PERNAMBUCO CONTRA O CORONAVÍRUS

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Três Jarbas pra um Eduardo!

Deus do céu! A eleição caminha para uma derrota humilhante!
Se uma das mágoas e metas de vida política de Eduardo Campos era devolver a derrota de seu avô Miguel Arraes para Jarbas Vasconcelos por mais de um milhão de votos, a coisa caminha para isso, e pior, pode ultrapassar a marca de dois milhões de votos! É muito voto!
Transcrevo o JC OnLine, com o resultado da pesquisa divulgada hoje do Datafolha . Deu isso:

O candidato ao governo Eduardo Campos (PSB) aparece com vantagem ampliada para 41% em relação ao segundo colocado Jarbas Vasconcelos (PMDB). Em primeiro lugar, o socialista aparece com 62%, três a mais que na pesquisa anterior, realizada há três semanas. Jarbas, por sua vez, perdeu 7 pontos e está com 21%.
Edilson Silva (PSOL) e Jair Pedro (PSTU) têm 1% cada. 3% dos eleitores disseram votar em branco e 11% ainda não decidiram. A pesquisa ouviu 1094 pessoas em Pernambuco e tem margem de erro de 3% para mais ou para menos.
 
 
O argumento da oposição estadual era que quando Jarbas anunciasse sua candidatura a situação poderia mudar. Mas como se vê, depois de começada a campanha, é Eduardo quem amplia a diferença. Esse quadro já mostra que a debandada oposicionista rumo ao palanque chapa branca já deu resultados, além da campanha propriamente dita feita pelos candidatos proporcionais, que são os que estão tomando conta das ruas e fazendo a propaganda áudio-visual, enquanto não começa na TV para as majoritárias. Assim, o esvaziamento do cortejo de Jarbas pode ainda aumentar, pois o governador está aceitando (diriam até cooptando) a chegada dos adversários.
 
Esta diferença coloca em xeque também a reeleição de Marco Maciel, que durante algum tempo foi líder nas pesquisas. Lembrem que a força de Eduardo pode fazer os dois senadores, Humberto e Armando. Humberto já lidera e Armando se aproxima. Com o voto casado, o trabalhista espera superar o democrata. Isso já aconteceu várias vezes em Pernambuco.
 
Olhando a campanha de rua em Garanhuns, a impressão que dá é que só temos um candidato a governador no estado. Continuando assim, pode ser a maior derrota em números proporcionais do país. Até Lula vê a derrota de Jarbas como simbólica, pois o ex-governador foi um dos mais combatentes opositores no senado federal.

DESTAQUES DO BLOG

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.