DR. ELENÍLSON LIBERATO

DESTAQUES DO BLOG

quinta-feira, 6 de março de 2014

Camarotes oficiais do Festival de Inverno. Vão acabar a exemplo do Carnaval de Recife?


Causou surpresa a desistência conjunta da Prefeitura do Recife e do Governo do Estado de não montarem os seus camarotes oficiais no Galo da Madrugada, devolvendo ao bloco os espaços para comercialização aos foliões normais. A Prefeitura foi além, e também não dispôs do camarote no Marco Zero, polo maior do carnaval da Capital.

A iniciativa teve boa receptividade por parte da população. Se a desistência foi natural ou forçada devido ao receio de manifestações, isso é outra história, mas chamou a atenção para os altos gastos oficiais que estes espaços para poucos privilegiados têm no final da história. É muito caro, muita mordomia e pouco popular. Portanto, a iniciativa por parte do governo de acabar com este privilégio repercutiu super bem.

Em Garanhuns não é diferente. O Festival de Inverno tem três pisos de camarotes. Os que são comercializados cabem 20 pessoas. Mas dos três andares, praticamente um e meio é exclusivo para o Governo do Estado, Fundarpe e Prefeitura de Garanhuns. Tudo com whisky do bom, queijos e vinhos, mesa de frios, garçons, etc, etc... Tudo pago pelo contribuinte para poucos, pouquíssimos convidados. O da Fundarpe é tão exclusivo que ninguém vê ninguém conhecido da cidade, é para os servidores do órgão. Pergunta-se: Pra que este tipo de camarote?

Estes camarotes serviriam para se receber personalidades especiais que vão conferir a festa, à convite do governador ou do prefeito, mas na prática acaba com os servidores dos órgãos públicos curtirem a festa com regalias. E ai de quem se atrever a entrar sem autorização, pois tem segurança na porta, pulseirinha e tudo mais. O da prefeitura é somente para os servidores públicos que poderiam pagar pelos camarotes, como todo mundo. Se a conta do buffet depois vai para as finanças do município, somos nós que estamos pagando a conta.

Enquanto isso quem quer camarote de verdade, paga quase R$ 7 mil e ainda tem que ir pra fila de espera, aguardando que alguém que tenha comprado no ano anterior desista de sua pré-reserva, o que dificilmente acontece.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.