PE CONTRA O CORONAVÍRUS

quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

Nova Companhia Especializada reforça segurança no Interior‏ de Pernambuco



O Governo de Pernambuco reforçou, nesta terça-feira (29.12), a sua política de fortalecimento da segurança pública no Interior do Estado, com o lançamento da Companhia do Batalhão Especializado de Polícia do Interior (BEPI) de Toritama, no Agreste. A frente de trabalho se junta às novas companhias de Palmares, na Mata Sul, e de Custódia, no Sertão. As três unidades nascem do desdobramento da Companhia Independente de Operações de Sobrevivência na Caatinga (Ciosac), que segue dando nome à última. Juntas, elas contam com 480 homens, que realizam ações em 171 municípios das três regiões. O reforço foi oficializado pelo governador Paulo Câmara durante solenidade no município agrestino. 

O chefe do Executivo estadual destacou que o lançamento da nova companhia faz parte de uma estratégia pensada pelo Governo do Estado para oferecer mais segurança à população. "Esse ato reitera o nosso compromisso com a segurança pública de Pernambuco. A chegada de novos policiais será fundamental para a redução da violência na região. Tenho certeza de que os homens que atuarão no BEPI serão incansáveis na busca de mais harmonia para o Agreste ", afirmou Paulo.

A implantação do BEPI é resultado de análises realizadas nas diversas reuniões de monitoramento do Pacto pela Vida ao longo de 2015. Uma decisão que já promove um aumento da sensação de segurança dos moradores da região, como ressalta o motorista João Patrício, de Toritama. "A gente sente mais confiança com a presença da polícia nas ruas. Esse novo batalhão veio para dar mais tranquilidade às nossas famílias", disse o cidadão.

O comandante do BEPI, o tenente-coronel Jamerson Pereira, explicou que cada companhia terá 14 viaturas distribuídas em sete equipes. Antes do BEPI, o reforço no policiamento do Agreste era feito por um equipe da CIOSAC. "A gente deslocava uma equipe do Sertão para dar um apoio à região. Com a implantação do batalhão, a gente utilizou as equipes da região, com o conhecimento da região, com a estrutura que tínhamos com a CIOSAC", afirmou.

De acordo com o prefeito do município, Odon Ferreira, a nova estrutura no pouco tempo de atuação já apresentou resultados positivos. "Essa companhia chegou na hora certa. Em junho e julho nós tivemos 28 homicídios. Em setembro e outubro, com a chegada do BEPI, foram registrados apenas quatro homicídios", pontuou o gestor.

PACTO PELA VIDA
– Construída a partir do Plano Estadual de Segurança Pública, o Pacto pela Vida é uma política pública de segurança integrada. Mecanismo que visa, principalmente, a prevenção de homicídios no Estado. Mas também cuida de um conjunto de crimes que despertam insegurança no pernambucano. Desde a sua implantação, em 2007, o programa já foi responsável por salvar 10 mil vidas.

Para o secretário executivo de Defesa Social, Rodrigo Bastos, a experiência da CIOSAC será fundamental para a formatação das novas companhias. Ele pontuou que as novas estratégias vão reforçar a segurança na região. "Essa reformulação vai aprimorar e completar a atuação da Polícia Militar no Estado", assegurou Bastos.

"O Pacto pela Vida é uma política reconhecida e já salvou 10 mil vidas em oito anos. Os ajustes no programa são necessários e acontecem o tempo todo. Hoje nós criamos um novo batalhão e vamos garantir a atuação de 480 agentes de segurança", pontuou

Participaram da cerimônia o deputado federal Mendonça Filho, os deputados estaduais Tony Gel e Clodoaldo Magalhães, além de prefeitos e lideranças políticas da região.

Crédito: Wagner Ramos/SEI

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.