COMPESA

GOVERNO DO ESTADO DE PERNAMBUCO

CLIQUE NA IMAGEM E SAIBA MAIS

UNOPAR GARANHUNS

UNOPAR GARANHUNS
CLIQUE NA IMAGEM

POUSADA DA PAIXÃO - CLIQUE E CONHEÇA!

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Paulo apresenta oportunidades de investimento em Pernambuco para empresários em São Paulo

Governador destaca o modelo de gestão do Estado em Seminário promovido 
pelo Valor Econômico, que reuniu investidores e executivos





SÃO PAULO - O governador Paulo Câmara abriu, hoje (09.08), o seminário “Pernambuco, Celeiro de Desenvolvimento”, realizado pelo Valor Econômico, em parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Diante de uma plateia de executivos e investidores, o chefe do Executivo estadual apresentou o modelo de gestão de Pernambuco e destacou como a ferramenta que tem contribuído para atrair negócios, dar segurança às empresas e possibilitar melhores resultados, apesar do cenário de forte instabilidade econômica.

"Esse modelo de gestão é o grande diferencial do nosso Estado diante dos desafios que temos nos bons e maus momentos. Trabalhamos a partir de informações e de um conjunto de ferramentas que ajudam muito a avançar e potencializar as oportunidades", afirmou o governador. Na plateia, executivos da FCA - Fiat Chrysler, Achē, Tigre, Unilever, Bunge, Casa dos Ventos, Kimberly-Clark, entre outros.

O ponto alto da fala de Paulo Câmara foi a apresentação do Plano Estratégico de Desenvolvimento de Longo Prazo "Pernambuco 2035". "Esta é a parte onde eu queria chegar e a mais importante desta palestra. O plano começou com o ex-governador Eduardo Campos. Tudo o que se discute em Pernambuco é pensado no 'para frente'. No nosso Estado, discutimos políticas públicas para os próximos 20 anos", declarou o governador.

O PE 2035 é focado em uma gestão eficiente com monitoramento constante para colocar Pernambuco, dentro de duas décadas, entre os cinco melhores Estados do Brasil para se viver, empreender e prosperar. Na ocasião, o governador afirmou que a educação e o conhecimento são os pilares mais fortes do plano.

Paulo citou números da educação no Estado, que saltou da 26ª colocação para a 1ª na menor taxa de abandono escolar do Brasil; as cinco Escolas de Referência de Ensino Médio estão entre as melhores do País no Enem 2014; as mais de 300 escolas de tempo integral distribuídas por todo o Estado; e o Programa Ganhe o Mundo, que este ano levará mais de mil alunos da escola pública para estudar língua estrangeira em diversos países.

"As empresas que estão em Pernambuco e as que querem ir para o Estado sabem do nosso potencial e sabem que contam com um Governo que funciona, que tem gestão, faz entregas e cumpre compromissos. Temos um Estado pronto para os desafios do mundo moderno e o desafio de superar a crise e fazer parcerias em favor da população", afirmou Paulo, em entrevista, após o seminário. "Em Pernambuco, setor público e privado conversam muito. E temos trabalhado para deixar o Estado cada vez mais competitivo e fazermos a política do ganha-ganha. Ganha o Estado e ganha o investidor", completou.

O modelo de gestão adotado por Pernambuco foi implantado em 2007, no início do Governo Eduardo Campos. É alicerçado no planejamento, execução, monitoramento e execução. Tornou-se uma política de Estado.

O seminário do Valor foi dividido em três painéis: Atração de investimentos, Inovação e Infraestrutura/Logística. O Porto Suape foi o maior destaque nas apresentações.


O secretário de Desenvolvimento Econômico e presidente de Suape, Thiago Norões, falou sobre "Política de Desenvolvimento e Atração de Investimentos". “Trabalhamos com uma gestão eficiente e que sabe dialogar com o setor privado, o que nos permite bastante otimismo, mesmo na atual situação econômica do País. Desta forma, temos muito a contribuir colocando em evidência cases de sucesso como a interiorização do desenvolvimento e o Porto de Suape”, destacou. Participaram como debatedores neste painel, o presidente da Agência de Desenvolvimento de Pernambuco (AD Diper), Jenner Guimarães, e o diretor de Assuntos Corporativos da Unilever Brasil, Antonio Calcagnotto.

"Apresentamos Pernambuco como destino privilegiado do Norte e Nordeste brasileiro. E Suape foi objeto de atenção dos palestrantes, como uma locomotiva do desenvolvimento do nosso Estado. É um diferencial que nós temos. No desdobramento deste evento, temos certeza que teremos novos negócios para nosso povo", destacou Norões, após o evento.

A secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação, Lucia Melo, falou sobre “Oportunidades em Tecnologia e Inovação”, no Painel 2. O diretor Jurídico e de Desenvolvimento de Negócios da Fiat Chrysler Automobiles (FCA) para a América Latina, Márcio Lima, e o superintendente do Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR), Sergio Cavalcante, foram os debatedores.

No Painel 3 o tema foi “Investimentos em Infraestrutura e Logística”, que teve como palestrantes o presidente da Compesa, Roberto Tavares; o diretor de Projetos e Novos Negócios da Casa dos Ventos, Lucas Araripe; e o presidente da MSC Brasil, Elber Alves Justo.

DEPOIMENTOS - Antonio Calcagnotto destacou que em Pernambuco a empresa e o investidor têm a certeza do cumprimento dos compromissos pactuados. "O atendimento que a gente tem em Pernambuco é profissional. Lá, nós (empresa) é que somos cobrados. Está aqui (no evento), o presidente da Compesa, Roberto Tavares, me lembrando de uma conquista nossa que vamos assinar", disse Calgnotto, referindo-se a uma demanda da empresa na fábrica de Escada, na Mata Sul, cuja previsão de inauguração é 2018, com 2.100 novos postos de trabalho. A Unilever tem unidades em Jaboatão, Garanhuns, Ipojuca (Suape) e Igarassu. O executivo também elogiou o trabalho da secretária Lúcia Melo e destacou a qualidade de startups no Porto Digital.

Diretor Jurídico e de Business Development da Fiat Chrysler - FCA para a América Latina, Márcio Lima, declarou que Pernambuco oferece duas das principais garantias que uma multinacional deseja: segurança e previsibilidade. "A avaliação que nós temos é que após anos de convivência nosso processo de aprendizado foi extremamente rico. O Governo do Estado tem um modelo de gestão interessantíssimo e muito útil para nosso desenvolvimento, um monitoramento importante para nossa atividade e muito foco", disse Lima.

O executivo lembrou Eduardo Campos em sua palestra ao dizer que o ex-governador tinha "a determinação de fazer as coisas darem certo de forma objetiva e muito clara". E que este modelo é continuado agora. "O fator mais relevante em todo esse processo é que, após seis anos de convivência, não tivemos nenhuma pressão que conflitasse com nossos princípios éticos. Esta foi mais uma experiência relevante que nos surpreendeu", afirmou o executivo da FCA.

Lima frisou que não é à toa que está em Pernambuco, no município de Goiana, na Mata Norte, a fábrica mais moderna e inovadora da FCA no mundo. "Produzimos lá muito mais que nossas expectativas (250 mil veículos por ano) e estamos na fase de expansão da produção. O executivo enumerou as qualidades que a multinacional italiana encontrou em Pernambuco. "Ambiente favorável aos negócios, forte cultura empreendedora, Clusters de inovação, formação acadêmica com viés empreendedor e vocação para economia criativa".

Fotos: Flávio Santana/Divulgação

FORAM DESTAQUES DO BLOG. CLIQUE E CONFIRA!

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.