PE CONTRA O CORONAVÍRUS

segunda-feira, 31 de maio de 2021

Pernambuco autoriza vacinação de pessoas a partir dos 50 anos

Pactuação com os municípios, que definirão suas estratégias de operacionalização, levou em conta análises epidemiológicas



O Governo de Pernambuco autorizou a ampliação da vacinação contra a Covid-19 de todas as pessoas com 50 anos ou mais no Estado, independente de comorbidade ou categoria profissional. A decisão foi tomada na tarde desta segunda-feira (31.05), em reunião extraordinária da Comissão Intergestores Bipartite (CIB) e pactuada com os secretários municipais de Saúde. Com a nova deliberação, as cidades estão autorizadas a avançar de forma progressiva, de acordo com a realidade de cada município, a imunização do público de 50 a 59 anos.

“Precisamos dar velocidade ao processo vacinal no Estado por meio do critério de faixa etária. Por isso, decidimos ampliar a imunização das pessoas a partir dos 50 anos. Cada município deve definir a estratégia de operacionalização de acordo com disponibilidade de vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde. Ao balizar essa faixa de idade, estaremos contemplando também grande parte das pessoas com comorbidades, sem a necessidade de atestado, dando celeridade ao processo de imunização”, explicou o governador Paulo Câmara.

A decisão também levou em conta as análises epidemiológicas, que apontam que a faixa etária entre 50 e 59 anos registra, atualmente, o maior número de pessoas internadas em leitos de UTI. O quantitativo representa 25% do total de internados em leitos de terapia intensiva na rede pública, além de responderem por 20% do total de óbitos.

Os gestores municipais também foram orientados sobre a importância de organizar a logística para avanço da imunização em seus territórios. Para a nova faixa etária, a recomendação da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) é que sejam utilizadas apenas as vacinas recebidas para a 1ª dose. As segundas doses devem continuar sendo administrados para o término do esquema vacinal.

“Estamos deflagrando uma série de medidas para conter o avanço da pandemia em Pernambuco, como a ampliação do número de leitos, a distribuição de concentradores de oxigênio, a montagem da Central Emergencial de Oxigênio e as inúmeras restrições no Plano de Convivência, e as estratégias de vacinação também são essenciais. Continuaremos monitorando os indicadores e certamente faremos uma nova avaliação nos próximos dias para analisar o resultado da ampliação da vacina por faixa etária”, reforçou o secretário de Saúde, André Longo.

Crédito das imagens: Hugo Dourado/SES-PE

Governo de Pernambuco oficializa veto à Copa América





NOTA OFICIAL

O Governo de Pernambuco monitora, de forma permanente, por meio do Gabinete de Enfrentamento à Covid-19, os indicadores da doença no Estado. Nas últimas semanas, foi identificada uma nova aceleração dos casos, que motivou novas medidas restritivas no Agreste e na Região Metropolitana.

Apesar de ainda não ter sido procurado oficialmente pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o Governo do Estado reforça que o atual cenário epidemiológico não permite a realização de evento do porte da Copa América no território de Pernambuco.

Números atualizados Covid-19




Até o momento, a pandemia do novo coronavírus já deixou 170.384.848 contaminados e 3.542.587 mortos no mundo. No Brasil são 16.515.120 contaminados e 461.931 mortos. Os dados são da Universidade Johns Hopkins.

O número de doses de vacina aplicadas no planeta chegou a 1,86 bilhão. No Brasil são 67.810.393 de unidades administradas. Os dados são da Bloomberg (mundial) e de VEJA (nacional).

Boletim Covid-19 – 30/05/2021 | Prefeitura de Garanhuns




A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informa que foram confirmados oito óbitos por Covid-19 neste domingo (30). Seis óbitos ocorreram em unidades da rede pública, nos dias 02, 07, 08, 16, 17 e 19/05, sendo de pessoas com 83, 65, 61, 38, 45 e 52 anos, respectivamente. Outros dois óbitos ocorreram em unidades da rede particular, nos dias 14 e 15/05 sendo de pessoas com 60 e 83 anos.

Também foram notificados 36 casos positivos da Covid-19. Outros 13 casos que se encontravam em investigação pela Vigilância Epidemiológica, junto às unidades notificantes, foram inseridos no sistema de informação. Até hoje, 31197 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 13137 pessoas foram vacinadas com a segunda dose contra a Covid-19.

Mais 17 pessoas estão recuperadas, após cumprir o período de isolamento, e não apresentar mais sintomas da doença. Outros 36 óbitos estão em investigação. Ao final do processo, os casos podem ser acrescentados ao boletim, se forem de pacientes que residiam em Garanhuns e confirmados para Covid-19; ou encaminhados para registro pelos seus municípios de origem, e/ou descartados.

Ao todo, já foram confirmados 11393 casos da Covid-19 em Garanhuns. Deste total, 209 pessoas vieram a óbito, 9238 estão recuperadas após cumprir o período de isolamento domiciliar e não apresentar mais sintomas; e 659 pessoas que foram confirmadas com a Covid-19 estão em monitoramento. Já foram realizados 14308 testes pela rede municipal.

Atualmente, o município dispõe de 40 leitos clínicos, sendo 22 destes na Unidade de Tratamento Covid-19 e outros 18 na Unidade Covid-19 Palmira Sales. A taxa de ocupação dos leitos clínicos de enfermaria municipais encontra-se em 72%. O percentual não inclui o número de pacientes graves, internados em leitos de UTI. A taxa de ocupação dos leitos de UTI da Unidade de Tratamento Covid-19 encontra-se em 100%.

domingo, 30 de maio de 2021

Garanhuns/ Operação Reconstrução segue trabalhando na cidade




As chuvas prejudicaram a galeria que fica na Rua Julião Cavalcante, no cruzamento com a Rua Darcy Medeiros, no bairro do Magano. Com isso, o solo cedeu e rompeu o asfalto, gerando risco para os moradores e também para pedestres e veículos que passam diariamente pelo local.
A Secretaria de Infraestrutura, Obras e Serviços Públicos realizou os serviços de recuperação com a Operação Reconstrução. Foi feita a limpeza e desobstrução da galeria e a reposição do asfalto. O serviço já está quase finalizado, faltando apenas a recuperação da grade, o que deve ser feito nos próximos dias, garantindo mais segurança para a população que precisa trafegar por essas ruas.


A Operação Reconstrução segue trabalhando com os reparos emergenciais dos transtornos causados pelas chuvas. A população de Garanhuns pode enviar suas demandas para o WhatsApp da Ouvidoria Municipal, pelo (87) 3762-7003.

sexta-feira, 28 de maio de 2021

Pernambuco inicia vacinação dos trabalhadores da educação e do transporte público





Pernambuco iniciou, nesta sexta-feira (28.05), a imunização dos trabalhadores da educação e dos motoristas e cobradores do transporte público. O ato simbólico, que contou com a presença do governador Paulo Câmara, aconteceu no Compaz Escritor Ariano Suassuna, localizado no bairro de San Martin, no Recife. As mais de 241 mil doses da AstraZeneca/Oxford que chegaram ao Estado na última quarta-feira (26.05) estão sendo destinadas à imunização de pernambucanos desse grupo prioritário.

“Demos um passo fundamental agora, com todos os grupos prioritários sendo incluídos, e também tendo condições de iniciar a imunização de pessoas com 59 anos de idade. Esperamos que, se tudo der certo, no mês de junho possamos avançar cada vez mais para continuar protegendo a população pernambucana”, afirmou Paulo Câmara.

A primeira a receber a vacina contra a Covid-19 foi a professora da Escola Municipal Divino Espírito Santo, Flávia Costa, de 38 anos, que ressaltou a emoção de estar sendo imunizada. “Estou muito emocionada, principalmente por estar representando minha escola e os professores da rede municipal do Recife. Não vejo a hora de todos estarem vacinados, para que a gente se sinta mais seguro para o retorno às aulas”, disse.

Por sua vez, o motorista de transporte público do Grande Recife, Edilson José de Araújo, enfatizou que, após receber a primeira dose da vacina, passou a se sentir mais seguro para exercer a profissão. “Fico muito feliz em ver a minha categoria finalmente se vacinando. Já que trabalhamos diretamente com o público, temos medo de levar essa doença pra casa. Depois de ter sido imunizado vou trabalhar muito mais seguro e tranquilo”, concluiu.

Também participaram do ato simbólico a vice-governadora Luciana Santos, os secretários estaduais André Longo (Saúde) e Tomé Franca (Desenvolvimento Urbano e Habitação), além do prefeito do Recife, João Campos.

NOVOS GRUPOS – Na última quinta-feira (27.05), o governador anunciou a autorização da vacinação de todos os grupos prioritários previstos no Plano Nacional de Imunização (PNI), além de pessoas com 59 anos de idade. O agendamento dos novos grupos será organizado de acordo com o esquema de cada município.

Queijo coalho de cabra de PE é o primeiro produto do Nordeste certificado com selo ARTE





A Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária do Estado de Pernambuco (Adagro), autarquia vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA), emitiu o primeiro certificado do selo ARTE da Região Nordeste para o queijo coalho de cabra da Obra Rústica Laticínio e Agropastoril LTDA. nesta quinta-feira (27/05). Apenas sete estados já obtiveram certificação que agrega valor aos produtos, reduz entraves burocráticos e permite a comercialização em todo o território nacional.

Pernambuco saiu na frente porque já havia regulamentado o processo de produção artesanal do queijo e de outros produtos derivados do leite, por meio do projeto de lei nº 16.312, de 11 de janeiro de 2018, de autoria do então deputado estadual e atual Secretário de Desenvolvimento Agrário, Claudiano Martins Filho. “A legislação estadual contribuiu para o enquadramento das queijarias e laticínios à legislação federal. Essa conquista é resultado de um conjunto de ações promovidas pelo Governo do Estado para o fortalecimento da nossa bacia leiteira que é a segunda maior da região com a produção de 2,3 milhões de litros de leite/dia”, detalha o secretário.

“O selo ARTE pode ser concedido a queijos, embutidos, pescados e mel, mas no momento serão contemplados apenas os derivados lácteos que já possuem instrução normativa publicada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)”, afirma o presidente da Adagro, Paulo Roberto Lima. Ele complementa que, inicialmente, “podem solicitar adesão apenas produtores artesanais que já tenham o S.I.E e produzam queijo coalho, queijo de manteiga, manteiga de garrafa e doce de leite”.

Para apoiar os produtores e fomentar a adesão ao selo ARTE, a Secretaria de Desenvolvimento Agrário articulou um grupo de trabalho, formado por equipes técnicas da Adagro e IPA, que estão habilitados para orientar os produtores em todas as exigências legais. Como também o SEBRAE em parceria com a AD Dipper e Adagro estão iniciando um trabalho de boas práticas agropecuárias para 100 produtores rurais de estabelecimentos já possuam o S.I.E.

Localizado no município de Pombos, no Agreste Setentrional, o estabelecimento certificado Obra Rústica possui um rebanho de 300 cabras que produzem 180 litros de leite/dia. “Inicialmente serão produzidos, em média, 25 quilos de queijo coalho de cabra por dia, mas vamos triplicar a produção em 3 meses para atender pedidos de Minas Gerais e São Paulo”, afirma Mano Malta um dos sócios do laticínio.


Regulamentação: Em julho/2020 a Secretaria de Defesa Agropecuária (SDA), publicou a portaria nº 23, delegando à Adagro a competência de conceder o Selo Arte em Pernambuco aos produtos artesanais derivados de leite, conforme o decreto estadual nº 46.432/2018, que dispõe sobre a inspeção sanitária de pequenas agroindústrias de laticínios, nos termos da Lei nº 15.607, de 6 de outubro de 2015.

COLABORADORES DA CELPE DOAM MAIS DE 300 QUILOS DE ALIMENTOS PARA A AÇÃO SOLIDÁRIA GARANHUNS




A pandemia da Covid-19 tem gerado uma dificuldade adicional de segurança alimentar em todo o Brasil. Em Pernambuco, a situação não é diferente. Muitas famílias têm passado por dificuldade para colocar a comida na mesa. Diante desta realidade, os colaboradores da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) promoveram uma campanha de doação de alimentos na própria empresa, dentro do Programa de Voluntariado da concessionária, nos últimos meses de abril e maio. A ação, que tem como finalidade contribuir com o combate à fome em mais de 20 cidades, doou cerca de 343 quilos de alimentos para a Ação Solidária Garanhuns, em Garanhuns. A entidade beneficiada será responsável por realizar a distribuição na sua área de atuação.

“Esta foi uma ação que gerou uma grande repercussão dentro da empresa. Os colaboradores demonstraram sensibilidade com a atual situação de muitas famílias que estão passando por dificuldade neste momento devido a vários fatores que começaram ou foram agravados com a pandemia. Essas mais de dez toneladas vão contribuir para diminuir a fome que tem atingido muitos pernambucanos”, afirmou o presidente da Celpe, Saulo Cabral.

A campanha de doação de alimentos foi replicada em todas as distribuidoras do grupo Neoenergia, sendo elas Coelba (BA), Cosern (RN), Elektro (SP) e Neoenergia Brasília (DF), além da própria holding e usinas de geração. No total foram arrecadados 43 toneladas de alimentos doados por colaboradores, que que beneficiaram mais de 100 ONGs.

Além da doação dos funcionários, o grupo Neoenergia, enquanto instituição, decidiu também participar da iniciativa e vai promover a doação de mais 30 toneladas. Este montante será destinado às sedes da Central Única de Favelas (CUFA) localizadas nos estados de Pernambuco, Bahia, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro e São Paulo.

AGASALHOS – Após o sucesso da arrecadação de alimentos, a Celpe já está preparando uma segunda campanha solidária, desta vez de arrecadação de agasalhos para o período mais frio no Estado. As doações devem ser iniciadas na primeira quinzena de junho.



Sobre a Celpe

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe), empresa do Grupo Neoenergia, distribui energia elétrica para os 184 municípios de Pernambuco e para a cidade de Pedras de Fogo, na Paraíba. Também é responsável pela geração e distribuição de energia elétrica no Arquipélago de Fernando de Noronha. Sua área de concessão é de 98,5 mil quilômetros quadrados. A empresa tem 3,8 milhões de clientes (9,4 milhões de habitantes).

Prefeitura de Garanhuns vai avançar na vacinação dos novos grupos prioritários





Após anúncio de ampliação dos grupos prioritários feito nesta quinta-feira (27), pelo Governo do Estado, a Prefeitura de Garanhuns vai avançar na imunização contra a Covid-19, com a inclusão de novos públicos, de acordo com o Plano Nacional de Operacionalização (PNO).

“Logo após o anúncio do governador Paulo Câmara, nos mobilizamos para que seja iniciada a vacinação dos novos grupos prioritários em Garanhuns. Vamos avançar em uma nova fase, com a certeza de que a cada dia mais vidas estão sendo salvas em nosso município”, destaca o prefeito Sivaldo Albino.

A vacinação dos novos grupos será dividida em duas etapas, e o agendamento será disponibilizado amanhã (28), na Plataforma Vem Vacina Garanhuns.

Grupos que serão contemplados na 1ª etapa:

- População de 59 anos
- Funcionários do sistema de privação de liberdade
- Trabalhadores da educação (professores de 45 a 59 anos)
- Forças de segurança e salvamento (policiais federais, militares, civis e rodoviários, bombeiros militares e civis; e guardas municipais de 40 a 59 anos)
- Trabalhadores de transporte coletivo de passageiros urbano (45 - 59 anos)
- Trabalhadores de limpeza urbana e manejo de resíduos sólidos
- Caminhoneiros (55 - 59 anos)

Governo de Pernambuco envia 149 concentradores de oxigênio para municípios




O Governo de Pernambuco anunciou, em coletiva de imprensa online, o envio, a partir desta quinta-feira (27.05), de 149 concentradores de oxigênio para cidades pernambucanas, com o objetivo de auxiliar os gestores municipais na qualificação da assistência à Covid-19. Ao todo, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) remeterá equipamentos para 44 cidades, 29 delas no Agreste, para onde serão enviados 99 aparelhos. A destinação do material foi discutida com os gestores municipais em reunião, na última quarta-feira (26.05), e pactuada na Comissão Intergestora Bipartite (CIB) na manhã de hoje.

Os concentradores de oxigênio filtram o ar do ambiente e fornecem apenas o oxigênio puro (5 litros por minuto) para o paciente. Com isso, o equipamento pode substituir os cilindros de oxigênio, que precisam ser preenchidos constantemente por uma empresa que forneça gases medicinais. “O Governo de Pernambuco tem garantido o fornecimento de oxigênio nas unidades da rede estadual, destinada aos casos mais graves, e também estamos atentos para auxiliar como for possível os municípios, possibilitando que os casos leves sejam absorvidos nos serviços municipais”, explicou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

O secretário ressaltou ainda que não há risco de desabastecimento. “Estamos trabalhando em conjunto com os municípios pernambucanos, porque os problemas deles são problemas nossos. Os municípios e unidades que têm tanques de O2 não têm o que temer. Inclusive temos plantas industriais em Pernambuco, responsáveis pelo abastecimento de oxigênio de outros Estados do Nordeste. O problema relatado por alguns municípios está na logística de reabastecimento de cilindros de O2. Neste sentido, oficiamos o MPPE, porque há indícios de interesses comerciais por trás de algumas dificuldades dos municípios”, destacou.

Além dessa oferta de concentradores de oxigênio, já foi realizado contato com o Ministério da Saúde solicitando mais 500 equipamentos, também para distribuição entre os municípios pernambucanos.

CENÁRIO EPIDEMIOLÓGICO – Os últimos indicadores epidemiológicos apontam que o Agreste de Pernambuco vivencia o pior momento da pandemia de Covid-19. Em análise dos indicadores epidemiológicos da última semana e dos 15 dias anteriores, divulgada nesta quinta-feira (27.05), a 2ª Macrorregião de Saúde registrou um aumento de 35% em apenas uma semana e de 55% nas últimas duas, nas solicitações de vagas de UTI para pacientes suspeitos ou confirmados para a doença na região.

O cenário na localidade já está repercutindo, inclusive, nas outras macrorregiões. O Estado inteiro notificou, no mesmo período, crescimento de 15% e 18% nas solicitações, respectivamente. “Nenhum sistema de saúde consegue suportar a velocidade de crescimento de demanda que observamos na região nesta última semana”, alertou André Longo. As análises epidemiológicas apontam, ainda, que, em relação aos casos de síndrome respiratória aguda grave (SRAG), Pernambuco teve um aumento de 17% nas notificações em uma semana e de 22,5% em 15 dias. No mesmo período, a 2ª macrorregião de Saúde registrou aumento de 20% e 48%, respectivamente.

O secretário disse, ainda, que o Governo de Pernambuco está atento também à situação da Região Metropolitana e da Zona da Mata, já que a I Macrorregião de Saúde, em uma escala menor, também registrou dados preocupantes, com aumento de 9% nas solicitações de UTI em uma semana e de 9,8% em 15 dias. Além do crescimento de 15% e 16,7% nas notificações de SRAG em uma semana e 15 dias, respectivamente.

Longo lembrou que, além do respeito às medidas restritivas, é preciso uma mudança de comportamento da população. “Precisamos reverter esta situação, o que só será possível com o engajamento e conscientização de todos. O curso da pandemia está em nossas mãos. Nossas atitudes serão determinantes para o futuro e o controle da pandemia”, concluiu.

A secretária-executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, que também participou da coletiva online, reforçou que a intensificação das medidas restritivas será decisiva para a diminuição da doença no Estado, mas que somente com a mudança de postura dos pernambucanos é que esse quadro poderá ser revertido. “ Não bastam os decretos se a gente não tiver uma mudança urgente do nosso comportamento. Precisamos seguir todos os protocolos, usar a máscara de forma correta o tempo inteiro e em qualquer lugar e respeitar o distanciamento social. O momento exige que a gente redobre os cuidados”, disse.

Municípios que vão receber os equipamentos do Governo do Estado:

Araçoiaba - 1
Feira Nova – 3
João Alfredo -2
Machados – 2
Orobó – 3
Surubim – 9
Vicência – 3
Amaraji – 3
Catende – 2
Escada – 5
Primavera – 2
Agrestina – 7
Alagoinha – 2
Altinho – 3
Belo Jardim – 4
Bezerros – 8
Bonito – 2
Brejo da Madre de Deus – 3
Cachoeirinha – 3
Camocim de São Félix – 2
Cupira – 3
Frei Miguelinho – 2
Jataúba – 3
Panelas – 2
Pesqueira – 4
Riacho das Almas – 2
Sairé – 2
Santa Cruz do Capibaribe – 5
Santa Maria do Cambucá – 2
São Bento do Una – 7
São Caitano – 3
São Joaquim do Monte – 2
Bom Conselho – 7
Canhotinho – 3
Capoeiras – 4
Paranatama – 4
São João – 3
Saloá – 3
Buíque – 2
Custódia – 5
Inajá – 2
Venturosa – 2
São José do Egito – 6
Tuparetama - 2

Países barram na ONU evangélicos próximos a Damares





O colunista Jamil Chade conta hoje, numa apuração exclusiva, que juristas evangélicos do Brasil estão penando para obter um status consultivo na ONU (Organização das Nações Unidas).

Essa aprovação permitiria ao grupo discursar em reuniões oficiais, organizar debates e até submeter informes em diferentes organismos.

A Anajure (Associação Nacional de Juristas Evangélicos) solicitou em 2017 o status na ONU, num processo que é tradicionalmente longo. A esperança era que, nas reuniões deste ano, o acesso fosse garantido.

A delegação diplomática de Cuba, o governo da Nicarágua e a China criaram obstáculos, evitando a aprovação.

Após a cobrança de esclarecimentos sobre a relação entre a entidade evangélica e o governo de Jair Bolsonaro (sem partido), a decisão foi adiada pelo menos até o ano que vem.

A entidade optou por não se pronunciar na reportagem. A relação entre a Anajure e Damares não é nova. Em 2012, em uma de suas primeiras reuniões, a Anajure prestou uma homenagem a ela, que se disse "honrada".

Jamil apurou que autoridades brasileiras viam com bons olhos a iniciativa, já que o grupo poderia ser um aliado nas mudanças que o Itamaraty defende na agenda internacional em assuntos relacionados com direitos humanos, sexualidade e aspectos da política externa.

quinta-feira, 27 de maio de 2021

Garanhuns | Durante vigência de decreto, transporte público funcionará conforme cronograma das empresas

AMSTT---EMPRESAS (1).png



A Prefeitura Municipal de Garanhuns, através da Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes, informa que as empresas de coletivos do município, estão autorizadas a operarem com o máximo de suas frotas durante o período de vigência do decreto estadual N° 50 752/2021 e municipal N° 045/2021, que passam a valer deste dia 26 de maio, até o dia 6 de junho.
Atendendo solicitação expressa do prefeito Sivaldo Albino, as empresas irão atender a demanda da população, afim de evitar aglomerações nos transportes públicos.

O Diretor Presidente da Autarquia, Rodolpho Almeida, reforça a importância de uma quantidade expressiva, atendendo à população neste momento em que estamos vivendo. "Com uma maior quantidade de coletivos atendendo à população, podemos diminuir o risco de transmissão do vírus. Estamos juntos, ajudando a cuidar das pessoas".

Chega a Pernambuco novo lote com 24.570 doses da vacina da Pfizer/BioNTech




Um novo lote de imunizantes da Pfizer/BioNTech chegou ao Estado de Pernambuco na tarde desta quarta-feira (26.05). O voo, com 24.570 doses do imunizante contra a Covid-19, aterrissou no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre às 15h20. Em seguida, a carga foi enviada para a sede do Programa Estadual de Imunizações. As vacinas serão destinadas para dar seguimento à imunização das gestantes e puérperas do Estado.

A logística de distribuição para as 12 sedes das Gerências Regionais de Saúde (Geres) será iniciada na manhã desta quinta-feira (27.05). Com a descentralização do acesso às vacinas da Pfizer, anunciado de forma pioneira pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) no último dia 18 de maio, todos os municípios receberão doses para beneficiar a população de gestantes e mulheres que tiveram seus bebês nos últimos 45 dias. Com a chegada desse quarto lote, Pernambuco já totaliza o recebimento de 115.830 doses da Pfizer/BioNTech, vacina que possui especificidades em seu armazenamento, o que exige um diferencial no planejamento do transporte e do armazenamento.

“No Programa Estadual de Imunizações, temos estrutura para o armazenamento desse imunizante em temperatura entre - 25°C e - 15°C, podendo permanecer nessa faixa por até 14 dias. O transporte para as Geres é feito em caminhões refrigerados e as vacinas são acondicionadas em caixas térmicas de isopor com nitrogênio líquido refrigerado. Nas Geres, as doses são armazenadas em freezers que manterão a mesma temperatura do PNI Estadual. A partir disso, o insumo poderá ser retirado pelos municípios de acordo com a demanda. Mas para isso, é importante frisar que na rede municipal a vacina pode ficar armazenada entre 2º C e 8° C por um período de, no máximo, 5 dias”, ressaltou a superintendente de Imunizações do Estado, Ana Catarina de Melo.

“É importante que cada município faça um mapeamento bem planejado das suas gestantes e puérperas e as direcione para o agendamento e encaminhamento aos locais de vacinação. Precisamos garantir que esse público seja imunizado com brevidade, e nosso objetivo é alcançar todas as pernambucanas, nas diversas regiões do Estado”, afirmou o governador Paulo Câmara.

MAIS VACINAS – Também nesta quarta-feira (26.05), pela manhã, o Estado recebeu 241.750 novas doses da vacina da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz, remessa que será destinada, exclusivamente, à aplicação de primeira dose das pessoas com deficiência permanente, pessoas com comorbidades, além das forças de segurança e salvamento. O Ministério da Saúde encaminhou ainda, dentro do volume recebido, doses para imunização de trabalhadores de portos e aeroportos, pertencentes aos grupos prioritários elegíveis para a vacina contra o vírus. As doses beneficiarão 100% dos portuários e 78% dos aeroviários com a primeira aplicação.

A operação de transporte para as Gerências Regionais de Saúde (Geres) começou no início da tarde de hoje e será finalizada ainda esta noite, deixando os imunizantes à disposição dos municípios. Com as novas remessas, Pernambuco totaliza 4.000.160 doses recebidas para imunização contra a Covid-19. Desse total, 1.925.170 são da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz, 1.959.160 da Coronavac/Butantan e outras 115.830 doses são da Pfizer//BioNTech.

Números atualizados Covid-19




Até o momento, a pandemia do novo coronavírus já deixou 168.450.716 contaminados e 3.499.710 mortos no mundo. No Brasil são 16.274.695 contaminados e 454.429 mortos. Os dados são da Universidade Johns Hopkins.

O número de doses de vacina aplicadas no planeta chegou a 1,74 bilhão. No Brasil são 64.650.164 de unidades administradas. Os dados são da Bloomberg (mundial) e de VEJA (nacional).

VEJA

Boletim Covid-19 – 26/05/2021 | Prefeitura de Garanhuns





A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informa que foram confirmados três óbitos por Covid-19 nesta quarta-feira (26). Dois óbitos ocorreram nos dias 10/05 e 23/05, ambos em unidade da rede pública, sendo de pessoas com 44 e 51 anos respectivamente. Outro óbito ocorreu no dia 22/05, em unidade da particular, sendo de uma pessoa com 77 anos.

Também foram notificados 77 casos positivos da Covid-19. Mais quatro casos que se encontravam em investigação pela Vigilância Epidemiológica, junto às unidades notificantes, foram inseridos no sistema de informação. Mais 47 pessoas estão recuperadas, após cumprir o período de isolamento, e não apresentar mais sintomas da doença.

Outros 44 óbitos estão em investigação. Ao final do processo, os casos podem ser acrescentados ao boletim, se forem de pacientes que residiam em Garanhuns e confirmados para Covid-19; ou encaminhados para registro pelos seus municípios de origem, e/ou descartados.

Até hoje, 29240 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 12811 pessoas foram vacinadas com a segunda dose contra a Covid-19. Além dos grupos que aguardam a segunda dose, a vacinação segue para população com 60 anos ou mais, povos tradicionais quilombolas, trabalhadores da saúde e profissionais das forças de segurança e salvamento, gestantes e puérperas, pessoas com comorbidades, e pessoas com deficiência permanente acima de 18 anos.

Ao todo, já foram confirmados 10988 casos da Covid-19 em Garanhuns. Deste total, 191 pessoas vieram a óbito, 9105 estão recuperadas após cumprir o período de isolamento domiciliar e não apresentar mais sintomas; e 643 pessoas que foram confirmadas com a Covid-19 estão em monitoramento. Já foram realizados 14109 testes pela rede municipal.

Atualmente, o município dispõe de 40 leitos clínicos, sendo 22 destes na Unidade de Tratamento Covid-19 e outros 18 na Unidade Covid-19 Palmira Sales. A taxa de ocupação dos leitos clínicos de enfermaria municipais encontra-se em 82%. O percentual não inclui o número de pacientes graves, internados em leitos de UTI. A taxa de ocupação dos leitos de UTI da Unidade de Tratamento Covid-19 encontra-se em 100%.

quarta-feira, 26 de maio de 2021

Pernambuco recebe nova remessa de vacinas e amplia imunização de grupos prioritários





Pernambuco recebeu, às 7h45 desta quarta-feira (26.05), no Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, mais 241.750 doses de vacinas contra a Covid-19 da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz. Com esse quantitativo, que será destinado exclusivamente para a primeira dose, será possível avançar na imunização das pessoas com comorbidade e deficiência permanente, trabalhadores das forças de segurança e salvamento, além de dar inicio à vacinação dos trabalhadores de portos e aeroportos - categorias que já estavam inclusas nos grupos prioritários estabelecidos pelo Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 (PNO).

"Com as novas doses de vacinas que Pernambuco recebeu hoje poderemos atender 100% dos trabalhadores portuários e 78% dos aeroviários com a primeira dose. É mais um grupo prioritário que começamos a imunizar no Estado. Mas nosso esforço é para ampliarmos ainda mais a vacinação, para que chegue a todos os pernambucanos e pernambucanas", afirmou o governador Paulo Câmara.

A previsão é que 4.820 trabalhadores portuários e 2.970 aeroviários sejam imunizados no Estado. As doses recebidas pela manhã foram levadas para o Programa Estadual de Imunização (PNI-PE) e, logo em seguida, teve início de imediato a distribuição para todas as 12 Gerências Regionais de Saúde do Estado (Geres), repetindo a operação logística por via terrestre e aérea, deixando as vacinas à disposição das secretarias de saúde dos municípios.

Até agora, o Estado soma 3.975.590 vacinas contra a Covid-19 recebidas, sendo 1.925.170 da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz; 1.959.160 da Coronavac/Butantan; e 91.260 da Pfizer/BioNTech.

Colapso na Saúde: no mês de março, 1 em cada 4 internados com covid-19 no SUS morreu




Um novo indicativo negativo se soma aos dados de agravamento da pandemia causada pelo novo coronavírus referentes a março. Ao longo daquele mês, até o momento o mais letal de toda a pandemia, 1 em cada 4 pacientes internados com covid-19 em hospitais financiados pelo SUS (Sistema Único de Saúde) morreu.

As informações, publicadas hoje no UOL, são do jornalista Carlos Madeiro. A alta representa a maior desde o registro da primeira morte pela doença no país.

Segundo dados do sistema DataSUS, a mortalidade em março chegou a 24,2%, similar a maio do ano passado —quando muitos estados também enfrentavam o primeiro pico da doença. Em fevereiro deste ano, o índice foi de 20,9%. O percentual inclui leitos de UTI e enfermaria. A conta não faz distinção entre pacientes com sintomas leves, moderados e graves.

Médicos ouvidos pelo UOL são unânimes em apontar que a ocupação máxima dos leitos é o fator que aumenta o risco de morte de pacientes. Para eles, o dado de março serve de alerta porque o colapso, além de matar pessoas que não conseguem ter acesso a um leito, se torna também mais letal para quem tem vaga no sistema de saúde.

O colapso, pontua Vera Magalhães, infectologista e professora da UFPE, causa mais problemas ao sistema de saúde. "A gente tem uma inadequação dos cuidados. O excesso de pacientes faz com que muitos demorem a chegar até a UTI, demorem a ter o tratamento adequado. São fatores que auxiliam no aumento da mortalidade, e aqui no Brasil existe um dos maiores percentuais de óbitos por covid em UTI do mundo, chegando a 80% [no caso de intubados]."

UOL

O mês mais letal


Um levantamento da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp) obtido por VEJA revelou que março de 2021 foi o pior mês da pandemia nos hospitais da rede privada brasileira. Naquele mês, a taxa de mortalidade de pacientes com Covid-19 chegou a 15,1% e superou o índice de 14,9% de agosto de 2020, até então o pior mês no país. Os dados revelam o comportamento da pandemia no ano de 2020 e no primeiro trimestre de 2021, as mudanças no perfil do paciente internado e os reflexos nos principais indicadores do setor. Também em março de 2021 a incidência de Covid-19 em pacientes atendidos no pronto-socorro registrou a maior taxa, de 45,3%.

Veja

Para combater avanço da pandemia, Prefeitura de Garanhuns emite novo decreto com medidas restritivas





A Prefeitura de Garanhuns emitiu, nesta terça-feira (25), o Decreto Municipal 045/2021, que ratifica os efeitos do Decreto Estadual 50.752/2021 e define outros detalhes das medidas restritivas de combate à pandemia. Com a alta taxa de ocupação nos leitos de tratamento da Covid-19, especialmente nas UTIs, o Governo Municipal entende que é preciso tomar providências mais rígidas. O novo decreto terá validade até o dia 06 de junho de 2021.

De acordo com o Decreto Municipal 045/2021, as feiras livres estarão fechadas. Já no Mercado 18 de Agosto e na Central de Abastecimento de Garanhuns (Ceaga) só será permitida a comercialização de carnes e do setor atacadista de frutas e verduras, respeitando o cronograma: de segunda a sábado, das 6h às 14h. Açougues e frigoríficos seguirão o mesmo horário de funcionamento. Os restaurantes, lanchonetes e similares que ficam localizados na Ceaga não poderão abrir, enquanto os situados no Terminal Rodoviário continuarão funcionando, mas com a proibição de venda de bebidas alcóolicas. Hotéis e pousadas deverão seguir com o funcionamento do restaurante apenas para os hóspedes.

O documento também dispõe de alguns segmentos que não poderão funcionar neste período. São eles: lojas de conveniência localizadas em postos de combustíveis; acessórios e equipamentos para celulares; produtos de higiene, limpeza e cosméticos; aviamentos e tecidos. Além do atendimento presencial, também fica proibida a venda por delivery ou retirada. As instituições de ensino, sejam elas públicas ou privadas, incluindo as Instituições de Ensino Superior, também ficarão fechadas. Fica permitido apenas o funcionamento interno, inclusive dos professores para gravação de aulas.


Outras atividades ficarão com dias e horários específicos para funcionamento:

Óticas – De segunda à sexta, das 8h às 15h;
Petshops e casas de ração - De segunda à sexta, das 8h às 18h;
Agências de automóveis e lojas de veículos - De segunda à sexta, das 9h às 17h;
Loja de materiais de construção - De segunda à sexta, das 8h às 15h.

Algumas decisões tomadas no Decreto Municipal anterior, o 043/2021, serão mantidas, como as disposições sobre o horário de funcionamento de padarias, supermercados e mercearias: de segunda à sexta das 6h às 20h; e sábados, domingos e feriados das 6h às 18h. Também seguem valendo as regras para o Transporte Público Coletivo, com a proibição de passageiros em pé.

O comércio atacadista só poderá funcionar nos segmentos de alimentos, medicamentos e produtos para a saúde. Poderão trabalhar com sistema de delivery somente os setores de alimentos, distribuição de gás e água, medicamentos e produtos para a saúde, além de lojas de insumos e defensivos agrícolas. Para as galerias comerciais, o funcionamento será permitido apenas para lojas de alimentação com delivery, petshops e clínicas médicas e veterinárias.

O serviço público municipal estará com atendimento presencial suspenso, com funcionamento apenas para emergências na AMSTT e nas Secretarias de Saúde, Mulher e Assistência Social. Na Secretaria de Saúde, os ambulatórios especializados estarão fechados, sendo mantidas apenas as consultas de pré-natal.

Para as empresas que tenham objeto de atividades econômicas não citadas neste Decreto Municipal, ficam valendo as determinações do Decreto Estadual 50.752, de 24 de maio de 2021. Ambos os documentos estão disponíveis na íntegra no portal da Prefeitura de Garanhuns (www.garanhuns.pe.gov.br).

terça-feira, 25 de maio de 2021

Sessenta e cinco cidades do Agreste entram em quarentena rígida nesta quarta-feira (26)




Começa a vigorar amanhã (26.05), até o dia 06 de junho, o decreto que estabelece quarentena rígida no Agreste, sendo 53 municípios das Gerências Regionais IV e V, com sedes em Caruaru e Garanhuns, e 12 cidades da Geres II, sediada em Limoeiro. A partir desta quarta, apenas atividades permitidas poderão funcionar. Na Macrorregião 1, que engloba a capital, a Região Metropolitana e áreas da Zona da Mata, também haverá restrições nos próximos dois finais de semana. Para o Sertão de modo geral, que contempla as Macrorregiões 3 e 4, permanece o esquema de funcionamento até 20h, de segunda a sexta, e até 18h nos finais de semana.

As restrições se aplicam às escolas e universidades, escritórios comerciais, clubes, praias e parques, ciclofaixas e shoppings centers, por exemplo. Estão entre os estabelecimentos autorizados a funcionar, neste período, farmácias, postos de gasolina, inclusive lojas de conveniência, apenas para ponto de coleta, serviços essenciais à saúde, abastecimento de água, gás e demais combustíveis, saneamento, coleta de lixo, hotéis e pousadas, restaurantes e lanchonetes apenas por meio de entrega a domicílio ou como ponto de coleta, supermercados, padarias, mercados, atividades de construção civil, entre outros.

De acordo como decreto, o funcionamento das feiras livres será disciplinado por ato do prefeito ou da prefeita do município correspondente, observando as peculiaridades locais e evitando aglomerações. Já as igrejas, templos e demais locais de culto podem ficar abertos, inclusive nos finais de semana, para a realização de atividades administrativas, serviços sociais e celebrações religiosas apenas de forma virtual, sem público.

Com chegada de material da China, Butantan volta a produzir CoronaVac




O Instituto Butantan deve retomar hoje a produção de mais doses da CoronaVac, vacina contra a covid-19. A última entrega ao Ministério da Saúde ocorreu no dia 14 de maio.

O governo de São Paulo anunciou que novas remessas de material para os imunizantes saíram de Pequim ontem e devem desembarcar nesta tarde em São Paulo.

Como leva entre 15 e 20 dias para terminar o processo, há ainda um tempo para que essas novas doses cheguem aos estados.

Ao todo, 3.000 litros de IFA (Insumo Farmacêutico Ativo) foram enviados pelo laboratório Sinovac Biotech. Essa quantidade é suficiente para produzir cerca de 5 milhões de doses, de acordo com o instituto.

Por causa da falta de CoronaVac, estados chegaram a interromper a aplicação da segunda dose.

O Butantan e a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) querem fabricar os insumos em solo brasileiro no futuro. O governo paulista está construindo um laboratório que deve ficar pronto setembro.

UOL

Governador Paulo Câmara atende solicitação do prefeito Sivaldo Albino e Garanhuns terá mais 20 leitos de UTI

CARD NOVOS LEITOS DE UTI EM GARANHUNS.jpeg



Após análise dos números da pandemia em Garanhuns, o governador Paulo Câmara, atendendo a uma solicitação do prefeito Sivaldo Albino, vai ampliar o número de leitos de UTI no município. Serão mais 20 leitos de UTI, em um esforço logístico e sanitário que será fundamental para enfrentamento à Covid-19 no Agreste Meridional durante os próximos meses. O investimento será de quase R$ 3 milhões de reais.

“Agradeço a toda equipe da Secretaria Estadual de Saúde, em especial ao secretário André Longo e ao governador Paulo Câmara, que não mediram esforços para ampliar o número de leitos de UTI em nossa cidade. É com essa parceria e compromisso que desde o início da pandemia buscamos investimentos para Garanhuns”, destaca o prefeito Sivaldo Albino.

O Hospital Regional Dom Moura (HRDM) vai ampliar o serviço de terapia intensiva com mais 10 leitos de UTI, destinados para pacientes com quadro grave da Covid-19. A unidade já recebeu equipamentos como respiradores e monitores, e a previsão é de que os leitos sejam ativados nos próximos sete dias.

Mais 10 leitos — Após pactuação com o Governo do Estado e articulação do prefeito Sivaldo Albino, o Hospital Perpétuo Socorro, da rede particular do município, também vai ampliar o número de leitos de UTI na unidade. Os equipamentos para instalação dos leitos serão enviados nesta semana pelo Governo do Estado.

Boletim Covid-19 – 24/05/2021 | Prefeitura de Garanhuns

BOLETIM COVID-19_24.05.2021.jpeg




A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informa que foram confirmados três óbitos por Covid-19 nesta segunda-feira (24). Dois óbitos ocorreram nos dias 08/05 e 17/05, sendo de pessoas com 49 e 63 anos de idade, em unidade da rede pública. Outro óbito ocorreu no dia 09/05, em unidade da rede particular, sendo uma pessoa com 59 anos de idade.

Também foram notificados 32 casos positivos da Covid-19. Mais 43 casos que se encontravam em investigação pela Vigilância Epidemiológica, junto às unidades notificantes, foram inseridos no sistema de informação. Mais 16 pessoas estão recuperadas, após cumprir o período de isolamento, e não apresentar mais sintomas da doença.

Outros 42 óbitos estão em investigação. Ao final do processo, os casos podem ser acrescentados ao boletim, se forem de pacientes que residiam em Garanhuns e confirmados para Covid-19; ou encaminhados para registro pelos seus municípios de origem, e/ou descartados.

Até hoje, 28397 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 12622 pessoas foram vacinadas com a segunda dose contra a Covid-19. Além dos grupos que aguardam a segunda dose, a vacinação segue para população com 60 anos ou mais, povos tradicionais quilombolas, trabalhadores da saúde e profissionais das forças de segurança e salvamento, gestantes e puérperas, pessoas com comorbidades, e pessoas com deficiência permanente acima de 18 anos.

Ao todo, já foram confirmados 10837 casos da Covid-19 em Garanhuns. Deste total, 188 pessoas vieram a óbito, 9035 estão recuperadas após cumprir o período de isolamento domiciliar e não apresentar mais sintomas; e 600 pessoas que foram confirmadas com a Covid-19 estão em monitoramento. Já foram realizados 13999 testes pela rede municipal.

Atualmente, o município dispõe de 40 leitos clínicos, sendo 22 destes na Unidade de Tratamento Covid-19 e outros 18 na Unidade Covid-19 Palmira Sales. A taxa de ocupação dos leitos clínicos de enfermaria municipais encontra-se em 90%. O percentual não inclui o número de pacientes graves, internados em leitos de UTI. A taxa de ocupação dos leitos de UTI da Unidade de Tratamento Covid-19 encontra-se em 100%.

Governo intensifica restrições para conter aceleração da Covid-19





O Governo de Pernambuco anunciou, nesta segunda-feira (24.05), novas medidas restritivas para diferentes regiões do Estado. Na Macrorregião 1, que contempla a Região Metropolitana do Recife e cidades da Zona da Mata, apenas atividades permitidas poderão funcionar nos finais de semana. Durante a semana, permanece o esquema atual, com fechamento às 20h. Da próxima quarta-feira (26.05) até o dia 6 de junho, os 53 municípios das Gerências Regionais (Geres) IV e V – que têm como cidades polo Caruaru e Garanhuns – no Agreste, e mais 12 cidades da Geres II, com sede em Limoeiro, entrarão em quarentena rígida também nos dias de semana.

Nas Macrorregiões 3 e 4 – ambas no Sertão do Estado – permanece o funcionamento das atividades em geral até 20h, de segunda a sexta, e até 18h nos finais de semana. De acordo com o governador Paulo Câmara, a aceleração exponencial da contaminação pela Covid-19 no Agreste do Estado resultou em um aumento de ocupação em todo o sistema de saúde nas últimas semanas. “A consequência direta disso é mais tempo entre a solicitação de um leito de UTI e a transferência dos pacientes para uma vaga de terapia intensiva”, explicou.

Segundo o governador, além dessas iniciativas, uma série de providências será tomada para manter o Estado entre os quatro do Brasil com menor mortalidade na pandemia. Paulo Câmara anunciou ainda que solicitou ao Ministério da Saúde mais testes de antígeno, concentradores de oxigênio e uma investigação sobre as novas variantes da Covid-19 nas amostras coletadas no Agreste.

OUTRAS AÇÕES – O governador informou que mais 30 leitos de UTI serão abertos nesta semana, nos municípios de Caruaru, Bezerros e Garanhuns, todos no Agreste. Adiantou ainda que haverá uma reunião com prefeitos do interior do Estado para solicitar a abertura de novas vagas de retaguarda nos serviços municipais de saúde.

Além de manter o diálogo com os prefeitos e prefeitas, Paulo Câmara assegurou a distribuição de 100 concentradores de oxigênio para incrementar a capacidade de atendimento nas unidades locais de pronto-atendimento do Agreste. Haverá ainda a entrega, para todo o Estado, a partir desta terça (25.05), de um novo lote com 200 mil máscaras, e serão repassados R$ 4 milhões para ações de assistência social. Por fim, o governador anunciou a ampliação das ações de fiscalização da Polícia Militar (PMPE) e do Procon-PE.

*As 12 cidades da Geres II que entrarão em quarentena rígida: Bom Jardim, Casinhas, Cumaru, Feira Nova, João Alfredo, Limoeiro, Machados, Orobó, Passira, Salgadinho, Surubim e Vertente do Lério.

*Cidades da V Geres: Águas Belas, Angelim, Bom Conselho, Brejão, Caetés, Calçados, Canhotinho, Capoeiras, Correntes, Garanhus, Iati, Itaíba, Jucati, Jupi, Lagoa do Ouro, Lajedo, Palmerina, Paranatama, Saloá, São João, Terezinha.

*Cidades da IV Geres: Agrestina, Alagoinha, Altinho, Barra de Guabiraba, Belo Jardim , Bezerros, Bonito, Brejo da Madre de Deus, Cachoeirinha, Camocim de São Felix, Caruaru, Cupira, Frei Miguelinho, Gravatá, Ibirajuba, Jataúba, Jurema, Panelas, Pesqueira, Poção, Riacho das Almas, Sairé, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, São Bento do Uma, São Caetano, São Joaquim do Monte, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Toritama, Vertentes.

segunda-feira, 24 de maio de 2021

Pernambuco é pioneiro no mapeamento de serviços de tratamento e prevenção às drogas




O governador Paulo Câmara participou, na manhã desta segunda-feira (24.05), do webinário Diretrizes Internacionais, Prevenção e Mapeamento de Serviços de Tratamento por Uso de Drogas. O evento discutiu a importância da construção de políticas eficazes com foco na prevenção e nas melhores práticas de tratamento, e também marcou o lançamento de uma abrangente pesquisa que será realizada em todos os 184 municípios de Pernambuco e no arquipélago de Fernando de Noronha.

“Pernambuco tem sido referência em todo o Brasil com o trabalho de educação pública. Não se faz política de segurança apenas com repressão. A prevenção é o que está por trás de tudo isso, e é com ela que podemos evitar muitos transtornos no futuro. Por isso que investimos tanto na prevenção e sentimos realmente a necessidade de ter uma política pública robusta, pensada e que dialogue com quem entende do assunto mundo afora”, destacou Paulo Câmara.

O mapeamento é uma iniciativa inédita no Brasil, inspirada na ferramenta elaborada pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Pernambuco mostra inovação na elaboração e no aprimoramento de suas políticas públicas ao atrair parceiros como o UNODC, a Agência das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-HABITAT), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Instituto Igarapé. Os projetos, plataformas e ideias desenvolvidos e em desenvolvimento por esse grupo de instituições, todas com respaldo internacional, se apresentam como Cooperação Pernambuco: Prevenção, Cidadania e Segurança.

De acordo com o secretário estadual de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides, essa cooperação se soma aos elementos de sucesso na gestão da política pública representados pelo Pacto Pela Vida, nos seus 14 anos. “Toda essa cooperação apresenta uma abordagem específica para a proteção de jovens, para o enfrentamento de agenciamentos que levam às situações de violência e, sobretudo, para melhorar a capacidade de resposta de vários serviços”, enfatizou Benevides.

A Cooperação Pernambuco é parte das inovações que a Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas vem promovendo. O webinário internacional e o mapeamento dos serviços de tratamento de transtornos associados ao uso de drogas são produtos previstos na Cooperação Pernambuco. O encontro também contou com a presença da vice-governadora Luciana Santos e dos secretários estaduais André Longo (Saúde) e Alexandre Rebelo (Planejamento e Gestão).

Isolamento social aumenta cuidados com os ambientes em casa. 




O Home Center Ferreira Costa dá dicas em como evitar acidentes domésticos.

Durante a pandemia, um dado preocupante foi verificado: o aumento dos acidentes domésticos. Crianças e idosos estão entre as principais vítimas. Segundo o Ministério da Saúde, 70% dos acidentes acontecem nas residências, no entanto, as quedas podem ser evitadas através de cuidado redobrado e algumas adaptações na arquitetura do ambiente familiar.

A dica do Home Center é o deixar o ambiente mais favorável para as crianças e os idosos. Redes ou grades, em todas as janelas. Produtos de limpeza e remédios precisam ser guardados fora do alcance das crianças, além de objetos de enfeites pontiagudos. Importante também ter cuidado com as estantes, principalmente para as crianças, que podem subir e cair.

A Ferreira Costa aconselha que os tapetes e mesas de centro podem ser vilões das pessoas idosas, e aumentam o risco de acidentes. As mesas de centro devem ficar próximas de alguma das paredes e os tapetes podem ganhar fixadores de silicone nas pontas.

Nos banheiros, o cuidado também precisa ser redobrado. As pessoas pensam que acessibilidade é ter apenas uma barra de apoio no banheiro, porém, envolve um conjunto de medidas preventivas para conseguir um bom resultado O grupo aconselha, se possível, deixar o box mais amplo, de modo que o vaso sanitário fique dentro dele. A divisão entre o assento e a área do chuveiro fica por conta de uma porta de vidro com dobradiças.

Em portas de correr, como as que dão acesso a sacadas e varandas, a melhor opção é de trilhos embutidos no piso, de modo a evitar quedas. Os cuidados com o solo também incluem pisos antiderrapantes, que garantem maior aderência ao caminhar.

A largura das portas muitas vezes torna-se um empecilho quando o idoso possui dificuldades de locomoção e precisa de andadores ou cadeira de rodas. Aumentar as proporções de portas para passagens de uma cadeira, por exemplo, já melhora a movimentação.

Para os quartos, o Home Center recomenda a utilização de camas mais baixas. O ideal é que ao sentar, os pés encostem no chão e a perna forme um ângulo de 90º.

E em todos os ambientes, o ideal é deixar o mais arejado e livre possível. A dica é trabalhar com a temperatura de luz entre o neutro e o mais amarelado, com a finalidade de trazer mais aconchego ao ambiente. A Ferreira Costa também fala sobre a importância de instalar balizadores. Eles são luzes fixadas na parede, como pequenas luminárias, e ajudam a iluminar o caminho do corredor de um cômodo a outro.

São pequenas mudanças e adaptações, que reduzimos acidentes domésticos e facilitamos a qualidade de vida daqueles que amamos. Sabendo disso, o Grupo Ferreira Costa disponibiliza em todas as suas lojas físicas e no www.ferreiracosta.com produtos para que cada vez mais os lares fiquem acessíveis e seguros.


Sobre a Ferreira Costa:

Com 136 anos de história, a Ferreira Costa, o maior Home Center do Nordeste, está presente nos estados de Pernambuco, Bahia, Sergipe e Paraíba. Brevemente estaremos no estado do Rio Grande do Norte, levando ao consumidor mais de 80 mil itens para casa, construção e decoração. Além de suas seis lojas, a Ferreira Costa também possui seu e-commerce (www.ferreiracosta.com, com entrega para todo Brasil.

CPI tem "capitã cloroquina" e pressão de bolsonaristas sobre governadores




Depois de semanas agitadas e implicações contra o governo, a CPI da Covid deve ter um ritmo menos midiático nos próximos dias. Nos bastidores, porém, o duelo entre senadores da situação e da oposição segue em alta temperatura.

Enquanto os críticos do governo Jair Bolsonaro (sem partido) devem voltar a dar ênfase às discussões sobre a cloroquina, apoiadores do presidente pretendem aumentar a cobrança para que a investigação se estenda aos governadores. Além disso, o plenário deve aprovar na quarta as reconvocações do ex-ministro Eduardo Pazuello e possivelmente do atual chefe da pasta da Saúde, Marcelo Queiroga.

A semana começará com a oitiva de Mayra Pinheiro, conhecida nos corredores do Ministério da Saúde como "capitã cloroquina". Titular da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação, ela ganhou projeção não pela atuação à frente da pasta, e sim pela defesa nas redes sociais da prescrição de medicamentos sem eficácia científica comprovada no tratamento da covid, como cloroquina, hidroxicloroquina e ivermectina.

Mayra será ouvida amanhã (25), a partir das 9h, e há expectativa entre os congressistas de que ela mantenha seu posicionamento favorável ao que chama de "tratamento precoce" da covid. Nenhum medicamento comercializado no mundo hoje tem a indicação específica para ser usado no início da doença ou para prevenção.

Os acontecimentos da CPI da Covid e toda movimentação no Planalto são os destaques de hoje do UOL.

Números atualizados Covid-19




Até o momento, a pandemia do novo coronavírus já deixou 167.219.723 contaminados e 3.464.799 mortos no mundo. No Brasil são 16.083.258 contaminados e 449.068 mortos. Os dados são da Universidade Johns Hopkins.

O número de doses de vacina aplicadas no planeta chegou a 1,65 bilhão. No Brasil são 62.544.957 de unidades administradas. Os dados são da Bloomberg (mundial) e de VEJA (nacional).

Veja

COVID 19: Mais de 150 mil doses aplicadas de vacinas nos municípios da V Regional de Saúde

 


A V Gerência Regional de Saúde (V GERES), com sede em Garanhuns, informa que foram aplicadas 150.554 doses de vacinas contra a Covid-19 até a sexta-feira (21/05), somados os 21 municípios do Agreste Meridional que fazem parte de sua abrangência.

A V GERES faz a distribuição das vacinas através do Programa Nacional de Imunização às Secretarias Municipais de Saúde, que devem cumprir rigorosamente a vacinação dos grupos prioritários, conforme cronograma estabelecido pela SES/PE.

sexta-feira, 21 de maio de 2021

Paulo Câmara empossa novo secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação




O governador Paulo Câmara empossou, nesta sexta-feira (21.05), em cerimônia no Palácio do Campo das Princesas, o novo secretário estadual de Desenvolvimento Urbano e Habitação, o advogado Tomé Barros Monteiro da Franca. Ele substitui o ex-secretário Marcelo Bruto, que vai assumir a Secretaria Executiva de Parcerias e Estratégias da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag).

“O novo secretário chega com a missão de concluir ações importantes na área fundamental de desenvolvimento urbano, em interface com os municípios que têm muitas necessidades em infraestrutura, apoio, e soluções inteligentes para os problemas”, destacou Paulo Câmara.

Tomé Franca ressaltou que está assumindo um grande desafio, levando em consideração, sobretudo, os grandes trabalhos já realizados anteriormente na pasta. “Marcamos uma reunião na tarde desta sexta-feira para que possamos ter conhecimento das ações que já estão em andamento na secretaria, e para poder dar continuidade aos projetos que vem sendo desenvolvidos ao longo desses anos”, observou.

Prestigiaram a posse do advogado Tomé Franca os secretários estaduais José Neto (Casa Civil), Carlos José (Casa Militar), Alexandre Gabriel (Chefe da Assessoria Especial do Governador) e Alexandre Campelo (Chefe de Gabinete do Governador), além do desembargador do TRT-PE Eduardo Pugliesi, do secretário-geral do Partido Republicanos em Pernambuco, vereador Samuel Andrade, e do padre Luciano Brito.

PERFIL – Tomé Franca é formado em Direito, com mestrado em Gestão Pública pela UFPE. Há 18 anos atua no serviço público, com passagens pelos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. Foi secretário-executivo de Turismo de Pernambuco, de 2007 a 2009, no primeiro governo de Eduardo Campos. Também foi assessor jurídico do Tribunal Regional do Trabalho, e antes de assumir a pasta exercia o cargo de secretário executivo de Saneamento da Prefeitura do Recife.

EFICÁCIA DA CORONAVAC

Insumos para vacina CoronaVac chegam ao Brasil dia 26 de maio


Um estudo realizado no Chile revelou que a CoronaVac, vacina contra a Covid-19 mais utilizada no Brasil até o momento, tem efetividade de 65,3% contra casos sintomáticos da doença em um período de catorze dias após a aplicação da segunda dose. No que diz respeito a casos graves, o desempenho foi melhor ainda: 87% de efetividade na prevenção de hospitalizações, 90,3% contra internações em UTI e 86% de efetividade na prevenção de mortes. Os dados foram obtidos a partir da análise das informações de 10,2 milhões de pessoas no país andino.

Veja

Governo de Pernambuco prorroga restrições até o dia 06 de junho




Após análise do Comitê de Enfrentamento à Covid-19, o Governo de Pernambuco anunciou, nesta quinta-feira (20.05), durante coletiva de imprensa online, a prorrogação das medidas restritivas até o próximo dia 06 de junho. A iniciativa contempla todas as regiões do Estado, exceto a 2ª Macrorregião, no Agreste, da qual fazem parte as IV e V Gerências Regionais de Saúde (com sede em Caruaru e Garanhuns), que conta com decreto específico vigente até o dia 31 deste mês.

Segue valendo o funcionamento das atividades de maneira geral nos finais de semana até as 18h, para quem iniciar às 10h. Os estabelecimentos que abrirem às 9h só poderão funcionar até as 17h. Nos dias de semana, as atividades econômicas em geral continuam com permissão para funcionar das 10h às 20h. O comércio de praia, de segunda à sexta-feira, das 9h às 16h, mantendo a proibição nos finais de semana.

A secretária-executiva de Desenvolvimento Econômico, Ana Paula Vilaça, destacou que Pernambuco ainda continua em uma fase bastante crítica, o que motivou o comitê a estender as medidas restritivas. “Essas medidas são extremamente necessárias para que a gente possa conter o avanço da pandemia no nosso Estado. É importante ressaltar que estamos tratando de um plano de convivência com a Covid-19 e que ele pode ser revisto a qualquer momento. Tudo depende da evolução dos números que são acompanhados em tempo real pelo comitê”, disse, reforçando que as decisões e medidas tomadas são pontuais e específicas para cada região de Pernambuco e de acordo com a evolução da pandemia em cada município.

Durante a coletiva, o secretário estadual de Saúde, André Longo, também fez a análise dos dados da última semana epidemiológica, que compreende o período entre 9 e 15 de maio, ressaltando que o Estado continua com uma situação de estabilidade, mas em patamares muito elevados. “O fato de estarmos neste platô de estabilidade não significa que estamos em uma situação de tranquilidade. Estamos muito atentos e monitorando de forma permanente os indicadores da doença. Ao menor sinal de uma aceleração fora do padrão sazonal, não hesitaremos em tomar as medidas necessárias. Pernambuco sempre resistiu ao negacionismo e sempre seguiu a ciência”, afirmou.

Longo também informou que o Agreste continua sendo a região que mais preocupa neste momento, já que vive um momento de aceleração que impactou na oscilação dos indicadores do Estado. Enquanto nas outras regiões os casos de SRAG tiveram queda ou oscilações abaixo de 5%, no Agreste o aumento foi acima dos 10%. Nas solicitações de leitos de UTI, a Central de Regulação detectou um aumento de 15% nas solicitações da 2ª Macrorregião na semana passada, enquanto o aumento no Estado foi de 3%.

Já nesta semana, do domingo (16.05) até a última quarta-feira (19.05) foram registradas 108 solicitações de internação a mais em todo o Estado, comparando com os primeiros quatro dias da semana passada, com um aumento de 12,7%. No Agreste, foram 64 solicitações a mais no período, um crescimento de 40%. Por conta destes dados, desde a última terça-feira (18.05) o Governo do Estado intensificou as medidas restritivas na região, reduzindo o horário de funcionamento das atividades durante a semana e permitindo somente as atividades básicas nos finais de semana.

Análise: Bolsonaro expõe e tritura generais com afagos e humilhações

Respondemos 'inúmeras vezes' à Pfizer em 2020, diz Pazuello | VEJA


Pelo segundo dia seguido, o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello foi ouvido pelos senadores da CPI da Covid. Segundo o colunista Tales Faria, o vexame pelo qual o general da ativa está passando na comissão não é a única mazela que o presidente submeteu seus antigos colegas de Exército.

"Aliás, não é a única humilhação pública que o capitão impôs ao general. Tem aquela cena histórica em que mandou desfazer o protocolo de intenções que Pazuello disse ter assinado para compra da Coronavac", escreveu Tales.

Bolsonaro já demitiu, sem maiores explicações, praticamente todo o comando militar: o então ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, e os comandantes do Exército, general Edson Pujol, da Marinha, Almirante Ilques Barboza, e da Aeronáutica, Antônio Carlos Moretti Bermudez.

A maior diversão de Bolsonaro parece ser demonstrar publicamente a autoridade que exerce sobre os generais, muitos da mesma geração do presidente que chegou até o posto de capitão, foi para a reserva do Exército e chegou a ser chamado de "mau militar".

"Ninguém na história do Brasil foi tão danoso para a imagem dos militares como o presidente Jair Bolsonaro" Tales Faria

UOL

GARANHUNS / Sivaldo Albino anuncia Pâmela Azevedo como secretária interina de Desenvolvimento Rural e Abastecimento

WhatsApp Image 2021-05-20 at 20.10.26 (1).jpeg



Pâmela Rodrigues Azevedo foi anunciada nesta quinta-feira (20), em reunião no gabinete do prefeito Sivaldo Albino, como secretária interina de Desenvolvimento Rural e Abastecimento de Garanhuns, em substituição a Lucimar Oliveira, que pediu desligamento na quarta.
Pâmela Azevedo já vem desempenhando trabalho elogiado na Secretaria, sendo indicação da ex-secretária. Agora, assume a pasta com apoio do Partido dos Trabalhadores, inclusive é a atual vice-presidenta da legenda.

Além do prefeito Sivaldo Albino, o encontro pela manhã de hoje contou com a presença da co-vereadora Fany Bernal (Presidenta do PT no municipio) e Ivan Montebelo, diretor de abastecimento do município.

"Sabemos da importância da participação do Partido dos Trabalhadores no governo, e ficamos felizes de contar com esta jovem comprometida com a gestão e currículo que a credencia a um grande trabalho, neste período de transição na pasta" - Afirmou Albino, ao final do breve encontro.

Oportunamente, o diretório do PT em Garanhuns indicará um nome definitivo para a pasta.

Pâmela Rodrigues Azevedo é graduada em Agronomia pela Universidade Federal do Agreste de Pernambuco/ UFAPE; Técnica em Meio Ambiente pelo IFPE Garanhuns; Mestranda em Ciências Ambientais; Ex-presidenta do Diretório Acadêmico do curso de Graduação em Agronomia; Atualmente é vice-presidenta do PT Garanhuns. Atuou ainda no Núcleo Agrofamiliar, na AGROFEIRA e na rede de Agroecologia do Agreste de Pernambuco (REAGRO).

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.