BLUENET - PROVEDOR DE INTERNET

DESTAQUES DO BLOG

terça-feira, 26 de dezembro de 2017

Resultado das enquetes sobre a eleição para governador em Garanhuns





Fizemos em nossas páginas no Facebook, quatro enquetes-relâmpago, de 24h, colocando o Governador Paulo Câmara em disputa com seus principais adversários: Armando Monteiro, Fernando Bezerra Coelho, Marília Arraes e Mendonça Filho.

Vamos antes definir nosso e-leitor. Em sua grande maioria de Garanhuns, participa das redes sociais ativamente e não fez questão de anonimato, deixando clara sua intenção de voto, já que identificamos no Facebook. Nas enquetes, além de votarem, também teceram comentários.

Sendo Garanhuns um território tido como quartel-general do PTB no estado, embora já tenha sido mais forte, o confronto entre Paulo Câmara e Armando Monteiro (líder político do prefeito Izaías Régis) foi o que repercutiu mais e recebeu mais votos: 

Paulo 75 votos (44%) x 94 votos (56%) Armando
Total de 169 votos
Análise rápida: Garanhuns é realmente um ambiente trabalhista com Izaías e a prefeitura, e a votação mostra a força de Armando. Mas, como dissemos, aparentemente, a vantagem poderia ser maior. Para ser governador Armando precisa ampliar esta margem, pois trata-se de um reduto de quase duas décadas.  As últimas pesquisas no estado mostraram também este quadro, com Paulo crescendo. Em Garanhuns, de maioria armandista, se aproximou, e em outras regiões, onde é mais forte, deve ter ampliado a vantagem. Há alguns meses, a situação do governador em Garanhuns era mais desfavorável. Das quatro enquetes, mostra-se que Armando ainda é o candidato mais forte das oposições. Paulo deve ganhar no Agreste Meridional, mas Garanhuns é estratégico. A enquete deixa a impressão que somente Armando pode ganhar de Paulo no município.

Paulo 51 votos (65%) x 27 votos (35%) Fernando Bezerra Coelho
Total de 78 votos
Análise rápida: A menor participação do e-eleitor mostrou o pouco estímulo para este embate. Provavelmente a forma como FBC deixou o PSB e tem buscado tirar o PMDB de Jarbas tenham pesado politicamente. Vi gente votar em Armando na primeira enquete e preferir Paulo se a disputa for esta, isto explicaria a primeira análise. Por outro lado, tem também a pouca inserção de Fernando em Garanhuns. Se for o candidato, na dobradinha com Armando ao senado, como pode acontecer, a situação de Fernando melhora com o apoio do prefeito. Mas pelo resultado da enquete, não tem a mesma força de Armando, e Paulo pode até pensar em ganhar em Garanhuns.

Paulo 51 votos (46%) x 61 votos (54%) Marília
Total de 112 votos
Análise rápida:  Marília Arraes é o fato novo, com pouca rejeição. Muita gente espera aparecer novas caras em vários espaços da vida pública brasileira. Vale lembrar que nosso e-leitor está nas redes sociais, e sabe quem é a vereadora do Recife neta do ex-governador Miguel Arraes. Resta saber até onde vai com o PT e o PT vai com ela. Marília elegeu o governo do PSB como principal adversário e o PT quer Lula de volta no Planalto, contra os atuais governantes, ou seja, discursos e prioridades que podem ser antagônicos em 2018, pois PT e PSB podem até se aliar no estado. Estando no PT, Marília pode se beneficiar da alta popularidade de Lula, mas não tem a mesma estrutura que Armando e Paulo para uma candidatura estadual, embora, demonstre ter mais potencial que Mendonça Filho e Fernando Bezerra. Parte do PT quer a candidatura de Marília, mas outra boa parte gostaria da estrutura eleitoral que Paulo pode oferecer ao ex-presidente, e vice-versa. Outra prioridade do PT estadual é ter representantes em Brasília. Marília precisaria de estrutura para entrar no "povão". Lula pode ajudar, mas ele deverá estar preocupado com sua própria situação em 2018. Marília, pelo resultado da enquete, tem aprovação do nosso e-leitor.

Paulo 48 votos (67%) x 24 votos (33%) Mendonça
Total de 72 votos
Análise rápida: Foi a enquete com a maior diferença de votos e a menor participação dos e-leitores, situação parecida com o embate com Fernando Bezerra Coelho, portanto, certa rejeição a estes pré-candidatos. Acho que tem o fator Michel Temer, já que ambos defendem o presidente impopular. Armando Monteiro também está aliado a eles, mas estamos falando de um município que é um dos seus principais redutos. Mendonça Filho é ministro da Educação, e na última pesquisa aparece empatado com Marília e atrás de Armando e Paulo. Se a oposição se juntar mesmo, pode ficar com uma vaga pro senado ou tentar a reeleição para a Câmara. Como ministro, precisa ter força para estar na chapa majoritária, mas tem ainda Armando, Bruno Araújo e Fernando Bezerra, a este, só interessa encabeçar o projeto, pois ainda tem mais quatro anos de senador.

Bem, está ainda um panorama das nossas enquetes, embora a gente lembre a todos que enquete não tem valor científico e está restrito a um grupo específico nas redes sociais.

Unidade de Polícia Científica em Garanhuns terá Institutos de Medicina Legal, Criminalística e Identificação. SAIBA MAIS!



O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, recebeu na tarde desta terça-feira (26) o diretor adjunto da Polícia Científica de Pernambuco João César Ferreira e a médica legista Ana Cristina Monteiro. O encontro foi para reiterar detalhes do convênio que será firmado formalmente entre os Governos do Estado e do Município em prol da instalação de uma Unidade Regional de Polícia Científica no município que atenderá a toda a região.

De acordo com João César, a previsão é de que no primeiro trimestre de 2018, a Unidade esteja em funcionamento. “Traremos para Garanhuns a Unidade Regional de Polícia Científica do Agreste, que congrega os Institutos de Medicina Legal, de Criminalística e de Identificação”, afirmou no encontro. A prefeitura deve oferecer parte da infraestrutura para o funcionamento do órgão estadual.

A unidade Regional de Polícia Científica foi anunciada pelo Governador Paulo Câmara e faz parte do processo de interiorização da Polícia Civil e começou a ser articulada ainda em novembro com a visita da delegada Sandra Santos, gerente geral de Polícia Científica de Pernambuco.

Foto e informações: Secom PMG

Presidente do IMIP recebe Medalha do Bicentenário da Revolução Pernambucana



O presidente do IMIP, Prof. Gilliatt Falbo, recebeu a Medalha Comemorativa do Bicentenário da Revolução Pernambucana de 1817.

A solenidade na Assembleia Legislativa do Estado, na noite do dia 11 de dezembro, foi bastante prestigiada por autoridades e amigos dos homenageados, a exemplo das superintendentes Ana Cláudia Figueira e Tereza Campos, do IMIP Gestão e IMIP, respectivamente. (foto)

A mesa foi composta pelo governador de Pernambuco, Paulo Câmara, presidente da Alepe, Guilherme Uchoa, o arcebispo de Recife e Olinda, Dom Fernando Saburido, o desembargador Leopoldo Raposo, o reitor da UFPE, Anisio Brasileiro, e do vice-prefeito, Luciano Siqueira.

Gilliatt Falbo com as superintendentes
Ana Cláudia Figueira (IMIP Gestão) e Tereza Campos (IMIP) 
A homenagem foi uma iniciativa do deputado Tony Gel em reconhecimento a todos os que engrandeceram a história de Pernambuco através da cultura, da saúde, da política e do social. O deputado e Pastor Cleiton Collins parabenizou os homenageados. "Essa medalha simboliza o caráter revolucionário e de preservação da nossa cultura", disse.

A solenidade aconteceu no Plenário da Assembleia Legislativa de Pernambuco - edifício Miguel Arraes. A comenda do Professor Gilliatt Falbo foi proposta pelo deputado João Eudes. O presidente do IMIP recebeu a comenda ao lado de outros 23 homenageados como o governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

Legenda: Gilliatt Falbo com as superintendentes Ana Cláudia Figueira (IMIP Gestão) e Tereza Campos (IMIP) 

Mendonça Filho faz inaugurações na UFRPE / UAG



O ministro da Educação, Mendonça Filho, inaugurou nesta terça-feira, 26, o prédio de Tecnologia de Alimentos e a rede de abastecimento de água e reservatórios da Unidade Acadêmica de Garanhuns da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Juntas, estas obras representam um investimento de mais de R$ 6,9 milhões do Governo Federal.

O prédio de tecnologia conta com 14 laboratórios e um auditório, espaços que atenderão os cursos de engenharia de alimentos, zootecnia, agronomia e medicina veterinária, beneficiando 1.165 alunos. Na oportunidade, Mendonça Filho assinou a ordem de serviço para a execução da construção do prédio da biblioteca da UAG, orçada em R$ 3.667.557,14.

Mendonça Filho (Educação) é um dos ministros pernambucanos do Governo Michel Temer, ao lado de Raul Jungmann (Defesa) e Fernando Bezerra Coelho Filho (minas e Energia). 

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.