DESTAQUES DO BLOG

BLUENET PROVEDOR DE INTERNET

domingo, 23 de setembro de 2018

Pedro Falcão, Reitor da UPE, é reeleito com 92% de aprovação. Merecido!



A Universidade de Pernambuco (UPE) já escolheu o novo reitor e vice, eleitos democraticamente pela comunidade universitária na última quarta-feira (19/09). Os professores Pedro Falcão e Socorro Cavalcanti, reitor e vice respectivamente, conduzirão a instituição durante o quadriênio 2019-2022, com o resultado preliminar de 92,12% dos votos.

A eleição na UPE é feita de forma paritária. Votam estudantes, professores e demais funcionários, cada grupo representando 33,3% do universo de eleitores. Depois se fazem os percentuais de cada grupo e temos o resultado final, democraticamente. Por isto o resultado em percentual, aliás, os 92% mostra a altíssima aprovação da atual gestão.

O resultado preliminar foi divulgado pela Comissão Eleitoral que coordena o processo eleitoral para os cargos de reitor e vice-reitor da UPE. A votação aconteceu em todas as unidades de ensino, polos da educação à distância e também nos hospitais que compõem a instituição, das 8h às 21h. Participaram do processo de escolha os servidores técnico-administrativos, docentes e discentes da Universidade.

A homologação do resultado eleitoral pelo Consun será na reunião ordinária no dia 28 de setembro.

Ficamos muito felizes com este resultado, pois além do grande gestor e professor, Professor Pedro é uma pessoa simples, que valoriza a amizade, a família e a vida!

Onda amarela e vermelha invade ruas do Recife para abraçar Paulo e Haddad

Mais de 50 mil pessoas mostraram que estão com os candidatos que vão trazer o Brasil de Lula de volta e que vão manter Pernambuco na frente




O amarelo e o vermelho da Frente Popular de Pernambuco tomaram conta do Centro do Recife na manhã deste sábado (22), deixando as ruas da cidade estreitas para receber a maior caminhada da história da capital pernambucana. Acompanhando os candidatos à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), e à reeleição Paulo Câmara (PSB), cerca de 50 mil pessoas seguiram o tradicional percurso da coligação, que saiu da Praça Maciel Pinheiro, em direção à Praça da Independência. Um comício marcou o encerramento do ato. 

No local, Fernando Haddad reforçou o compromisso com o governador Paulo Câmara e falou da necessidade de eleger um time que ajudará o Brasil voltar a ser dos brasileiros e a manter Pernambuco no caminho dos avanços. “Queria fazer um agradecimento ao povo aqui do Recife e de Pernambuco. Quero dizer: não se faz nada sozinho. A gente tem mania de achar que elege presidente e está resolvido. O presidente precisa de parceria no congresso e parceria dos governadores, senão não consegue governar e temos muita coisa para arrumar. Temos que estar unidos todos nós. Aqui temos o Paulo Câmara! Vamos, em 2018, olhar com força o país que a gente quer construir. O povo quer o país de volta. Preciso de vocês. Não fazemos sozinhos. O Lula não fez sozinho, o Lula tinha time. Temos time e lado. O lado do povo. Até a vitória!”, afirmou Haddad. 

Sempre lembrando o ex-presidente Lula, Haddad também destacou que, em poucos dias, o Brasil será novamente resgatado para o povo brasileiro. Ele também pontuou que, com Lula, o Nordeste viveu seu período de maior crescimento. “No Brasil do Lula, nós cuidávamos de todos os estados brasileiros da mesma maneira. Tem gente que se queixa, porque o Nordeste se desenvolveu mais que média nacional. Por que o Nordeste se desenvolvia mais? Tinha crescimento chinês. O Brasil crescia 4 e Nordeste, 9%. Por que isso aconteceu? Porque a primeira vez que algum presidente olhou para o Nordeste foi (no governo) Lula. Porque ele sabia a dívida do Nordeste histórica na Educação, na Saúde”, acrescentou. 

O governador Paulo Câmara lembrou que a população de Pernambuco tem a responsabilidade de ajudar na missão de fazer o Brasil voltar a ser feliz com o time de Haddad e Lula, tirando o país do atraso com a Turma de Temer. O socialista também enfatizou que, nesta reta final da campanha, não vai faltar empenho e dedicação para lutar por um país melhor. “Quero dizer ao povo de Pernambuco que a gente tem muita honra de ter aqui o apoio do presidente Lula. O apoio do presidente que fez tanto por Pernambuco, que quer fazer com que Pernambuco e o Brasil voltem a ser felizes. Haddad, sua vinda a Pernambuco significa isso: a esperança para o Brasil voltar a ser feliz e Pernambuco ficar na frente. Por isso, eu peço a vocês, nesse dia de sol de sábado, a gente tem uma caminhada de 15 dias e temos que escolher o lado do povo, o lado de Miguel Arraes, de Eduardo Campos, de Lula, de Fernando Haddad”, disse. 

A futura vice-presidente do Brasil, Manuela D’Ávila (PCdoB) também participou da caminhada e brincou com a quantidade de gente presente ao ato político. “É a primeira vez que venho ao Galo da Madrugada e termino com um discurso! A nossa caminhada parecia o Galo, de tanta alegria, de tanta gente, da multidão que abraça Haddad, que me abraça, que abraça Humberto, Paulo e Luciana. Que abraça o time de Lula em Pernambuco e diz que vamos vencer a eleição!”, exaltou a candidata.

A fala ganhou reforço da candidata a vice-governadora Luciana Santos, do mesmo partido de Manu. “Muito me honra estar aqui como vice-governadora da Frente Popular de Pernambuco, que existe desde 1955, com Pelópidas. Não podemos ter dúvidas. Existem dois lados nessa eleição: ou estamos do lado do povo, da soberania nacional, do lado dos trabalhadores ou nós estamos do lado do Temer”, destacou Luciana. 

Também presente no ato, o senador Humberto Costa (PT) lembrou que Pernambuco viveu um dos seus melhores períodos quando Lula era presidente e Eduardo Campos, governador. Humberto falou que essa parceria será novamente possível elegendo Paulo Câmara no Estado e Fernando Haddad, presidente da República. “Em duas semanas, vamos escolher entre o time de Lula e a Turma do Temer. No dia 7 de outubro, é Paulo governador, Haddad presidente e Humberto senador!”.

Fotos: 
Andréa Rêgo Barros/Frente Popular 
Ricardo Stuckert (renomeadas)

REVISTA VEJA - 50 ANOS. Nasceu na ditadura para defesa das liberdades

Especial 50 anos | 1968 - 2018

Edição 2601 - 26/09/2018

Especial 50 anos

50 ideias para 50 anos
#1 A democracia
Artigo Daniel Ziblatt
#2 Os impérios
#3 As ideologias
#4 A lei
Artigo Sergio Moro
#5 O globalismo
Artigo Klaus Schwab
#6 A prosperidade
#7 A desigualdade
Artigo José R. Afonso e Marcelo Medeiros
#8 A pobreza
#9 O bem-estar social
#10 O trabalho
#11 O lucro
#12 O petróleo
#13 A revolução verde
#14 O ambientalismo
#15 O virtual
Artigo Henry Kissinger
#16 O streaming
#17 O Big Data
#18 O polegar
#19 Sem fio
#20 A memória
Artigo Mike Krieger
#21 A verdade
#22 Os nerds
#23 O espaço
#24 O cérebro
#25 A evolução
#26 Os genes
#27 As raças
#28 O animal
#29 Os gêneros
#30 A tolerância
#31 O ódio
#32 A autoestima
#33 O amor
#34 A felicidade
#35 O feminismo
Artigo Rokhaya Diallo
#36 A fama
#37 O compartilhamento
#38 A nostalgia
#39 A infância
#40 A correção política
#41 Deus
#42 A educação
#43 O futebol
#44 A cidade
#45 O carro
#46 A morte
#47 O corpo
#48 A medicina
#49 A arte
#50 O efêmero

O DESPERTAR DO VELHO FANTASMA - Revista Carta Capital


Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.