PE CONTRA O CORONAVÍRUS

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Paulo Câmara sanciona lei que regulamenta atividades religiosas em Pernambuco




O governador Paulo Câmara sancionou, nesta segunda-feira (10.05), a lei que garante a realização de atividades religiosas durante a situação de calamidade pública instalada no Estado, em razão do novo coronavírus. A lei prevê a observação dos protocolos sanitários estabelecidos. A assinatura aconteceu durante solenidade realizada, por meio de vídeoconferência, com a presença de parlamentares da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Desde o dia 23 de abril, está permitida a realização de celebrações religiosas presenciais, sem aglomeração, em igrejas, templos e demais locais de culto, das 5h às 20h de segunda à sexta-feira, e das 5h às 18h nos finais de semana e feriados, com 30% da capacidade de ocupação e limite máximo de 100 pessoas. De acordo com a publicação, em situações excepcionais, o poder Executivo poderá determinar restrições quanto à realização presencial das atividades.

NOTA DE PESAR: Eng° João Inocêncio Filho


Garanhuns lamenta a perda do engenheiro, ex-vereador e presidente da Câmara, e ex-secretário municipal, João Inocêncio Filho, homem honrado com o qual tive a alegria de ser contemporâneo na Câmara Municipal na legislatura 2001/2004. Sentimos profundamente, ao tempo que em que reconhecemos sua contribuição indiscutível para o desenvolvimento do município.

Registramos nosso pesar e tristeza, desejando o conforto em Deus à família e amigos, na certeza da missão cumprida em sua passagem entre nós.

Estamos decretando luto oficial de três dias em sua homenagem.

Garanhuns, 10 de Maio de 2021

Sivaldo Albino
Prefeito de Garanhuns

Números atualizados Covid-19

COVID-19 - Coronavírus | Pfizer Brasil


Até o momento, a pandemia do novo coronavírus já deixou 158.355.838 contaminados e 3.293.719 mortos no mundo. No Brasil são 15.184.790 contaminados e 422.340 mortos. Os dados são da Universidade Johns Hopkins.

O número de doses de vacina aplicadas no planeta chegou a 1,29 bilhão. No Brasil são 53.035.313 de unidades administradas. Os dados são da Bloomberg (mundial) e de VEJA (nacional).

Veja

Entraves da Sputnik V

Laudos da Anvisa apontam ao menos 15 pontos críticos sobre vacina Sputnik V  | Poder360


A vacina russa contra a Covid-19 Sputnik V chegou a ter 47 milhões de doses prometidas ao Brasil. Sem aval da Anvisa para importação e uso emergencial, contudo, o montante não foi entregue. O órgão regulatório elencou uma série de dúvidas e inconformidades para justificar o parecer e duas são as mais relevantes: a presença de um adenovírus replicante na composição do fármaco e a falta de dados no que diz respeito às etapas de fabricação. Os produtores da Sputnik V, por sua vez, dizem que não há a presença desse vírus com capacidade de replicação no desenvolvimento do fármaco. Segundo a Anvisa, os documentos exigidos são "questões básicas".


Veja

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.