reuniões, em janeiro deste ano .O resultado já se pode ver pela grande divulgação e elogios nos meios de comunicação.

O Concurso oferece 215 vagas, em todos os níveis de escolaridade, para cargos de Auxiliar de Serviços Gerais; Arquivista; Cozinheiro; Coveiro; Gari; Motorista I; Operador de Máquinas; Pedreiro; Auxiliar de Serviços Educacionais; Digitador; Técnico Agrícola; Técnico de Enfermagem; Almoxarife; Agente Administrativo; Assistente Administrativo Educacional; Assistente Social; Enfermeiro; Fisioterapeuta; Farmacêutico; Psicólogo; e Fonoaudiólogo. Há também vagas para Professor I - Magistério; Professor II - Pedagogia; e Professor III nas áreas de Português, Matemática, Geografia, História, Ciências e Educação Física.

As inscrições estão sendo realizadas exclusivamente pela internet, no site www.upenet.com.br, até dia nove de setembro deste ano. As taxas vão de R$ 65,00 a R$ 90,00, a depender do cargo concorrido. As Provas Objetivas de Conhecimentos, de caráter eliminatório e classificatório, estão previstas para o dia 21 de outubro. Os candidatos aos cargos de Professor devem passar também por Prova de Títulos.

Os salários variam de R$ 954,00 a R$ 1.700,00, exceto para Docentes, que possuem carga horária de 150h mensais e remunerações de R$ 1.842,47 a R$ 1.989,87.

Aproveitem para conhecer outros processos seletivos do IAUPE, acessando: http://www.upenet.com.br/

PESQUISA PARA GOVERNADOR: Paulo parte na frente após as convenções



Na primeira pesquisa de intenção de votos realizada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), divulgada em parceria com a Folha de Pernambuco nesta quarta-feira (15), o governador Paulo Câmara (PSB), candidato à reeleição, está na frente com 30%, liderando nominalmente a disputa. O senador Armando Monteiro Neto (PTB) surge em segundo lugar, com 24%, no limite da margem de erro, que é 3,5 pontos percentuais. Os demais nomes aparecem com percentuais distantes.

A pesquisa foi realizada entre os dias 11 e 13 de agosto, por telefone, ouvindo 800 pessoas, definindo cotas de sexo, idade, localidade, instrução e renda. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, com um intervalo de confiança de 95,45%. Como manda a lei, o levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob os números de protocolo BR-06973/2018 e PE-07336/2018 e fez a seguinte pergunta: “Se a eleição para Governador de Pernambuco fosse hoje e os candidatos fossem esses que vou ler, em quem o(a) Sr(a) votaria para Governador?”.

O ex-deputado federal Maurício Rands (PROS), que apresentou sua candidatura no final do prazo das convenções partidárias, apareceu na pesquisa estimulada com 4% das intenções de voto. Já a advogada Danielle Portela (PSOL) e o ex-prefeito de Petrolina Júlio Lóssio (Rede) pontuaram 3% cada. Simone Fontana, do PSTU, teve 2% das menções. Brancos, nulos ou “nenhum” representam 27% dos entrevistados. Já os indecisos ou os que não responderam aparecem com 8%.

Folha de Pernambuco

AGORA COMIGO: O Ipespe divulgou a primeira pesquisa na qual temos os candidatos conhecidos após as convenções, principalmente sem Marília. 

A campanha de rua e no rádio e TV ainda vai começar, portanto ela é um ponto de partida. Mostra Paulo na frente, ou seja, os votos de Marília aparentemente se dividiram entre o governador e Armando Monteiro. Daqui pra frente, tendem a ir para o governador quando ficar claro para a população que Paulo está com Lula. Sem contar a força dos prefeitos e deputados, cuja ampla maioria é governista. 

A pesquisa tem margem de erro de 3,5%, seria considerada empate técnico, mas está tão no limite que caba mostrando uma frente, ainda que possa ser pequena, ou dilatada, se levarmos para os outros extremos da margem, Armando com 3,5% a menos e Paulo com 3,5% a mais, depende mais do olhar de quem analisa ou torce por um ou outro.

A incógnita será a soma dos demais candidatos e se levam a eleição ao segundo turno. Pelos números apresentados teria sim. Portanto, embora polarizada, se os outros candidatos mantiverem somados entre 10% e 20%, a disputa de Paulo e Armando pode ter um segundo round.

Mas, como dissemos, a campanha ainda vai começar.

JORNAL DO COMMERCIO - Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018


Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.