GOVERNO DO ESTADO

quinta-feira, 10 de junho de 2021

Paulo Câmara anuncia vacinas da Janssen para áreas críticas do Agreste e Sertão, inclusive Garanhuns.

Além do Recife, conforme orientação do Ministério da Saúde, imunizante será distribuído também para Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, 
Afogados da Ingazeira e Serra Talhada


O governador Paulo Câmara informou, em pronunciamento nesta quinta-feira (10.06), que as vacinas da Janssen – que, segundo com o Ministério da Saúde, chegarão ao Brasil na próxima semana – também serão distribuídas para cidades do Agreste e do Sertão do Estado. De acordo com o governador, além do Recife, os municípios de Caruaru, Garanhuns, Arcoverde, Afogados Ingazeira e Serra Talhada, atualmente com patamares altos de contaminação, irão receber doses do imunizante para acelerar a vacinação da população.
“A velocidade da pandemia no nosso Estado não obedece a um critério uniforme. Por isso, pactuamos com os municípios uma estratégia diferente para a distribuição da vacina da Janssen. Esse é mais um anúncio importante na nossa luta contra o novo coronavírus”, afirmou o governador, explicando ainda que, por imunizar com dose única, a vacina da Janssen permite dar maior rapidez ao processo de vacinação completa.
Inicialmente, a orientação do Ministério da Saúde era de limitar a distribuição às capitais brasileiras. No entanto, segundo o governador, além de apresentarem altos níveis de contaminação, essas regiões são importantes polos econômicos. “Esses municípios são grandes centros comerciais e de serviços do interior do Estado. Com mais gente imunizada em menos tempo, poderemos ajudar a conter a aceleração da doença no Agreste e no Sertão”, disse.

Paulo Câmara acrescentou que, por serem de grande porte, essas cidades têm plenas condições de manejar as vacinas dentro do prazo de validade curto necessário à sua aplicação. Ele aproveitou para agradecer a compreensão das demais prefeituras, e reafirmar o significado desse passo, que considera decisivo para a superação da pandemia em Pernambuco.

A iniciativa contemplará as sedes das Gerências Regionais de Saúde (Geres) das Macrorregiões 2 e 3. Da Macrorregião 2 fazem parte as Geres IV e V, que têm como cidades polo Caruaru e Garanhuns, respectivamente. Já na Macrorregião 3 estão as Geres VI, X e XI, que contam com os municípios de Arcoverde, Afogados da Ingazeira e Serra Talhada como cidades centrais.

Mais 150.750 doses da Astrazeneca/Fiocruz chegam a Pernambuco





Uma segunda remessa de vacinas contra a Covid-19 chegou a Pernambuco esta semana. O lote mais recente foi entregue na noite desta quarta-feira (09.06), com 150.750 doses da AstraZeneca/Fiocruz. O avião trazendo os insumos aterrissou no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre às 18h50, e o lote seguiu para a sede do Programa Estadual de Imunização (PNI-PE), para checagem e divisão entre os municípios. O envio às 12 Gerências Regionais de Saúde (Geres) ocorrerá já na madrugada desta quinta-feira (10.06).

“Na última terça-feira o Estado recebeu vacinas da Pfizer. Hoje foi a vez de chegar mais um lote da AstraZeneca, totalizando mais de 250 mil doses somente esta semana. É importante que esse fluxo seja mantido, para que possamos avançar na vacinação, protegendo e garantindo a saúde da população de Pernambuco o quanto antes”, afirmou o governador Paulo Câmara.

As 99.450 doses da Pfizer, recebidas na última terça (08.06), foram encaminhadas às Geres a partir das 5h desta quarta-feira, e às 14h20 todas já tinham recebido seus respectivos quantitativos, que ficam à disposição para retirada pelos gestores municipais. “Temos uma logística de distribuição ágil, para que todas as cidades consigam planejar e avançar nas suas ações. De posse da vacina, os municípios precisam atuar para usar as doses também com agilidade, otimizando ao máximo o insumo”, frisou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Com as novas remessas recebidas, Pernambuco totaliza 4.520.100 doses para imunização contra a Covid-19. Desse total, 2.319.920 são da AstraZeneca/Oxford/Fiocruz, 1.959.160 da Coronavac/Butantan e outras 241.020 doses são da Pfizer/BioNTech.

Secom destinou à vacinação 6,2% do que gastou para pregar 'cuidado precoce'




O governo federal gastou mais em ações publicitárias para o que chamou de "cuidados precoces" do que em campanhas em prol da vacinação contra a covid. A reportagem é de Hanrrikson de Andrade.

Dados da Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social), enviados à CPI da Covid no Senado, mostram que ações publicitárias até abril deste ano relacionadas à vacinação representavam apenas 6,2% do montante dos "cuidados precoces".

Até outubro de 2020, a Secom havia autorizado o empenho de R$ 19 milhões nas ações categorizadas como "cuidados precoces", contra R$ 1,2 milhão para a divulgação da importância da vacinação.

O termo "cuidado precoce" é uma derivação do "atendimento precoce", expressão adotada pelo governo na tentativa de driblar a polêmica relacionada ao incentivo do presidente da República ao uso da cloroquina e de outros remédios sem eficácia comprovada no tratamento da covid-19.

Entre as contratações feitas pela Secom, mais de R$ 1,3 milhão foram utilizados para custear serviços de marketing com influenciadores digitais. A informação foi revelada em reportagem da Agência Pública republicada no UOL.

Procurado pela reportagem, o ministério não especificou qual foi o valor desembolsado com a divulgação do PNI (Plano Nacional de Imunização).

Garanhuns/ Prefeitura segue trabalhando nos acessos ao distritos

03 (1).png


A Prefeitura de Garanhuns segue trabalhando para melhorar a vida das pessoas nos distritos. A Secretaria de Infraestrutura, Obras e Serviços Públicos está fazendo a terraplenagem e nivelamento da estrada de São Pedro, nas proximidades do Sítio Papa-Terra. As máquinas trabalham na melhoria da via, eliminando os buracos e facilitando o tráfego dos moradores da localidade.

Quer enviar alguma solicitação à Secretaria? É só entrar em contato pelo WhatsApp da Ouvidoria Municipal pelo (87) 3762-7003. Todas as demandas são enviadas para as equipes responsáveis, que as incluem em um cronograma para a execução dos serviços. É a Prefeitura de Garanhuns perto de você, trabalhando por um novo tempo para todos!

Com potencial investimento de R$ 1 bilhão e geração de mais de mil empregos, Blau Farmacêutica avança nas tratativas para construção de fábrica em Pernambuco





A Blau Farmacêutica, uma das principais indústrias de medicamentos hospitalares de alta complexidade da América Latina, definiu o Estado de Pernambuco como local para implantar seu projeto de expansão industrial no Brasil. A área em avaliação está situada no Complexo de Suape – Cabo de Santo Agostinho, e terá capacidade para atender o mercado interno e externo. A empresa estima um investimento de até R$ 1 bilhão de reais e uma geração potencial de mais de mil empregos diretos. O anúncio foi feito pelo presidente da empresa, nesta quarta-feira (09.06), em reunião com o governador Paulo Câmara, no Palácio do Campo das Princesas. Segundo Marcelo Hahn, “a Blau definiu Pernambuco como local de sua nova sede industrial e de distribuição, desde que sejam confirmadas as contrapartidas necessárias do Estado, conforme negociações em andamento”.

“Mais uma indústria importante que estamos atraindo para o nosso Estado. Pernambuco está se consolidando como um polo farmacêutico importante, não apenas para o Nordeste, mas para todo o Brasil. O novo investimento vai gerar emprego e renda em um momento tão difícil pelo qual passa o nosso País”, afirmou Paulo Câmara.

A concretização do projeto contou com a articulação da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (Sdec), que enviou representantes a São Paulo para abrir o canal de negociação e apresentar os potenciais do Estado para receber o empreendimento. “Temos trabalhado para ampliar e fortalecer nossa infraestrutura e apontar nossas vantagens competitivas, que colocam Pernambuco como a melhor opção para grupos nacionais que pensam em expandir para o Nordeste. Receber essa planta mostra o resultado disso, principalmente por ser uma fábrica de alto valor agregado para nossa indústria, de alta convergência tecnológica na sua estrutura e que, ainda assim, demanda um volume expressivo de mão de obra. É o melhor cenário para representar o resultado das nossas políticas ativas de atração de investimentos”, destacou o secretário de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Geraldo Julio.

Também participaram da reunião a secretária executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça; o presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), Roberto Abreu e Lima; o presidente de Suape, Roberto Gusmão; e o diretor de Planejamento e Gestão do Porto, Francisco Martins, além de representantes da empresa.

BLAU FARMACÊUTICA – A Blau é uma indústria farmacêutica líder no segmento institucional e pioneira em biotecnologia, com portfólio proprietário de medicamentos de alta complexidade, com foco em segmentos relevantes na indústria, como imunologia, hematologia, oncologia, nefrologia, especialidades, antibióticos, atuando em diversas classes terapêuticas.

A empresa possui footprint continental, presente em seis países da América Latina e nos Estados Unidos, e tem um moderno complexo industrial farmacêutico, composto por cinco plantas industriais, com tecnologia de ponta, dedicadas à produção de medicamentos biológicos, biotecnológicos, oncológicos, antibióticos, anestésicos injetáveis e insumos biotecnológicos.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.