GOVERNO DO ESTADO

segunda-feira, 24 de maio de 2021

Pernambuco é pioneiro no mapeamento de serviços de tratamento e prevenção às drogas




O governador Paulo Câmara participou, na manhã desta segunda-feira (24.05), do webinário Diretrizes Internacionais, Prevenção e Mapeamento de Serviços de Tratamento por Uso de Drogas. O evento discutiu a importância da construção de políticas eficazes com foco na prevenção e nas melhores práticas de tratamento, e também marcou o lançamento de uma abrangente pesquisa que será realizada em todos os 184 municípios de Pernambuco e no arquipélago de Fernando de Noronha.

“Pernambuco tem sido referência em todo o Brasil com o trabalho de educação pública. Não se faz política de segurança apenas com repressão. A prevenção é o que está por trás de tudo isso, e é com ela que podemos evitar muitos transtornos no futuro. Por isso que investimos tanto na prevenção e sentimos realmente a necessidade de ter uma política pública robusta, pensada e que dialogue com quem entende do assunto mundo afora”, destacou Paulo Câmara.

O mapeamento é uma iniciativa inédita no Brasil, inspirada na ferramenta elaborada pelo Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), em parceria com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Pernambuco mostra inovação na elaboração e no aprimoramento de suas políticas públicas ao atrair parceiros como o UNODC, a Agência das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-HABITAT), o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Instituto Igarapé. Os projetos, plataformas e ideias desenvolvidos e em desenvolvimento por esse grupo de instituições, todas com respaldo internacional, se apresentam como Cooperação Pernambuco: Prevenção, Cidadania e Segurança.

De acordo com o secretário estadual de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides, essa cooperação se soma aos elementos de sucesso na gestão da política pública representados pelo Pacto Pela Vida, nos seus 14 anos. “Toda essa cooperação apresenta uma abordagem específica para a proteção de jovens, para o enfrentamento de agenciamentos que levam às situações de violência e, sobretudo, para melhorar a capacidade de resposta de vários serviços”, enfatizou Benevides.

A Cooperação Pernambuco é parte das inovações que a Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas vem promovendo. O webinário internacional e o mapeamento dos serviços de tratamento de transtornos associados ao uso de drogas são produtos previstos na Cooperação Pernambuco. O encontro também contou com a presença da vice-governadora Luciana Santos e dos secretários estaduais André Longo (Saúde) e Alexandre Rebelo (Planejamento e Gestão).

Isolamento social aumenta cuidados com os ambientes em casa. 




O Home Center Ferreira Costa dá dicas em como evitar acidentes domésticos.

Durante a pandemia, um dado preocupante foi verificado: o aumento dos acidentes domésticos. Crianças e idosos estão entre as principais vítimas. Segundo o Ministério da Saúde, 70% dos acidentes acontecem nas residências, no entanto, as quedas podem ser evitadas através de cuidado redobrado e algumas adaptações na arquitetura do ambiente familiar.

A dica do Home Center é o deixar o ambiente mais favorável para as crianças e os idosos. Redes ou grades, em todas as janelas. Produtos de limpeza e remédios precisam ser guardados fora do alcance das crianças, além de objetos de enfeites pontiagudos. Importante também ter cuidado com as estantes, principalmente para as crianças, que podem subir e cair.

A Ferreira Costa aconselha que os tapetes e mesas de centro podem ser vilões das pessoas idosas, e aumentam o risco de acidentes. As mesas de centro devem ficar próximas de alguma das paredes e os tapetes podem ganhar fixadores de silicone nas pontas.

Nos banheiros, o cuidado também precisa ser redobrado. As pessoas pensam que acessibilidade é ter apenas uma barra de apoio no banheiro, porém, envolve um conjunto de medidas preventivas para conseguir um bom resultado O grupo aconselha, se possível, deixar o box mais amplo, de modo que o vaso sanitário fique dentro dele. A divisão entre o assento e a área do chuveiro fica por conta de uma porta de vidro com dobradiças.

Em portas de correr, como as que dão acesso a sacadas e varandas, a melhor opção é de trilhos embutidos no piso, de modo a evitar quedas. Os cuidados com o solo também incluem pisos antiderrapantes, que garantem maior aderência ao caminhar.

A largura das portas muitas vezes torna-se um empecilho quando o idoso possui dificuldades de locomoção e precisa de andadores ou cadeira de rodas. Aumentar as proporções de portas para passagens de uma cadeira, por exemplo, já melhora a movimentação.

Para os quartos, o Home Center recomenda a utilização de camas mais baixas. O ideal é que ao sentar, os pés encostem no chão e a perna forme um ângulo de 90º.

E em todos os ambientes, o ideal é deixar o mais arejado e livre possível. A dica é trabalhar com a temperatura de luz entre o neutro e o mais amarelado, com a finalidade de trazer mais aconchego ao ambiente. A Ferreira Costa também fala sobre a importância de instalar balizadores. Eles são luzes fixadas na parede, como pequenas luminárias, e ajudam a iluminar o caminho do corredor de um cômodo a outro.

São pequenas mudanças e adaptações, que reduzimos acidentes domésticos e facilitamos a qualidade de vida daqueles que amamos. Sabendo disso, o Grupo Ferreira Costa disponibiliza em todas as suas lojas físicas e no www.ferreiracosta.com produtos para que cada vez mais os lares fiquem acessíveis e seguros.


Sobre a Ferreira Costa:

Com 136 anos de história, a Ferreira Costa, o maior Home Center do Nordeste, está presente nos estados de Pernambuco, Bahia, Sergipe e Paraíba. Brevemente estaremos no estado do Rio Grande do Norte, levando ao consumidor mais de 80 mil itens para casa, construção e decoração. Além de suas seis lojas, a Ferreira Costa também possui seu e-commerce (www.ferreiracosta.com, com entrega para todo Brasil.

CPI tem "capitã cloroquina" e pressão de bolsonaristas sobre governadores




Depois de semanas agitadas e implicações contra o governo, a CPI da Covid deve ter um ritmo menos midiático nos próximos dias. Nos bastidores, porém, o duelo entre senadores da situação e da oposição segue em alta temperatura.

Enquanto os críticos do governo Jair Bolsonaro (sem partido) devem voltar a dar ênfase às discussões sobre a cloroquina, apoiadores do presidente pretendem aumentar a cobrança para que a investigação se estenda aos governadores. Além disso, o plenário deve aprovar na quarta as reconvocações do ex-ministro Eduardo Pazuello e possivelmente do atual chefe da pasta da Saúde, Marcelo Queiroga.

A semana começará com a oitiva de Mayra Pinheiro, conhecida nos corredores do Ministério da Saúde como "capitã cloroquina". Titular da Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação, ela ganhou projeção não pela atuação à frente da pasta, e sim pela defesa nas redes sociais da prescrição de medicamentos sem eficácia científica comprovada no tratamento da covid, como cloroquina, hidroxicloroquina e ivermectina.

Mayra será ouvida amanhã (25), a partir das 9h, e há expectativa entre os congressistas de que ela mantenha seu posicionamento favorável ao que chama de "tratamento precoce" da covid. Nenhum medicamento comercializado no mundo hoje tem a indicação específica para ser usado no início da doença ou para prevenção.

Os acontecimentos da CPI da Covid e toda movimentação no Planalto são os destaques de hoje do UOL.

Números atualizados Covid-19




Até o momento, a pandemia do novo coronavírus já deixou 167.219.723 contaminados e 3.464.799 mortos no mundo. No Brasil são 16.083.258 contaminados e 449.068 mortos. Os dados são da Universidade Johns Hopkins.

O número de doses de vacina aplicadas no planeta chegou a 1,65 bilhão. No Brasil são 62.544.957 de unidades administradas. Os dados são da Bloomberg (mundial) e de VEJA (nacional).

Veja

COVID 19: Mais de 150 mil doses aplicadas de vacinas nos municípios da V Regional de Saúde

 


A V Gerência Regional de Saúde (V GERES), com sede em Garanhuns, informa que foram aplicadas 150.554 doses de vacinas contra a Covid-19 até a sexta-feira (21/05), somados os 21 municípios do Agreste Meridional que fazem parte de sua abrangência.

A V GERES faz a distribuição das vacinas através do Programa Nacional de Imunização às Secretarias Municipais de Saúde, que devem cumprir rigorosamente a vacinação dos grupos prioritários, conforme cronograma estabelecido pela SES/PE.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.