GOVERNO DO ESTADO

terça-feira, 28 de setembro de 2021

V GERES / Números atualizados de vacinas distribuídas e aplicadas, em 28 de Setembro de 2021


A V Gerência Regional de Saúde (V GERES), com sede em Garanhuns, informa que já foram aplicadas 580.065 doses de vacinas contra a Covid-19, que correspondem a 86,19% do total de 673.002 doses distribuídas aos 21 municípios que fazem parte de sua abrangência. As demais doses se encontram em poder das Secretarias Municipais de Saúde para vacinação de primeira e segunda doses. Os dados foram atualizados nesta terça-feira, 28 de setembro, às 10:00h.

A V GERES recebe as vacinas da Secretaria Estadual de Saúde e faz a distribuição através do Programa Nacional de Imunização às Secretarias Municipais de Saúde, que devem cumprir rigorosamente a vacinação dos grupos prioritários, conforme cronograma estabelecido pela SES / PE.

Os dados estão disponíveis no LocalizaSUS.

Sustentabilidade é um pilar indispensável para o desenvolvimento do nosso País, afirma Paulo Câmara




O governador Paulo Câmara participou, na manhã desta terça-feira (28.09), do Encontro Estratégico Inovações Sustentáveis, uma ação do programa HidroSinergia, que visa fomentar a economia verde e inclusiva, comprometida com o Acordo de Paris. No evento, realizado por videoconferência, o governador advertiu que não há mais tempo a perder quando o assunto é responsabilidade ambiental.

“O contexto atual torna ainda mais relevante um evento como este, onde temos a oportunidade de discutir e compartilhar experiências, além de propor ações e soluções responsáveis para o bem do nosso planeta. A sustentabilidade se coloca como um pilar indispensável para o desenvolvimento do nosso País”, afirmou Paulo Câmara, ressaltando a oportunidade de ampliar o diálogo internacional com a comunidade europeia, representada no encontro pelo embaixador Ignacio Ybanez.

O HidroSinergia é um projeto do Instituto Clima e Sociedade (ICS) e do Centro Brasil no Clima (CBC), que abrange quatro eixos: a regeneração hidroambiental do Rio São Francisco; a produção de hidrogênio verde para substituir combustíveis fósseis; a expansão das energias renováveis (eólica e solar) em áreas secas e pobres do semiárido; e a capacitação profissional com geração de empregos verdes para reduzir desigualdades.

Paulo Câmara enfatizou ainda, no encontro, que Pernambuco já possui sólidas parcerias com a iniciativa privada em vários projetos bem-sucedidos de usinas eólicas e de captação de energia solar, todas eficazes e em pleno funcionamento. “Independente de razões econômicas ou ideológicas, priorizar o meio ambiente diz respeito, acima de tudo, à necessidade de preservarmos nossa existência neste planeta, garantindo um lugar seguro e agradável para os nossos descendentes”, concluiu.

O encontro contou com a participação dos governadores Rui Costa (Bahia) e Renato Casagrande (Espírito Santo), além do senador baiano Jaques Wagner, presidente da Comissão de Meio Ambiente do Senado. Também participaram o diretor executivo do Centro Brasil no Clima (CBC), Guilherme Syrkis; o coordenador do Projeto Governadores pelo Clima e HidroSinergia, Sérgio Xavier; e o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, José Bertotti.

COALIZÃO – O programa HidroSinergia faz parte da iniciativa “Governadores Pelo Clima”, coalizão de 25 governadores de Estados brasileiros comprometidos com o enfrentamento à crise climática e o desenvolvimento de um pacto para a construção de uma nova economia focada na descarbonização do planeta.

Desenvolve Garanhuns: Prefeitura lança conjunto de ações com investimento de R$ 72 milhões




A Prefeitura de Garanhuns realizou um grande evento nesta segunda-feira (27) para divulgação de investimentos para o município. No Centro de Produção Cultural do Sesc e com a presença de diversas autoridades, o prefeito Sivaldo Albino anunciou um conjunto de ações para desenvolvimento integral e sustentável do município. O investimento total de R$72 milhões será feito em vários setores, como Infraestrutura, Educação, Turismo e Saúde, em obras espalhadas pelo município.

Obras abandonadas pela gestão anterior serão concluídas, como as creches da Cohab 3, Massaranduba e Manoel Cheu, todas em um mesmo padrão. Um dos projetos mais desafiadores é a construção de um Centro de Convenções. A previsão é que a obra aconteça em três etapas, e na primeira fase sejam investidos 8 milhões de reais. Entre os projetos está também a construção do Museu do FIG, Complexo Administrativo da Prefeitura, escolas na Cohab 3 e Lacerdópolis, e UBS no Viana e Moura, além da pavimentação e drenagem de várias ruas de Garanhuns.

Algumas das obras tiveram Ordem de Serviço assinada durante o evento, como pavimentação em paralelepípedo das ruas Ataufo Alves e Oscar Godoi, no Indiano; pavimentação e drenagem na Rua Doutor José Francisco; serviços de conclusão do Campo do Parque Euclides Dourado e reforma na Praça Aguinaldo de Barros.

Outras reformas e construções serão encaminhadas ainda em outubro ou estão em processo para licitação. "Nós estamos cuidando de tudo, no dia a dia com obras menores, mas também com grandes projetos pra ver nossa cidade desenvolver", disse o gestor.

Muito aguardadas pelo público presente, foram dadas as primeiras informações oficiais sobre ‘A Magia do Natal’. O evento será realizado entre os dias 19 de novembro e 9 de janeiro, com o tema 'Contos de Esperança', projeto desenvolvido por Diorges Albuquerque.

Sivaldo Albino confirmou a realização do Desfile de Papai Noel, a interpretação da Ave Maria e do Pai Nosso, novidade implantada a partir desta edição. Também foram apresentados alguns detalhes do pórtico de um dos acessos da cidade. Uma outra novidade nesta edição é que a Praça da Bíblia também contará com decoração. 'A Magia do Natal' terá apresentações de corais, orquestras e grupos culturais.

"Existe uma expectativa muito grande para evento. Em maio tivemos o momento mais crítico da pandemia, junho também não foi fácil. Como imaginar o Natal diante disso?
Este ano estamos com um grande desafio, os preparativos sempre começam em fevereiro, para realização em novembro. Nós começamos agora no mês de julho. Mas confio na equipe e na parceria com a Casa do Artesão para fazer um natal inovador", finalizou Sivaldo.

16 entidades religiosas concentram 80% das dívidas das igrejas

 



O repórter Eduardo Militão conseguiu, via Lei de Acesso à Informação, um levantamento da PGFN (Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional) que aponta que 16 entidades religiosas devem R$ 1,6 bilhão em impostos.

O volume de débitos representa 81% de todas as dívidas de 9.230 instituições evangélicas, católicas, espíritas e islâmicas devedoras em todo o país.

Neste grupo, nenhuma entidade deve menos de R$ 20 milhões. Fazem parte da lista entidades comandadas por figurões evangélicos aliados do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que atuou pelo perdão a dívidas tributárias de igrejas.

As igrejas não pagam impostos no Brasil. No entanto, quando a Receita Federal descobre que atuaram com fraude, como se fossem empresas, elas são taxadas com imposto de renda e CSLL (Contribuição Social sobre Lucro Líquido).

Quem lidera o ranking é o Instituto Geral Evangélico, que deve R$ 526 milhões em Fundo de Garantia, imposto de renda, contribuições ao INSS e Cofins. A instituição aparece com endereço no Rio de Janeiro, mas seu presidente, o publicitário José Augusto Cavalcanti Wanderley, vive em Petrópolis.

Em segundo lugar está a igreja Ação e Distribuição. Oficialmente, a instituição foi registrada em 2004 em nome de um funileiro aposentado de 58 anos de Cotia (SP). Ele faleceu oito meses depois. Mas, segundo a Polícia Federal, a entidade nem sequer existiu. Uma academia de ginástica funciona no local registrado como sua sede.

Em terceiro no ranking de devedoras vem a Igreja Mundial do Poder de Deus, do apóstolo Valdemiro Santiago. A instituição possui 42 inscrições de débitos, como multas trabalhistas, Fundo de Garantia, imposto de renda, PIS e débitos previdenciários. A igreja do pregador que gosta de usar chapéus de boiadeiro deve R$ 153 milhões, segundo a PGFN.

Prefeitura de Garanhuns realiza programação especial para estudantes surdos e com deficiência visual

 



Estudantes surdos e com deficiência visual participaram de um momento especial proporcionado pela Prefeitura de Garanhuns, por meio da Secretaria de Educação. Ao todo, 70 pessoas tiveram uma vivência envolvendo a arte de uma forma diferente. A ação fez parte do Setembro Azul, mês de visibilidade da comunidade surda e da Libras; e do Setembro Verde, mês de luta da pessoa com deficiência.

O local escolhido foi o Lago São Francisco, em que foi montada uma exposição de arte com obras que permitiram uma experimentação sensorial. As peças contavam com legenda em braile e puderam ser tocadas para identificação do público com deficiência visual. Além disso, o momento contou com a apresentação de intérprete em libras para que os surdos conhecessem um pouco mais do trabalho.

A programação "Arte e Lazer acessível para todos", preparada pela equipe de Educação Especial, reforça a importância da luta pela inclusão em todas as áreas. “São ações como essas que mostram o quanto é imprescindível continuarmos lutando pelos direitos de todos. Foi muito bom ver a felicidade de cada estudante que participou, eles adoraram”, disse Magda Letícia, que faz parte da Supervisão da Educação Especial em Garanhuns.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.