BLUENET - PROVEDOR DE INTERNET

DESTAQUES DO BLOG

quinta-feira, 30 de maio de 2019

Nota de Falecimento - Professora Lucineide Magalhães


OAB Garanhuns recebeu o deputado Fernando Monteiro para debater previdência

Foto: Juana Carvalho/Divulgação.
O deputado federal Fernando Monteiro (PP-PE) esteve, na manhã desta quinta-feira (30), em audiência pública sobre a reforma da Previdência promovida pela OAB, em Garanhuns, no Agreste. Na ocasião, o parlamentar enfatizou, mais uma vez, ser contrário ao modelo apresentado pelo Governo Federal.

“Enquanto a proposta desfavorecer quem mais precisa, ela não é justa. Nosso País precisa de uma reforma para a Previdência que seja mais que um ajuste para equilíbrio fiscal e que preserve seu caráter de previdência social solidária. Precisamos de equilíbrio social”, destacou o deputado.

Entre os presentes, os presidentes da OAB Garanhuns, Jorge Wellington, da Comissão de Direitos da Seguridade Social da OAB-PE, Felipe Sampaio; Cezar Barbosa, membro da comissão, e o secretário geral do Sindicato dos Servidores Municipais de Garanhuns, Adilson Salustiano, entre lideranças e advogados da região.

Deputado aciona PGR contra presidente e ministro por suposta compra de votos


Diante da denúncia de que o governo prometeu R$ 10 milhões por semestre a cada parlamentar que apoie a Reforma da Previdência, publicada pela Folha de São Paulo, nesta quarta-feira (29), o deputado federal Danilo Cabral (PSB-PE) protocolou uma representação contra o presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, na Procuradoria-Geral da República.

Segundo a publicação, o governo Bolsonaro propôs direcionar verbas do orçamento da União em troca de apoio parlamentar à Reforma da Previdência. O governo precisa de 308 votos dos 513 deputados para a aprovação do texto na Câmara Federal. “Isso implica numa disposição do governo de desembolsar cerca de R$ 12 bilhões para aprovar a Reforma. Faltam R$ 2 bilhões para as universidades brasileiras, mas há recursos para fazer o chamado toma lá dá cá”, criticou Danilo Cabral.

O deputado lembra que o governo promoveu um contingenciamento de R$ 32 bilhões, alegando limitação de recursos. “Efetuou severos cortes em áreas estratégicas e não menos importantes que a Previdência, a exemplo dos cortes anunciados no orçamento da educação (R$ 5,8 bilhões), da assistência social (R$ 2,1 bilhões) e na Ciência e Tecnologia (2 bilhões). Como explica essa indecente liberação de emendas aos parlamentares que apoiarem o projeto?”, questiona.

De acordo com a representação, a conduta do governo ofende todos os princípios que norteiam a administração pública, sobretudo o da moralidade. Pode ser tipificada como crime de corrupção ativa, descrito no art. 333 do Código Penal, somado a possíveis crimes de peculato (art.312 do Código Penal), formação de quadrilha (art. 288 do Código Penal) que, possivelmente se operaram, além de outros a serem apurados.

“Além ainda de refletirem um verdadeiro escárnio a uma população já abarrotada de decepções com a classe política, estão também classificadas como condutas típicas perante o ordenamento jurídico penal brasileiro”, acrescentou Danilo Cabral.

Foto: Chico Ferreira

Coordenadora de enfermagem da UPAE Garanhuns é uma das homenageadas pelo COREN/PE

Encontro no Recife reuniu responsáveis técnicos de enfermagem e instituições de saúde do estado



Enfermeiros que atuam como Responsáveis Técnicos (RTs) em hospitais públicos e privados de todo o Estado participaram do III Encontro de Responsáveis Técnicos de Enfermagem de Pernambuco, que o Conselho Regional de Enfermagem (Coren-PE), por meio do setor de fiscalização, promoveu na última sexta-feira (24), no auditório do Senac Pernambuco, na capital do estado.

Um dos destaques do encontro foi a entrega de premiação a 13 enfermeiras que atuam como gestoras, dentre elas Tayana Guerra, coordenadora de enfermagem da UPAE Garanhuns, unidade de atendimento especializado da Rede Estadual de Saúde, que atua sob Gestão IMIP. “Os responsáveis técnicos são fundamentais no processo de conscientização das equipes para o cumprimento das normas éticas da profissão”, ressaltou a presidente do Coren-PE, Marcleide Cavalcanti. As homenageadas foram escolhidas pela própria equipe de fiscalização do Conselho Estadual, que avaliou o desempenho das RT’s no ano de 2018.

O evento contou com a participação de diversas autoridades da categoria. Entre elas, a representante do Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Pernambuco (SEEPE), Carmela Alencar; a presidente da Associação Brasileira de Enfermagem de Pernambuco (Aben-PE), Ana Paula Ochoa; a diretora de Educação Profissional do Senac PE, Christiana Santoro; e a representantes das RT’S do Estado e responsável técnica do Hospital das Clínicas, Maria Penha de Carlos de Sá. 

O objetivo do evento foi de reunir enfermeiros gestores no serviço da saúde do Estado, dos âmbitos público e privado, promovendo maior interação entre o Conselho e esses profissionais. “É de extrema importância a atualização dos RTs sobre os temas relevantes para a prática profissional em conformidade com as normativas e recomendações do Sistema Cofen/Conselhos Regionais e de outros órgãos que representam e regulam a atividade da Enfermagem”, explicou a coordenadora de Fiscalização do Coren-PE, Fernanda Cerqueira.

Tayana Guerra agradeceu o reconhecimento por parte da entidade, em especial à presidente Marcleide Cavalcanti e a enfermeira fiscal da subsecção em Garanhuns, Andrea Souza, e dedicou o prêmio à sua equipe em Garanhuns. A gestora responde pela coordenação de enfermagem da UPAE Garanhuns desde o ano de sua inauguração. Formada pela Fundação de Ensino Superior de Olinda (FUNESO) no ano de 2004, já em 2005 ingressou no IMIP, onde trabalhou na área assistencial até 2013, quando foi convidada a assumir a coordenação da UPAE Garanhuns.

Além de Tayana Guerra, outras coordenadoras de enfermagem de unidades Gestão IMIP foram agraciadas com o prêmio do Coren-PE: Nayara Rosane (HMA), Kátia Carvalho (UPA-Paulista) e Rayanne Coelho (UPAE Petrolina).

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.