DR. ELENÍLSON LIBERATO

DESTAQUES DO BLOG

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Tadeu Alencar e a pesquisa para governador

Não seria hora de Tadeu Alencar, Secretário da Casa Civil do governo do estado aparecer nas pesquisas. Um dos mais prováveis pré-candidatos precisa ser apresentado por Eduardo Campos, que acaba de obter 54% de aprovação somando ótimo e bom, com 28% de regular. Portanto, Tadeu seria uma indicação justamente por isto, um nome técnico, sem rejeição, que represente o governo bem avaliado e a figura de Eduardo Campos, presente em todo o estado.

Só o fato de ter seu nome colocado já mostra que é tratado como possibilidade, pois outros nem foram. Tadeu ficou com 1%, enquanto que o vice-governador João Lyra teve 4% e o melhor socialista foi Fernando Bezerra Coelho, que cravou 12%. O líder foi Armando Monteiro com 26%.

Cada um que olha a pesquisa pode ter um entendimento diferente, embora sejam números. Aí está o trabalho de quem gosta de política. O Alexandre Marinho achou pouco os 26% de Armando, para quem está só em pré-campanha. Mas depois a gente fala sobre isto, pois foi motivo de entendimentos de outras pessoas também. Antecipando, estes 26% só serão bons se vierem o apoio de Lula e Dilma.

Tadeu Alencar é quase um desconhecido da população, mas tem feito um trabalho voltado para o governo, recebendo prefeitos, vereadores e demais lideranças políticas, principalmente do interior do estado. Talvez por isto tenha aparecido melhor no Agreste, onde marcou 3%. Fruto da exposição de seu nome pelas lideranças visitadas, como aqui no Agreste têm feito com mais desenvoltura pré-candidatos como Sandoval Cadengue e Eudson Catão, que tem levado ao seu encontro diversos representantes da região.

Caso opte por um nome técnico que tem feito um trabalho político, Eduardo Campos conta com Tadeu Alencar.

Quanto à pesquisa, ninguém vai dizer que vai votar em quem ainda não conhece, por isto Alencar e outros prováveis candidatos de Eduardo não apareceram. O governador vai aguardar o momento oportuno, como fez no cenário nacional. Se fizesse agora, anteciparia o processo e daria uma exposição negativa desnecessária ao seu candidato.

Caso faça a opção pela experiência, tanto política quanto administrativa, além de um percentual de saída que passa dos 10%, o nome será Fernando Bezerra.

Direitos do Autor

Copyright 2014 – RONALDO CESAR CARVALHO – Para a reprodução de artigos originais assinados pelo autor deste blog em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso,é exigida a exibição do link da postagem original ou do blog.