PE CONTRA O CORONAVÍRUS

segunda-feira, 20 de maio de 2013

REPORTAGEM FOTOGRÁFICA: Eduardo e Dilma lançam juntos segundo navio produzido em Suape para a Petrobras



 

 





FOTOS: Aluisio Moreira/SEI

Em evento que contou com a presença da presidenta Dilma Rousseff, o governador Eduardo Campos assistiu com entusiasmo ao lançamento do segundo navio petroleiro construído com a força do trabalho de pernambucanos e pernambucanas. Desta vez, foi o Zumbi dos Palmares que deu partida nesta segunda-feira (20/05) rumo à Bacia de Campos, no Rio de Janeiro, onde receberá a sua primeira carga. Há um ano, no dia 25/5, era o João Cândido que seguia viagem para o mesmo destino.

Tanto o João Cândido como o Zumbi dos Palmares, modelos da categoria suezmax (maior tamanho a atravessar o Canal de Suez) são encomendas do Programa de Modernização e Expansão da Frota da Transpetro (Promef) e fazem parte da carteira das 49 embarcações em construção na nova fase da indústria naval brasileira. Ao todo, 22 navios foram contratados ao EAS, ao preço de R$ 10,8 bilhões, sendo dez do tipo Suezmax, como o João Cândido e o próprio Zumbi.


Realizada no Estaleiro Atlântico Sul (EAS), no município de Ipojuca, a cerimônia teve a presença dos seis mil colaboradores da empresa. Ao discursar, Eduardo sublinhou o compromisso do povo pernambucano com o trabalho assumido. "Pernambuco assumiu a responsabilidade de ficar na dianteira na retomada da indústria naval brasileira, confiada no governo do presidente Lula. Esta responsabilidade foi entregue na mãos generosas de cada mulher e homem que está aqui, de dar conta de uma encomenda feita pela Transpetro. Dos 30 navios bem feitos que sairão de Pernambuco, 22 estão na carteira do Atlântico Sul e 8 do Promar", disse Eduardo.

Representante da Força Metalúrgica, Divanete Maria da Silva contou a sua história de vida, que começou a decolar junto com a oportunidade de trabalhar na indústria naval. "O estaleiro cresceu e eu cresci junto. Minha vida melhorou construindo navio e quero que continue melhorando junto com os meus colegas de trabalho", afirmou Divanete, que revelou que, com o novo emprego, pode "viajar e comer fora de casa".

O Zumbi dos Palmares levou um ano e meio para ficar pronto. Foram quase dois mil profissionais envolvidos no trabalho. O navio, que vai transportar óleo cru, principalmente nas rotas internacionais, é a quinta embarcação do Promef entregue à Transpetro em 18 meses. Para o presidente da Transpetro, Sérgio Machado, o EAS "é o maior estaleiro da América Latina, não no tamanho, mas na qualidade dos seus trabalhadores".

O EAS está produzindo quatro embarcações simultaneamente e, no final deste ano, entrega o terceiro navio, o Dragão do Mar. Machado destacou o esforço dos trabalhares para melhorar a cada nova construção. "O retrabalho no João Cândido foi de 40%, o Zumbi foi de 12%. O Dragão do Mar será de menos de 3%. Esse é o trabalho, o talento e a capacidade desse povo", argumentou.

O gigante Zumbi dos Palmares tem 274 metros de comprimento, 48 metros de largura, 52 metros de altura e possui a capacidade de transportar 1 milhão de barris – metade da produção diária brasileira. Na sua construção, foram utilizadas mais de 21 toneladas de aço, 860 toneladas de acessórios para o casco, 500 mil litros de tinta e mais de 110 mil metros de cabos elétricos

A presidenta Dilma lembrou a trajetória de retomada do setor naval, iniciada no primeiro governo Lula. "Quando olho para trás, em 2002, quando o ex-presidente Lula fez um compromisso de campanha, que era exatamente possibilitar a retomada da indústria naval. Chegamos a ser a segunda maior potência do setor na década de 80 e assistimos desaparecer os empregos, com menos de dois mil trabalhadores na virada das décadas. Hoje, são mais de 54 mil pessoas empregadas e melhorando de vida", Atualmente, o Brasil tem a terceira maior carteira de encomendas de petroleiros do mundo.

Coube a Eduardo apresentar o crescimento e desenvolvimento do Complexo Industrial e Portuário de Suape. "Em seis e quatro meses, o Complexo de Suape recebeu mais de R$ 1,8 bilhão de investimentos público, dos quais mais de R$ 1,3 bilhão foram recursos do Tesouro Estadual. O valor representa o triplo dos aportes realizados nos 28 anos de existência do complexo". Atualmente, Suape gera mais de 25 mil empregos diretos, além de 50 mil empregos na construção civil.

Entre as autoridades presentes ao ato estavam o presidente do Senado, Renan Calheiros, os senadores Humberto Costa, Armando Monteiro e o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, e dos Esportes, Aldo Rebelo, a secretária Helena Chagas, além da presidenta da Petrobras, Graça Foster. Também participaram da solenidade, deputados estaduais e federais.

Após a solenidade, Dilma e Eduardo participaram de um almoço com os operários do EAS.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.