GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

sábado, 30 de maio de 2020

Ação de Bolsonaro na pandemia é reprovada por metade dos brasileiros

Metade dos brasileiros avalia como ruim ou péssima a forma como o presidente Jair Bolsonaro conduz as ações contra a pandemia, mostrou pesquisa Datafolha. A insatisfação com o Palácio do Planalto aumentou 17 pontos percentuais comparado a março. A avaliação do Ministério da Saúde, que havia chegado a 76% de aprovação, caiu para 45%. 

Aconteceu hoje: Bolsonaro condecorou parlamentares, ministros de seu governo, entre eles Abraham Weintraub (Educação), e o procurador-geral da República, Augusto Aras.

Weintraub prestou depoimento à Polícia Federal, no caso envolvendo o pedido de prisão dos integrantes do Supremo Tribunal Federal. O ministro permaneceu em silêncio.

Enquanto isso, mais da metade dos procuradores do Ministério Público Federal assinaram manifesto que defende a escolha do PGR por meio da lista tríplice. O gesto foi interpretado como um recado do descontentamento com Aras. O procurador-geral minimizou o abaixo-assinado: “Nesses termos, até eu assinaria”.

Em paralelo: a Polícia Federal afirmou ao STF que vai tomar o depoimento de Bolsonaro no inquérito que apura interferências na PF.

E o partido Rede Sustentabilidade desistiu de ação que pedia o fim do inquérito sobre fake news e ataques aos ministros do STF. Agora, a sigla defende a continuidade das investigações. Alvos da investigação estiveram com Bolsonaro no Palácio da Alvorada no último sábado.

O que foi dito: o ex-ministro Sergio Moro disse que Bolsonaro não vetou dois pontos do projeto anticrime para proteger o filho Flávio Bolsonaro

DESTAQUES DO BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.