GOVERNO DO ESTADO

terça-feira, 19 de outubro de 2021

Governo do Estado e Prefeitura de Garanhuns promovem palestra sobre Primeira Infância




O Governo do Estado e a Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (SASDH) realizaram na manhã desta terça-feira (19), no plenário da Câmara de Vereadores, uma palestra sobre a atuação profissional com crianças da primeira infância.

Intitulada de "O eu profissional e a atuação com crianças na primeira infância", a palestra abordou diversos aspectos referentes à forma de lidar com crianças nesta fase da vida, promovendo reflexões e difundindo conhecimentos que podem ser aplicados em programas de políticas públicas.

O palestrante Macdouglas de Oliveira, Presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente – CEDCA, abordou temas como exploração sexual em crianças e adolescentes; gênero e sexualidade; direitos humanos; políticas públicas; e saúde mental.

Rafaela Paula da Silva, Graduada em psicologia e Especialista em Saúde Pública, Saúde Mental e
Dependência Química pela faculdade - ESUDA, também participou do momento, tratando de temas de suma importância para representes de programas sociais.

MAIS CAPACITAÇÃO

Ainda nesta terça-feira (19), acontece no auditório da faculdade Unopar, a Oficina Vivencial, do Programa Atenção Redobrada, que irá abranger a formação técnica de profissionais do município.

Defesa Civil de Garanhuns recebe prêmio




A Defesa Civil de Garanhuns recebeu um importante prêmio de reconhecimento pela atuação no município. O Prêmio Defesa Civil em Ação, realizado no Recife na última semana, valorizou ações como estudo de cenários de risco, sistemas de monitoramento, sistema de alerta, ações de socorro, entre muitas outras. O prêmio tem base no Plano Municipal de Contingência, com análise do relatório parcial do primeiro semestre de 2021.

O Prêmio Defesa Civil em Ação é uma honraria concedida pela Casa Militar de Pernambuco, por meio da Secretaria Executiva de Defesa Civil do Estado e tem como objetivo enaltecer os trabalhos realizados pelas Coordenadorias Municipais de Defesa Civil. A congratulação é concedida anualmente durante as celebrações da Semana Nacional da Redução de Desastres.

Secretaria de Saúde promove ação de cidadania em parceria com a Secretaria de Defesa Social




A Secretaria Municipal de Saúde em parceria com o Núcleo de Prevenção Social à Violência (Nuprev), vinculado à Gerência de Prevenção e Articulação Comunitária da Secretaria Estadual de Defesa Social (SDS), está promovendo nesta semana o serviço de triagem para emissão da primeira via do documento de identidade. Para esta ação, está sendo deslocado o ônibus do Nuprev até às Unidades Básicas de Saúde (UBS's), que funciona como serviço de acolhimento e orientação.

Para emissão do documento é necessário apresentar a certidão de nascimento ou certidão de casamento original, com o intuito de iniciar o processo de triagem. Após esta etapa, as pessoas selecionadas irão ser destinadas para o Expresso Cidadão de Garanhuns, e vão ter o deslocamento viabilizado pela Secretaria de Saúde para emissão do documento.

A ação é voltada para o público em geral, principalmente para as crianças e adolescentes que ainda não possuem RG. O serviço vai atender exclusivamente a demanda de primeira via da identidade. As equipes das Unidades Básicas de Saúde também estão realizando o trabalho de mobilização nas comunidades.

Nos próximos dias serão contempladas as seguintes Unidades Básicas de Saúde, a partir das 09h:

• (Terça-feira) 19/10/2021: UBS COHAB 2 I E III – Rua Valdir Mansur, s/n⁰, Cohab 2

• (Quarta-feira) 20/10/2021: UBS SÍTIO JARDIM – Sítio Jardim, área rural

• (Quinta-feira) 21/10/2021: UBS INDIANO II – Rua Cecília Rodrigues, n⁰ 400, Heliópolis

• (Sexta-feira) 22/10/2021: UBS MANOEL CHÉU – Rua das Gardênias, n⁰ 01, Manoel Chéu

Renan quer o indiciamento de Bolsonaro e outras 70 pessoas




A versão mais recente do relatório do senador Renan Calheiros (MDB-AL) sobre os trabalhos da CPI da Covid sugere o indiciamento de 71 pessoas, incluindo o presidente Jair Bolsonaro, informa o colunista Bernardo Mello Franco. Apesar de haver divergências sobre pontos do parecer — como a tipificação do crime de genocídio em relação ao presidente e a inclusão do senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) na lista —, o texto deve ser aprovado na próxima semana.

Senadores do G7, o grupo majoritário da comissão, se sentem emparedados. Na visão de alguns parlamentares, Renan teria vazado trechos do relatório como forma de pressioná-los a não abrandar o texto, relata Lauro Jardim. Há o temor de que, se for contrariado, Renan opte por atitude extrema de abandonar a relatoria e a comissão. Ontem, o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), tornou pública a insatisfação com o relator.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.